Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalPublicaçõesRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

 

 À procura de gambuzinos nos tweeters

Ir em baixo 
AutorMensagem
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 702
Data de inscrição : 14/04/2017

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 11:19


Uma das colunas sony que estou a ouvir agora tem um tweeter com a rede metálica ligeiramente deformada. Por dentro da rede metálica existe uma rodela de plástico transparente, supostamente para ajudar a dispersão no tweeter. Mas com a deformação, essa rodela está mais próxima do tweeter. Não noto nada no som mas fui investigar na net sobre os "phase plugs" para saber se haveria algum problema em remover as redes dos tweeters. E descobri um fórum onde falam disso e "roubei" para aqui:


"The problem is NOT the metal dome. A good metal dome tweeter will sound sweet, open, transparent, and resolved. The problem is that 98% of all metal dome tweeters put a "thing" in front of the dome. Sometimes they call it a "phase plug". Sometimes they call it a "diffusor". But in reality it is neither of these things. Instead it is actually a Helmholtz resonator (think of blowing across the top of a pop bottle), but tuned to 15 or 20 kHz. The Helmoltz resonator rings like a bell at that high frequency, and THAT is what makes the thing sound "metallic".

The larger the structure in front of the dome, the worse the problem is. Most of the time these things are plastic and can be cut off with a pair of diagonal wire cutters ("dikes"). If you are brave enough, you can cut them off in two minutes and your system will sound much sweeter and smoother in the high frequencies.

The only catch is that if you screw up and damage the tweeter you will have to buy replacements. You may want to call Paradigm first to check, but I would guess that they are somewhere between $25 and $60 each.

I'm not just some crackpot on the internet giving "advice". I was the founder of Avalon Acoustics, and we were the first US company to use metal dome tweeters. This tip was given to me by Martin Colloms in '85 or so, and he was right on the money.
Charles Hansen, Ayre Acoustics"

Para ver o contexto:
https://forum.audiogon.com/discussions/ok-to-remove-tweeter-grill

Valerá a pena remover as redes e os "Phase plugs" dos tweeters? Neste caso o tweeter é um Seas h-400.
Alguém já experimentou?

Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 702
Data de inscrição : 14/04/2017

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 12:36

Aqui a ficha técnica do tweeter em que fala realmente na rodela para compensar um atenuamento nos 20khz.

http://www.seas.no/images/stories/vintage/pdfdataheet/h0400_25tacg.pdf

Eu não consigo ouvir nada nos 20khz, já ultrapassei os 50 anos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5523
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 12:38

A rede serve sempre de diffusor (para tornar a directividade no topo da banda passante mais larga - menos beaming). Também serve de protecção.

A remoção elimina esses dois aspectos; vair soar ligeiramente diferente (fora do eixo - pouco toe-in) mas opera provavelmente a uma frequência demasiado elevada para ser relevante, principalmente para ouvidos menos jovens.

Os danos afectam a dispersão se a rede não tocar na cúpula e o funcionamento saudável do tweeter se tocar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5523
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 12:40

galvaorod escreveu:
Aqui a ficha técnica do tweeter em que fala realmente na rodela para compensar um atenuamento nos 20khz.

http://www.seas.no/images/stories/vintage/pdfdataheet/h0400_25tacg.pdf

Eu não consigo ouvir nada nos 20khz, já ultrapassei os 50 anos.

Tal como eu imaginava a ficha técnica informa que a rede serve para reduzir o beaming no topo da gama passante:

A fine mesh grid protects the diaphragm, and supports a phase plate which compensates for a slight axial roll off towards 20 kHz.


Parece um bom tweeter.
Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 702
Data de inscrição : 14/04/2017

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 15:39

ricardo onga-ku escreveu:
A rede serve sempre de diffusor (para tornar a directividade no topo da banda passante mais larga - menos beaming). Também serve de protecção.

A remoção elimina esses dois aspectos; vair soar ligeiramente diferente (fora do eixo - pouco toe-in) mas opera provavelmente a uma frequência demasiado elevada para ser relevante, principalmente para ouvidos menos jovens.

Os danos afectam a dispersão se a rede não tocar na cúpula e o funcionamento saudável do tweeter se tocar.

Obrigado Sr. Ricardo, eu sabia da utilização das grelhas de madeira das colunas antigas como difusoras. Um antigo técnico da Pioneer disse-me uma vez que o objetivo era mesmo o de impedir a localização dos altifalantes, um fator de distração no ouvinte. E que as colunas eram "acertadas" acusticamente com as grelhas postas, mas não tinha ainda relacionado o conceito com os tweeters modernos. Nesse caso eu estou inclinado a tirar as redes, caso isso seja possível sem estragar o tweeter.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5523
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 17:19

galvaorod escreveu:
ricardo onga-ku escreveu:
A rede serve sempre de diffusor (para tornar a directividade no topo da banda passante mais larga - menos beaming). Também serve de protecção.

A remoção elimina esses dois aspectos; vair soar ligeiramente diferente (fora do eixo - pouco toe-in) mas opera provavelmente a uma frequência demasiado elevada para ser relevante, principalmente para ouvidos menos jovens.

Os danos afectam a dispersão se a rede não tocar na cúpula e o funcionamento saudável do tweeter se tocar.

Obrigado Sr. Ricardo, eu sabia da utilização das grelhas de madeira das colunas antigas como difusoras. Um antigo técnico da Pioneer disse-me uma vez que o objetivo era mesmo o de impedir a localização dos altifalantes, um fator de distração no ouvinte. E que as colunas eram "acertadas" acusticamente com as grelhas postas, mas não tinha ainda relacionado o conceito com os tweeters modernos. Nesse caso eu estou inclinado a tirar as redes, caso isso seja possível sem estragar o tweeter.

Com diria o Casco em À Procura de Nemo, Sr. é o meu pai, eu sou só Ricardo Razz

Não deve ser difícil de remover depois desmontar a placa frontal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 702
Data de inscrição : 14/04/2017

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyTer Maio 19 2020, 20:26

À procura de gambuzinos nos tweeters 20200510

Já retirei as redes, os agudos são mais nítidos, ouvem-se sem esforço e não se sente agressividade. Portanto foi um sucesso relativo em relação à situação da rede danificada, e algum ganho subjetivo em termos de qualidade de som.

Mas o problema é que de facto a rede está lá por alguma razão. A superfície da cúpula do tweeter é extremamente delicada neste modelo. Tocar é deixar uma marca, tão simples como isso, como se fossem de papel brilhante.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
ricardo onga-ku

Mensagens : 5523
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptySex Maio 22 2020, 14:37

galvaorod escreveu:
À procura de gambuzinos nos tweeters 20200510

Já retirei as redes, os agudos são mais nítidos, ouvem-se sem esforço e não se sente agressividade. Portanto foi um sucesso relativo em relação à situação da rede danificada, e algum ganho subjetivo em termos de qualidade de som.

Mas o problema é que de facto a rede está lá por alguma razão. A superfície da cúpula do tweeter é extremamente delicada neste modelo. Tocar é deixar uma marca, tão simples como isso, como se fossem de papel brilhante.

À procura de gambuzinos nos tweeters 4019496139

Agora deve notar-se maior diferença no balanco dos agudos quando se aumenta ou diminui o toe-in.
Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 702
Data de inscrição : 14/04/2017

À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters EmptyDom Maio 24 2020, 16:26

ricardo onga-ku escreveu:


Agora deve notar-se maior diferença no balanco dos agudos quando se aumenta ou diminui o toe-in.


Ok Ricardo, de facto nota-se bastante mais quando abrimos ou fechamos o ângulo. Podemos fazer as coisas um pouco mais a nosso gosto e apreciar a maior resolução. Mesmo assim recorri a um truque antigo, que é colocar uns feltros à volta do tweeter, ficou um pouco folclórico mas não me está a apetecer ir para a fila do Leroy Merlin para comprar feltros, usei os que tinha à mão, para experimentar. O resultado é bastante audível, fica a definição e a direccionalidade mas perde um tudo nada de brilho, ficando os tweeters mais amigos das longas audições.

À procura de gambuzinos nos tweeters 20200511
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




À procura de gambuzinos nos tweeters Empty
MensagemAssunto: Re: À procura de gambuzinos nos tweeters   À procura de gambuzinos nos tweeters Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
À procura de gambuzinos nos tweeters
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Colunas, Altifalantes e Crossovers-
Ir para: