Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 O meu antro da desgraça

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 00:33

Bem vou começar de novo como inicialmente não coloquei fotos do meu antro da desgraça vou começar agora...






Voltar ao Topo Ir em baixo
Manel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1383
Data de inscrição : 12/06/2012

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 00:57

Uau. Muito bom mesmo. Um autentico "antro da desgraça" quando pensamos nas finanças, mas que certamente proporciona muitas horas de prazer.
O ambiente está muito bem conseguido. Parabéns.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 01:00

Eu consigo imaginar-me ali refastelado a ouvir umas grandes musicas.

Estive a colocar as fotos. Fizestes quase tudo bem, só te falta clicar onde diz "embed this image" e depois copias o link que diz "forum".

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 11:57

Manel escreveu:
Uau. Muito bom mesmo. Um autentico "antro da desgraça" quando pensamos nas finanças, mas que certamente proporciona muitas horas de prazer.
O ambiente está muito bem conseguido. Parabéns.


Obrigado. Ainda falta muita coisa mas o tempo não é muito do meu lado estou muitos dias fora de casa e é ali que gasto algum
do pouco que tenho.

Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
MF
Membro AAP
avatar

Mensagens : 115
Data de inscrição : 16/07/2012
Idade : 41
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 12:36

Olá Superfrik,

Muitos parabéns pelo sistema e pelo "estaminé" que tem excelente aspecto
Só umas questões e comentários... As paredes são mesmo em pedra como parecem, certo? Com tanta parede vazia o resultado final não é excessivamente "vivo"? Por outro lado a coluna da direita tão próxima da parede lateral (pelo menos parece) e o ponto de audição tão próximo da parede traseira também podem complicar a questão...

Boas audições!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 13:04

MF escreveu:
Olá Superfrik,

Muitos parabéns pelo sistema e pelo "estaminé" que tem excelente aspecto
Só umas questões e comentários... As paredes são mesmo em pedra como parecem, certo? Com tanta parede vazia o resultado final não é excessivamente "vivo"? Por outro lado a coluna da direita tão próxima da parede lateral (pelo menos parece) e o ponto de audição tão próximo da parede traseira também podem complicar a questão...

Boas audições!

Obrigado pelos comentários.
Sim as paredes são mesmo em pedra. A sala ainda irá sofrer várias alterações serão aplicadas nas paredes muitos objectos de colecção que ajudaram.
O tecto será forrado com esponja ondulada branca, será aplicado um móvel de suporte para os equipamentos por debaixo bancada de betão dos GD´s
o móvel terá apoios todos independentes que depois mostrarei em fotos entre...em relação à coluna ela esta afastada das paredes 50 cm unicamente parece na foto.
Agradeço os comentário e opiniões.

Abraço

Falta o ponto de audição, sim é bastante perto uns 3 metros mas para já este é o espaço que tenho para ir guardando as minhas colecções de vinil de equipamentos de som e a minha extensa colecção dos U2. Entretanto enviarei fotos da sala de cinema também temporária e depois a casa onde vou fazer ambas as salas de musica e cinema uma casa só para isso.....também é de pedra.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 13:29

António José da Silva escreveu:
Eu consigo imaginar-me ali refastelado a ouvir umas grandes musicas.

Estive a colocar as fotos. Fizestes quase tudo bem, só te falta clicar onde diz "embed this image" e depois copias o link que diz "forum".

Obrigado fartei-me de procurar o "embed this image" mas não encontrei entretanto coloquei outras que penso agora estar correcto.

Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ulrich
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011
Idade : 39
Localização : Aveiro

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 13:40


Parabéns pelo belo antro, e pelo material ,

só uma questão por que é que arrumaste os discos na zona da garrafeira?

Bincadeira lol!


Está tudo muito bem conseguido
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:06

Ulrich escreveu:



só uma questão por que é que arrumaste os discos na zona da garrafeira?


Se fosse comigo era uma desgraça, um LP, uma garrafa, outro LP......


drunken drunken drunken

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:09

Ulrich escreveu:

Parabéns pelo belo antro, e pelo material ,

só uma questão por que é que arrumaste os discos na zona da garrafeira?

Bincadeira lol!


Está tudo muito bem conseguido

curiosamente aquele cantinho era a entrada exterior do espaço.

Mas posso mandar umas fotos da adega que fica num moinho de água, grande contraste lol! vinho...água

Abraço Ulrich
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ulrich
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011
Idade : 39
Localização : Aveiro

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:14

Superfrik escreveu:

Mas posso mandar umas fotos da adega que fica num moinho de água, grande contraste lol! vinho...água

Abraço Ulrich

Manda , os moinhos são uma das maiores formas e folclore que ainda são preservadas em Portugal, é uma azenha ou de rodízio?

Desculpa o off-topic mas também ficavam aqui bem essas fotos, já percorri esta zona toda Vouzela, Viseu, Buçaco e as zonas de moinhos de água são o que resta da actividade industrial desses locais.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:19

António José da Silva escreveu:
Ulrich escreveu:



só uma questão por que é que arrumaste os discos na zona da garrafeira?


Se fosse comigo era uma desgraça, um LP, uma garrafa, outro LP......


drunken drunken drunken


Pois realmente estou a pensar em abrir uma porta no lugar da janela que dá para o lado da adega lol! depois fica o convite para vir
aqui à capital ouvir uns lps e abrir umas garrafas

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:23

Superfrik escreveu:



Pois realmente estou a pensar em abrir uma porta no lugar da janela que dá para o lado da adega lol! depois fica o convite para vir
aqui à capital ouvir uns lps e abrir umas garrafas



Passei muito tempo nessas terras de Viriatos.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 14:38

Ulrich escreveu:
Superfrik escreveu:

Mas posso mandar umas fotos da adega que fica num moinho de água, grande contraste lol! vinho...água

Abraço Ulrich

Manda , os moinhos são uma das maiores formas e folclore que ainda são preservadas em Portugal, é uma azenha ou de rodízio?

Desculpa o off-topic mas também ficavam aqui bem essas fotos, já percorri esta zona toda Vouzela, Viseu, Buçaco e as zonas de moinhos de água são o que resta da actividade industrial desses locais.

É um rodízio ...mas caro amigo Viseu é a cidade com melhor nível de vida http://www.jornaldenegocios.pt/home.php?template=SHOWNEWS_V2&id=564897
e as actividades industriais são imensas, afastadas da cidade para que esta continue a ser também a cidade Jardim desde a Citroen à Sonae industria de aglomerados
entre muitos outros....na realidade existe aqui um vizinho perto da minha quinta que tem 4 moinhos de milho a funcionar mas já só por carolice pois está reformado
da EDP quando comprei a minha quinta tinha 3 um que é onde estou a fazer a adega tem 3 mós e 45 m2 os outros estavam completamente destruidos e como este
existem aqui muitos assim do outro lado do rio em frente a minha quinta tenho outro vizinho que tem 6 moinhos todos recuperados mas é só para turismo rural.
Infelizmente já ninguém trabalha nesta área pelo menos perto de Viseu que é o caso da minha quinta pois é pratimente dentro dos limites da cidade Vila Chã de Sá

Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 15:36

Belo espaço, sim senhor

Só uma pergunta. o tecto é em quê?!
Ficava bem porreiro se o forrasses a madeira, conforme tens naquele espaço mais exíguo , em vez dessa esponja ondulada branca, que é sintética

Materias nobres, numa casa, é sempre um must


EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 15:54

Esse teu Bunker é uma "pedra" !!
bem imaginada a mesa em betão para os giras !!
Os meus parabéns !

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:15

Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.


_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:19

António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.

Uma coisa não "isenta" a outra lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:23

Fran escreveu:
Belo espaço, sim senhor

Só uma pergunta. o tecto é em quê?!
Ficava bem porreiro se o forrasses a madeira, conforme tens naquele espaço mais exíguo , em vez dessa esponja ondulada branca, que é sintética

Materias nobres, numa casa, é sempre um must


EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!

Boas Fran o tecto é em alvenaria. Agradeço a ideia da madeira mas já tenho o chão em madeira com uma caixa de 20 cm forado pelo interior a Leca no espaço mais exíguo onde se encontram os vinis e outros o tecto é de betão mas nota-se a madeira tal como no movél do GD´s foi executado com esse propósito notar-se a madeira da cofragem. A Esponja em branco uma vez que o tecto é liso e branco fica bastante agradável tendo já sido colocado uma amostra e ajuda muito no isolamento e acústica.
Podero á posterioria senão gostar de ver a esponja directo, fazer um tecto falso em pladur aplicado por cima da esponja com caixa de ar sendo que o pladur será perfurado
e com luz interior permitindo assim isolamento acustico e reverberação.

Quanto a U2 aqui vão algumas fotos envio depois envio mais.
Abraço









Voltar ao Topo Ir em baixo
afonso
Membro AAP


Mensagens : 2309
Data de inscrição : 17/06/2012

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:25

António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.



Já que estamos a falar dos U2 seria bom termos uma fotos dessa colecção dos U2.

A minha colecção em vinil dos U2 vai em 30;


http://www.discogs.com/mycollection?folder_id=189361&btn=Open


cpts


Afonso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10312
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 58
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:26


Para quando a inauguração???
Parabéns !!!, e, boas audições!!

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:28

Milton escreveu:
Esse teu Bunker é uma "pedra" !!
bem imaginada a mesa em betão para os giras !!
Os meus parabéns !

Obrigado Milton.
A mesa foi feita pela minha empresa tal como todas as obras talvez por isso que às vezes
demore um pouco mais do que o normal fazer as coisas em minha casa pois é sempre aos fins de semana
e quando existe menos trabalho e como felizmente tenho sempre muito não posso tirar o meu pessoal do
trabalho dos meus clientes, vai se fazendo.

Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:30

Luis Filipe Goios escreveu:

Para quando a inauguração???
Parabéns !!!, e, boas audições!!

cheers

Bem nunca pensei numa inauguração mas vou pensar nisso.....

Obrigado Luis Filipe Goios
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:41

Fran escreveu:


Uma coisa não "isenta" a outra lol!



Depois de veres as fotos que demonstram total paixão e carinho pelos U2, ainda tens coragem?
Eu já não.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:44

Superfrik escreveu:
Fran escreveu:
Belo espaço, sim senhor

Só uma pergunta. o tecto é em quê?!
Ficava bem porreiro se o forrasses a madeira, conforme tens naquele espaço mais exíguo , em vez dessa esponja ondulada branca, que é sintética

Materias nobres, numa casa, é sempre um must


EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!

Boas Fran o tecto é em alvenaria. Agradeço a ideia da madeira mas já tenho o chão em madeira com uma caixa de 20 cm forado pelo interior a Leca no espaço mais exíguo onde se encontram os vinis e outros o tecto é de betão mas nota-se a madeira tal como no movél do GD´s foi executado com esse propósito notar-se a madeira da cofragem. A Esponja em branco uma vez que o tecto é liso e branco fica bastante agradável tendo já sido colocado uma amostra e ajuda muito no isolamento e acústica.
Podero á posterioria senão gostar de ver a esponja directo, fazer um tecto falso em pladur aplicado por cima da esponja com caixa de ar sendo que o pladur será perfurado
e com luz interior permitindo assim isolamento acustico e reverberação.

Quanto a U2 aqui vão algumas fotos envio depois envio mais.
Abraço









Antes de tudo, obrigado por nos mostrares a tua enormérrima e belissima coleção dos U2, sim senhor, os meus parabéns

Dizes que o teto é em alvenaria?
Alvenaria de pedra, certo? (devem ser cá umas lajes, enormérrimas, pois terão de ser muito compridas para poderem apoiar nas paredes, as quais deduzem serem de alvenaria de pedra).

Ou será que querias dizer laje em betão, rebocada?! É que por norma, alvenaria de pedra, não é assim tão lisinha, como o que me consigo aperceber do pouco teto que vejo nas fotos.

Se fosse a ti, ía para a solução de painéis acústicos (perfurados, portanto), fazendo uma caixa de ar, relativamente ao actual teto, e dispensava a tal espuma ondulada, pois ao aplicá-la debaixo dos painéis acústicos, lá se vai o fenómeno acústico do painel (as tais perfurações), ao ar.


Cpts


PS : já agora, tens algumas especificações técnicas dessa espuma ondulada, para me matar a curiosidade? Thanks
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:47

António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.


Amigo António eu tenho 3000 vinis e certo não são todos U2 pois o meu ouvido gosta de musica assim sendo Jazz, classica, pop.....claro que
existem umas que gosto mais que outras - supertramp - when i was young é por exemplo a musica que eu gosto de ouvir e adoro supertramp mas também
gosto de Ac/Dc e Miles Davis, john coltrane e Marillion depende do estado de espirito para ouvir só não vou muito com heavy metal mas até isso custo ouvir
quando vou treinar TT (faço Trial e todo o terreno)
Mas U2 comecei a ouvir em Vilar de Mouros com 10 anos altura em que já ouvia Jafumega e José Cid, Lena D´água, Taxi.... e Vilar de Mouros tive o prazer de
conhecer pessoalmente o Bono, e ainda conheço um outro parceiro audiofilo que andou com o Bono a passear com ele pelo Porto na altura. Na altura fiquei doido
com U2 e Jáfumega foi demais. Desde essa altura que coleciono U2 e já os vi ao vivo muitas vezes.
Falar mal de U2 nesta altura vai ser igual.... venham dai com esses mal dizeres....

Abraço lol! lol! lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:48

António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:


Uma coisa não "isenta" a outra lol!



Depois de veres as fotos que demonstram total paixão e carinho pelos U2, ainda tens coragem?
Eu já não.
concordo contigo ... apesar de serem os U2 (antes estes, do que o Marco Paulo lol! ), é sempre de aplaudir/elogiar a paixão que algumas pessoas nutrem, pelos seus "ídolos".

Eu acho que o sôr António, não tem a mesma paixão pelo vinil/música, que eu tenho (e outras pessoas também )


Fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuui a toda a bisga lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:54

Fran escreveu:

Eu acho que o sôr António, não tem a mesma paixão pelo vinil/música, que eu tenho (e outras pessoas também )

Fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuui a toda a bisga lol!



O AAP irá reunir com carácter de urgência para deliberar a punição a aplicar ao membro Fran pela frase ofensiva acima proferida.



_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10312
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 58
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 17:59

António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:

Eu acho que o sôr António, não tem a mesma paixão pelo vinil/música, que eu tenho (e outras pessoas também )

Fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuui a toda a bisga lol!



O AAP irá reunir com carácter de urgência para deliberar a punição a aplicar ao membro Fran pela frase ofensiva acima proferida.


Frase? Qual frase??
Okay, 'tá bem tem um erro, deve ter sido por carregar muito no u....
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 18:05

Luis Filipe Goios escreveu:
António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:

Eu acho que o sôr António, não tem a mesma paixão pelo vinil/música, que eu tenho (e outras pessoas também )

Fuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuui a toda a bisga lol!



O AAP irá reunir com carácter de urgência para deliberar a punição a aplicar ao membro Fran pela frase ofensiva acima proferida.


Frase? Qual frase??
Okay, 'tá bem tem um erro, deve ter sido por carregar muito no u....
cheers
Ah ganda cheers Filipe

António, toma


PS : bem, parece que a minha dúvida (e posterior sugestão), sobre o teto do Superfrik, ficou esquecida
Voltar ao Topo Ir em baixo
ΜΟΥΣΙΚΗ
Membro AAP
avatar

Mensagens : 299
Data de inscrição : 12/08/2012
Idade : 44
Localização : Porto

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 19:12

O sonho de qualquer amante da música -- TER UM ESPAÇO DEDICADO

A decoração está fantástica, os equipamentos são excelentes, o ambiente acolhedor, muito bem



Parabéns



Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 20:08

afonso escreveu:
António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.



Já que estamos a falar dos U2 seria bom termos uma fotos dessa colecção dos U2.

A minha colecção em vinil dos U2 vai em 30;


http://www.discogs.com/mycollection?folder_id=189361&btn=Open


cpts


Afonso

Bem só em pacs raros tenho 5 e cada um tem 4 singles como podes ver nas fotos quanto à quantidade não sei ao certo mas ainda ontem comprei mais 4 que vêm da CDGO no Porto. Tenho desde o primeiro lp onde pela primeira vez os u2 gravaram a musica story for boys em 1979 tenho o primeiro single imaculado e tenho por exemplo o album Boy edição portuguesa, brasileira, francesa e alemã, japonesa, reedições, etc... tenho falsificações que ficaram a ser raras e outras series limitadas julgo que devo ter uns 150 vinis 500 cd´s depois tenho K7, laserdisc, vhs, minidisc (que foram feitos muito poucos), minicd´s mas eu estou a fazer uma lista em execel depois posso enviar para quem quizer e nessa altuar já sabemos quantos são.
Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63767
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 20:12

Isso é grande paixão.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 20:14

António José da Silva escreveu:
Isso é grande paixão.
Aaaaaaahhhh, assim tá melhor
Voltar ao Topo Ir em baixo
afonso
Membro AAP


Mensagens : 2309
Data de inscrição : 17/06/2012

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 20:17

Superfrik escreveu:
afonso escreveu:
António José da Silva escreveu:
Fran escreveu:



EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!



Isso obriga-nos a ter que falar menos mal dos U2.



Já que estamos a falar dos U2 seria bom termos uma fotos dessa colecção dos U2.

A minha colecção em vinil dos U2 vai em 30;


http://www.discogs.com/mycollection?folder_id=189361&btn=Open


cpts


Afonso

Bem só em pacs raros tenho 5 e cada um tem 4 singles como podes ver nas fotos quanto à quantidade não sei ao certo mas ainda ontem comprei mais 4 que vêm da CDGO no Porto. Tenho desde o primeiro lp onde pela primeira vez os u2 gravaram a musica story for boys em 1979 tenho o primeiro single imaculado e tenho por exemplo o album Boy edição portuguesa, brasileira, francesa e alemã, japonesa, reedições, etc... tenho falsificações que ficaram a ser raras e outras series limitadas julgo que devo ter uns 150 vinis 500 cd´s depois tenho K7, laserdisc, vhs, minidisc (que foram feitos muito poucos), minicd´s mas eu estou a fazer uma lista em execel depois posso enviar para quem quizer e nessa altuar já sabemos quantos são.
Abraço


Fantástico! Grande colecção .
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1934
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 20:43

Belo Antro

Parabéns
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Set 26 2012, 23:19

Fran escreveu:
Superfrik escreveu:
Fran escreveu:
Belo espaço, sim senhor

Só uma pergunta. o tecto é em quê?!
Ficava bem porreiro se o forrasses a madeira, conforme tens naquele espaço mais exíguo , em vez dessa esponja ondulada branca, que é sintética

Materias nobres, numa casa, é sempre um must


EDITO : ah, lembrei-me agora, e para quando umas fotozinhas da coleção dos U2, conforme prometido no tópico da tua apresentação?!

Boas Fran o tecto é em alvenaria. Agradeço a ideia da madeira mas já tenho o chão em madeira com uma caixa de 20 cm forado pelo interior a Leca no espaço mais exíguo onde se encontram os vinis e outros o tecto é de betão mas nota-se a madeira tal como no movél do GD´s foi executado com esse propósito notar-se a madeira da cofragem. A Esponja em branco uma vez que o tecto é liso e branco fica bastante agradável tendo já sido colocado uma amostra e ajuda muito no isolamento e acústica.
Podero á posterioria senão gostar de ver a esponja directo, fazer um tecto falso em pladur aplicado por cima da esponja com caixa de ar sendo que o pladur será perfurado
e com luz interior permitindo assim isolamento acustico e reverberação.

Quanto a U2 aqui vão algumas fotos envio depois envio mais.
Abraço









Antes de tudo, obrigado por nos mostrares a tua enormérrima e belissima coleção dos U2, sim senhor, os meus parabéns

Dizes que o teto é em alvenaria?
Alvenaria de pedra, certo? (devem ser cá umas lajes, enormérrimas, pois terão de ser muito compridas para poderem apoiar nas paredes, as quais deduzem serem de alvenaria de pedra).

Ou será que querias dizer laje em betão, rebocada?! É que por norma, alvenaria de pedra, não é assim tão lisinha, como o que me consigo aperceber do pouco teto que vejo nas fotos.

Se fosse a ti, ía para a solução de painéis acústicos (perfurados, portanto), fazendo uma caixa de ar, relativamente ao actual teto, e dispensava a tal espuma ondulada, pois ao aplicá-la debaixo dos painéis acústicos, lá se vai o fenómeno acústico do painel (as tais perfurações), ao ar.


Cpts


PS : já agora, tens algumas especificações técnicas dessa espuma ondulada, para me matar a curiosidade? Thanks

Caro amigo quando me refiro em alvenaria é ao tecto ter sido contruido com vigas, tijoleira e argamassa apesar de o termo se aplicar mais a paredes na parte mais pequena onde se encontram os vinis ai sim é lage de betão armado e sem reboco pelo interior onde se pode ver o desenho da madeiras da cofragem.
Agradeço a ideia...na realidade é que gosto bastante da esponja branca (enviarei entretanto as fichas técnicas da mesma) mas também gosto do tecto em pladur prefurado....quando vir o efeito da esponja (que tem muito como objectivo isolar pois em cima também é casa e passa bastante som) logo vejo senão gostar coloco por cima
o pladur prefurado ficando na mesma a esponja penso que penso que o corte da acustica é feito pelos buracos e as ondas da esponja reflectem o som isolando.
Julgo ser funcional. Uma vez que está interessado em opinar sobre este assunto diga-me se concorda eu agradeço pois gosto de opniões e de aprender apesar de trabalhar na Eng.Civil.
Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Ter Out 02 2012, 21:20

Os meus dois sistemas para ouvir vinil

Primeiro

O meu GD Pro-Ject X-Tension

com a minha MC Ortofon Cadenza Blue

com o Phono Pro-ject Tube Box Se II

o Pré-amplificador Audiolab 8200Q

os dois amplificadores Mono Blocks Audiolab 8200MB

e as colunas Monitor Audio Platinum Pl200


Segundo

O meu GD Technics SL-1200MK5

com a minha MM Ortofon 2M Black

com o Phono USB V

Utilizando o mesmo Pré, amplificador e colunas



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ulrich
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011
Idade : 39
Localização : Aveiro

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Ter Out 02 2012, 21:51


Deita o Pro-Ject fora e coloca a cadenza no Technics ...

... lol!


Brincadeira, parabéns pelo grande material que aí está
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Ter Out 02 2012, 21:54

Boas,
Sorry, só agora vi esta mensagem

Superfrik escreveu:
... Caro amigo quando me refiro em alvenaria é ao tecto ter sido contruido com vigas, tijoleira e argamassa apesar de o termo se aplicar mais a paredes na parte mais pequena onde se encontram os vinis ai sim é lage de betão armado e sem reboco pelo interior onde se pode ver o desenho da madeiras da cofragem.
Agradeço a ideia...na realidade é que gosto bastante da esponja branca (enviarei entretanto as fichas técnicas da mesma) mas também gosto do tecto em pladur prefurado....quando vir o efeito da esponja (que tem muito como objectivo isolar pois em cima também é casa e passa bastante som) logo vejo senão gostar coloco por cima
o pladur prefurado ficando na mesma a esponja penso que penso que o corte da acustica é feito pelos buracos e as ondas da esponja reflectem o som isolando.
Julgo ser funcional. Uma vez que está interessado em opinar sobre este assunto diga-me se concorda eu agradeço pois gosto de opniões e de aprender apesar de trabalhar na Eng.Civil.
Abraço
Vamos ver se me consigo explicar.
Em cima desse tecto, é espaço usado/acessível?!
Se sim, então esse tecto, ou antes, o elemento que faz a separação do piso de cima, do de baixo, tem de ser um elemento resistente ... pela descrição, são vigotas em betão armado, intercaladas por abobadilhas em cerâmica, conjunto este (vigas + abobadilhas), envolvidos por betão ... a esse conjunto chama-se, laje aligeirada (é resistente, e ao mesmo tempo, mais leve que as lajes maciças).
Como falaste em alvenaria, deduzi que fosse de pedra, pois só a alvenaria de pedra, é que é resistente ... alvenaria de pedra, era usada muito em muros e paredes, quando ainda não havia o tijolo, nem o betão armado, uma vez que não se garantia a resistência de uma habitação através de pilares e vigas, mas sim através das paredes que suportavam/recebiam o vigamento de madeira, dos "pisos" (resistente).

O ideal, em termos acústicos (não tenho nenhuma formação nessa área) para tectos, será o uso de pladur acústico (perfurado, com negativos/furos, ou redondos, ou quadrados) criando caixa de ar ... se puseres uma lã, por cima do mesmo (na caixa de ar), penso que melhorará bastante a coisa, ainda que eu ache ser desnecessário ... por outro lado, não sei se valerá a pena usar essa tal espuma, que deve ser caríssima (sinceramente, não conheço), pois podes usar antes lã mineral, que é mais barata, e fará o mesmo efeito (tudo isto tendo em conta o uso dos painéis aústicos em simultaneo).

Por outro lado, manter as paredes assim, não será boa politica ... na minha opinião, se fizeres isso ao tecto, seria bom, fazê-lo também às paredes, pois caso contrário, terás uma descontinuidade enormérrima, no comportamento acústico desse espaço.

Se trabalhas na construção/engenharia civil, então falamos a mesma língua.

Dispõe

Um abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 14:02

Ulrich escreveu:

Deita o Pro-Ject fora e coloca a cadenza no Technics ...

... lol!


Brincadeira, parabéns pelo grande material que aí está


Sim dentro em breve a cadenza ira passar para o Technics que eu gosto muito mas é para colocar no Pro-Ject uma Ortofon MC WINDFELD.

Já agora senão gostas do Pro-ject podes criticar pois eu gosto de criticas construtivas claro. Fico a aguardar.
Abraço e obrigado
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ulrich
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011
Idade : 39
Localização : Aveiro

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 14:10

Superfrik escreveu:


Sim dentro em breve a cadenza ira passar para o Technics que eu gosto muito mas é para colocar no Pro-Ject uma Ortofon MC WINDFELD.

Já agora senão gostas do Pro-ject podes criticar pois eu gosto de criticas construtivas claro. Fico a aguardar.
Abraço e obrigado

Viva Superfrik,

foi mesmo só brincadeira lol!

o meu pré phono é um Pro-Ject que me satisfaz para já, não fica atrás do andar de phono do McIntosh.

Tenho a certeza que essa cadenza e esse Pro-Ject combinam muito bem,

eu sou da opinião que o melhor é o que soa bem.

Mas claro , quem tem o bichinho do audio está sempre em pulgas bounce para experimentar material novo lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 15:03

Fran escreveu:
Boas,
Sorry, só agora vi esta mensagem

Superfrik escreveu:
... Caro amigo quando me refiro em alvenaria é ao tecto ter sido contruido com vigas, tijoleira e argamassa apesar de o termo se aplicar mais a paredes na parte mais pequena onde se encontram os vinis ai sim é lage de betão armado e sem reboco pelo interior onde se pode ver o desenho da madeiras da cofragem.
Agradeço a ideia...na realidade é que gosto bastante da esponja branca (enviarei entretanto as fichas técnicas da mesma) mas também gosto do tecto em pladur prefurado....quando vir o efeito da esponja (que tem muito como objectivo isolar pois em cima também é casa e passa bastante som) logo vejo senão gostar coloco por cima
o pladur prefurado ficando na mesma a esponja penso que penso que o corte da acustica é feito pelos buracos e as ondas da esponja reflectem o som isolando.
Julgo ser funcional. Uma vez que está interessado em opinar sobre este assunto diga-me se concorda eu agradeço pois gosto de opniões e de aprender apesar de trabalhar na Eng.Civil.
Abraço
Vamos ver se me consigo explicar.
Em cima desse tecto, é espaço usado/acessível?!
Se sim, então esse tecto, ou antes, o elemento que faz a separação do piso de cima, do de baixo, tem de ser um elemento resistente ... pela descrição, são vigotas em betão armado, intercaladas por abobadilhas em cerâmica, conjunto este (vigas + abobadilhas), envolvidos por betão ... a esse conjunto chama-se, laje aligeirada (é resistente, e ao mesmo tempo, mais leve que as lajes maciças).
Como falaste em alvenaria, deduzi que fosse de pedra, pois só a alvenaria de pedra, é que é resistente ... alvenaria de pedra, era usada muito em muros e paredes, quando ainda não havia o tijolo, nem o betão armado, uma vez que não se garantia a resistência de uma habitação através de pilares e vigas, mas sim através das paredes que suportavam/recebiam o vigamento de madeira, dos "pisos" (resistente).

O ideal, em termos acústicos (não tenho nenhuma formação nessa área) para tectos, será o uso de pladur acústico (perfurado, com negativos/furos, ou redondos, ou quadrados) criando caixa de ar ... se puseres uma lã, por cima do mesmo (na caixa de ar), penso que melhorará bastante a coisa, ainda que eu ache ser desnecessário ... por outro lado, não sei se valerá a pena usar essa tal espuma, que deve ser caríssima (sinceramente, não conheço), pois podes usar antes lã mineral, que é mais barata, e fará o mesmo efeito (tudo isto tendo em conta o uso dos painéis aústicos em simultaneo).

Por outro lado, manter as paredes assim, não será boa politica ... na minha opinião, se fizeres isso ao tecto, seria bom, fazê-lo também às paredes, pois caso contrário, terás uma descontinuidade enormérrima, no comportamento acústico desse espaço.

Se trabalhas na construção/engenharia civil, então falamos a mesma língua.

Dispõe

Um abraço

Sim é uma laje aligeirada, no caso das abobadilhas na minha zona chamam tijoleiras o que também chamam a tijoleiras às cerâmicas de pavimento.
Também não tenho muita experiencia na acustica, nem na construção de habitações, estou mais na área de estruturas metálicas, taludes e barragens.
Após algumas consultas verifiquei que a aplicação da esponja isolamento (podes fazer uma busca no google mas tens aqui um link http://www.blogdomenorpreco.com.br/invista-em-conforto-usando-isolamento-acustico) é bastante usada em isolamento acustico.

Abraço

Já agora lincenciatura no ISEL e tu ?





Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 15:25

Superfrik escreveu:
... Sim é uma laje aligeirada, no caso das abobadilhas na minha zona chamam tijoleiras o que também chamam a tijoleiras às cerâmicas de pavimento.
Também não tenho muita experiencia na acustica, nem na construção de habitações, estou mais na área de estruturas metálicas, taludes e barragens.
Após algumas consultas verifiquei que a aplicação da esponja isolamento (podes fazer uma busca no google mas tens aqui um link http://www.blogdomenorpreco.com.br/invista-em-conforto-usando-isolamento-acustico) é bastante usada em isolamento acustico.

Abraço

Já agora lincenciatura no ISEL e tu ?
Cada terra com o seu uso, cada roca com o seu fuso lol! ... aqui, por exemplo, não existem abobadilhas de cerâmica, pois não há argilas, e assim, são de cimento/betão (com inerte de granulometria muito pequena) ... como também não há tijolos (usamos blocos de betão), e as telhas, vêm todas daí.
Aqui, e isto é mesmo um regionalismo, chamam tijolos aos azulejos/mosaicos, vê lá tu, demorei bué a entender o que era

Em barragens de terra, já trabalhei, em Aljustrel (pirites alentejanas) logo no inicio da minha formatura.

Thanks pelo link da espuma, vou espreitar ... tem boa pinta, principalmente se tiver aquele perfil tipo caixa de ovos (vejo que nesse link, também mencionam a lã de vidro e a lã mineral).
Sabes se essa espuma, se aplica assim, com o perfil caixa de ovos? Se sim, será um desperdicio colocá-la acima do tecto acústico, pois perde todo o efeito pretendido com o design de caixa de ovos.

Ó cápa, nada como ler com mais calma, em vez de me pôr para aqui a dar bitaites.

Formei-me no Técnico, em 1989.

Abraço

PS : não sei porquê, mas deves ser projectista?! Question
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 15:55

Fran escreveu:
Superfrik escreveu:
... Sim é uma laje aligeirada, no caso das abobadilhas na minha zona chamam tijoleiras o que também chamam a tijoleiras às cerâmicas de pavimento.
Também não tenho muita experiencia na acustica, nem na construção de habitações, estou mais na área de estruturas metálicas, taludes e barragens.
Após algumas consultas verifiquei que a aplicação da esponja isolamento (podes fazer uma busca no google mas tens aqui um link http://www.blogdomenorpreco.com.br/invista-em-conforto-usando-isolamento-acustico) é bastante usada em isolamento acustico.

Abraço

Já agora lincenciatura no ISEL e tu ?
Cada terra com o seu uso, cada roca com o seu fuso lol! ... aqui, por exemplo, não existem abobadilhas de cerâmica, pois não há argilas, e assim, são de cimento/betão (com inerte de granulometria muito pequena) ... como também não há tijolos (usamos blocos de betão), e as telhas, vêm todas daí.
Aqui, e isto é mesmo um regionalismo, chamam tijolos aos azulejos/mosaicos, vê lá tu, demorei bué a entender o que era

Em barragens de terra, já trabalhei, em Aljustrel (pirites alentejanas) logo no inicio da minha formatura.

Thanks pelo link da espuma, vou espreitar ... tem boa pinta, principalmente se tiver aquele perfil tipo caixa de ovos (vejo que nesse link, também mencionam a lã de vidro e a lã mineral).
Sabes se essa espuma, se aplica assim, com o perfil caixa de ovos? Se sim, será um desperdicio colocá-la acima do tecto acústico, pois perde todo o efeito pretendido com o design de caixa de ovos.

Ó cápa, nada como ler com mais calma, em vez de me pôr para aqui a dar bitaites.

Formei-me no Técnico, em 1989.

Abraço

PS : não sei porquê, mas deves ser projectista?! Question

Eng.Civil.

Conheço bem os Açores até os lancis são de rocha vulcânica.
Penso que o tecto ficaria engraçado só com a espuma mas só depois de aplicar por isso te dizia que colocar o pladur só depois de gostar ou não das caixinhas de ovo lol!

Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 16:11

Superfrik escreveu:
Eng.Civil.

Conheço bem os Açores até os lancis são de rocha vulcânica.
Penso que o tecto ficaria engraçado só com a espuma mas só depois de aplicar por isso te dizia que colocar o pladur só depois de gostar ou não das caixinhas de ovo lol!

Abraço
Tu ainda não apanhaste a ranhosice do Bolonha, certo?!

Lancis em basalto, calçada em basalto, cantarias em basalto, tudo muito negro por aqui lol! ... o engraçado é que existem bastantes variedades de basalto, de ilha para ilha, que eu nem fazia a minima ideia

Essa espuma, como é que se agarra ao tecto?
Necessita de uma ligeira estrutura reticulada, para a "apoiar" ou será colada directamente à laje, com os ovos para baixo?
E se não gostares dela? Vais ter de a arrancar, não?!
É que se não a arrancares e meteres depois por baixo o pladur acústico, irás anular o efeito dos ovos, e se for esse o caso, mais valia ires para a lã mineral, pois caso contrário, será dinheiro deitado ao lixo (penso eu de que).

Abraço


Última edição por Fran em Qua Out 03 2012, 16:11, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 16:11

Ulrich escreveu:
Superfrik escreveu:


Sim dentro em breve a cadenza ira passar para o Technics que eu gosto muito mas é para colocar no Pro-Ject uma Ortofon MC WINDFELD.

Já agora senão gostas do Pro-ject podes criticar pois eu gosto de criticas construtivas claro. Fico a aguardar.
Abraço e obrigado

Viva Superfrik,

foi mesmo só brincadeira lol!

o meu pré phono é um Pro-Ject que me satisfaz para já, não fica atrás do andar de phono do McIntosh.

Tenho a certeza que essa cadenza e esse Pro-Ject combinam muito bem,

eu sou da opinião que o melhor é o que soa bem.

Mas claro , quem tem o bichinho do audio está sempre em pulgas bounce para experimentar material novo lol!


Bem na realidade o meu GD da Pro-Ject faz um ligeiro ruido no motor em especial quando arranca, por isso pergunto se existe alguma razão na critica ?
Ainda não tive tempo de analisar o porquê do ruido.
Mas tirando isso na realidade é que gosto do conjunto, ainda estou a estudar qual os amplificadores a valvulas que devo adquirir para o primeiro sistema
e passar os bobinados para o segundo sistema.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Superfrik
Membro AAP
avatar

Mensagens : 221
Data de inscrição : 22/01/2012
Idade : 45
Localização : Viseu

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 16:45

Fran escreveu:
Superfrik escreveu:
Eng.Civil.

Conheço bem os Açores até os lancis são de rocha vulcânica.
Penso que o tecto ficaria engraçado só com a espuma mas só depois de aplicar por isso te dizia que colocar o pladur só depois de gostar ou não das caixinhas de ovo lol!

Abraço
Tu ainda não apanhaste a ranhosice do Bolonha, certo?!

Lancis em basalto, calçada em basalto, cantarias em basalto, tudo muito negro por aqui lol! ... o engraçado é que existem bastantes variedades de basalto, de ilha para ilha, que eu nem fazia a minima ideia

Essa espuma, como é que se agarra ao tecto?
Necessita de uma ligeira estrutura reticulada, para a "apoiar" ou será colada directamente à laje, com os ovos para baixo?
E se não gostares dela? Vais ter de a arrancar, não?!
É que se não a arrancares e meteres depois por baixo o pladur acústico, irás anular o efeito dos ovos, e se for esse o caso, mais valia ires para a lã mineral, pois caso contrário, será dinheiro deitado ao lixo (penso eu de que).

Abraço

Não, terminei em 1994 e a ranhosice foi em 1999.

lol! É tudo rocha ígnea.

A espuma para ficar uniforme deve ser coloda mas também pode ser aplicada com tapites fica feio se for para ficar visivél
Pensa assim o pladur separa as ondas uma parte reflecte a outra entra nos furos que é espalhada pelas ondas da esponja.
mais um link
http://www.musicstore.de/en_EN/PTE/Music-Store-Noppenschaum-anthrazit-40-100-x-100-cm-40-mm-stark/art-REC0004099-000
Abraço

Voltar ao Topo Ir em baixo
Fran
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8496
Data de inscrição : 08/12/2011
Localização : Açores

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 17:44

Superfrik escreveu:
... Pensa assim o pladur separa as ondas uma parte reflecte a outra entra nos furos que é espalhada pelas ondas da esponja.
mais um link
http://www.musicstore.de/en_EN/PTE/Music-Store-Noppenschaum-anthrazit-40-100-x-100-cm-40-mm-stark/art-REC0004099-000
Abraço

Parece-me que estás como eu, ou seja, não percebes puto de acústica lol! lol! lol!


PS : entra nos furos, é espalhada pelas ondas/ovos, e depois, vai para onde?! lol!
PS' : ah, esse link sim , mas porra, não "sobrecarregues", ou o pladur, ou estes painéis, que eles não fizeram mal a ninguém lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1934
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: O meu antro da desgraça   Qua Out 03 2012, 19:22

Fran escreveu:
Superfrik escreveu:
... Pensa assim o pladur separa as ondas uma parte reflecte a outra entra nos furos que é espalhada pelas ondas da esponja.
mais um link
http://www.musicstore.de/en_EN/PTE/Music-Store-Noppenschaum-anthrazit-40-100-x-100-cm-40-mm-stark/art-REC0004099-000
Abraço

Parece-me que estás como eu, ou seja, não percebes puto de acústica lol! lol! lol!


PS : entra nos furos, é espalhada pelas ondas/ovos, e depois, vai para onde?! lol!
PS' : ah, esse link sim , mas porra, não "sobrecarregues", ou o pladur, ou estes painéis, que eles não fizeram mal a ninguém lol!

Bom! Quanto a acústica eu sou um expert!
Por isso vocês façam lá as vossas construções com pladur, lã mineral, painéis e outros elemento, tirem uma foto, para vermos como ficou, digam se resultou ou não. Se sim, digam também quanto custou e por último pode ser que eu copie a ideia.

Esperto, ou não !?
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O meu antro da desgraça
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» O meu antro da desgraça
» Sertanejo Universitário é a pior desgraça dos Anos 10
» [Kaulitzcest] Eu te amo, seu desgraçado!
» A garota do cabaré... beleza sua virtude? ou sua pior desgraça?
» Desgraça caseira

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Apresentação :: O meu sistema-
Ir para: