Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalÚltimas imagensPublicaçõesRegistarEntrar
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

 

 A rodar XLVIII

Ir para baixo 
+19
ducar
agorgal
fredy
DSales
tomaz
galvaorod
Stinkfist86
anibalpmm
reirato
Fernando Salvado
BaraoC
nuno cesar
Tankado
Ghost4u
José Miguel
António Teixeira
Alexandre Vieira
TD124
ricardo.canelas
23 participantes
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11, 12  Seguinte
AutorMensagem
tomaz
Membro AAP



Mensagens : 355
Data de inscrição : 21/10/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom Fev 26 2023, 18:51

José Miguel escreveu:
Tomaz este tópico e do melhor que este fórum tem! Wink
Não vou lamentar a passagem do tempo e perda de participações, infelizmente até eu ando a participar menos... aprendi muito por aqui, continuo a aprender e descobrir coisas novas.

Partilho com o Tomaz o gosto pelos Mão Morta, vi muitas vezes a banda ao vivo, conheço os projectos paralelos do Adolfo. Conheço músicos que o acompanham e permitem algumas "loucuras". Viu os Cantos de Maldoror ao vivo?
Uma outra face muito bem conseguida.

Faz um mês o Paulo partilhou The Smiths, hoje partilho eu:

A rodar XLVIII - Página 9 20230214

É bom de uma ponta à outra!

Vi apenas o espetáculo do Muller no Hotel...
Naturalmente também sigo alguns dos projectos paralelos deles, gosto especialmente do disco com o Valter Hugo Mãe.

The Smiths é muito especial, tenho muito carinho pelos The Smiths. Na minha cabeça e sentir com alguns grupos, músicos, arrumam-se por vezes e encaixam-se sem que isso ocorra racionalmente. The Smiths, The Cure e Echo& The Bunnymen, vivem todos no mesmo flat!

Aqui estou a deliciar-me agora com um dos Bohren.
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb Mar 04 2023, 16:48

Ontem encontrei um álbum que procurava faz tempo e segunda-feira já o vou levantar. Hoje, influenciado, acabei a fazer tocar discos da mesma época e origem:

A rodar XLVIII - Página 9 20230310

Os Mutantes largaram uma bomba em 1968, o seu primeiro álbum. O movimento Tropicalista durou pouco, mas tem nesse álbum um grande exemplo - Rock Psicadélico que se encontra com MPB, com Jazz, com Rock Sinfónico ou Pop Barroco... com as ideias soltas de jovens desejosos de um país e mundo maior.

Não existem obras de arte obrigatórias, a mundividência de cada um permite ou não que cada obra encaixe. Espero que esta obra de arte encaixe em muitas mentes, o experimentalismo que se pode ouvir está ao nível dos melhores. Smile

tomaz gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Mar 09 2023, 14:47

O album epónimo dos The Dead Texan é uma maravilhosa viagem musical. Aqui a ambient electronica veste-se de diversos fatos diferentes e torna-se tão multifacetada, e elegante, quanto o melhor do carnaval de Veneza. Ao volante desta obra liquida e virtuosa encontramos o Adam Wiltzie com o seu currículo impecàvel e prestigioso (Stars Of The Lid, Windsor For The Derby) e o apadrinhamento discreto da ECM. Pelo caminho vamos cruzar atmosferas e instantes que nos lembram o Trentemøller, o Fennesz e mesmo o Satie... sempre com o olhar diferente e suave do Wiltzie. Uma obra pouco conhecida mas portanto cultissima que mereçe ser citada de vez em quando e sobretudo escutada muito regularmente. O remédio absoluto contra o stress e o mal de viver...
A rodar XLVIII - Página 9 Sans_t28

tomaz gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
tomaz
Membro AAP



Mensagens : 355
Data de inscrição : 21/10/2010
Idade : 51
Localização : Vila Nogueira de Azeitão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Mar 09 2023, 23:18

A rodar XLVIII - Página 9 20230310

O terceiro da Chan Marshall é o primeiro através da Matador Records. Saiu um 96.
Gosto muito das composições intimistas e o som Folk rock sem precisar de muito noise para ser rasgado e duro. Gosto que nenhum tema seja supérfluo. Gosto que parece que grava os temas que ela quer independentemente se forem orelhudos. Gosto de como se expõe e se mostra toda através da sua música. Adoro ouvir a música da Cat Power noite fora.
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQua Mar 29 2023, 12:26

O tempo passa a correr... ultimamente o conforto do digital tem falado mais alto, hoje sem ter de pensar no que preciso fazer depois, dou-me ao prazer de colocar um disco a rodar.

A rodar XLVIII - Página 9 20230313

Lembrei-me de escutar este Universal Beings depois de estar no tópico sobre a AI... o tema não é o mesmo, mas sinto que de alguma forma se tocam.
Para quem não conhece este álbum aconselho a gastar algum tempo com ele, não fiquem assustados com o improviso que o inicia, sigam as várias linhas que se criam, observem a comunicação entre elas. Makaya McCraven é um baterista incrível, cria beats melhor do que as máquinas. Smile

tomaz gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySex Mar 31 2023, 11:15

Hoje é dia de descanso extra, tempo cinzento lá fora, vou dedicar-me a ouvir Música.

A rodar XLVIII - Página 9 20230315
Suicide...

O Punk já era Post-Punk quando estes dois lançaram esta pedra para o charco em 1977. A electrónica, o piscar de olho ao Rockabilly, a vontade de comunicar a e para uma sociedade em bruscas mudanças e conflitos... Suicide está para lá do Post-Punk e ainda hoje é fresco e inventivo, energético e negro. Um grande álbum! Wink
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySex Mar 31 2023, 11:43

Depois de Suicide e do seu Lado B (incrível!) tudo fica difícil... como estou em modo "deixar andar" peguei num álbum que estava perto:

A rodar XLVIII - Página 9 20230316
Magazine - Real Life...

Estamos no terreno do Post-Punk, energia em boa escala e alguma complexidade que se junta às pesadas linhas de baixo e rifs de guitarra nervosos. Quem gostar de Television e não conhecer, espreite.

tomaz gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySex Mar 31 2023, 12:58

Na quarta-feira andei perto do álbum que se segue, hoje não resisti:

A rodar XLVIII - Página 9 20230317

A energia dos Sons of Kemet tem muito de Punk, por isso o salto de uns álbuns para outro nem é muito grande. Aqui estão alguns dos grandes nomes que animam a cena Jazz actual, vale o tempo que se dedica. Wink

tomaz gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer Abr 04 2023, 07:01

José Miguel escreveu:
...
A rodar XLVIII - Página 9 20230315

(...) Suicide está para lá do Post-Punk e ainda hoje é fresco e inventivo, energético e negro. Um grande álbum! Wink

Não sei se eu utilisaria os termos fresco e inventivo para esse album... mas "negro" é um eufemismo em relação ao que se passa nesse disco! Uma obra imensa efectivamente 2cclzes
Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb Abr 08 2023, 21:28



Pat Metheny - To the End of the World



Margie Gibson-Lincoln Mayorga - Puttin´ On The Ritz

Ouvir exclusivamente com auscultadores

paulov gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom Abr 09 2023, 09:51

Tendo estado ausente do país, regressei com uma dor aguda. Ante desconforto, consultei o médico, o qual, para  «Cure for pain», administrou-me Morphine. Hoje, iniciei o tratamento.
A rodar XLVIII - Página 9 Ab67616d0000b273b0f39b11297dc844ed04c36a
(Music On Vinyl, MOVLP1783)

tomaz e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg Abr 10 2023, 21:59



Tema: The Crusaders - Melodies of Love Live

Ouvir apenas com auscultadores.

Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod


Mensagens : 1153
Data de inscrição : 14/04/2017

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb Abr 15 2023, 15:04

Highlight tribe, bom para curar enxaquecas e pensar em musica africana.



masa gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb Abr 15 2023, 22:09



SUPEREROI - Mr. Rain - Sanremo 2023

Ouvir sempre com auscultadores

masa, Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Abr 20 2023, 22:13



Ouvir com auscultadores

masa e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer Abr 25 2023, 18:18

O Duarte continua a mostrar quão rica pode ser a experiência com áudio em casa, muito bom ver a diversidade de aparelhos. 😉

Por aqui escolhi um disquito para fechar a tarde, relaxar um pouco, contudo acabei por ficar sem o sweet spot...

A rodar XLVIII - Página 9 20230410

Acho que ela não sabe ler nem percebe a analogia, creio mesmo que nem sabe que é uma gata (esta palavra inventamos nós para a descrever), mas como gosta de dormitar acompanhada e a Música não atrapalha... afasto-me eu e "vejo" o palco um pouco descentrado.

ducar gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer Abr 25 2023, 20:47

José Miguel escreveu:
A rodar XLVIII - Página 9 20230410
(...) "vejo" o palco um pouco descentrado.

Quiçá, em comparação com o Homem, esse felino visualiza melhor as delícias do Éden...
Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom Abr 30 2023, 09:32



Danse Macabre SamplerTwo - Krok 68

masa, paulov e kameira gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui maio 04 2023, 12:10

masa, Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui maio 04 2023, 18:59

A rodar XLVIII - Página 9 Maxresdefault por alta-fidelidade Exclamation

ducar e masa gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 06 2023, 08:49

paulov e kameira gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom maio 07 2023, 15:23

O Duarte continua a animar este tópico com as suas belas peças, por aqui é dia de despedida e por isso tocaram álbuns bem conhecidos. O último a tocar foi este genial...

A rodar XLVIII - Página 9 20230512
Jorge Ben - Força Bruta...

Quem não conhecer faça um favor a si mesmo e escute. É um álbum incrível, letras muito bem escritas com direito a todo o tipo de condimento. Os arranjos são do melhor, grande energia e dinâmica, ao mesmo tempo elegância e complexidade.
Jorge Ben poderia tocar Força Bruta na Casa da Música ou no antigo Hard Club, seria mágico nos dois lugares e é por isso que serve de imagem para despedida do Arno.

ducar, Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer maio 09 2023, 09:55



Elvis Presley - Let It Be My Live in Las Vegas

Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
tomaz
Membro AAP



Mensagens : 355
Data de inscrição : 21/10/2010
Idade : 51
Localização : Vila Nogueira de Azeitão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySex maio 12 2023, 01:20

A rodar XLVIII - Página 9 Img_2029


Antes dos Luna e de "Damon and Naomi" houve os Galaxy 500, uma banda que logo me seduziu com os hiper-reverbs e tempos lentos numa pop muito bela e assumida assim com grande personalidade, num estilo que rapidamente pode ser algo ridículo e vulgar senão for muito bem dominado. Como aliás se confirmou nos posteriores projectos, designadamente pela mão de Dean Wareham que considero um mestre na pop alternativa em termos da escrita de canções e grande classe que confere aos arranjos e execução da guitarra.
Today foi o disco de estreia e tem logo tudo de forma madura e defenitiva. Editado em 1988, aliás só editaram mais dois e a carreira terminaria em 1990. É um grande primeiro disco que junta três artistas com personalidades muito vincadas mas que juntos excederam largamente a soma das partes.

kameira gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom maio 14 2023, 09:21

Art of Noise - Moments in Love

paulov gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom maio 14 2023, 19:40

Os dias sucedem-se de tal forma que quase não se distinguem... Portugal é um petisco para os que querem pausas curtas, escapadinhas da rotina. Para os nossos vizinhos Espanhóis parece até um case de amor, nós somos gente de coração grande e retribuímos.

Por tudo isto que vos digo e muito mais, neste fim de tarde passamos do exterior (ventoso) para o interior na companhia de vinho Espanhol e Love.

A rodar XLVIII - Página 9 20230513

Já toda a gente deve conhecer Forever Changes de Love, mas caso este álbum de 1967 escape a alguém, por favor, dedique tempo a escutar atentamente esta pérola do Rock Barroco/Psicadélico (arranjos finos e ousados, vozes muito bem colocadas, letras ricas, ...).

TD124 e Fernando Salvado gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 15 2023, 08:59



Wolfgang Amadeus Mozart - Piano Concerto n.25 in C major

Lamento as "batatas fritas" mas o disco é da época de 70.

paulov gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 15 2023, 14:29

José Miguel escreveu:
... Por tudo isto que vos digo e muito mais, neste fim de tarde passamos do exterior (ventoso) para o interior na companhia de vinho Espanhol e Love.

A rodar XLVIII - Página 9 20230513...

Hoje é dia de "meia-folga" então aproveito desta primavera para ouvir coisas sém relação directa, ou indirecta, com o trabalho... é complicado e por vezes uma espargata intelectual de ouvir musica sém ter em consideração o sistema, a sala, a gravação, a prensagem e outras "perversões" audiofilas. Tento ir ao essencial indo buscar os momentos que mais aprecio nos meus albuns favoritos mas é uma técnica que não funciona comigo, a musica acaba por me invadir e o pedaço torna-se todo... acabo por não saber o que escutar e apego-me ao jogo de imaginar qual seria a melhor escolha neste instante, fugaz pela natureza desta intenção em si mesmo abstracta. O "Rostro" do Murcof seria uma bela escolha pois apresenta a complexidade da interioridade pelo prisma do minimalismo... também pensei ao Max Richter que por detràs da sua elegância romantica fala das aspirações do ser... mas, o meu espirito està condicionado pela mistura entre vinho espanhol e os Love do José Miguel! Penso à Susana Esteban que é espanhola e ao seu magnifico vinho que ele é português, o "Procura" da serra de São Mamede, profundo, complexo e mineral, uma obra prima viticola! Eu também "Procuro" o que escutar e vai ser o seu vinho que me leva até este album! Hà obras que necessitam condições propicias para serem apreciadas, também aconteçe nos grandes vinhos, este é um desses momentos...
A rodar XLVIII - Página 9 Glimme10
Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 15 2023, 20:17

ducar escreveu:
Lamento as "batatas fritas" mas o disco é da época de 70.

A rodar XLVIII - Página 9 Batata+Frita+P%C3%A1la+P%C3%A1laA rodar XLVIII - Página 9 Palapala_banner

Prezado ducar,

Não lamente, porquanto a existências das batatas fritas Pála-pála advém de 1972.

Respeitosos cumprimentos fantasmagóricos,
What a Face

ducar e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySex maio 19 2023, 09:14



Stevie Nicks - Bella Donna

Fernando Salvado e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 20 2023, 17:31

Hoje é sábado, mas nem por isso me foi possível o descanso que tanto queria e preciso. Regressado a casa estava sem grande acção, já tinha ligado o sistema, já tinha decidido que ia ouvir Música, contudo mantinha-me confortavelmente sentado no sofá.

A rodar XLVIII - Página 9 20230514
Blanket – How To Let Go (2018)...

Agi, escolhi o álbum a escutar tendo por base memórias soltas, uma vontade de entrar num ambiente que sabia confortável. How to Let Go foi uma compra de impulso, um álbum de Post Rock comprado numa fase em que estava a escutar bastante este género. Ele segue as fórmulas mais reconhecidas, apresenta-nos paisagens largas ou, tendo em conta que é bastante cinamatográfico, planos de sequência de duração satisfatória. Para quem gosta de bandas como Anathema, este é um projecto que pode agradar (não é a mesma coisa, mas há momentos em que se tocam). E para poder largar e deixar ir o que não interessa, cá fico com How to Let Go.
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 20 2023, 17:34

TD124 escreveu:


Hoje é dia de "meia-folga" então aproveito desta primavera para ouvir coisas sém relação directa, ou indirecta, com o trabalho... é complicado e por vezes uma espargata intelectual de ouvir musica sém ter em consideração o sistema, a sala, a gravação, a prensagem e outras "perversões" audiofilas. Tento ir ao essencial indo buscar os momentos que mais aprecio nos meus albuns favoritos mas é uma técnica que não funciona comigo, a musica acaba por me invadir e o pedaço torna-se todo... acabo por não saber o que escutar e apego-me ao jogo de imaginar qual seria a melhor escolha neste instante, fugaz pela natureza desta intenção em si mesmo abstracta. O "Rostro" do Murcof seria uma bela escolha pois apresenta a complexidade da interioridade pelo prisma do minimalismo... também pensei ao Max Richter que por detràs da sua elegância romantica fala das aspirações do ser... mas, o meu espirito està condicionado pela mistura entre vinho espanhol e os Love do José Miguel! Penso à Susana Esteban que é espanhola e ao seu magnifico vinho que ele é português, o "Procura" da serra de São Mamede, profundo, complexo e mineral, uma obra prima viticola! Eu também "Procuro" o que escutar e vai ser o seu vinho que me leva até este album! Hà obras que necessitam condições propicias para serem apreciadas, também aconteçe nos grandes vinhos, este é um desses momentos...
(...)
Ouvir esse álbum depois dessa partilha sabe bem, algo soa diferente. 😉
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 20 2023, 18:11

Ainda não cheguei ao ponto em que já posso agarrar no copo para acompanhar a Música, contudo a garrafa já está aberta (ainda estou nos tintos, há uma brisa fresca que convida...). Depois dos Blanket sigo com um álbum mais negro, mas muito bonito, dos Godspeed You! Black Emperor.

A rodar XLVIII - Página 9 20230515

Quando uma banda abre a sua carreira com um álbum como F♯A♯∞ é bom estar de ouvidos abertos. Politicamente hoje é tão pertinente como o foi em 1997, musicalmente mantém a frescura de então (eu dizia que Blanket segue fórmulas, pois bem, estes senhores são uns dos que abriram portas). Vale a pena mergulhar neste álbum, seguir até onde nos vemos no meio da sociedade (como num filme).
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 20 2023, 18:59

Quando se chega à conclusão que se quer Rock, mas na sua forma mais particular e imersiva...

A rodar XLVIII - Página 9 20230516

Um álbum feito com guitarra e muita vontade de a explorar até ao limite: Rafael Toral - Wave Field.
Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 20 2023, 22:35

Prezado José Miguel,

Ficou a matar o Lenco com o RB300!

Cumprimentos fantasmagóricos,
What a Face
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyDom maio 21 2023, 20:50

Ghost4u escreveu:
Prezado José Miguel,

Ficou a matar o Lenco com o RB300!

Cumprimentos fantasmagóricos,
What a Face
Nós gostamos muito do resultado e se por vezes ainda pensamos em trocas, no que toca ao gira-discos estamos sossegados (ouvimos outros no mesmo sistema e mantemos o sossego).


Enquanto esperamos por uma notícia que nos pode alegrar muito (caso a notícia falhe o impacto será insignificante, a alegria é um sentimento passageiro), escutamos uma voz que parece sair das profundezas...

A rodar XLVIII - Página 9 20230517
Leonard Cohen - New Skin for the Old Ceremony...

Até a capa é uma pérola...

Fernando Salvado gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 22 2023, 09:40



Michael Franks-Hourglass

paulov gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
kameira
Membro AAP
kameira


Mensagens : 36
Data de inscrição : 22/10/2020
Idade : 62
Localização : Beja

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer maio 23 2023, 16:22

ducar escreveu:
tenho de referir que tenho cerca de 20 cassetes gravadas num deck destes da aurex ou toshiba ,que até ver este aparelho só me lembro do melhor copo de batidos que tive comprado em 73 ,pois deixava tudo liquido sem aquecer o conteúdo, acerca do deck as gravações são perfeitas mas o resto do sistema era o melhor da altura ,pratos thorens topo de gama vários equipamentos DBX como um equalizador que tinha frequências sem fim e outros componentes que foram muito caros ,tudo isto fez este Aurex gravar com uma qualidade de som muito superior a qualquer nakamichi ,sobretudo o Dragon que foi a pior compra que fiz só por não ter dinheiro para comprar um AKAI ou Pioneer. Pior compra ? talvez tenha ficado decepcionado com o som do aparelho pois o meu deck anterior com mais 3 anos, que o meu Pai tanto como me deu um dia assim mo tirou, mas ao nível de um sony duplo que quando o verão chegava a Beja começava a trepidar no som ou até nas gravações como este Dragão era mesmo um bicho do Inverno pois no terceiro Verão, estava no mesmo estado com ruídos e vibrações quanto baste ,foi assim que o tive no fundo de um armário até há dois meses quando outro fanático pela Nakamichi me falava das gravações e qualidade de som ,até que já chateado lhe disse ,"eu digo mal porque tenho um " ao que ele me respondeu "a sério?" e eu respondi "não, tô a brincar tenho dois"ao que ele insistiu "é que se ele tiver avariado eu compro-lhe por 1.000€ ",eu perguntei logo a seguir ,e se tiver com 3 anos de uso e tudo a funcionar ,só com o desgaste de 3 anos e sem riscos(isto por me lembrar de um amigo que me disse uma vez "quando vou á tua casa mexo nos botões da tua aparelhagem?" eu disse "sim, quando me deram o A-616MKII,pensavas que era um A-676 como o teu, que nem tem metade da qualidade do meu como disseram em todas as revistas hi-fi mais conhecidas da Europa, com botões de plástico pensavas que o meu era só puxar quase me arrancaste o selector do meu que é em metal ,pesado e aparafusado" e "eu nem fiz força" a partir daí o tape 1 nunca mais foi o mesmo ,a sorte é que me tinham dado um A-91D ,um A-858 e o melhor segundo o engenheiro electrónico Holandês meu amigo com dinheiro para deitar fora, o A-717MKII com dois transformadores enormes mais dois condensadores enormes e mais dois condensadores iguais aos que vinham nos 656 e 676 . Isto tudo por causa de "nem um risco" pois este meu amigo parece mais interessado num biblôt para a sala do que a qualidade de som . Quando fiquei mal disposto em 85 nunca pensei que em 2023 me iriam dar 3.500€ por o meu Dragon ,o engraçado é que trabalhava e talvez por causa dos valores de humidade no ar em Beja fossem quase inexistentes ,agora são incrivelmente altos devido á ,maldita barragem do Alqueva que destruiu a vida aos habitantes de todas as aldeias e vilas circundantes e fez os níveis de humidade aumentarem quase a 90% em Beja ,onde hoje a temperatura máxima é atingida ás 19h e não ás 15 h e o que acontecia três dias no mês de Agosto é agora constante nos 6 meses mais quentes do ano, de Maio a princípios de Novembro, daí a vasta colecção de discos que tenho estar em risco de ter ruídos criados pelo pó e humidade que vai colar esse pó ao discos,pois tenho discos comprados desde há 6 anos pra cá que têm mais ruído do que discos que tenho em casa desde os anos 60, peço desde já desculpas por divagar acho que é da idade e do Chivas , mas este deck Aurex by Toshiba é mesmo muito bom com o equipamento adequado á volta, até já o tentei comprar ,sem riscos por 67€ mas um alemão ficou com ele por 80€ ,isto num leilão do Ebay, mas é mesmo de pasmar tive a ouvir uma basf lh-extra I gravada em 84 com um som perfeito até parece o som dum DAT ,o D-500 o único que tenho e funciona, até já pensei em comprar um pré e amplificador com 100watts por canal da Aurex ou Toshiba de á volta de 1980 , a Toshiba sabia o que fazia

ducar e paulov gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
kameira
Membro AAP
kameira


Mensagens : 36
Data de inscrição : 22/10/2020
Idade : 62
Localização : Beja

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyTer maio 23 2023, 16:56

tomaz escreveu:
A rodar XLVIII - Página 9 Img_2029


Antes dos Luna e de "Damon and Naomi" houve os Galaxy 500, uma banda que logo me seduziu com os hiper-reverbs e tempos lentos numa pop muito bela e assumida assim com grande personalidade, num estilo que rapidamente pode ser algo ridículo e vulgar senão for muito bem dominado. Como aliás se confirmou nos posteriores projectos, designadamente pela mão de Dean Wareham que considero um mestre na pop alternativa em termos da escrita de canções e grande classe que confere aos arranjos e execução da guitarra.
Today foi o disco de estreia e tem logo tudo de forma madura e defenitiva. Editado em 1988, aliás só editaram mais dois e a carreira terminaria em 1990. É um grande primeiro disco que junta três artistas com personalidades muito vincadas mas que juntos excederam largamente a soma das partes.

quando ouvi o album "on fire" fiquei rendido a esta banda , talvez por estar a tentar fazer música na altura e compreender que até as coisas mais simples dão muito trabalho, a versão do George Harrison , decomposing trees e strange foram as que me atingiram primeiro e ainda melhor outras tantas , ainda hoje sigo os Luna e tenho tudo desde o album on fire dos galaxie 500 e os dois anteriores como o Today na fotografia com um excelente prato da Garrard . Fiquei anos a pensar "como é que este tipo se lembrou deste nome?" podia ser o nome de qualquer banda de outro estilo . O meu já falecido pai tinha uma pequena colecção de carros sobretudo Americanos , um dia estava á espera dele na garagem tipo sala de festas onde mostra as suas viaturas preferidas com uma sensação de poder estar a fazer melhor quando olho para a lateral de um barco de 4 rodas , dizia de lado Galaxie 500, um Ford e eu ,F...... , tanto tempo a pensar e ali estava á minha frente em cor azul como o céu e já há alguns anos. Ouvi e vi um concerto dos Luna em Londres quando fui visitar a minha irmã e disseram-me que o vocalista andava por ali ,não falei com ele pois estavam umas 10 jovens a tentar chegar ao pé dele ,uma barreira intransponível
Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySáb maio 27 2023, 13:11

A compreensão pela parte do publico de um album, e mesmo o sucesso, por vezes depende de coincidências imprevisiveis que vão agir no bom sentido ou no mau... neste caso foi o segundo exemplo que prevaleceu. Imaginem um grupo do Texas que se chama (Explosões no Céu) e que faz um disco que tém como capa um avião a aterrar e a frase (este avião vai cair amanhã) num album que saiu alguns dias antes do 11 Setembro 2011! A aura do grupo foi demasiado ligada a esta coincidência ao ponto que dois anos mais tarde esta terçeira obra vai ser vista como uma homenagem ao ataque das Twin Towers, o que ela não é e que o grupo sempre clamou. È pena pois este album abordado sém filtros mostra que é uma das maiores, e reconhecidas, obras do post-rock do estilo "guitar picking" (Mogwai, Red Sparowes, Mono, For a Minor Reflection, 65daysofstatic...). Ainda hoje, vinte anos apòs a saida este album apresenta uma coerência de construção melodica que é devastadora emocionalmente. Sém nenhuma palavra e simplesmente pelo dialogo entre as guitarras e a ritmica o grupo mostra que a musica sabe dizer tudo, sobretudo quando a voz é muda! Sém pausa, os nossos sentimentos estão em alternância constante num piso escorregadio que transmete uma ideia de fragilidade permanente, tudo pode mudar e desaparecer por encanto... nada està adquirido e nada é eterno! Um modelo de arquitectura melodica, ultra copiada, que mostra as grandes capacidades de envelhecimento das grandes obras de post-rock... algo do qual nuanca duvidei Wink  
A rodar XLVIII - Página 9 A0014210

Explosions in the Sky_The Earth is Not A Cold Dead Place

Fernando Salvado gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 29 2023, 18:11

Dia de trabalho mais curto para compensar outros bem longos... tempo cinzento que lembra outras estações... há no ar um peso excessivo, a natureza expressa-se de formas que nos são estranhas ou simplesmente estamos mal habituados. A vida não é um passeio, o caminho nã9 está sinalizado e tudo o que nos dizem em jeito de alerta não nos preparam para tudo. É bom ser surpreendido, há nas quedas um som que há distância certa se torna Música - tão bem o disse Jorge Palma no meio de um dos seus alertas Canção. Olhar para a frente, por mais próxima que esteja a curva seguinte, permite pensar que há passos a dar. Os passos certos ou errados são julgados após serem dados.

A rodar XLVIII - Página 9 20230518

Nick Drake é uma escolha que cai muito bem em dias cinzentos, talvez por ter experimentado altos e baixos, por cantar a vida de sentimentos imperfeitos, por olhar para ela de uma forma que o deixava incompleto... e escreveu "Now we rise, and we are everywhere", talvez algures sejamos mais e melhores.
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 29 2023, 19:10

O registo lá fora não mudou, aqui vai continuar semelhante... próximo.

A rodar XLVIII - Página 9 20230519

Tim Buckley tem nesse álbum um registo de escrita que me agrada muito, os arranjos não ficam atrás. Em 1967 o mundo vivia dias complexos, não somos só nós presos no presente que sentimos o peso dos acontecimentos. No fundo o que se pode ouvir em Goodbye and Hello tem pertinência hoje, os poetas olham para a realidade e escrevem para lá do imediato.
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptySeg maio 29 2023, 19:44

Mais um antes do jantar...

A rodar XLVIII - Página 9 20230520

O registo, mais uma vez, é semelhante (não é igual), alguém que canta a sua realidade escolhendo bem as palavras e arranjos.
Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQua maio 31 2023, 17:03

O José Miguel fala deste album por aqui... nunca comentei, até hoje, pois desde a saida desta obra que tive uma relação complicada com ela. Em primeiro lugar pela temporalidade pois em 1991 foi um ano tão rico em grandes obras que este album apareceu(me) como convencional comparado aos dois primeiros EP's do Aphex Twin e dos Autechre (Analogue Bubblebath e Cavity Job)... sém falar do Achtung Baby, Nevermind, Out of time, Blue Lines, Laughing Stock, Spiderland e etc! Fora a concurrência rude havia o som e a produção do album que me apareceu estar num mau ritmo pois exageradamente artificial ou exageradamente simplista... uma receita inspirada mas mal aplicada. A atmosfera do album sempre me apareceu como uma aplicação em forma de conçeito do Musette and Drums dos Cocteau Twins, mas... oito anos depois do original! Com o tempo, este disco que deve ser entalado entre Sonic Youth e Bark Psychosis continuava a me pareçer insonso... sempre aquela mà sensação de sentir (ou haver) algo a mais ou a menos! Mas, o proprio das grandes obras é de continuar a ser o que são imperturbavelmente, elas tocam desde sempre ao universal e é finalmente a nossa visão sobre elas que muda, por vezes! Admito que ainda não estou complétamente curado de todas as reticências que tive... admito também que é uma obra que continua a crescer no meu reconhecimento, coisa rara, e que ainda tém muito para me dar, e eu muito a aprender dela! O "Loveless" como o seu nome indica é uma obra arida, melancolica e quase doentia, tanto na aparência quanto no fundo mas, subsiste algo de comovente nessas vozes monocordicas que emergem do nevoeiro dos "drones" de guitarra em ruido branco! A faixa "Sometimes" é mesmo um caso de escola que inspirou desde os Sigur Ros até aos Laura (the band)... sim, isto é uma obra solida estructuralmente e emocionalmente resiliente. Apresentado assim o "Loveless" dos My Bloody Valentine pode apareçer como uma obra sém relevo ném originalidade, grande erro... esta é a minha maneira de vos levar ao encontro duma obra prodigiosa do século passado, o resto serà entre voçês e a obra!!!...
A rodar XLVIII - Página 9 Lovele10

vlopes e Fernando Salvado gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQua maio 31 2023, 20:24



The Brand New Heavies - Dream on Dreamer

paulov gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal


Mensagens : 1347
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQua maio 31 2023, 21:12

José Miguel escreveu:
O registo lá fora não mudou, aqui vai continuar semelhante... próximo.

A rodar XLVIII - Página 9 20230519

Tim Buckley tem nesse álbum um registo de escrita que me agrada muito, os arranjos não ficam atrás. Em 1967 o mundo vivia dias complexos, não somos só nós presos no presente que sentimos o peso dos acontecimentos. No fundo o que se pode ouvir em Goodbye and Hello tem pertinência hoje, os poetas olham para a realidade e escrevem para lá do imediato.


Raramente tenho vontade de intervir neste tópico. Para mim o acto de escutar música é demasiado íntimo para ser partilhado... mas não tenho nada contra quem o faz, bem pelo contrário. As vossas partilhas permitem-me descobrir preciosidades.

Mas  com Tim Buckley não resisto! Descobri "Goodbye and Hello" no final dos setenta, tinha vinte anos.
"No Man Can Find The War" & "Once I Was" & todas as outras canções fizeram deste álbum um dos álbuns da minha vida. Foi um "Hello" e, ao mesmo tempo, um "Goodbye" a uma das mais cativantes vozes masculinas norte-americanas. Obrigado, José Miguel, por o lembrar aqui.

vlopes e Fernando Salvado gostam desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124


Mensagens : 8270
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : França

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Jun 01 2023, 13:04

agorgal escreveu:
José Miguel escreveu:
O registo lá fora não mudou, aqui vai continuar semelhante... próximo.

A rodar XLVIII - Página 9 20230519

Tim Buckley tem nesse álbum um registo de escrita que me agrada muito, os arranjos não ficam atrás. Em 1967 o mundo vivia dias complexos, não somos só nós presos no presente que sentimos o peso dos acontecimentos. No fundo o que se pode ouvir em Goodbye and Hello tem pertinência hoje, os poetas olham para a realidade e escrevem para lá do imediato.

... Mas  com Tim Buckley não resisto! Descobri "Goodbye and Hello" no final dos setenta, tinha vinte anos.
"No Man Can Find The War" & "Once I Was" & todas as outras canções fizeram deste álbum um dos álbuns da minha vida. Foi um "Hello" e, ao mesmo tempo, um "Goodbye" a uma das mais cativantes vozes masculinas norte-americanas. Obrigado, José Miguel, por o lembrar aqui.

Tà a ver que tém coisas a dizer amigo agorgal! A musica fala a linguagem do indizivel e as sensações procuradas pela musica são de natureza igualmente indizivel, mas não é de nenhuma destas coisas que este topico fala! È a partilha de albums que nos tocam e a busca das palavras para convencer os outros de o escutar ou de fazer o mesmo. Pessoalmente, penso que nenhum sistema assina a sensibilidade do seu proprietario... ao contràrio, penso que a musica escutada sim! È uma maneira de aprender-mos a nos conheçer melhor e, finalmente, a escuta musical é o unico objectivo nobre da Alta Fidelidade...

cheers

Fernando Salvado gosta desta mensagem

Ir para o topo Ir para baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal


Mensagens : 1347
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Jun 01 2023, 21:15

TD124 escreveu:


Tà a ver que tém coisas a dizer amigo agorgal! A musica fala a linguagem do indizivel e as sensações procuradas pela musica são de natureza igualmente indizivel, mas não é de nenhuma destas coisas que este topico fala! È a partilha de albums que nos tocam e a busca das palavras para convencer os outros de o escutar ou de fazer o mesmo. Pessoalmente, penso que nenhum sistema assina a sensibilidade do seu proprietario... ao contràrio, penso que a musica escutada sim! È uma maneira de aprender-mos a nos conheçer melhor e, finalmente, a escuta musical é o unico objectivo nobre da Alta Fidelidade...

cheers

Sábias palavras, amigo "TD124".
Diz-me o que ouves, dir-te-ei quem és...

Mas tive muitos amigos da minha geração maluquinhos por "Black Sabbath" e nenhum deles era satanista!
Afinal estamos a falar sobre ARTE (sobre uma das artes performativas) e nem sempre a arte (exercida ou apreciada) é o espelho da alma, por vezes é a sua antítese.

Isto pode parecer uma contradição mas é apenas o resultado da complexidade da mente (da alma*) humana.

*Nunca uso a palavra "alma" no sentido religioso mas sim, e apenas, no identificar a identidade individual de cada um, os seus gostos, atitudes, virtudes e fraquezas. O nosso BI psicológico!
Ir para o topo Ir para baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel


Mensagens : 9401
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 42
Localização : A Norte, ainda a Norte...

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Jun 01 2023, 22:16

Não escondo que este tópico é dos mais importantes deste fórum, pelo menos para mim. Nos últimos tempos abrandou bastante, mas ainda assim permite-me conhecer e re-descobrir álbuns com alguma frequência. A forma como partilhamos o que ouvimos é uma janela para as obras, o ritmo de partilha leva a que as nossas escolhas sigam um caminho... (também despertou a vontade de ouvir melhor, afinal é normal querer ouvir os pormenores relatados)

Pelo ritmo de partilha deste tópico e esta conversa dei comigo a pensar: ando desligado do Jazz e Progressivo, a culpa é dos que deixaram de partilhar. Laughing
Ir para o topo Ir para baixo
ducar
Membro AAP
ducar


Mensagens : 5248
Data de inscrição : 11/11/2010

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Jun 01 2023, 22:21

New Musik-Changing Minds

Ir para o topo Ir para baixo
Ghost4u
Membro AAP
Ghost4u


Mensagens : 13461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 EmptyQui Jun 01 2023, 23:08

José Miguel escreveu:
Não escondo que este tópico é dos mais importantes deste fórum, pelo menos para mim.
(...) ando desligado do Jazz e Progressivo, a culpa é dos que deixaram de partilhar. Laughing

Supondo que sou visado, assumo que fui atingido por "preguicite" aguda, impeditiva de referir ao que dou ouvidos...
Ir para o topo Ir para baixo
Conteúdo patrocinado





A rodar XLVIII - Página 9 Empty
MensagemAssunto: Re: A rodar XLVIII   A rodar XLVIII - Página 9 Empty

Ir para o topo Ir para baixo
 
A rodar XLVIII
Ir para o topo 
Página 9 de 12Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 8, 9, 10, 11, 12  Seguinte
 Tópicos semelhantes
-
» A rodar XI
» A rodar I
» A rodar XII
» A rodar XIX
» A rodar II

Permissões neste sub-fórumNão podes responder a tópicos
Áudio Analógico de Portugal :: Música Geral :: O que andam a ouvir (a rodar)-
Ir para: