Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Eu, audiófilo (em inglês)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
AutorMensagem
António José da Silva
Membro AAP


Mensagens : 64345
Data de inscrição : 02/07/2010

MensagemAssunto: Re: Eu, audiófilo (em inglês)   Ter Mar 10 2015, 18:58

ViciAudio escreveu:
Eu também não gosto de ouvir vinil com auscultadores...


Mas mau mau é cêdê, com ou sem auscultadores.


Mas volto a referir, quem nunca lavou discos, não sabe o que perde. Até dá para ouvir com auscultadores.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ViciAudio
Membro AAP


Mensagens : 494
Data de inscrição : 13/03/2012
Localização : Usuário BANIDO

MensagemAssunto: Re: Eu, audiófilo (em inglês)   Ter Mar 10 2015, 19:19


Mas eu percebo a questão dos auscultadores... se serve de "consolo", acho que o problema dos auscultadores realçarem os defeitos sónicos, afecta tanto LP's como CD's etc etc... por exemplo a compressão na masterização digital de alguns discos é ainda mais insuportável com auscultadores, e outros fenómenos... basicamente os auscultadores funcionam como uma "lupa" poderosa sobre o que vem da fonte, no caso do vinil por exemplo o "noise floor" mais elevado, que com colunas num ambiente doméstico normal é completamente inofensivo, já nos auscultadores ali a entrar directamente na "tola" d'um gajo em alto volume torna-se algo estranho e anormal...

No fundo até com coisas que estão na gravação isso acontece... por exemplo palmas do público, assobios, esgares e sons emitidos por pianistas, folhas de pautas a rodar numa orquestra, etc etc etc, tudo isso soa mais ou menos normal numa reprodução com colunas num ambiente sonoro real normal, mas nuns auscultadores ganha uma dimensão estranha e que se pode tornar desagradável...

Suponho que tal efeito só pderia ser resolvido com misturas e masterizações (e provavelmente captações) realizadas especificamente para reprodução com auscultadores... não sei...
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3304
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Eu, audiófilo (em inglês)   Qua Mar 11 2015, 07:31

ViciAudio escreveu:

Mas eu percebo a questão dos auscultadores... se serve de "consolo", acho que o problema dos auscultadores realçarem os defeitos sónicos, afecta tanto LP's como CD's etc etc... por exemplo a compressão na masterização digital de alguns discos é ainda mais insuportável com auscultadores, e outros fenómenos... basicamente os auscultadores funcionam como uma "lupa" poderosa sobre o que vem da fonte, no caso do vinil por exemplo o "noise floor" mais elevado, que com colunas num ambiente doméstico normal é completamente inofensivo, já nos auscultadores ali a entrar directamente na "tola" d'um gajo em alto volume torna-se algo estranho e anormal...
...
Suponho que tal efeito só pderia ser resolvido com misturas e masterizações (e provavelmente captações) realizadas especificamente para reprodução com auscultadores... não sei...

Vém de dizer grandes verdades amigos ViciAudio, para as quais o melomano é impotente pois com o nosso sistema ainda podemos fazer algumas coisitas para o equilibrar, ora que o que està no disco jà està "gravado no màrmore" e para o melhor como para o pior... mas isso é o problema dos professionais da captação sonora !

Quanto às gravações e masterizações especificas para os Can's, para mim o problema é que jà é o caso hoje em dia. A maioria do trabalho de estudio é hoje terminado (finalisado) com escuta "supra-auricular" e não em escuta de distância (colunas), o que produz um excesso de detalho e de precisão, que duvido que seja necessario, afim de compreender a mensagem musical, e que consequentemente carrega as gravações de parâmetros técnicos que se sobrepôem aos parâmetros musicais...

Este fenomeno é muito audivel com os Aus, aonde as manipulações de estudio se tornam muito claras, e hoje em dia mesmo nos discos de jazz essas intervenções humanas e artificiais (colagem, reverberação, ruidos e ecos...) estão cada vez mais presentes, sém globalmente enriquecer a obra, mas tornando a gravação em algo de muito audivel...

Então, voltar a coisas mais naturais e sem o "autografo" do engenheiro do som, pareçe-me ser a via da razão, da honestidade e do respeito tanto para o artista como para o melomano. E seria melhor tanto com as colunas que com os Can's... e uma vez mais, bravo pela pertinência da sua intervenção !!!...


_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
mannitheear
Membro AAP
avatar

Mensagens : 805
Data de inscrição : 01/08/2013

MensagemAssunto: Re: Eu, audiófilo (em inglês)   Qua Mar 11 2015, 07:53

Balancing a headphone system is as difficult as a loudspeaker based system. Some years ago when I had limited possibilities to listen with loudspeakers, I accumulated a Sennheiser HD-580 Jubilee with OTL Amp Earmax, a Stax Gamma with one of the bigger Stax transistor amps and a AKG K-1000. No single combo was completely satisfactory!
I had for evaluation a Stax Gamma with smaller transistor amp, which I did unfortunatly not buy, this was the best combo.
After I ended in using none of these headphones anymore I sold all, except the HD-580 Jubilee.

Bur now some heresy: meanwhile I listen quite often to headphones - but only on the go with a Smartphone and a in-ear headset. After trying countless affordable mobile cans from AKG, Klipsch, Sennheiser, Philips and Etymotic I ended up with an insider tip Sony MH-1C - and any kind of music from Bach Cantatas over Jazz to Prog Rock and Stravinsky is very very listenable, even with the usually compressed files (192 kbit/s or better)!

Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3304
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Eu, audiófilo (em inglês)   Qua Mar 11 2015, 11:08

mannitheear escreveu:
Balancing a headphone system is as difficult as a loudspeaker based system. Some years ago when I had limited possibilities to listen with loudspeakers, I accumulated a Sennheiser HD-580 Jubilee with OTL Amp Earmax, a Stax Gamma with one of the bigger Stax transistor amps and a AKG K-1000. No single combo was completely satisfactory!
...
But now some heresy: meanwhile I listen quite often to headphones - but only on the go with a Smartphone and a in-ear headset. After trying countless affordable mobile cans from AKG, Klipsch, Sennheiser, Philips and Etymotic I ended up with an insider tip Sony  MH-1C - and any kind of music from Bach Cantatas over Jazz to Prog Rock and Stravinsky is very very listenable, even with the usually compressed files (192 kbit/s or better)!

Hi Man!,
you're right, and I think that is even hardest to balance an headphone set cos the cans are an "intimate sound" that goes directly to the head and heart... there is no frontier or no man's land, so we love it or we hate it !!!

For a long time, I've listen cans by need cos living in an apartment with two little childs, is not the ideal situation to listen music with the speakers late at night (at that time very big and sensitive, like a "true" audiophile...). But, one day I've heard the Sony "King" with my first headamp "Solitaire" in a French review with J. Hiraga!... and that was the shock, and I knew very well that Cans will be my personal and intimate companions for the rest of my life...

Now!, 15 years after that tremendous shock i haven't changed, and cans are my faithful music companions. Most of times, even my closest friends never heard one of my cans setup. Yesterday, because I'm doing "blind-tests" one of my very experienced friend (the one with the Onken's) have listen for the first time one of my setups!... and when he removed the can, he looked very seriously to me and said:
_You know very well Paulo, that i have a highly regard to your system, that is one of the most uncoloured and honest systems that I've heard!!!... Well..., in relationship with your Can-Set, your system is just bullshitt !!!...

He is right, and so its not a surprise that i love so much the cans ... Wink

Cheers cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Eu, audiófilo (em inglês)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 4 de 4Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4
 Tópicos similares
-
» Eu, audiófilo (em inglês)
» Glossário Audiófilo (inglês)
» Pre-phono TCC TC-750
» Chefe de Estado Audiófilo?!
» Venda de LPs - Ajudem um jovem audiófilo a comprar um gira-discos

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Áudio Geral-
Ir para: