Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2533
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 47
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 19:22

Caros fundadores deste fórum!

Antes de entrar na reflexão mais intrínseco, ao tema em epígrafe, gostava de vos dar os parabéns pois estão na vanguarda desta alteração , pois se existia uma "guerra comercial" entre o cd e o vinil, poder-se-á dizer que o vinil ganhou esta última. Pois num mundo digital, por exemplo, a Fnac em consonância com o que mercado exige, consagra neste momento um espaço cada vez maior a este precioso formato, com claro prejuízo para o Cd.

Mas esta realidade se bem que nos favorece em termos de compras e na maior a disponibilidade, faz-me refletir que se calhar o que está acontecer, não será benéfico para as editoras e para a música a curto, médio prazo.

A maior parte dos jovens não sabem sequer o que é um gira-discos, um ou outro mais aventuroso, ou porque os Pais cultivam o vintage, poderá ter contacto com os discos de vinil. Mas a sua vida musical passa pelo MP3, pelo youtube, ou então de umas descargas ilegais de obras musicais.

Ora toda essa fatias de jovens não compram música, quem compra são os mais velhos que por saudosismo, ou porque têm um bom sistema para o efeito, vão cultivando o culto de ir a uma discoteca adquirir música.

Em consequência desta realidade, as editoras passarão apostar no lançamento (por uma questão de custos de produção) apenas de bandas que efectivamente vendam. Ou seja, daqui a uns tempos, na minha opinião o mercado ficará marcado por dois tipos de formatos que refletem tipos de música diferenciados.

As bandas mais comerciais (não falo de música comercial, antes de obras vendáveis) irão publicar em vinil e cada vez menos em cd e mp3, até porque o vinil é muito mais resistente às práticas de pirataria do que o cd...


As restantes bandas irão publicar as suas músicas directamente na internet com um baixo custo de produção e com menor qualidade em termos audiofilos.

No que a mim diz respeito e por uma questão de gosto musical, sei que jamais poderei abandonar o formato digital pelos factores que apontei, e até porque a maior parte da música que oiço das novas bandas não está disponível em vinil. Mas de qualquer modo saúdo vivamente o renascer (comercial) de um formato que de facto é muito melhor que o formato digital, que tem uma componente visual (as lindas capas) muito mais apelativa e um romantismo muito maior, para além de possibilitar o renascer de obras que estavam esquecidas para o mundo em geral. Eu nunca abandonei o formato analógico, mas sinceramente nunca pensei que ressuscitasse para o mundo com tão grande sucesso!


Caros fundadores e amigos destes espaço, um grande bem-haja, pela vossa tenacidade e uma vez mais parabéns.


P.S. - este texto foi escrito de uma penada no alfa, estou cheio de sono e não me apetece fazer a correcção do mesmo, pelo que se houver qualquer tipo de erro de ortografia ou de outra índole, peço que seja relevado.

P.S. - 1 - Caros Administradores, na sequência do vosso convite para em troca de um jantar escrever um texto a exultar este espaço, considero-me neste momento credor do mesmo.

P.S. - 2  - Viva o AAP!
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
avatar

Mensagens : 528
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 20:10

Excelente análise, concordo plenamente com tudo o que está escrito.
Mas isso também acarreta grandes responsabilidades a este grupo de apaixonados pelo vinyl:
Formar os jovens na utilização dos suportes e das máquinas que os lêem. E essa formação obriga a paciência e não condescendência. Tenho alguma experiência como professor (numa área vasta, difícil e complexa: a fotografia) e nessa experiência aprendi que quem está a começar é, normalmente, um "zero" absoluto. Faz perguntas absolutamente idiotas, quase irritantes e demora a compreender o que me parece básico e simples. Mas isto não implica que, com tempo, disponibilidade e palavras simples, passados uns meses esse mesmo "burro" não se torne num aprendiz interessante, interessado e disponível para aprender, coleccionando conhecimento e acabando a iniciar promissora carreira nessa mesma área.
Alguém disse um dia que um leigo nunca consegue obter respostas compreensíveis num determinado assunto se as fizer a um grande especialista...
Digo isto porque noto, aqui e noutros foruns que acompanho que, por vezes, o recém-chegado, ignorante de todo e a fazer perguntas a roçar o absurdo acaba a ser um pouco "gozado", não digo que seja por mal ou que seja essa a intenção mas, do outro lado, será sempre esse o sentimento que prevalece.
Compete a grupos como este (que tenho acompanhado com muito prazer nestes últimos dois anos), trazer para o diálogo um espírito "missionário" (perdoem a expressão mas lembrei-me dos "evangelistas" dos Apple Macintosh de há uns tempos atrás), uma disponibilidade que trate com carinho os recém-chegados e os prepare, mesmo que a partir de um desgraçado music-center com 40 anos todo coberto de pó, a faltar botões e com a tampa rachada, na esperança que, aprendidos muitos dos "truques" e compreendido a beleza da nossa paixão, procure, assim que tenha situação económica capaz, um Micro-Seiki, um Uno, um Thorens upa-upa, e por aí fora.
Um abraço a todos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 20:26

Alexandre Vieira escreveu:


P.S. - 1 - Caros Administradores, na sequência do vosso convite para em troca de um jantar escrever um texto a exultar este espaço, considero-me neste momento credor do mesmo.

P.S. - 2  - Viva o AAP!



Sabendo nós que os admins. são uns grandes unhas de fome, não estou a ver como é que vais beneficiar dessa janta.  lol! 

Quanto ao assunto em questão, repara que a grande maioria das reedições que neste momento têm bastante sucesso, são de bandas fabulosas que na sua altura não vingaram, seja no prog/psyc-rock, no free-jazz etc.
A avaliar pela massiva venda destes álbuns, penso que não há que temer a generalização de musica insípida no formato rei, como pareces temer.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis lopes
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4485
Data de inscrição : 25/02/2011
Idade : 50
Localização : algueirão

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 20:41

a existência do vinil não atrapalha o mundo digital,
agora se o digital decrescer nos consumidores, é
porque as pessoas estão cansadas de "correr", e
o vinil é sinonimo de "calma".
e no mundo virtual existe sempre audições de material
analogico.
Voltar ao Topo Ir em baixo
tfonseca
Membro AAP
avatar

Mensagens : 816
Data de inscrição : 18/04/2012

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 21:02

Parece-me que o futuro está ai sob a forma de streaming. Exemplos como o Spotify ou o Qobuz. Mais, a própria Apple parece estar a trabalhar nisso em parte devido às quebras de vendas registadas no iTunes.

Claro que há artistas que reclamam que com este modelo de negócio, os seus proveitos são ainda menores do que eram com a venda do meio físico ou mesmo do ficheiro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Ter Maio 27 2014, 22:14

Eu não estou muito preocupado com o futuro do vinil, basta ver a quantidade de gira discos que se vendem anualmente entre novos e usados, naturalmente o mercado vai pedir software para essas máquinas, não acredito que o futuro dos gira discos seja apenas virar uma peça decorativa, ou seja existe um lugar para todos embora alguns terão um lugar de destaque como o formato digital.


Última edição por ducar em Qua Maio 28 2014, 00:06, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:01

Só para chatear   




Última edição por ducar em Qua Maio 28 2014, 00:18, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:11

ducar escreveu:
Só para chatear   






Que maldade, se eu fosse administrador aqui do fórum bloqueava o acesso ao forum a este membro denominado como Ducar só pela ousadia de colocar imagens de mau gosto com estas aqui.

   
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:21

De facto o vinil não inspira cuidados para já.
É um formato que caiu completamente em desuso, depois reergueu-se e está hoje com uma pujança que faz acreditar ser eterno, e será...se a eternidade for "involutiva"....
Passo a explicar-me, o vinil veio preencher a demanda dos audiófilos e dos editores por razões antagónicas . Se uns queriam a sua qualidade de som, já os outros apenas estavam fartos de suportes facilmente copiáveis.
Acontece que os segundos acabaram por ver o potencial económico deste nicho e o vinil continuará em crescendo .... até ao momento em que seja inventado um suporte não copiável que agrade aos audiófilos .
O digital de alta resolução está aí à esquina à espera da sua oportunidade.
Temos que admitir que por muita procura e venda que haja, o vinil estará sempre espartilhado pela capacidade de produção das atuais fabricas que usam maquinaria com 40,50 e mais anos de idade e já não se fabricam novas prensas de vinil (creio eu)...
A musica popularucha, essa continuará a ser distribuída pelos canais normais e low-fi...
Mas cuidado, o vinil bem pode começar a olhar por cima do ombro....

Felizmente temos este alcantilando, este reduto de doidivanas, esta aldeia gaulesa analógica que irá atravessar as mais ferozes batalhas digitais com uma cassete nos dentes um vinil como escudo e um tonearm como arma de extermínio massivo !
 lol! 

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:24

Milton escreveu:


Felizmente temos este alcantilando, este reduto de doidivanas, esta aldeia gaulesa analógica que irá atravessar as mais ferozes batalhas digitais com uma cassete nos dentes um vinil como escudo e um tonearm como arma de extermínio massivo !
 lol! 


Fantástico Miltonix.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10385
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:32

António José da Silva escreveu:
Milton escreveu:


Felizmente temos este alcantilando, este reduto de doidivanas, esta aldeia gaulesa analógica que irá atravessar as mais ferozes batalhas digitais com uma cassete nos dentes um vinil como escudo e um tonearm como arma de extermínio massivo !
 lol! 


Fantástico Miltonix.   

Nem mais!!!!
 
   
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mr Bojangles
Membro AAP
avatar

Mensagens : 720
Data de inscrição : 17/02/2013
Idade : 40
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:32

António José da Silva escreveu:
Milton escreveu:


Felizmente temos este alcantilando, este reduto de doidivanas, esta aldeia gaulesa analógica que irá atravessar as mais ferozes batalhas digitais com uma cassete nos dentes um vinil como escudo e um tonearm como arma de extermínio massivo !
 lol! 


Fantástico Miltonix.   

Tomou a poção mágica, está visto!  
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 00:34

Mr Bojangles escreveu:


Tomou a poção mágica, está visto!  


Ele costuma de la ter umas garrafas de Gingamix caseira.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 11:11

Eu não preciso disso....venham eles !!



  

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4811
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 11:43

Bem, se estamos a recuar no tempo imagino que seja isto:



Tem um som espectacular, analógico como a audição humana e muito musical. cyclops 

Dá 10 a 0 ao vinil.

R
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4327
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 50
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 11:47

Milton escreveu:
...Felizmente temos este alcantilando, este reduto de doidivanas, esta aldeia gaulesa analógica que irá atravessar as mais ferozes batalhas digitais com uma cassete nos dentes um vinil como escudo e um tonearm como arma de extermínio massivo !
...

Acabei de conceber (mentalmente) essa figura e admito que se trata de um guerreiro temível... e que poucos se atreverão a enfrentar...    

P.S. Convém que os escudos sejam daquele vinil muito fino e maleável para resistir às investidas dos lasers do inimigo...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1489
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 11:48

ricardo onga-ku escreveu:
Bem, se estamos a recuar no tempo imagino que seja isto:



Tem um som espectacular, analógico como a audição humana e muito musical. cyclops 

Dá 10 a 0 ao vinil.

R

Que pureza!

 smedley 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4327
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 50
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 11:58

ricardo onga-ku escreveu:
Bem, se estamos a recuar no tempo imagino que seja isto:

Tem um som espectacular, analógico como a audição humana e muito musical. cyclops 
Dá 10 a 0 ao vinil.
R

Afinal essa versão melhorada do fonógrafo do Edison é um idler-wheel...   
Vejam lá se a roda lateral que suporta e movimenta o cilindro não é idêntica à utilizada nos Lenco. E esta máquina data de 1900...  
Voltar ao Topo Ir em baixo
sergiofilipe
Membro AAP


Mensagens : 255
Data de inscrição : 18/03/2014
Idade : 33
Localização : Barcarena

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 15:13

agorgal escreveu:
(...) Digo isto porque noto, aqui e noutros foruns que acompanho que, por vezes, o recém-chegado, ignorante de todo e a fazer perguntas a roçar o absurdo acaba a ser um pouco "gozado", não digo que seja por mal ou que seja essa a intenção mas, do outro lado, será sempre esse o sentimento que prevalece. (...)

Lamento mas discordo completamente, pelo menos no que a este fórum diz respeito. Eu encaixo-me nessa categoria do "recém-chegado, ignorante de todo e a fazer perguntas a roçar o absurdo" e no entanto sempre obtive resposta às minahs perguntas por mais básicas que fossem. É óbvio que em certas áreas de interessa ditas mais "ecléticas" há sempre tendência para algum "snobismo" mas isso depende das pessoas. Mais uma vez, é certo que o fórum é frequentado por muita gente mas no meio de todas elas sempre houve alguém capaz de responder às minhas questões por mais parvas e básicas que sejam e sem me fazerem sentir burro.   
Voltar ao Topo Ir em baixo
lpg
Membro AAP
avatar

Mensagens : 307
Data de inscrição : 08/09/2011

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 15:37

E depois do vinil? Ficará o vinil!

A musica representa uma das mais universais formas de expressão artística/cultural mas é de forma indiscutível um negócio extremamente lucrativo para as produtoras e em muito menor escala para os artistas (salvo raras excepções)! De forma resumida, a recente história dos suportes de musica resume-se a uma mistura entre, experimentação de tecnologias, interesses lucrativos de produtoras e modas de consumo. Os melómanos/audiófilos, que representam uma pequena fracção deste negócio, sempre souberam que o vinil é "O Suporte" de musica, a custo o defenderam contribuindo também eles para a “moda” do vinil.

Ignorando os primórdios, temos por ordem cronológica de suporte relevante:

- Vinil e Cassetes
- CD
- SACD
- MP3
- Formatos digitais Lossless
- Vinil

Analisada a ordem facilmente se percebe que o vinil inicia e fecha o ciclo, pelo meio temos uma história de gerações de consumo. Este fecho de ciclo (o momento em que estamos) resulta não só de uma moda de consumo mas também de uma procura das novas gerações por um suporte com mais qualidade do que os suportes em ficheiros digitais. A esta moda/procura alia-se o interesse das produtoras em voltar a ter um formato “difícil” de piratear aproveitando a vaga para inundar o mercado com novas edições e reedições em vinil (e ainda bem que o fazem...).

Os meus suportes preferidos são o Vinil logo seguido de CD e não querendo entrar em fundamentalismos, acho que a musica enquanto arte pode e deve ser ouvida em qualquer suporte independentemente da qualidade do mesmo, é isso que a torna universal e acessível! O perfil de consumo de um suporte de música varia naturalmente com a idade do consumidor e com a sua procura por um suporte com mais qualidade à medida que vai tendo posses para o adquirir...

Uma nota breve relativa aos suportes:
- CD, é um óptimo suporte quando bem produzido e lido num bom leitor, o preço é acessível e não me parece que venha a desaparecer num futuro próximo.
- SACD, é um bom suporte de “alta definição” mas o preço é absurdo e é consumido por um pequeno nicho de mercado, provavelmente irá desaparecer.
- MP3, representa o pior que já foi feito em termos de suporte de som comprimido. Foi e é negócio de milhões para as produtoras e por outro lado foi o tiro no pé no que respeita à pirataria...
- Lossless, o suporte tem algum potencial mas ainda não consegui ouvir um DAC Hi-End cujo som não soasse a transparência artificial...! A conversa de musica HD com frequências de amostragem para golfinhos, morcegos e baleias tb não me convence!
- Vinil, é a cereja no topo do bolo e não necessita de apresentações...

Relativamente ao vinil existem alguns aspectos preocupantes com o consumo do formato da moda e com a angariação e fixação de “adeptos”. Ou seja o vinil tem duas faces, pode ter o pior ou o melhor dos sons...! A diferença qualitativa do som está directamente associada à qualidade do giradiscos/braço/célula e depende de ajustes necessários ao correcto funcionamento da máquina que forma o conjunto de leitura...!
A verdade é que a maioria dos consumidores não o sabe fazer, manter e usar! E facilmente dirá que o CD tem melhor som que o vinil...!

Bem, isto já vai longo e importante é que a musica continue a ser ouvida independentemente do formato do suporte.

Cumps,
Voltar ao Topo Ir em baixo
cabb
Membro AAP


Mensagens : 757
Data de inscrição : 11/12/2011
Idade : 41
Localização : Lisboa/Coimbra

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 18:29

lpg escreveu:
E depois do vinil? Ficará o vinil!

A musica representa uma das mais universais formas de expressão artística/cultural mas é de forma indiscutível um negócio extremamente lucrativo para as produtoras e em muito menor escala para os artistas (salvo raras excepções)! De forma resumida, a recente história dos suportes de musica resume-se a uma mistura entre, experimentação de tecnologias, interesses lucrativos de produtoras e modas de consumo. Os melómanos/audiófilos, que representam uma pequena fracção deste negócio, sempre souberam que o vinil é "O Suporte" de musica, a custo o defenderam contribuindo também eles para a “moda” do vinil.

Ignorando os primórdios, temos por ordem cronológica de suporte relevante:

- Vinil e Cassetes
- CD
- SACD
- MP3
- Formatos digitais Lossless
- Vinil

Analisada a ordem facilmente se percebe que o vinil inicia e fecha o ciclo, pelo meio temos uma história de gerações de consumo. Este fecho de ciclo (o momento em que estamos) resulta não só de uma moda de consumo mas também de uma procura das novas gerações por um suporte com mais qualidade do que os suportes em ficheiros digitais. A esta moda/procura alia-se o interesse das produtoras em voltar a ter um formato “difícil” de piratear aproveitando a vaga para inundar o mercado com novas edições e reedições em vinil (e ainda bem que o fazem...).

Os meus suportes preferidos são o Vinil logo seguido de CD e não querendo entrar em fundamentalismos, acho que a musica enquanto arte pode e deve ser ouvida em qualquer suporte independentemente da qualidade do mesmo, é isso que a torna universal e acessível! O perfil de consumo de um suporte de música varia naturalmente com a idade do consumidor e com a sua procura por um suporte com mais qualidade à medida que vai tendo posses para o adquirir...

Uma nota breve relativa aos suportes:
- CD, é um óptimo suporte quando bem produzido e lido num bom leitor, o preço é acessível e não me parece que venha a desaparecer num futuro próximo.
- SACD, é um bom suporte de “alta definição” mas o preço é absurdo e é consumido por um pequeno nicho de mercado, provavelmente irá desaparecer.
- MP3, representa o pior que já foi feito em termos de suporte de som comprimido. Foi e é negócio de milhões para as produtoras e por outro lado foi o tiro no pé no que respeita à pirataria...
- Lossless, o suporte tem algum potencial mas ainda não consegui ouvir um DAC Hi-End cujo som não soasse a transparência artificial...! A conversa de musica HD com frequências de amostragem para golfinhos, morcegos e baleias tb não me convence!
- Vinil, é a cereja no topo do bolo e não necessita de apresentações...

Relativamente ao vinil existem alguns aspectos preocupantes com o consumo do formato da moda e com a angariação e fixação de “adeptos”. Ou seja o vinil tem duas faces, pode ter o pior ou o melhor dos sons...! A diferença qualitativa do som está directamente associada à qualidade do giradiscos/braço/célula e depende de ajustes necessários ao correcto funcionamento da máquina que forma o conjunto de leitura...!
A verdade é que a maioria dos consumidores não o sabe fazer, manter e usar! E facilmente dirá que o CD tem melhor som que o vinil...!

Bem, isto já vai longo e importante é que a musica continue a ser ouvida independentemente do formato do suporte.

Cumps,


No meio disto tudo, só estou a ver uma coisa que o vinyl teria que vencer (nem se inventarem um gira-discos/lavadora, que fizesse tudo ao mesmo tempo): os problemas causados pela sujidade na leitura, no dia em que essa barreira vor vencida... acho que ainda vai ter mais força, outro problema também é a sua falta de portabilidade (são muito grandes para transportar e podem partir ou riscar-se!), mas isso também lhe dá algum romantismo e beleza (principalmente o cuidado que se vê na elaboração das capas e toda aquela elegância que se assiste de uma agulha ler descontraidamente o disco: parece um cavalo a galope pelos campos verdejantes, em slow motion).
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 19:37

cabb escreveu:
[


No meio disto tudo, só estou a ver uma coisa que o vinyl teria que vencer (nem se inventarem um gira-discos/lavadora, que fizesse tudo ao mesmo tempo): os problemas causados pela sujidade na leitura, no dia em que essa barreira vor vencida... acho que ainda vai ter mais força, outro problema também é a sua falta de portabilidade (são muito grandes para transportar e podem partir ou riscar-se!), mas isso também lhe dá algum romantismo e beleza (principalmente o cuidado que se vê na elaboração das capas e toda aquela elegância que se assiste de uma agulha ler descontraidamente o disco: parece um cavalo a galope pelos campos verdejantes, em slow motion).

Eu admito que o vinil possa ter esses "problemas", mas faço uma comparação simplista :

Os discos de vinil são para serem usados com cuidado em casa, tal como o serviço de Vista Alegre que passou de gerações.
Se vais fazer um picnik levas pratos de plástico e copos de papel daqueles de usar e deitar fora, tal como os cds e o mp3..

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis lopes
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4485
Data de inscrição : 25/02/2011
Idade : 50
Localização : algueirão

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 20:06



Eu admito que o vinil possa ter esses "problemas", mas faço uma comparação simplista :

Os discos de vinil são para serem usados com cuidado em casa, tal como o serviço de Vista Alegre que passou de gerações.
Se vais fazer um picnik levas pratos de plástico e copos de papel daqueles de usar e deitar fora, tal como os cds e o mp3..[/quote]

SEM tirar nem por!!!!
  
em casa o que é de casa.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 20:54

Milton escreveu:
cabb escreveu:
[


No meio disto tudo, só estou a ver uma coisa que o vinyl teria que vencer (nem se inventarem um gira-discos/lavadora, que fizesse tudo ao mesmo tempo): os problemas causados pela sujidade na leitura, no dia em que essa barreira vor vencida... acho que ainda vai ter mais força, outro problema também é a sua falta de portabilidade (são muito grandes para transportar e podem partir ou riscar-se!), mas isso também lhe dá algum romantismo e beleza (principalmente o cuidado que se vê na elaboração das capas e toda aquela elegância que se assiste de uma agulha ler descontraidamente o disco: parece um cavalo a galope pelos campos verdejantes, em slow motion).

Eu admito que o vinil possa ter esses "problemas", mas faço uma comparação simplista :

Os discos de vinil são para serem usados com cuidado em casa, tal como o serviço de Vista Alegre que passou de gerações.
Se vais fazer um picnik levas pratos de plástico e copos de papel daqueles de usar e deitar fora, tal como os cds e o mp3..

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.
  
Voltar ao Topo Ir em baixo
agorgal
Membro AAP
avatar

Mensagens : 528
Data de inscrição : 19/12/2012
Localização : Porto

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?    Qua Maio 28 2014, 21:13

sergiofilipe escreveu:
agorgal escreveu:
(...) Digo isto porque noto, aqui e noutros foruns que acompanho que, por vezes, o recém-chegado, ignorante de todo e a fazer perguntas a roçar o absurdo acaba a ser um pouco "gozado", não digo que seja por mal ou que seja essa a intenção mas, do outro lado, será sempre esse o sentimento que prevalece. (...)

Lamento mas discordo completamente, pelo menos no que a este fórum diz respeito. Eu encaixo-me nessa categoria do "recém-chegado, ignorante de todo e a fazer perguntas a roçar o absurdo" e no entanto sempre obtive resposta às minahs perguntas por mais básicas que fossem. É óbvio que em certas áreas de interessa ditas mais "ecléticas" há sempre tendência para algum "snobismo" mas isso depende das pessoas. Mais uma vez, é certo que o fórum é frequentado por muita gente mas no meio de todas elas sempre houve alguém capaz de responder às minhas questões por mais parvas e básicas que sejam e sem me fazerem sentir burro.   


Tive o cuidado de não generalizar. O que pretendi foi apelar para que, aproveitando esta dinámica tão evidente de "rejuvenescimento" do vinyl, grupos como este pudessem ser os motores de desenvolvimento deste mercado, contribuindo para o seu alargamento, sobretudo nos jovens que começam a repensar a filosofia fácil do mp3, começam a vasculhar as garagens dos pais e a encontrar relíquias abandonadas e que por vezes têm dificuldade, com os poucos recursos disponíveis, conseguirem fazer um "setup" razoável. Talvez a sua frase "...há sempre tendência para algum snobismo..." seja uma boa síntese daquilo que pretendi expressar.
Independentemente do que possa ser extraído do que escrevi, considero este forum o melhor no aspecto da entreajuda, só que penso que pode ser ainda melhor.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 21:18

ducar escreveu:
[

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.
  
Nem eu !
Tu já viste a poluição que se gerava se começássemos a deitar os cds fora ??
São toneladas de plástico que nem a Natureza aceita !

  

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 21:23

agorgal escreveu:
[... considero este forum o melhor no aspecto da entreajuda, só que penso que pode ser ainda melhor.

Tens toda a razão e estamos todos cá para aprender com os erros e tentar dar o nosso melhor a cada dia que passa para consolidar este fórum na posição cimeira a que , por mérito de todos, conseguiu chegar !

  

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4811
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 22:25

ducar escreveu:
Milton escreveu:
cabb escreveu:
[


No meio disto tudo, só estou a ver uma coisa que o vinyl teria que vencer (nem se inventarem um gira-discos/lavadora, que fizesse tudo ao mesmo tempo): os problemas causados pela sujidade na leitura, no dia em que essa barreira vor vencida... acho que ainda vai ter mais força, outro problema também é a sua falta de portabilidade (são muito grandes para transportar e podem partir ou riscar-se!), mas isso também lhe dá algum romantismo e beleza (principalmente o cuidado que se vê na elaboração das capas e toda aquela elegância que se assiste de uma agulha ler descontraidamente o disco: parece um cavalo a galope pelos campos verdejantes, em slow motion).

Eu admito que o vinil possa ter esses "problemas", mas faço uma comparação simplista :

Os discos de vinil são para serem usados com cuidado em casa, tal como o serviço de Vista Alegre que passou de gerações.
Se vais fazer um picnik levas pratos de plástico e copos de papel daqueles de usar e deitar fora, tal como os cds e o mp3..

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.

Sim, não deitem nada fora sem falar comigo…tenho aqui um reciclador de grandes dimensões. cyclops 

R
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2533
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 47
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 22:27

Milton escreveu:
agorgal escreveu:
[... considero este forum o melhor no aspecto da entreajuda, só que penso que pode ser ainda melhor.

Tens toda a razão e estamos todos cá para aprender com os erros e tentar dar o nosso melhor a cada dia que passa para consolidar este fórum na posição cimeira a que , por mérito de todos, conseguiu chegar !

  

     
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 22:58

Fugindo um pouco ao tópico, eu parto do principio que o fórum já é perfeito e que são os users que deixam muito a desejar.   

Entretanto fui ver se esta a chover

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2533
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 47
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qua Maio 28 2014, 23:02

António José da Silva escreveu:
Fugindo um pouco ao tópico, eu parto do principio que o fórum já é perfeito e que são os users que deixam muito a desejar.   

Entretanto fui ver se esta a chover

  

Acho que não entendi bem o que dizes? Tu estás a defender os meninos ou atacar os meninos?

Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 10:43

Milton escreveu:
ducar escreveu:
[

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.
  
Nem eu !
Tu já viste a poluição que se gerava se começássemos a deitar os cds fora ??
São toneladas de plástico que nem a Natureza aceita !

  

Não sejas tendencioso, para mim dou o mesmo valor ao vinil como o CD, sempre usei os dois mesmo quando o vinil estava démodé.

Não faço parte desta geração mais conhecida por vintage ou lá o que é que agora viraram-se para o vinil cassetes e bobines porque é giro  e está na moda e o pior passaram a ser fundamentalistas.
Eu já guardo as velhinhas cassetes, bobines, vinil e cd desde que me conheço.


 
Voltar ao Topo Ir em baixo
rednef
Membro AAP
avatar

Mensagens : 691
Data de inscrição : 20/03/2012
Localização : Queluz

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 10:46

Penso que ainda não foi referido um aspeto muito importante, com a recente euforia à volta do vinil e com as grandes empresas à espreita para lucrar com isso, existem editoras a "enganar" os compradores. A grande vantagem do vinil é a sua capacidade enquanto formato para conter uma maior informação(comparativamente com um cd) o que resulta numa qualidade sonora superior, o que se passa é que muitas das reedições à venda não são mais do que a mesma informação que está num cd "impressa" em vinil, é muito bonito ver grandes discos a preços baixos mas no fundo o que se compra é um cd em formato 12".
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1489
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 11:04

rednef escreveu:
... o que se passa é que muitas das reedições à venda não são mais do que a mesma informação que está num cd "impressa" em vinil, é muito bonito ver grandes discos a preços baixos mas no fundo o que se compra é um cd em formato 12".


Essa é a pior maleita para mim... não saber o que se compra/compro.

 clown 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 11:53

ducar escreveu:
Milton escreveu:
ducar escreveu:
[

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.
  
Nem eu !
Tu já viste a poluição que se gerava se começássemos a deitar os cds fora ??
São toneladas de plástico que nem a Natureza aceita !

  

Não sejas tendencioso, para mim dou o mesmo valor ao vinil como o CD, sempre usei os dois mesmo quando o vinil estava démodé.

Não faço parte desta geração mais conhecida por vintage ou lá o que é que agora viraram-se para o vinil cassetes e bobines porque é giro  e está na moda e o pior passaram a ser fundamentalistas.
Eu já guardo as velhinhas cassetes, bobines, vinil e cd desde que me conheço.


 
Por acaso não sou nada tendencioso...bem, só um cadito....mas olha que tu estás para lá de vintage !
  

Agora a serio, tenho bastantes cds dos quais não me desfaço e ainda oiço de tempos a tempos, e ainda à pouco tempo fiz uma espécie de upgrade ao leitor que passou a ser um marantz cd50 que me custou uns exorbitantes 30€...
Mas de facto sou tendencioso porque a minha tendência é para apostar cada vez mais no vinil e até deixei de comprar cds à muito, e tambem gosto muito das cassetes e cartuchos e bobines porque é giro e por acaso tem um som porreiro.
Mas tambem não excluo a ideia de vir a ter um sistema baseado em digital de alta resolução

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 13:03

Milton escreveu:
ducar escreveu:
Milton escreveu:
ducar escreveu:
[

Não concordo de maneira nenhuma com essa coisa de deitar fora os cd, é que no meu caso não foram adquiridos a custo 0.
  
Nem eu !
Tu já viste a poluição que se gerava se começássemos a deitar os cds fora ??
São toneladas de plástico que nem a Natureza aceita !

  

Não sejas tendencioso, para mim dou o mesmo valor ao vinil como o CD, sempre usei os dois mesmo quando o vinil estava démodé.

Não faço parte desta geração mais conhecida por vintage ou lá o que é que agora viraram-se para o vinil cassetes e bobines porque é giro  e está na moda e o pior passaram a ser fundamentalistas.
Eu já guardo as velhinhas cassetes, bobines, vinil e cd desde que me conheço.


 
Por acaso não sou nada tendencioso...bem, só um cadito....mas olha que tu estás para lá de vintage !
  

Agora a serio, tenho bastantes cds dos quais não me desfaço e ainda oiço de tempos a tempos, e ainda à pouco tempo fiz uma espécie de upgrade ao leitor que passou a ser um marantz cd50 que me custou uns exorbitantes 30€...
Mas de facto sou tendencioso porque a minha tendência é para apostar cada vez mais no vinil e até deixei de comprar cds à muito, e tambem gosto muito das cassetes e cartuchos e bobines porque é giro e por acaso tem um som porreiro.
Mas tambem não excluo a ideia de vir a ter um sistema baseado em digital de alta resolução

Eu já sou um clássico mas tu já estás para lá dos 50 e eu ainda nos 40.  

Quanto ao teu leitor fizeste uma boa escolha agora imagina ouvires os teus CD num Marantz CD 10, garanto-te que passavas a ouvir mais CD.

Voltar ao Topo Ir em baixo
lpg
Membro AAP
avatar

Mensagens : 307
Data de inscrição : 08/09/2011

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 13:10

cabb escreveu:
... os problemas causados pela sujidade na leitura, no dia em que essa barreira vor vencida...

O vinil não é um formato para "stress's" e pressas, dedicas-lhe carinho e ele devolve-te música! A questão da sujidade enquadra-se na "manutenção"!
No meu sistema ouço maioritariamente música, conforme diz o António! Conto pelos dedos de duas mãos os discos problemáticos (que adquiri em 2ª mão), e nestes o problema não é sujidade mas sim pistas agredidas por agulhas gastas de 10€...

Milton escreveu:
...
Os discos de vinil são para serem usados com cuidado em casa, tal como o serviço de Vista Alegre que passou de gerações.
Se vais fazer um picnik levas pratos de plástico e copos de papel daqueles de usar e deitar fora, tal como os cds e o mp3..

grande LOL para a analogia da Vista Alegre!

rednef escreveu:
... A grande vantagem do vinil é a sua capacidade enquanto formato para conter uma maior informação(comparativamente com um cd) o que resulta numa qualidade sonora superior, o que se passa é que muitas das reedições à venda não são mais do que a mesma informação que está num cd "impressa" em vinil, é muito bonito ver grandes discos a preços baixos mas no fundo o que se compra é um cd em formato 12".

Em principio o Vinil terá uma gama dinâmica superior ao CD e é certo que depende da produção!

Recentemente gerou-se uma polémica em torno que um disco que não tenho, Daft Punk - Random Access Memories! Sendo um disco bastante comercial muitos dos consumidores verificaram que a dinâmica da versão CD seria inferior à vrs Vinil..., é certo que isto tb pode ser feito em produção para destacar uma das edições...!

O que posso garantir é que a dinâmica do vinil é superior ao cd em todas as edições que adquiri de 12" e que se fazem acompanhar do cd da mesma edição...


Milton escreveu:

Mas tambem não excluo a ideia de vir a ter um sistema baseado em digital de alta resolução

Por enquanto excluo essa hipótese, é uma tecnologia que ainda tem muito trabalho a fazer para não soar a artificial..., mas engana facilmente assim como as máquinas de cápsulas de café! Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
ruifigueiredo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 151
Data de inscrição : 06/08/2012
Idade : 33
Localização : Seixal

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:13

Eu confesso que inicialmente a minha entrada na cena dos vinis foi por uma questão de capricho. Tinha orgulho em me diferenciar dos amigos que só ouviam digital e militava a favor do vinil com os chavões clássicos da dinâmica e do palco, embora sem perceber o que estava a dizer. Não é que não gostasse do som analógico mas as razões eram mais sentimentais e de tendência do que factuais.
Entretanto as coisas mudaram. Depois de três ou quatro anos a ouvir exclusivamente vinil, voltei a ligar o leitor de cds durante a espera por uma nova célula. E a revelação deu-se precisamente aí porque, de facto, aquilo soava diferente para pior. Não é nada que eu saiba explicar de forma científica como o ricardo frança faz tão bem mas a realidade é que apesar da música ser entregue toda certinha, com boa definição e tal, falta aquela energia que só o vinil oferece.
Para mim foi mesmo uma descoberta como se tivesse resolvido um difícil problema matemático e percebido que a resposta faz todo o sentido e é obvia. A diferença é agora totalmente evidente.
Posso dizer que anteriormente era um fundamentalista desinformado mas agora, apesar de igualmente desinformado sou muito mais (totalmente) convicto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:15

ruifigueiredo escreveu:
Eu confesso que inicialmente a minha entrada na cena dos vinis foi por uma questão de capricho. Tinha orgulho em me diferenciar dos amigos que só ouviam digital e militava a favor do vinil com os chavões clássicos da dinâmica e do palco, embora sem perceber o que estava a dizer. Não é que não gostasse do som analógico mas as razões eram mais sentimentais e de tendência do que factuais.
Entretanto as coisas mudaram. Depois de três ou quatro anos a ouvir exclusivamente vinil, voltei a ligar o leitor de cds durante a espera por uma nova célula. E a revelação deu-se precisamente aí porque, de facto, aquilo soava diferente para pior. Não é nada que eu saiba explicar de forma científica como o ricardo frança faz tão bem mas a realidade é que apesar da música ser entregue toda certinha, com boa definição e tal, falta aquela energia que só o vinil oferece.
Para mim foi mesmo uma descoberta como se tivesse resolvido um difícil problema matemático e percebido que a resposta faz todo o sentido e é obvia. A diferença é agora totalmente evidente.
Posso dizer que anteriormente era um fundamentalista desinformado mas agora, apesar de igualmente desinformado sou muito mais (totalmente) convicto.


Fantástico, é o que muitos sentem.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
rednef
Membro AAP
avatar

Mensagens : 691
Data de inscrição : 20/03/2012
Localização : Queluz

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:18


rednef escreveu:
... A grande vantagem do vinil é a sua capacidade enquanto formato para conter uma maior informação(comparativamente com um cd) o que resulta numa qualidade sonora superior, o que se passa é que muitas das reedições à venda não são mais do que a mesma informação que está num cd "impressa" em vinil, é muito bonito ver grandes discos a preços baixos mas no fundo o que se compra é um cd em formato 12".

Em principio o Vinil terá uma gama dinâmica superior ao CD e é certo que depende da produção!

Recentemente gerou-se uma polémica em torno que um disco que não tenho, Daft Punk - Random Access Memories! Sendo um disco bastante comercial muitos dos consumidores verificaram que a dinâmica da versão CD seria inferior à vrs Vinil..., é certo que isto tb pode ser feito em produção para destacar uma das edições...!

O que posso garantir é que a dinâmica do vinil é superior ao cd em todas as edições que adquiri de 12" e que se fazem acompanhar do cd da mesma edição...
[/quote]

Não é certamente o formato em si que dita a dinâmica mas sim o que este contem, o vinil, assim como outro formato qualquer, não reproduz nada que não esteja nele impresso.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:26

rednef escreveu:


Não é certamente o formato em si que dita a dinâmica mas sim o que este contem, o vinil, assim como outro formato qualquer, não reproduz nada que não esteja nele impresso.


Isso não é bem assim. A masterização feita para vinil é diferente daquela usada para CD.


Vinyl is also a different medium to master for. For digital media — CDs and mp3s — there is an absolute ceiling of 0dB. Most modern recordings are mastered to reach this ceiling, often barely coming down from it (certainly in David Guetta’s case). Despite having much more dynamic range available to us, outside of classical and jazz, not many engineers use it (you may have heard of the ‘loudness wars’).

On vinyl, there is no absolute ceiling. The level is set by the cutting engineer. Rather than chopping off the highest peaks with the use of brickwall limiters, they are gently saturated — such is the nature of analogue. As record players aren’t portable, and don’t have a shuffle mode, it’s assumed that vinyl listeners don’t mind using their volume knob as much, so the need for the recording to be as loud as everything else is removed — allowing greater use of dynamic range. Bottom line, the source material is often actually better.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:38

Conclusions
It appears that the vinylphile claims are not as outrageous as they seem: LPs do have a usable dynamic range far greater than the measured dynamic range would suggest, and LPs consistently have higher relative dynamics over digital formats. But it is also true that LPs have higher distortion levels which translate to ultrasonic frequency harmonics.

The question is: is the higher relative dynamics of LPs an indication of higher accuracy, or are LPs exaggerating transients and dynamics? I'm not sure, and I would welcome comments.

If LPs have higher distortion and are exaggerating dynamics, it may explain why the apparent "benefits" of LPs translate even into LP recordings, and potentially explain why LPs of digital recordings sound better than their CD equivalents.

http://www.audioholics.com/audio-technologies/dynamic-comparison-of-lps-vs-cds-part-4

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
rednef
Membro AAP
avatar

Mensagens : 691
Data de inscrição : 20/03/2012
Localização : Queluz

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:41

a masterização é parte do processo de gravação/edição de um trabalho. Se há quem remasterize tendo em conta o formato de impressão tambem há uma grande maioria que não o faz para salvaguardar a identidade sonora original (o que eu pessoalmente concordo) .

Mas o que referes vai de encontro ao que disse, nenhum formato reproduz algo que não existe nele previamente impresso.

Se o processo de corte e impressão de um disco lhe adicionam caracteristicas diferenciadoras de um cd, não sei nem tenho conhecimentos para o afirmar, mas se assim é, mais uma vez reproduz o que lá está.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:46

rednef escreveu:
a masterização é parte do processo de gravação/edição de um trabalho. Se há quem remasterize tendo em conta o formato de impressão tambem há uma grande maioria que não o faz para salvaguardar a identidade sonora original (o que eu pessoalmente concordo) .

Mas o que referes vai de encontro ao que disse, nenhum formato reproduz algo que não existe nele previamente impresso.

Se o processo de corte e impressão de um disco lhe adicionam caracteristicas diferenciadoras de um cd, não sei nem tenho conhecimentos para o afirmar, mas se assim é, mais uma vez reproduz o que lá está.


Então pronto....num está normalmente mais do que noutro.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15223
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 56
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:50

lpg escreveu:
Milton escreveu:
on"]
Mas tambem não excluo a ideia de vir a ter um sistema baseado em digital de alta resolução

Por enquanto excluo essa hipótese, é uma tecnologia que ainda tem muito trabalho a fazer para não soar a artificial..., mas engana facilmente assim como as máquinas de cápsulas de café! Wink

Sim é possível que haja ainda trabalho a fazer de modo a apresentar-nos esse digital de uma forma mais "natural".
Mas não nos podemos esquecer que andam por aí muitas gravações analógicas boas que foram feitas a partir de masters digitais. Este disco do Cid "Palha" e os discos da GRP por exemplo.
E até te dou o exemplo de um qualquer cd que, depois de gravado em fita RtR fica a soar com mais naturalidade do que o original.
Por isso eu não excluo essa hipótese quando o digital atingir essa maturidade de apresentação ao consumidor.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 14:54

Volto a aconselhar leitura atenta.


The Superiority of Analog Audio Tape Recording vs. Digital Recording


http://members.aon.at/aseibt/



_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4811
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 15:05

rednef escreveu:
a masterização é parte do processo de gravação/edição de um trabalho. Se há quem remasterize tendo em conta o formato de impressão tambem há uma grande maioria que não o faz para salvaguardar a identidade sonora original (o que eu pessoalmente concordo) .

Mas o que referes vai de encontro ao que disse, nenhum formato reproduz algo que não existe nele previamente impresso.

Se o processo de corte e impressão de um disco lhe adicionam caracteristicas diferenciadoras de um cd, não sei nem tenho conhecimentos para o afirmar, mas se assim é, mais uma vez reproduz o que lá está.

As "características" (ou "colorações") do som vinil são adicionadas tanto no fabrico do suporte como na sua leitura.
Algumas são agradáveis: muitas dessas "distorções" (ou "colorações") têm uma correlação com o conteúdo musical e os transitórios nas altas frequências são "suavizados".

Se removermos essas "colorações" obtemos um som idêntico ao de um CD. cyclops 

R
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64409
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 15:19

ricardo onga-ku escreveu:
obtemos um som idêntico ao de um CD. cyclops 

R


Que ideia arrepiante.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
lpg
Membro AAP
avatar

Mensagens : 307
Data de inscrição : 08/09/2011

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 15:24

António José da Silva escreveu:
rednef escreveu:


Não é certamente o formato em si que dita a dinâmica mas sim o que este contem, o vinil, assim como outro formato qualquer, não reproduz nada que não esteja nele impresso.

Isso não é bem assim. A masterização feita para vinil é diferente daquela usada para CD.
...

António José da Silva escreveu:

Então pronto....num está normalmente mais do que noutro.   

Grato pelo esclarecimento António!   
Poupaste-me uns quantos parágrafos...


Milton escreveu:

Sim é possível que haja ainda trabalho a fazer de modo a apresentar-nos esse digital de uma forma mais "natural".
Mas não nos podemos esquecer que andam por aí muitas gravações analógicas boas que foram feitas a partir de masters digitais. Este disco do Cid "Palha" e os discos da GRP por exemplo.
E até te dou o exemplo de um qualquer cd que, depois de gravado em fita RtR fica a soar com mais naturalidade do que o original.
Por isso eu não excluo essa hipótese quando o digital atingir essa maturidade de apresentação ao consumidor.

Não me oponho de forma alguma ao uso de remasterizações digitais para passar a suporte analógico! Que venham muitas mais...

Por outro lado um ficheiro digital Lossless (os mp3's não merecem qq comentário) corrido num dac de alta resolução (mesmo hi-end) soa sempre a artificial e forçado...(a coisa resume-se a um show-off de tecnologia)! A melhor alternativa é converter os Lossless em audio CD e fazer a leitura num leitor de cd's, que sendo bom "tentará" apresentar a música de forma natural...
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4811
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   Qui Maio 29 2014, 15:54

lpg escreveu:
António José da Silva escreveu:
rednef escreveu:


Não é certamente o formato em si que dita a dinâmica mas sim o que este contem, o vinil, assim como outro formato qualquer, não reproduz nada que não esteja nele impresso.

Isso não é bem assim. A masterização feita para vinil é diferente daquela usada para CD.
...

António José da Silva escreveu:

Então pronto....num está normalmente mais do que noutro.   

Grato pelo esclarecimento António!   
Poupaste-me uns quantos parágrafos...


Milton escreveu:

Sim é possível que haja ainda trabalho a fazer de modo a apresentar-nos esse digital de uma forma mais "natural".
Mas não nos podemos esquecer que andam por aí muitas gravações analógicas boas que foram feitas a partir de masters digitais. Este disco do Cid "Palha" e os discos da GRP por exemplo.
E até te dou o exemplo de um qualquer cd que, depois de gravado em fita RtR fica a soar com mais naturalidade do que o original.
Por isso eu não excluo essa hipótese quando o digital atingir essa maturidade de apresentação ao consumidor.

Não me oponho de forma alguma ao uso de remasterizações digitais para passar a suporte analógico! Que venham muitas mais...

Por outro lado um ficheiro digital Lossless (os mp3's não merecem qq comentário) corrido num dac de alta resolução (mesmo hi-end) soa sempre a artificial e forçado...(a coisa resume-se a um show-off de tecnologia)! A melhor alternativa é converter os Lossless em audio CD e fazer a leitura num leitor de cd's, que sendo bom "tentará" apresentar a música de forma natural...

Que ideia... Suspect scratch 

Em primeiro lugar um ficheiro (com compressão) lossless pode ter a resolução de um CD, superior ou até inferior (p.ex. 8bit/32kHz); um documento Excel zipado é um ficheiro (com compressão) lossless.
E se a resolução for superior aos 16bit/44,1kHz da norma Redbook (Audio CD) isso obriga a que a conversão para CD seja efectuada por um SRC (Conversor de Frequência de Amostragem) de elevado desempenho ou o resultado será muito mau.

O processo de digitalização de uma master tape analógica, mesmo a 16/44,1, é praticamente "transparente" pelo que ambas as versões produzirão resultados semelhantes quando passadas para vinil.
Talvez se possa concluir que algumas pessoas gostam do som que o vinil e o sistema de leitura acrescentam à gravação...

R
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 3Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» O futuro do vinil está assegurado! O que vem depois?
» Compra em Grupo • AAP • Acessórios para Vinil • Maio de 2012
» imprimir o teu próprio disco de vinil - futuro?????
» Estúdio Ensaio [Procurando]
» Onde Estão os Baixistas de Porto Alegre?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Phono Geral-
Ir para: