Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalPublicaçõesRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

 

 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS

Ir em baixo 
AutorMensagem
joevalve
Membro AAP
joevalve

Mensagens : 209
Data de inscrição : 02/08/2010
Localização : paranhos - porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 08:07

COM A DEVIDA VÉNIA TRANSCREVO UM ARTIGO QUE ME FOI ENVIADO POR EMAIL:


Azar o deles

19 de Abril de 2020 – Ficamos a saber que existem espalhados por “Hosteis” (nome pomposo baptizado pelos progressistas às antigas pensões), cerca de 1.000 jovens “refugiados”, afro muçulmanos, requerentes de nacionalidade portuguesa.

Ficamos a saber ainda que estes jovens, só machos, robustos, pujantes, bem tratados são “refugiados” das “terríveis guerras” entre o Egipto e a Costa do Marfim e “tenebrosos conflitos” entre o Burkina Farso e a Eritreia. E que são transportados aos magotes, através de milhares de Kilómetros, pelas ONG’s esquerdistas e recebidos com estrondo pelos governos socialistas de alguns países ocidentais, na efectivação do Plano Kalergi, que mais não visa que a destruição da Europa e da civilização branca ocidental.

20 de Abril de 2020 – Ficamos a saber que, num desses “hosteis”, situado na Rua Morais Soares, zona multicultural lisboeta, gaudio dos iluminados e superiores pensantes da nossa praça, viviam e eram sustentados com os impostos dos portugueses, cerca de 200 jovens “refugiados”, surgiu um infectado com o Virus Chinês.

Alarme nas hostes. Impacto monumental. Zona interdita, dezenas de ambulâncias da Cruz Vermelha, Inem, Bombeiros, e 112. Policia. Protecção civil. Pessoal médico. Paramédico. Enfermeiros. Auxiliares. Radios, jornais e emissões em directo nas Televisões. De imediato testes de despistagem a todos os 200 jovens “refugiados”. Sorte a deles não serem velhos portugueses utentes de Lares de Idosos.

Ao fim de 3 horas resultados céleres dos testes. Afinal não era um, mas 138 positivos. De imediato tudo evacuado e separado com pompa e circunstância com a supervisão dos mais altos dignatários da Camara Municipal de Lisboa. Uns para a Mesquita de Lisboa. Outros para pousadas da juventude. Sorte a deles não serem velhos portugueses utentes de Lares de Idosos

Às janelas de uma das pousadas, na Rua Andrade Corvo, era vê-los em directo nas varandas, garbosos e aprumados, falando aos telemoveis e de auscultadores na cabeça, para gaudio das jornalistas das Televisões, deslumbradas e impressionadas com porte gracioso e esbelto dos jovens “refugiados”. Sorte a deles não serem velhos portugueses utentes de Lares de Idosos.

Decisões rápidas à quase velocidade do som. Requisição da Base Aérea da Ota. Todos os 138 infectados são mudados para a base, rapidamente e em força. Base preparada com todos os requisitos médico sanitários e de logística, para receber as importantes personagens de jovens “refugiados”. Sorte a deles não serem velhos portugueses utentes de Lares de Idosos.

Emissões em directo nas televisões a acompanhar as viaturas de transporte dos jovens “refugiados” de Lisboa para a Ota, onde foram recebidos pelos Majores e Coroneis. Sorte a deles não serem velhos portugueses utentes de Lares de Idosos.

21 de Abril – Já se sabia dos tristes acontecimentos que tiveram lugar no Lar Nossa Senhora das Dores em Vila Real em que dezenas de portugueses idosos, abandonados pelo SNS, esperaram vários dias por testes e para serem evacuados, com o Vírus Chinês à solta entre os utentes e funcionários, sempre em convívio directo com a morte.

Soube-se agora que em Gaia dezenas de utentes de lares estiveram 3 dias à espera de testes do SNS e que os mesmos só tiveram lugar com a intervenção directa da Camara Municipal da cidade. Os resultados do SNS chegaram ao fim de 5 dias. A morte chegou antes.

Azar o deles não serem jovens “refugiados”.
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Carvalho
Membro AAP
José Carvalho

Mensagens : 342
Data de inscrição : 16/08/2011
Idade : 51
Localização : Carcavelos

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 09:03

Meu caro,
Gabo a sua coragem em partilhar este texto nos dias que correm.
Estes são dias em que o politicamente correcto é lei e quem se mete com o... leva! PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 43034
Tenha atenção que ainda é acusado de ser de extrema direita racista.
Obrigado pela partilha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo.canelas
Membro AAP
ricardo.canelas

Mensagens : 119
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Lisboa

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 11:13

Este tipo de textos elucidados tira-me do sério. A quantidade de verborreia odiosa em todas as expressões é mais do que indicadora do verdadeiro contexto do dito, Nós contra Eles, 'guerras', plano kalergi (LOL), Virus Chinês, ONG's esquerdistas, etc. É complicado ser mais óbvio.

Face a esta clara afronta a tudo o que é bom senso e noção de como funciona a realidade do dia a dia, o texto é muito eficaz, repare-se logo o elogio pelo romper com o politicamente correcto e avisar que ainda vai ser chamado de estremista. Tudo isto porque na verdade, o que interessa são as falhas do sns quanto à resposta a situações iguais em lares, deixa lá passar o facto de isto ser uma desculpa para passar propaganda divisória e abertamente racista. Até merece uma salva em pé.

Enquanto o que se passa nos lares e outros é um desastre, o que se passou no hostel foi bem feito. São duas situações independentes, que podem ser comparadas mas não desta maneira. Uma em Lisboa outra em Vila Real, realidades levemente diferentes. Uma recente, outra faz um mês. Uma com centenas de pessoas e uma com dezenas.
Repare-se que se tivesse tudo corrido mal em todo o lado este texto não era escrito, indicando o seu verdadeiro teor e valor. Vive baseado numa comparação enviesada e de má fé, despropositada e cega pelo ódio a pessoas que se limitam a isso mesmo, ser pessoas e a um governo que não cumpre as suas mais íntimas fantasias.

De facto, grande coragem na partilha, obrigado por ser tão pouco politicamente correcto perante estes idosos e refugiados 'afro muçulumanos', grandes seguidores do plano kalergi (LOL), recebendo as suas ordens de infiltração social pelos telemóveis com os seus auscultadores todos high-end.
Voltar ao Topo Ir em baixo
pedrolopes
Membro AAP
pedrolopes

Mensagens : 397
Data de inscrição : 19/03/2015
Idade : 36
Localização : Oeiras

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 11:52

ricardo.canelas escreveu:
Este tipo de textos elucidados tira-me do sério. A quantidade de verborreia odiosa em todas as expressões é mais do que indicadora do verdadeiro contexto do dito, Nós contra Eles, 'guerras', plano kalergi (LOL), Virus Chinês, ONG's esquerdistas, etc. É complicado ser mais óbvio.

Face a esta clara afronta a tudo o que é bom senso e noção de como funciona a realidade do dia a dia, o texto é muito eficaz, repare-se logo o elogio pelo romper com o politicamente correcto e avisar que ainda vai ser chamado de estremista. Tudo isto porque na verdade, o que interessa são as falhas do sns quanto à resposta a situações iguais em lares, deixa lá passar o facto de isto ser uma desculpa para passar propaganda divisória e abertamente racista. Até merece uma salva em pé.

Enquanto o que se passa nos lares e outros é um desastre, o que se passou no hostel foi bem feito. São duas situações independentes, que podem ser comparadas mas não desta maneira. Uma em Lisboa outra em Vila Real, realidades levemente diferentes. Uma recente, outra faz um mês. Uma com centenas de pessoas e uma com dezenas.
Repare-se que se tivesse tudo corrido mal em todo o lado este texto não era escrito, indicando o seu verdadeiro teor e valor. Vive baseado numa comparação enviesada e de má fé, despropositada e cega pelo ódio a pessoas que se limitam a isso mesmo, ser pessoas e a um governo que não cumpre as suas mais íntimas fantasias.

De facto, grande coragem na partilha, obrigado por ser tão pouco politicamente correcto perante estes idosos e refugiados 'afro muçulumanos', grandes seguidores do plano kalergi (LOL), recebendo as suas ordens de infiltração social pelos telemóveis com os seus auscultadores todos high-end.


Interessante perspectiva.

Faço um reparo, não não podemos separar o que foi feito no hostel com o mal feito num lar há 1 mês. E indo além de cores politicas ou ideologias ou o raio que o parta.

É sabido desde o início que a pandemia Covid-19 atinge com mais força pessoas com mais de 60 anos, por n motivos que não vale a pena enumerar. Portanto se se sabia que isto acontecia, e que realmente provou que a maior incidência de mortes foram em lares, estamos a 24 de Abril e ninguém nada fez ou seja medidas a conta gotas. Numa situação de um hostel, em que à partida devem ser todos jovens, na sua maioria assintomáticos fez-se tudo e mais alguma coisa em vez de criar uma cerca sanitária que seria o caminho mais fácil, eficaz e menos dispendioso - aliás isto é conveniente para a nova alta-comissária das migrações - mostrar "obra" feita. Portanto deixem-se de tretas, que por acaso esta situação do hostel foi das coisas menos conseguidas do governo no combate à Covid-19 (apesar de regra geral estar a fazer um bom trabalho) - isto foi gozar com a cara de toda a gente e ver o sol pela peneira.


Mais interessante é estar no fórum desde 2014 e sendo muito pouco participativo, num tópico polémico e factual apesar de ter muito floreado no texto de abertura - tinha muito texto para escrever em tom de resposta!
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo.canelas
Membro AAP
ricardo.canelas

Mensagens : 119
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Lisboa

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 12:05

Como disse, não suporto este tipo de textinhos, acho que é cancro cultural, que é visivel a todos, incómodo e mal cheiroso, mas encontrou a sua maneira de ser tolerado outra vez.

Também como disse ou espero dar a entender, não invalido ou valido o que foi feito de bem ou mal em cada uma das situações, invalido este aproveitamento sem vergonha para passar uma mensagem de ódio e divisão.

Quanto a ser pouco participativo, enfim, é o que se arranja Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel

Mensagens : 8393
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 39
Localização : A Norte, ainda a Norte...

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 13:25

ricardo.canelas escreveu:
Como disse, não suporto este tipo de textinhos, acho que é cancro cultural, que é visivel a todos, incómodo e mal cheiroso, mas encontrou a sua maneira de ser tolerado outra vez.

Também como disse ou espero dar a entender, não invalido ou valido o que foi feito de bem ou mal em cada uma das situações, invalido este aproveitamento sem vergonha para passar uma mensagem de ódio e divisão.

Quanto a ser pouco participativo, enfim, é o que se arranja Smile

Ricardo Canelas participe mais, ou participe pouco e de forma atenta a este tipo de coisas. Wink

Esta situação mostra o melhor e o pior do Homem, como todas as crises, a solidariedade, palavra tantas vezes usada, revela-se nas acções.

Curioso que não ouvi ninguém chamar a este País algo de errado quando enfiaram refugiados de guerra numa pequena pensão sem condições... mas a guerra não lhes toca, só toca os que querem dela fugir.

Talvez ainda se venha a abrir os olhos a tempo para olhar Moçambique com olhos de ver... aldeias a serem massacradas por terroristas... como fica longe, eles que se entendam.

Convinha mesmo que esta Sociedade crescesse um pouco e olhasse mais para o Outro com o respeito que Ele merece.


Ah! Nunca se esqueçam de uma coisa: o maior problema dos Lares de Idosos começa nas famílias dos Idosos. Quem quiser de facto agir, comece por ser um agente responsável e não evite olhar o problema de frente - não é o vírus o problema, somos nós.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fernando Salvado
Membro AAP


Mensagens : 361
Data de inscrição : 02/03/2018
Localização : Parede

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Pais miserável que trata mal os seus idosos   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 14:57


Caro " JOEVALVE "

Como não diz quem foi o "amigo" que lhe enviou esse mail, gostaria de lhe fazer, a si, duas perguntas :

- Como acha que deveriam ter sido tratados os emigrantes que menciona ?

- Que países...não miseráveis... trataram melhor os seus idosos ?
Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 840
Data de inscrição : 14/04/2017

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 15:50

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 15715410
Voltar ao Topo Ir em baixo
joevalve
Membro AAP
joevalve

Mensagens : 209
Data de inscrição : 02/08/2010
Localização : paranhos - porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 17:44

Fernando Salvado escreveu:

Caro " JOEVALVE "

Como não diz quem foi o "amigo" que lhe enviou esse mail, gostaria de lhe fazer, a si, duas perguntas :

- Como acha que deveriam ter sido tratados os emigrantes que menciona ?

- Que países...não miseráveis... trataram melhor os seus idosos ?

O que o artigo pretende de modo significativo mostrar (em meu entender) é o tratamento vergonhoso, diferenciado, existente entre Lisboa e o resto do País e podem vir 20 gerações que a coisa nunca vai mudar.

Eu trabalho num centro de acolhimento de emigrantes, estão cá Brasileiros, uma Tunisina, Marfinenses, uma Austriaca, nasci em Moçambique, por isso estou à vontade, aqui não há nada de divisões nem de ódio, apenas constatar uma realidade que é esta divisão Lisboa - resto do País. O resto cada que interprete à sua maneira. Não aceito lições de moral de quem não passa pelas coisas.

Em Italia e Espanha os utentes dos lares morrem aos milhares, no Norte é a zona de maior prevalência de lares e de infetados, não se deveria começar por ai ? Ainda hoje construiram em Lisboa com a ajuda da Cruz de Malta um hospital de campanha no campo pequeno para ajuda ao Curry Cabral. Para quê ? Não vai ter clientes (e ainda bem)e em Viana do Castelo os autarcas andam há semanas a pedir um e népia, nem vê-lo. . Não deve haver verba até que morram mais algumas dezenas, a coisa salte para as páginas dos jornais e lá vai a tropa desinfetar mais uma série de lares e instituições quando tudo isto poderia e deveria ter sido prevenido com antecedência até porque neste mundo global massificado os exemplos de inglaterra, Espanha e Italia poderiam servir de aviso para alguma coisa mas não eram na Grande Lisboa e assim sendo tomá lá que já almoçaste.

Como dizia aquele banqueiro: Aguenta Aguenta.

É este tratamento diferenciado que me irrita e que o artigo pretende denunciar pela enésima vez.

OBS: Tinha mais do que fazer do que dizer quem me enviou o email.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo.canelas
Membro AAP
ricardo.canelas

Mensagens : 119
Data de inscrição : 02/04/2014
Localização : Lisboa

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySex Abr 24 2020, 19:19

Não era mais simples ter estcrito isso em vez de ter partilhado barbaridades? O texto original não faz qualquer tipo de referência a lisboa vs norte, que diz agora ser o foco da sua preocupação. Farta-se no entanto de dizer outras coisas. Foca-se no tratamento diferenciado de idosos vs refugiados. Malhando nos últimos e nos seus telemóveis com auscultadores, quartos de hostel e aspecto jovial.

O facto de trabalhar num centro de acolhimento de emigrantes e mesmo assim ter partilhado um texto com tanto fel pelos mesmos comprova a minha tese: este tipo de mensagens sem uma ponta de dignidade encontra mais uma vez um caminho para o espaço comum, mascaradas de boas intenções. Até uma pessoa sem qualquer tipo de problema com os alvos deste discurso, como aparenta ser, se vê sem reservas a partilhar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 6803
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 00:14

joevalve escreveu:
... E que são transportados aos magotes, através de milhares de Kilómetros,  pelas ONG’s esquerdistas e recebidos com estrondo pelos governos socialistas de  alguns países ocidentais, na efectivação do Plano Kalergi, que mais não visa que a destruição da Europa e da civilização branca ocidental. ...

joevalve escreveu:
... Eu trabalho num centro de acolhimento de emigrantes, estão cá Brasileiros, uma Tunisina, Marfinenses, uma Austriaca, nasci em Moçambique, por isso estou à vontade, aqui não há nada de divisões nem de ódio, ...

Caro joevalve, se trabalha num centro de acolho de emigrantes deveria ter sido o primeiro a filtrar a mensagem que reçebeu ... as primeiras frases aonde sublinho alguns pontos, mostram por si sò a natureza partidaria e racista da pessoa que o escreveu, suponho que não fez ou que não leu com atenção!...

Lembro-lhe que os refugiados téem um estatuto especial e estão directamente dependentes do estado de acolho, é o estado que os acolhe que responde por eles. Um cidadão no seu pais pode sempre contar com si proprio, com a familia,com os amigos, com a solidariedade privada ou com as instituições do estado ... um refugiado não! Efectivamente é triste que velhotes morram nos lares por falta de testes, em frança é a mesma coisa e o governo até ném é de esquerda ném de direita ... tà a ver que isso aconteçe mesmo sém os socialistas e ém paises muito ricos!...

Não sei se conheçe a pessoa que lhe enviou o mail, mas se tal é o caso, diga-lhe que se està infeliz em portugal eu conheço ao menos três paises na europa aonde ele pode emigrar e ser feliz; a Polonia, a Serbia e a Hungria! Poderia também ter evocado a Finlândia e a Austria, mas são paises de brancos e essa pessoa vindo de portugal poderia ser confundido com um arabe o que seria de certeza do seu desagrado...

2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
ruife
Membro AAP
ruife

Mensagens : 101
Data de inscrição : 01/03/2016
Idade : 63
Localização : Quiaios

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 01:49

Eu também não sou dos membros mais ativos do fórum, longe disso, mas acompanho com interesse a generalidade dos assuntos abordados.
Este tópico PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 57537
Cumprimentos
Rui Ribeiro
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal

Mensagens : 861
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 10:54

joevalve escreveu:
COM A DEVIDA VÉNIA TRANSCREVO UM ARTIGO QUE ME FOI ENVIADO POR EMAIL:

(...)
que mais não visa que a destruição da Europa e da civilização branca ocidental.

(...)


Eu escreveria: "COM O DEVIDO NOJO TRANSCREVO..." mas quem sou eu...

A frase que cito é suficiente para ilustrar a extrema ignorância do seu autor agravada por um racismo explícito e desonesto.

Quanto aos nossos velhinhos, normalmente são as famílias que os colocam nesses tristes depósitos, porque não os querem "aturar" ou não os podem "aturar". Procure-se na organização social as razões de tão triste sina mas não se culpem desgraçados que procuram melhor vida e melhores direitos pela irresponsabilidade que é apenas nossa, é apenas da nossa sociedade.

Afinal, 500 anos atrás, a nossa honorável civilização branca andou pelo mundo destruindo civilizações de outras cores, roubando-lhes as riquezas, roubando-lhes os filhos e filhas para destes e destas se alimentar.

E já agora, hoje celebramos (ou melhor, celebra quem quer ou quem sente) o dia em que nós, todo o Povo Português, recuperamos a Liberdade e reconhecemos aos outros o direito à sua própria Liberdade enquanto povos/nações. Celebramos o dia em que aprendemos que não há cores, apenas Humanidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
anibalpmm

Mensagens : 9497
Data de inscrição : 05/03/2012

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 12:07

So para acrescentar uns pontos
1. Os idosos merecem o meu total respeito onde quer que vivam
2. Os lares onde vivem idosos são um verdadeiro caldeirão de doenças, não é diferente para a COVID.  E sim deveria ter sido dado especial atenção a esses casos desde o início, até porque já havia o exemplo de Espanha, Itália e outros
3. Os refugiados, não estão fechados em casa, podem sair e propagar a COVID de maneira que os idosos fechados num lar não podem (aliás estes idosos são maioritariamente infetados pelos funcionários que la trabalham)
4. Espero que nenhum dos refugiados tenha estado a trabalhar na Uber, Ubereats ou Glove (se esteve, pode perceber-se só por aí a necessidade de resolução com muita brevidade)
5. Populismo não ajuda nada, comentários ignorantes e racistas muito menos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
Alexandre Vieira

Mensagens : 7818
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 51
Localização : The Other Band

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 13:28

anibalpmm escreveu:
So para acrescentar uns pontos
1. Os idosos merecem o meu total respeito onde quer que vivam
2. Os lares onde vivem idosos são um verdadeiro caldeirão de doenças, não é diferente para a COVID.  E sim deveria ter sido dado especial atenção a esses casos desde o início, até porque já havia o exemplo de Espanha, Itália e outros
3. Os refugiados, não estão fechados em casa, podem sair e propagar a COVID de maneira que os idosos fechados num lar não podem (aliás estes idosos são maioritariamente infetados pelos funcionários que la trabalham)
4. Espero que nenhum dos refugiados tenha estado a trabalhar na Uber, Ubereats ou Glove (se esteve, pode perceber-se só por aí a necessidade de resolução com muita brevidade)
5. Populismo não ajuda nada, comentários ignorantes e racistas muito menos

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
anibalpmm

Mensagens : 9497
Data de inscrição : 05/03/2012

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySab Abr 25 2020, 14:45

acrescento ainda outro pormenor
apesar de a situação não ter sido das melhores nos lares, o problema quando foi percebido foi, na minha opinião, bem resolvido. Não houve situações como em Espanha de mortos por COVID, misturados com os vivos e sem técnicos. Logo que foi possível começou-se com muitos testes, mas tendo em conta que existem cerca de 100.000 pessoas em instituições, conseguimos bem perceber que não será o mesmo que testar 200 pessoas.
Não me parece que isto seja também uma situação de desigualdade Norte/Lisboa. Como estarão os lares do Alentejo? Tenho uma tia nesta situação e que eu saiba ninguém foi testado ainda no lar onde está. É um trabalho demorado testar toda a gente nos lares e é necessário estabelecer critérios para quem vai ser testado, tão só isso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
joevalve
Membro AAP
joevalve

Mensagens : 209
Data de inscrição : 02/08/2010
Localização : paranhos - porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyDom Maio 03 2020, 20:13

Para os indignados do vento sul com o texto publicado aqui têm mais uma prova de como o Norte é tratado, deste vez pela TAP, companhia falida há muitos anos mas que tem de ser mantida a bem de Portugal:

«Movimento de Rui Moreira considera redução de rotas da TAP “insultuosa” para a região

O 'Porto, o Nosso Movimento', movimento independente liderado pelo presidente da Câmara do Porto, considerou hoje "insultuoso" para a região que a TAP "enquanto pede dinheiro público para sobreviver" planeie retomar atividade "com uma desproporção no número de rotas".

Num comunicado que tem como título "TAP 'regional' com dinheiros públicos não", o movimento sublinha estar ao lado de Rui Moreira na defesa "da região do país que mais contribui para a economia nacional", reagindo assim a uma notícia de sexta-feira do Jornal de Notícias que dá conta de que a TAP vai retomar a atividade - interrompida pela pandemia da covid-19 - com 71 rotas a partir do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, e com apenas três com partida do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na Maia, distrito do Porto.

"A TAP é uma empresa semi-pública. Quer isto dizer que, metade do seu capital, resulta do esforço de todos os portugueses com os seus impostos. Para regressar à operação, no âmbito da crise que vivemos, precisa que o Estado aumente a sua participação, entrando com mais dinheiro público para o seu capital ou garantindo dívida com aval soberano. De uma forma ou de outra, usando o que é dos contribuintes", lê-se no comunicado do 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento considera que "a manutenção de uma companhia de bandeira, suportada com dinheiro público, não é uma inevitabilidade", apontando que "foi uma opção do Governo, com o apoio dos partidos à sua esquerda", para concluir: "Como a privatização, mal desenhada, tinha também sido uma opção do Estado".

Assim, para o 'Porto, o Nosso Movimento', "socorrer a TAP com dinheiros públicos" agora "pode ser necessário, se Portugal quiser continuar a ter uma companhia de bandeira para fazer serviço público". Contudo, esta associação cívica diz não aceitar que "esse serviço público, sustentado por dinheiros públicos, seja concentrado num único aeroporto, favorecendo uma única região", referindo-se à zona de Lisboa em detrimento do Norte.

"Se o Governo e os partidos políticos entendem que uma empresa regional que presta um serviço público de âmbito marcadamente regional deve ser apoiada com dinheiros públicos, deve deixar que sejam os municípios, as Comunidades Intermunicipais ou as Áreas Metropolitanas beneficiadas, com fundos próprios, a apoiarem essa empresa, entrando no seu capital", defendeu o 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento recusa que "aos empresários e cidadãos das restantes regiões do país" paguem "um serviço de que são privados, por decisões não escrutináveis e tomadas por privados no uso de dinheiros públicos" e sublinha que "a retoma da economia, a necessidade que o Norte tem em matéria de viagens de negócios e o potencial que o aeroporto do Porto vinha demonstrando nos últimos anos, a produção industrial que a Região garante ao país, tornam, por isso, inaceitável um programa de retoma da TAP centrado em Lisboa", isto, acrescenta, "em claro abandono da região mais produtiva do país".

"Consideramos, por isso, insultuosa para a região, que a TAP, enquanto pede dinheiro público para sobreviver, não consiga esconder que planeia retomar a sua atividade com uma desproporção de 71 para três em número de rotas, podendo a desproporção ser ainda maior quanto ao número de voos", lê-se na nota.

Por fim, o movimento, frisando estar ao lado do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, condena um "assalto à região do país que mais contribui para a economia nacional", falando em cidadãos e empresários prejudicados.

"A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento não aceita (...) que os escassos recursos nacionais continuem a ser delapidados em apoios e financiamentos que, mais uma vez, partem de uma visão centralista e autista do país", termina a nota.

Também hoje o presidente da Câmara de Viana do Castelo apelou para a intervenção do Governo no sentido de aumentar o número de rotas no aeroporto do Porto, enquanto a presidente da Câmara de Matosinhos disse, à Lusa, na sexta-feira que via com "muita preocupação" a proposta da comissão executiva da TAP em reduzir a operação no aeroporto do Porto a três rotas, ainda que se tenha mostrado confiante que o Governo defenderá a região.» in https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/movimento-de-rui-moreira-considera-reducao-de-rotas-da-tap-insultuosa-para-a-regiao
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
Alexandre Vieira

Mensagens : 7818
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 51
Localização : The Other Band

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyDom Maio 03 2020, 21:50

joevalve escreveu:
Para os indignados do vento sul com o texto publicado aqui têm mais uma prova de como o Norte é tratado, deste vez pela TAP, companhia falida há muitos anos mas que tem de ser mantida a bem de Portugal:

«Movimento de Rui Moreira considera redução de rotas da TAP “insultuosa” para a região

O 'Porto, o Nosso Movimento', movimento independente liderado pelo presidente da Câmara do Porto, considerou hoje "insultuoso" para a região que a TAP "enquanto pede dinheiro público para sobreviver" planeie retomar atividade "com uma desproporção no número de rotas".

Num comunicado que tem como título "TAP 'regional' com dinheiros públicos não", o movimento sublinha estar ao lado de Rui Moreira na defesa "da região do país que mais contribui para a economia nacional", reagindo assim a uma notícia de sexta-feira do Jornal de Notícias que dá conta de que a TAP vai retomar a atividade - interrompida pela pandemia da covid-19 - com 71 rotas a partir do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, e com apenas três com partida do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na Maia, distrito do Porto.

"A TAP é uma empresa semi-pública. Quer isto dizer que, metade do seu capital, resulta do esforço de todos os portugueses com os seus impostos. Para regressar à operação, no âmbito da crise que vivemos, precisa que o Estado aumente a sua participação, entrando com mais dinheiro público para o seu capital ou garantindo dívida com aval soberano. De uma forma ou de outra, usando o que é dos contribuintes", lê-se no comunicado do 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento considera que "a manutenção de uma companhia de bandeira, suportada com dinheiro público, não é uma inevitabilidade", apontando que "foi uma opção do Governo, com o apoio dos partidos à sua esquerda", para concluir: "Como a privatização, mal desenhada, tinha também sido uma opção do Estado".

Assim, para o 'Porto, o Nosso Movimento', "socorrer a TAP com dinheiros públicos" agora "pode ser necessário, se Portugal quiser continuar a ter uma companhia de bandeira para fazer serviço público". Contudo, esta associação cívica diz não aceitar que "esse serviço público, sustentado por dinheiros públicos, seja concentrado num único aeroporto, favorecendo uma única região", referindo-se à zona de Lisboa em detrimento do Norte.

"Se o Governo e os partidos políticos entendem que uma empresa regional que presta um serviço público de âmbito marcadamente regional deve ser apoiada com dinheiros públicos, deve deixar que sejam os municípios, as Comunidades Intermunicipais ou as Áreas Metropolitanas beneficiadas, com fundos próprios, a apoiarem essa empresa, entrando no seu capital", defendeu o 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento recusa que "aos empresários e cidadãos das restantes regiões do país" paguem "um serviço de que são privados, por decisões não escrutináveis e tomadas por privados no uso de dinheiros públicos" e sublinha que "a retoma da economia, a necessidade que o Norte tem em matéria de viagens de negócios e o potencial que o aeroporto do Porto vinha demonstrando nos últimos anos, a produção industrial que a Região garante ao país, tornam, por isso, inaceitável um programa de retoma da TAP centrado em Lisboa", isto, acrescenta, "em claro abandono da região mais produtiva do país".

"Consideramos, por isso, insultuosa para a região, que a TAP, enquanto pede dinheiro público para sobreviver, não consiga esconder que planeia retomar a sua atividade com uma desproporção de 71 para três em número de rotas, podendo a desproporção ser ainda maior quanto ao número de voos", lê-se na nota.

Por fim, o movimento, frisando estar ao lado do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, condena um "assalto à região do país que mais contribui para a economia nacional", falando em cidadãos e empresários prejudicados.

"A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento não aceita (...) que os escassos recursos nacionais continuem a ser delapidados em apoios e financiamentos que, mais uma vez, partem de uma visão centralista e autista do país", termina a nota.

Também hoje o presidente da Câmara de Viana do Castelo apelou para a intervenção do Governo no sentido de aumentar o número de rotas no aeroporto do Porto, enquanto a presidente da Câmara de Matosinhos disse, à Lusa, na sexta-feira que via com "muita preocupação" a proposta da comissão executiva da TAP em reduzir a operação no aeroporto do Porto a três rotas, ainda que se tenha mostrado confiante que o Governo defenderá a região.» in https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/movimento-de-rui-moreira-considera-reducao-de-rotas-da-tap-insultuosa-para-a-regiao

Estimado Joevalve

Parece-me que não existem por aqui indignados e muito menos mal intencionados, e sublinho que a administração deu uma enorme latitude a este tópico, MAS NÃO SERÁ AQUI NESTE FÓRUM, que teremos guerras norte-sul, Benfica-Sporting e muito menos ideias populistas que não nos levam a lado nenhum.Existem locais mais apropriados para isso. E por outro lado eu respeito demasiado o País todo para que me veja exercer, através do comentário, a minha realidade de modo a querer vender a ideia a todos para que tomem o todo por uma parte; e acredito piamente que a democracia é exercida no momento do voto, eu posso não estar feliz mas expresso-o nos sítios certos, este nosso espaço é precisamente para espairecer e sair da realidade que nos afeta, pois acredito que a música o seu exercício e estima é meio caminho para a paz entre os homens.

Este aparte é totalmente da minha autoria não tendo trocado qualquer impressão com os restantes membros da administração ou com quem quer que seja, pelo que é da minha inteira responsabilidade.

Um forte abraço  PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 843159

Alexandre Vieira
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ferpina
Membro AAP
Ferpina

Mensagens : 10627
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 65
Localização : Assado - Perú

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyDom Maio 03 2020, 23:00

Alexandre Vieira escreveu:
Estimado Joevalve

Parece-me que não existem por aqui indignados e muito menos mal intencionados, e sublinho que a administração deu uma enorme latitude a este tópico, MAS NÃO SERÁ AQUI NESTE FÓRUM, que teremos guerras norte-sul, Benfica-Sporting e muito menos ideias populistas que não nos levam a lado nenhum.Existem locais mais apropriados para isso. E por outro lado eu respeito demasiado o País todo para que me veja exercer, através do comentário, a minha realidade de modo a querer vender a ideia a todos para que tomem o todo por uma parte; e acredito piamente que a democracia é exercida no momento do voto, eu posso não estar feliz mas expresso-o nos sítios certos, este nosso espaço é precisamente para espairecer e sair da realidade que nos afeta, pois acredito que a música o seu exercício e estima é meio caminho para a paz entre os homens.

Este aparte é totalmente da minha autoria não tendo trocado qualquer impressão com os restantes membros da administração ou com quem quer que seja, pelo que é da minha inteira responsabilidade.

Um forte abraço  PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 843159

Alexandre Vieira

O qual (o aparte) eu aprovo na íntegra PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 58893

Vamos ter alguma contenção nas palavras escritas, seja qual for a nossa ideologia, religião, credo, cor, ou outra "m&#%ice" qualquer.
Há temas melindrosos, políticamente correctos ou não, aliás este tópico é fértil nisso, mas acima de tudo e apesar de estarmos em "Off Topic" haja bom senso entre todos os intervenientes. A minha escrita não se dirige exclusivamente ao autor do tópico, mas a todos os participantes no mesmo.

_________________
PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Signat10
PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Vu-1_z10 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Vu-1_z10
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5794
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 08:40

joevalve escreveu:
Ficamos a saber ainda que estes jovens, só machos, robustos, pujantes, bem tratados  são “refugiados” das “terríveis guerras” entre o Egipto e a Costa do Marfim e “tenebrosos conflitos” entre o Burkina Farso e a Eritreia. E que são transportados aos magotes, através de milhares de Kilómetros,  pelas ONG’s esquerdistas e recebidos com estrondo pelos governos socialistas de  alguns países ocidentais, na efectivação do Plano Kalergi, que mais não visa que a destruição da Europa e da civilização branca ocidental.

Meu caro joevalve,

Confesso que te julgava um defensor da liberdade mas mais uma vez se confirma que o virus do conservadorismo que vive adormecido em cada um de nós se torna activo com com a idade.

A crítica às prioridades desviadas do Governo é legítima mas se o parágrafo acima não tresanda a xenófobia e a nacionalismo bacôco...
Ainda não passaram 50 anos e já há quem esteja disposto a eleger um Governo populista, Fascista, reacionário, bolorento. Em visita a Portugal no Natal passado fiquei surpreendido e triste com a a-tracção que um recém-nascido partido Facho provocava em alguns dos meus familiares, velhos, mas também novos.

Embora eu até aceite alguns dos argumentos utilizados para apoiar esse estranho apetite recente por líderes populistas, tinha esperanças, talvez infundadas ou iludidas, de que a patética insensatez e o discurso vazio não atraíssem o grosso mais racional e sensato do eleitorado, que apesar de tudo não vive mal.
Infelizmente, vários idiotas encartados têm recebido carta branca para governar e agora que a humanidade se vê a braços com uma crise de proporções galácticas os eleitores estão a ter aquilo que merecem...

Mas vivemos uma época dominada pela opinião e não pela razão, pelas verdades alternativas (aquelas de que gostamos ou que a imprensa nos impinge) em vez dos factos, pelo julgamento na praça pública das redes sociais e dos mídia em vez de nos tribunáis, pela morte lenta mas certa da ferramenta mais importante da Democracia que é a imprensa livre e imparcial.

A história, cíclica repete-se: humanos, pouco cultos, individualistas, liderados por burros em num mundo pós-verdade. Trump, Erdogan, Bolsonaro, Salvini, Boris, Orban...

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Proxy.php?image=https%3A%2F%2Fi.imgur.com%2FdVMiex9
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5794
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 08:47

joevalve escreveu:
Para os indignados do vento sul com o texto publicado aqui têm mais uma prova de como o Norte é tratado, deste vez pela TAP, companhia falida há muitos anos mas que tem de ser mantida a bem de Portugal:

«Movimento de Rui Moreira considera redução de rotas da TAP “insultuosa” para a região

O 'Porto, o Nosso Movimento', movimento independente liderado pelo presidente da Câmara do Porto, considerou hoje "insultuoso" para a região que a TAP "enquanto pede dinheiro público para sobreviver" planeie retomar atividade "com uma desproporção no número de rotas".

Num comunicado que tem como título "TAP 'regional' com dinheiros públicos não", o movimento sublinha estar ao lado de Rui Moreira na defesa "da região do país que mais contribui para a economia nacional", reagindo assim a uma notícia de sexta-feira do Jornal de Notícias que dá conta de que a TAP vai retomar a atividade - interrompida pela pandemia da covid-19 - com 71 rotas a partir do Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, e com apenas três com partida do Aeroporto Francisco Sá Carneiro, na Maia, distrito do Porto.

"A TAP é uma empresa semi-pública. Quer isto dizer que, metade do seu capital, resulta do esforço de todos os portugueses com os seus impostos. Para regressar à operação, no âmbito da crise que vivemos, precisa que o Estado aumente a sua participação, entrando com mais dinheiro público para o seu capital ou garantindo dívida com aval soberano. De uma forma ou de outra, usando o que é dos contribuintes", lê-se no comunicado do 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento considera que "a manutenção de uma companhia de bandeira, suportada com dinheiro público, não é uma inevitabilidade", apontando que "foi uma opção do Governo, com o apoio dos partidos à sua esquerda", para concluir: "Como a privatização, mal desenhada, tinha também sido uma opção do Estado".

Assim, para o 'Porto, o Nosso Movimento', "socorrer a TAP com dinheiros públicos" agora "pode ser necessário, se Portugal quiser continuar a ter uma companhia de bandeira para fazer serviço público". Contudo, esta associação cívica diz não aceitar que "esse serviço público, sustentado por dinheiros públicos, seja concentrado num único aeroporto, favorecendo uma única região", referindo-se à zona de Lisboa em detrimento do Norte.

"Se o Governo e os partidos políticos entendem que uma empresa regional que presta um serviço público de âmbito marcadamente regional deve ser apoiada com dinheiros públicos, deve deixar que sejam os municípios, as Comunidades Intermunicipais ou as Áreas Metropolitanas beneficiadas, com fundos próprios, a apoiarem essa empresa, entrando no seu capital", defendeu o 'Porto, o Nosso Movimento'.

O movimento recusa que "aos empresários e cidadãos das restantes regiões do país" paguem "um serviço de que são privados, por decisões não escrutináveis e tomadas por privados no uso de dinheiros públicos" e sublinha que "a retoma da economia, a necessidade que o Norte tem em matéria de viagens de negócios e o potencial que o aeroporto do Porto vinha demonstrando nos últimos anos, a produção industrial que a Região garante ao país, tornam, por isso, inaceitável um programa de retoma da TAP centrado em Lisboa", isto, acrescenta, "em claro abandono da região mais produtiva do país".

"Consideramos, por isso, insultuosa para a região, que a TAP, enquanto pede dinheiro público para sobreviver, não consiga esconder que planeia retomar a sua atividade com uma desproporção de 71 para três em número de rotas, podendo a desproporção ser ainda maior quanto ao número de voos", lê-se na nota.

Por fim, o movimento, frisando estar ao lado do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, condena um "assalto à região do país que mais contribui para a economia nacional", falando em cidadãos e empresários prejudicados.

"A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento não aceita (...) que os escassos recursos nacionais continuem a ser delapidados em apoios e financiamentos que, mais uma vez, partem de uma visão centralista e autista do país", termina a nota.

Também hoje o presidente da Câmara de Viana do Castelo apelou para a intervenção do Governo no sentido de aumentar o número de rotas no aeroporto do Porto, enquanto a presidente da Câmara de Matosinhos disse, à Lusa, na sexta-feira que via com "muita preocupação" a proposta da comissão executiva da TAP em reduzir a operação no aeroporto do Porto a três rotas, ainda que se tenha mostrado confiante que o Governo defenderá a região.» in https://24.sapo.pt/atualidade/artigos/movimento-de-rui-moreira-considera-reducao-de-rotas-da-tap-insultuosa-para-a-regiao

A inteligência de estruturar toda uma economia numa única atividade, o Turismo, começa a mostrar fragilidades.

A culpa não é, apenas, do Governo central, mas também, dos Governos locais. Populismo dá nisto.


Talvez seja hora de escutar as palavras sábias de 30 anos por um poeta Luso:

Estimado ouvinte, já que agora estou consigo
Peço apenas dois minutos de atenção
É pra contar a história de um amigo
Casimiro Baltazar da Conceição

O Casimiro, talvez você não conheça
a aldeia donde ele vinha nem vem no mapa
mas lá no burgo, por incrível que pareça
era, mais famoso que no Vaticano o Papa

O Casimiro era assim como um vidente
tinha um olho mesmo no meio da testa
isto pra lá dos outros dois é evidente
por isso façamos que ia dormir a sesta

Ficava de olho aberto
via as coisas de perto
que é uma maneira de melhor pensar
via o que estava mal
e como é natural
tentava sempre não se deixar enganar
(e dizia ele com os seus botões:)

Cuidado, Casimiro
cuidado com as imitações
Cuidado, minha gente
Cuidado justamente com as imitações

Lá na aldeia havia um homem que mandava
toda a gente, um por um, por-se na bicha
e votar nele e se votassem lá lhes dava
um bacalhau, um pão-de-ló, uma salsicha

E prometeu que construía um hospital
Uma escola e prédios de habitação
e uma capela maior que uma catedral
pelo menos a julgar pela descrição

Mas... O Casimiro que era fino do ouvido
tinha as orelhas equipadas com radar
ouvia o tipo muito sério e comedido
mas lá por dentro com o rabinho a dar, a dar

E... punha o ouvido atento
via as coisas por dentro
que é uma maneira de melhor pensar
via o que estava mal
e como é natural
tentava sempre não se deixar enganar
(e dizia ele com os seus botões:)

Cuidado, Casimiro
cuidado com as imitações
Cuidado, minha gente
Cuidado justamente com as imitações

Ora o tal tipo que mandava lá na aldeia
estava doido, já se vê, com o Casimiro
de cada vez que sorria à plateia
lá se lhe viam os dentes de vampiro

De forma que pra comprar o Casimiro
em vez do insulto, do boicote, da ameaça
disse-lhe: Sabe que no fundo o admiro
Vou erguer-lhe uma estátua aqui na praça

Mas... O Casimiro que era tudo menos burro
tinha um nariz que parecia um elefante
sentiu logo que aquilo cheirava a esturro
ser honesto não é só ser bem falante

A moral deste conto
vou resumi-la e pronto
cada qual faz o que melhor pensar
Não é preciso ser
Casimiro pra ter
sempre cuidado pra não se deixar levar.


Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 6803
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 10:23

joevalve escreveu:
... Por fim, o movimento, frisando estar ao lado do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, condena um "assalto à região do país que mais contribui para a economia nacional", falando em cidadãos e empresários prejudicados.

"A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento não aceita (...) que os escassos recursos nacionais continuem a ser delapidados em apoios e financiamentos que, mais uma vez, partem de uma visão centralista e autista do país", termina a nota. ...

(TEXTO SUPRIMIDO)

Agora que jà li as suas bacoradas e que escrevi as minhas ... seria bom de acabar com os textos polémicos que distila actualmente aqui no forum. Existém de certeza outros sitios mais adaptados para a partilha e proliferação das suas ideias. As lutas politicas aqui no AAP é mais entre Vinilo e Digital Wink


Última edição por TD124 em Seg Maio 04 2020, 11:00, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
antpaubarcar
Membro AAP


Mensagens : 1001
Data de inscrição : 20/12/2013

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 10:53

TD124 escreveu:
joevalve escreveu:
... Por fim, o movimento, frisando estar ao lado do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, condena um "assalto à região do país que mais contribui para a economia nacional", falando em cidadãos e empresários prejudicados.

"A Associação Cívica Porto, o Nosso Movimento não aceita (...) que os escassos recursos nacionais continuem a ser delapidados em apoios e financiamentos que, mais uma vez, partem de uma visão centralista e autista do país", termina a nota. ...

(TEXTO SUPRIMIDO)

Agora que jà li as suas bacoradas e que escrevi as minhas ... seria bom de acabar com os textos polémicos que distila actualmente aqui no forum. Existém de certeza outros sitios mais adaptados para a partilha e proliferação das suas ideias. As lutas politicas aqui no AAP é mais entre Vinilo e Digital Wink

Continuar a dar seguimento a esta diatribe, ainda que ironicamente, é perigoso PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 57537
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 6803
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 10:59

antpaubarcar escreveu:
... Continuar a dar seguimento a esta diatribe, ainda que ironicamente, é perigoso PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 57537

Tém razão amigo antpaubarcar 2cclzes

Aliàs, vou suprimir o meu texto PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 4019496139

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
antpaubarcar
Membro AAP


Mensagens : 1001
Data de inscrição : 20/12/2013

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 11:04

Caro TD 124 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 754215

O áudio é muito subjectivo mas a política parece- - me ser pior PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 317942 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 317942 PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 317942


Última edição por antpaubarcar em Seg Maio 04 2020, 11:43, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
Alexandre Vieira

Mensagens : 7818
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 51
Localização : The Other Band

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 11:31

De facto andamos todos muitos susceptíveis e temos que ter cuidado.

Alguma vezes o melhor assunto é não existir assunto que nos faça minimizar, porque no final do dia todos temos as nossas convicções.

Este espaço tem sido, pelo menos para mim, uma lição de vida pelas melhores razões, fiz amigos para a vida, tenho sentido que temos lutado por uma sociedade melhor e mais solidária e temos realizado ações culturais e sociais com relevo público.

No final do dia isso é que conta.

Como diria alguém

Here..." we never walk alone" PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS 491368
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel

Mensagens : 8393
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 39
Localização : A Norte, ainda a Norte...

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 12:41

Alexandre Vieira escreveu:
De facto andamos todos muitos susceptíveis e temos que ter cuidado.

Alguma vezes o melhor assunto é não existir assunto que nos faça minimizar, porque no final do dia todos temos as nossas convicções.
(...)

Esta não é uma resposta ao Alexandre, uso apenas a referência para expressar uma opinião. Wink

Eu sou da opinião que um bom debate é o caminho para a evolução das ideias e é em âmbito de debate que todas as ideias devem ser colocadas, até aquelas aparentemente mais estranhas. Do confronto de ideias não sairão vencedores e vencidos, antes todos mais instruídos - rima e é verdade. Smile


Quando vejo o que aqui vai sendo partilhado, não me identifico. O primeiro texto, mesmo que se quisesse levar a acreditar que é sobre as diferenças Norte/Sul, não deixa de ser um péssimo exercício argumentativo, alunos do décimo ano, depois das aulas de Lógica, saberiam perfeitamente desmontar os argumentos inválidos.

Todos os preconceitos nascem de desconhecimento e persistem pela ignorância.

Desconhecimento é algo absolutamente natural no Homem, nenhum sabe tudo e por isso todos juntos sabemos mais.

Ignorância é algo contra-natura, porque nós somos curiosos por natureza e a ignorância é a falta de querer saber - no fundo é uma escolha, dado que contraria a nossa natureza.


A reposta a este tipo de textos deve existir, com mais ou menos humor, ironia, desde que não se pise a linha do Respeito.

Não entendo a razão do Paulo ter retirado o seu texto, ele estava tão distante da realidade... os preconceitos têm que ser iluminados para serem eliminados, depois não se tratará de convicção, mas de ignorância.


Ah! Um lar do Norte serviu de exemplo a nível nacional, a instituição que conheço muito bem (sou natural daquela terrinha de Santo Tirso) fez com que os colaboradores ficassem a residir (Sim!) dentro do lar, para não haver contágio ou linhas de contágio. Para a rotação das equipas, quinze dias, são realizados testes.

Dá que pensar, um sacrifício incrível, conheço algumas das famílias e sei o que passam... o lar é privado, mas quem lá trabalha não tem ordenados principescos.
Agora pensemos um pouquinho: quantas famílias foram buscar os seus idosos para os salvaguardar dentro das suas casas?
Estão em casa, têm tempo, maior nível de segurança e controlo, ... não entendo.

Que tal lutar por uma sociedade mais completa em vez de mais dividida?


Sobre esta guerrinha que o senhor Rui Moreira gosta de alimentar, convém pensar bem no que se vai lendo. Portugal é demasiado pequeno para divisões artificiais. Não é a primeira vez (e não será a última) que a TAP decide ter em Lisboa mais voos e até há razões económicas que o justificam. Para lá disto, o Aeroporto Francisco Sá Carneiro estava a crescer em número de voos e em número de turistas.
Pensemos um pouco: a estratégia da empresa TAP é questionável como?
Não se quer lá enfiar mais dinheiro público, mas devem manter-se operações pouco lucrativas?

São perguntas que gostava de ver respondidas, porque o debate sobre o Turismo em Portugal continua, mesmo que a realidade das notícias não o faça notar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 6803
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 13:21

José Miguel escreveu:
... Não entendo a razão do Paulo ter retirado o seu texto, ele estava tão distante da realidade... os preconceitos têm que ser iluminados para serem eliminados, depois não se tratará de convicção, mas de ignorância...

O meu texto era complétamente ironico e sém nenhuma correspondência com o meu intimo sentir. Quiz combater o absurdo pelo absurdo, e o amigo antpaubarcar fez bem de salientar que era um "jogo perigoso" ... mandar gasolina para apagar um fogo nunca foi uma boa ideia Wink

O meu afastamento fisico em relação a Portugal tém ao menos o mérito de não me criar nenhuma forma de regionalismo ném de preconçeitos ... vejo o pais como um todo e é assim que o aprecio. Todavia, subscrevo tudo o que dizes, no entanto o meu desconhecimento da realidade nacional não me permite de possuir ném lucidez ném ponto de vista claro em relação a certos temas, este é um desses Embarassed

PS: No entanto como administrador admito que este topico me cria um evidente "mal estar". As multiplas alusões racistas, populistas, extremistas, regionalistas ... desagradam-me muitissimo como individuo, mas como administrador pergunto-me se textos deste tipo téem lugar no debate publico. Não tenho a resposta então não fechei o topico ném discuti com os meus colegas, mas o "mau estar" persiste...

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
Alexandre Vieira

Mensagens : 7818
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 51
Localização : The Other Band

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 13:54

TD124 escreveu:
José Miguel escreveu:
... Não entendo a razão do Paulo ter retirado o seu texto, ele estava tão distante da realidade... os preconceitos têm que ser iluminados para serem eliminados, depois não se tratará de convicção, mas de ignorância...

O meu texto era complétamente ironico e sém nenhuma correspondência com o meu intimo sentir. Quiz combater o absurdo pelo absurdo, e o amigo antpaubarcar fez bem de salientar que era um "jogo perigoso" ... mandar gasolina para apagar um fogo nunca foi uma boa ideia Wink

O meu afastamento fisico em relação a Portugal tém ao menos o mérito de não me criar nenhuma forma de regionalismo ném de preconçeitos ... vejo o pais como um todo e é assim que o aprecio. Todavia, subscrevo tudo o que dizes, no entanto o meu desconhecimento da realidade nacional não me permite de possuir ném lucidez ném ponto de vista claro em relação a certos temas, este é um desses Embarassed

PS: No entanto como administrador admito que este topico me cria um evidente "mal estar". As multiplas alusões racistas, populistas, extremistas, regionalistas ... desagradam-me muitissimo como individuo, mas como administrador pergunto-me se textos deste tipo téem lugar no debate publico. Não tenho a resposta então não fechei o topico ném discuti com os meus colegas, mas o "mau estar" persiste...

cheers

Eu acho que este tópico deixou de fazer qualquer tipo de sentido pelo mau estar, pelo que publicamente transmito a minha opinião, acho que era de o encerrar. Porque o preconceito existe, eu próprio padeço de um preconceito que me baliza a minha vida, de que mais vale mal menor que um mal maior.
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel

Mensagens : 8393
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 39
Localização : A Norte, ainda a Norte...

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 14:11

Este tópico começou de forma torta e bem diz o povo que "pau que nasce torto, tarde ou nunca se endireita"...

O problema que quase todos conseguem ver, tem excepções, mas se a visão for alargada, este é um problema global, bem mais sério.

Os noticiários parecem entretenimento, o vírus vende e permite que muito se vá fazendo nas sombras. Pessoalmente não me agrada nada este tipo de textos, mas estes permitem que se observe como anda a sociedade. Daqui a uns dias as pessoas que escrevem e partilham textos como os que aqui vemos, mudando as notícias, estarão a partilhar sobre outros assuntos - protecção de dados, segurança, a União Europeia, ...


Paulo e Alexandre, comentar aqui não é algo menor (as respostas são educadas e pertinentes), ainda ontem se falava de pensamento e acção em outro tópico, pois bem, é hora de pensar e agir!

Fechar este tópico não resolve nada, outros nascerão. O silêncio é o espaço próprio para que coisas destas se desenvolvam, não se transforme algo tão errado em "mártir", combata-se de forma racional.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5794
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 15:36

Eu saí de Portugal no seguimento da crise. Fechei a minha empresa no dia 31 de Dezembro de 2012 por falta de trabalho.
Deixei o meu país, a família alargada e os amigos, o sol e a língua em busca de melhores condições.
Sou um emigrante económico.
Sorte a minha de não ser um refugiado...


Última edição por ricardo onga-ku em Seg Maio 04 2020, 15:37, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5794
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptySeg Maio 04 2020, 15:37

José Miguel escreveu:
Este tópico começou de forma torta e bem diz o povo que "pau que nasce torto, tarde ou nunca se endireita"...

O problema que quase todos conseguem ver, tem excepções, mas se a visão for alargada, este é um problema global, bem mais sério.

Os noticiários parecem entretenimento, o vírus vende e permite que muito se vá fazendo nas sombras. Pessoalmente não me agrada nada este tipo de textos, mas estes permitem que se observe como anda a sociedade. Daqui a uns dias as pessoas que escrevem e partilham textos como os que aqui vemos, mudando as notícias, estarão a partilhar sobre outros assuntos - protecção de dados, segurança, a União Europeia, ...


Paulo e Alexandre, comentar aqui não é algo menor (as respostas são educadas e pertinentes), ainda ontem se falava de pensamento e acção em outro tópico, pois bem, é hora de pensar e agir!

Fechar este tópico não resolve nada, outros nascerão. O silêncio é o espaço próprio para que coisas destas se desenvolvam, não se transforme algo tão errado em "mártir", combata-se de forma racional.
2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
Mário Franco

Mensagens : 2473
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 62

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyTer Maio 05 2020, 22:05

Peço o favor de não se sentirem ofendidos mas o mais triste deste tópico não é a traulidantia (já houve em Portugal um reino dos trauliteiros) nem o seu antitético coro do humanismo beato, o que entristece é a dificuldade de subir um degrau.

Porque motivo tantos lares da Santa Casa da Misericórdia solicitaram a ajuda do Estado? Para onde vão as receitas do jogo? Onde está a rentabilização do extenso património imobiliário da Santa Casa? Onde estão os bens doados? Etc etc.

Fiz uma pesquisa por "União das Misericórdias Portuguesas" e li os estatutos. Depois de ler os ditos estatutos ainda fiquei mais estúpido (já não perdi tudo com este tópico).

Se passarmos para a "outra banda" a "causa" também me parece turva, o organismo oficial português para os refugiados é o Conselho Português para os Refugiados" lá fui outra vez à net ver o site das criaturas e de facto parece tudo muito arrumadinho com muitos planos e projectos (é claro que o suminho não está à vista mas adorava ter paciência para esgravatar o âmago desta instituição Laughing).

Resumindo, para além das boas e das más intenções os velhos estão lixados e os refugiados também mas graças a Deus as Misericórdias prosseguem abençoadas pela sacra igreja e os refugiados amparado pela sacra política.

Saúde e Fraternidade.

(está tudo bem enquanto a Cambridge Analytica e seus congéres valorizarem o nossa valência de consumo  Laughing)
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 6803
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyQua Maio 06 2020, 11:13

Mário Franco escreveu:
Peço o favor de não se sentirem ofendidos mas o mais triste deste tópico não é a traulidantia (já houve em Portugal um reino dos trauliteiros) nem o seu antitético coro do humanismo beato, o que entristece é a dificuldade de subir um degrau. ...

Efectivamente amigo Màrio, uma visão mais abrangente mostra que por detràs das atitudes humanas ou de estado existe "quase" sempre uma relação de interesse e de lucro, no seu vasto sentido...

Muitas pessoas, geralmente ocidentais, que trabalham em ONG's no terçeiro mundo téem salàrios "muito" superiores à média europeia e infinitamente superior à média do pais aonde estão ... os migrantes são bem acolhidos em portugal pois a falta de mão de obra não especialisada é patente e que os salarios são demasiado baixos para atrair outros europeus ou norte africanos ... as instituições caritativas e de solidadriedade no mundo ocidental, religiosas ou não, pagam geralmente bem os quadros dirigentes e funcionam como uma empresa venal ... o social, a solidariedade e a entre-ajuda são bens de consumo hoje em dia, basta ver a hipocrita ajuda da china à italia e à espanha contra o COVID e poderiamos citar montes e montes de exemplos perversos e hipocritas deste tipo !!!...

No entanto, fugir do leproso não é combater a lepra ... de mesmo que utilisar as nojentas atitudes estatais ou privadas como argumento para defender um ideal populista, xenofobo ou racista também não me pareçe ser a via para resolver os cancros sociais supracitados. A sua intervenção tém como mérito de tomar altitude e de dar a ver os complexos bastidores do palco da sociedade actual, e é muito importante pois compreender é fundamental...

Resta a saber o que fazer com esse conhecimento e é aqui que a porca torçe o rabo  2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal

Mensagens : 861
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyQua Maio 06 2020, 12:04

Mário Franco escreveu:
Peço o favor de não se sentirem ofendidos mas o mais triste deste tópico não é a traulidantia (já houve em Portugal um reino dos trauliteiros) nem o seu antitético coro do humanismo beato, o que entristece é a dificuldade de subir um degrau.


Caro Mário Franco
Meter teorias de supremacia branca e humanismo beato no mesmo saco é forte...

Não pretendo alimentar mais polémicas sobre refugiados neste fórum (num tópico algures nesta rubrica e alguns anos atrás, muita água correu e ficou patente a deselegância a que se pode chegar quando se discutem assuntos divisivos), mas do alto do meu "humanismo beato" lhe declaro: eu faria o mesmíssimo esforço para, numa dificuldade da vida, o ajudar a si que presumo branco e português de sete costados, como faria para ajudar um preto, um amarelo, um vermelho ou um azul. Como faria para ajudar um sírio, um etíope, um somali, um chinês ou um esquimó.
E não é por considerar todos filhos de Deus, este é um pai em que não acredito. Apenas porque descobri que no momento da morte todos sofrem da mesma aflição.
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal

Mensagens : 861
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyQua Maio 06 2020, 13:03

"PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS"
Pelos vistos não se trata apenas de um país, o nosso, mas de todos por essa Europa fora e por outros continentes também. Apenas a miopia (ou demagogia) do autor não lhe permite essa percepção.

Com a crise do COVID19 ficou a nu a forma desleixada como nós (as sociedades ditas mais desenvolvidas) tratamos os nossos velhos. Na realidade transformamos a velhice num lucrativo e demasiadas vezes desonesto negócio que envolve privados (particulares e empresas), IPSS's e outros tipos de instituições ou associações.
Os nossos velhos são roubados, expoliados dos seus bens imóveis, explorados. Passam fome, passam frio e são-lhes prestados parcos cuidados de saúde. A alguns é-lhes abreviado o tempo de vida...
Apontar o dedo a um país ou a uma instituição e esquecer que, e infelizmente, esta situação é generalizada, esquecer que é, sobretudo, um problema da nossa organização enquanto sociedade, não aporta nenhum benefício à discussão saudável do problema.
Cada vez mais o ser humano é uma máquina descartável como qualquer outra máquina. Deixou de ser produtivo? Arruma-se de forma a não estorvar a produtividade e procura-se substituto. A forma como se arruma? Qualquer forma serve desde que o retire da cadeia de produção e, de preferência, também da vista.

Talvez seja dura a comparação mas deixo-a:
Todos nós, os que não fazem parte do vértice da pirâmide, somos como vacas numa vacaria. Quando o leite seca somos transformados em ração para animais.

Uma nota: Felizmente existem instituições privadas e públicas que tratam dos nossos velhos com carinho e cuidado sem pedir demasiado em troca. São excepções. E há outras exclusivamente dedicadas aos que constituem o vértice da pirâmide. Nestas nada falta, mesmo que a peso de ouro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
José Miguel

Mensagens : 8393
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 39
Localização : A Norte, ainda a Norte...

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyQua Maio 06 2020, 13:31

Caro Argogal, a Sociedade ainda é do Homem, então se queremos algo diferente, temos mesmo que agir.

Vejo dedos apontados às Misericórdias, o Mário Franco decidiu ler os estatutos, mas pela mesma via poderia ler todos os Orçamentos e Contas das várias Misericórdias. Acusa uma instituição de contas públicas, que não é "santa", mas pelo menos pode ser fiscalizada.
Perguntar de forma retórica pelos valores só mesmo por razões que desconheço.

A conversa sobre os refugiados é mesmo estranha... será que é mesmo um problema de estatutos e dinheiro!?
Os refugiados são integrados numa sociedade, essa mesma sociedade pode servir de fiscalizadora sobre o trabalho das ONGs.


Eu já dei um exemplo diferenciador de Lar de Idosos, mas esse exemplo não serve para outros o replicarem, serve para reflectir.
É a Sociedade (total) que coloca os idosos em Lares ou são os familiares?
Esses mesmos familiares fiscalizam cada produto que compram, reclamam quando algo não está conforme prometido, mas no caso dos lares preferem ignorar.

Não entendo! Bastava aplicar a mesma exigência que têm nos hotéis e restaurantes...
Deixo uma dica para quem souber programar e quiser ganhar uns trocos: Laradviser...

Subir um degrau!?
Sim, cada um de nós que experimente enfrentar a escada e a suba. Não custa dinheiro, ter melhores Valores não custa dinheiro.


Criar divisões é mais fácil do que criar pontes, a História está aí para o provar e pode ler-se em qualquer lugar... até aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
agorgal

Mensagens : 861
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS EmptyQua Maio 06 2020, 15:10

Caro José Miguel
Estas atitudes para com os refugiados não são estranhas, são o pão nosso de cada dia quando há crise. Apenas um exemplo em dias não muito distantes: a ideologia nazi virou-se contra os judeus aquando da crise económica dos anos 30. Até essa altura a atitude negativa para com os judeus não tinha vingado junto da população alemã (com alguma ironia da História: nos tempos de hoje os políticos israelitas - usando métodos e filosofia não muito distante da nazi - se viram contra os palestinianos sempre que uma crise, política ou económica, se avizinha). É muito fácil, nos discursos populistas bacocos, culpar os de religião, ideologia, país ou cor diferente das desgraças que nos acontecem. E o povo embarca como ovelha em rebanho. Chamo a isso condição humana, que nos rói ou corrompe enquanto sociedade.

A velhice, pois, é um problema de organização familiar e, consequentemente, social. Na maior parte dos casos são as famílias a entregar os velhos, porque não podem ou porque não querem, suportar a sua convivência. São sobejamente conhecidos os casos de abandono em ambiente hospitalar quando as festas se aproximam...
Talvez o tempo que vivemos desperte as consciências e alguma coisa melhore. Talvez este pequeno "animalzinho" que nos apoquenta e que virou o mundo de patas para o ar em apenas dois meses nos faça repensar a sociedade, repensar a tal condição humana.

Talvez sim, talvez não.
E daqui por um ano acordamos para uma sociedade melhor, igual ou ainda pior do que a que tivemos até agora.
É esta a minha grande dúvida.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty
MensagemAssunto: Re: PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS   PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
PAÍS MISERÁVEL QUE TRATA MAL OS SEUS IDOSOS
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Off Topic-
Ir para: