Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio
Áudio Analógico de Portugal
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalPublicaçõesRegistarEntrar
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

 

 micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final

Ir para baixo 
2 participantes
AutorMensagem
unidade
Membro AAP
unidade

Mensagens : 200
Data de inscrição : 08/03/2012
Idade : 58
Localização : Almada

micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final Empty
MensagemAssunto: micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final   micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final EmptySex Set 18 2015, 12:46

Meus caros,
Envio saudações cordiais/agradecimento à generalidade dos participantes deste fórum pela qualidade/diversidade/complementaridade… aqui existente, cumprindo-me destacar alguns dos seus mais assíduos e profícuos intervenientes, nomeadamente AJS, TD124,Ricardo Onga-ku, Ferpina,Milton, Reirato e o quanto… tem sido salutar, esclarecedor e divertido “estar” por aqui; de facto não tendo tido significativas intervenções no passado e estando ausente das mesmas à longo tempo, tem sido um deleite (ultimamente com mais disponibilidade) ler a maiorias dos posts aqui existentes, de tal forma que por vezes aparentemente quase me sinto “familiar” de distintas “personagens” com as quais nunca falei… 
Agora partilhando/comentando uma experiência:
Decidi alterar a disposição habitual do meu sistema e construir dois móveis diferentes…
Para um, mandei cortar três pedras negras de granito de alta densidade, com 30mm de espessura e a medida 65x50; para o outro com a mesma medida, três prateleiras de MDF (folheado a cerejeira) de 19mm. (entre as prateleiras tubos de metal retirados de um móvel TV). Andei experimentando e alterando a disposição dos diversos elementos do sistema e nem queria acreditar como podia ser tão diferente em termos finais de “assinatura” sonora. Como é possível que as eventuais “micro-vibrações” e outros fenómenos de propagação, afectem a componente digital (Primare CD 31) ou a analógica (Rega P 5 com upgrades) de tal forma, que transfigurem tão significativamente a sonoridade, por assentar as suas bases em densidades/constituintes diferentes, (Granito/MDF) Óbvio que a diferença será relativa à capacidade dos restantes constituintes da cadeia sonora o reflectirem e à capacidade de serem “ouvidos “,mas aconselho-vos soberanamente a investirem/investigarem nesta possibilidade. Se alguém mais conhecedor das circunstâncias técnicas inerentes se quiser pronunciar, nomeadamente sobre as frequências de ressonância de cada material ficarei grato.
Saudações “musicais”
Ir para o topo Ir para baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 7124
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 55
Localização : França

micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final Empty
MensagemAssunto: Re: micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final   micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final EmptyTer Set 22 2015, 16:38

unidade escreveu:
Meus caros, ...
Como é possível que as eventuais “micro-vibrações” e outros fenómenos de propagação, afectem a componente digital (Primare CD 31) ou a analógica (Rega P 5 com upgrades) de tal forma, que transfigurem tão significativamente a sonoridade, ...

Amigo unidade, recentemente troquei o meu movel que era de uma marca italiana prestigiosa e especialisada, por um outro mais barato, mais simples e menos prestigioso... mas que apresentava aos meus olhos (leia-se espirito) a vantage de ser integralmente metalico, espesso e soldado, então muito rigido !...

A intenção era puramente estética e numa otica de simplificação do sistema, pois o novo tém apenas três prateleiras o que me chega perfeitamente... então não esperava uma modificação (significativa) do resultado.

A amelhoração foi tanta e a vàrios niveis, que mandei vir comigo durante uns dias por não o ter feito antes... mas não foi uma grande surpresa, pois a rigidez é uma lei maxima em vàrios sectores da hifi... e nos moveis é fundamental !!!... quanto às razões elas são complexas e devem ser analisadas ao caso por caso...

cheers
Ir para o topo Ir para baixo
unidade
Membro AAP
unidade

Mensagens : 200
Data de inscrição : 08/03/2012
Idade : 58
Localização : Almada

micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final Empty
MensagemAssunto: Re: micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final   micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final EmptyTer Set 22 2015, 18:06

micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final 754215

Meu caro TD124
Fico um pouco mais tranquilo… por alguém tão familiarizado com a componente “experimentalista” electrónica/auditiva e que nos presenteia com magníficos textos sobre a temática áudio/musica, ter chegado ao mesmo resultado/conclusão…
No meu caso, numa primeira fase… a diferença era tão significativa, que cheguei a pensar/recear… que algum dos contactos dos cabos Madrigal (Balanceados) que ligam o CD ao amplificador YBA, tivessem quebrado alguma soldadura. Quanto a situação se repetiu no gira (e até a minha companheira me perguntava o que eu desta vez tinha mudado), fez-me concluir que a minha “intuição/informação recolhida” sobre a escolha/definição de um novo móvel/pesadelo (pelo peso) de granito, tinha representado esteticamente/sonoramente um dos melhores “upgrades que já tinha realizado de à bastantes anos a esta parte.
A repetição agora do mesma tipologia estética de móvel, mas com as prateleiras de MDF veio reforçar toda a “lição” anterior face à diferença abismal no efeito sobre o som.
Por vezes realizam-se “upgrades” tão dispendiosos e nem sempre, talvez por algum desconhecimento/comodismo se investe o suficiente na parte mecânica/suporte dos equipamentos.
Anteriormente já tinha realizado algumas tentativas e obtive algumas surpresas menos agradáveis…lembro-me uma vez de ter colocado uns pés cónicos por debaixo de um leitor de cd que no caso em concreto/contexto tornavam o som estéril e desprovido de qualquer emoção.
Ir para o topo Ir para baixo
Conteúdo patrocinado




micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final Empty
MensagemAssunto: Re: micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final   micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final Empty

Ir para o topo Ir para baixo
 
micro-Vibrações, firmeza, materiais e seus reflexos na sonoridade final
Ir para o topo 
Página 1 de 1

Permissão neste fórum:Você não pode responder aos tópicos
Áudio Analógico de Portugal :: Áudio Geral-
Ir para: