Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Ratoeiras do "digital"

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
AutorMensagem
reirato
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3029
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 73
Localização : Stª Maria de Belém, Lisboa

MensagemAssunto: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 12:46

Human hearing beats sound’s uncertainty limit, makes MP3s sound worse!!!

http://arstechnica.com/science/2013/02/human-hearing-beats-sounds-uncertainty-limit-makes-mp3s-sound-worse/

Human Time-Frequency Acuity Beats the Fourier Uncertainty Principle

http://arxiv.org/pdf/1208.4611.pdf



king
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://arato.rocha@gmail.com
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 12:59

reirato escreveu:
Human hearing beats sound’s uncertainty limit, makes MP3s sound worse!!!

http://arstechnica.com/science/2013/02/human-hearing-beats-sounds-uncertainty-limit-makes-mp3s-sound-worse/

Human Time-Frequency Acuity Beats the Fourier Uncertainty Principle

http://arxiv.org/pdf/1208.4611.pdf



king


Este artigo já aqui foi mencionado, e mostra bem que a capacidade auditiva vai mais além daquilo que se suponha. Pode ser mais uma razão para o desconforto do som digital.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
reirato
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3029
Data de inscrição : 08/11/2010
Idade : 73
Localização : Stª Maria de Belém, Lisboa

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 14:40

António José da Silva escreveu:

.... Este artigo já aqui foi mencionado, e ....

Ooops!...

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://arato.rocha@gmail.com
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 14:55

reirato escreveu:
António José da Silva escreveu:

.... Este artigo já aqui foi mencionado, e ....

Ooops!...



Ainda bem que o voltastes a colocar, da primeira vez não gerou interesse, pode ser que desta seja diferente.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 20:25

António José da Silva escreveu:
reirato escreveu:
Human hearing beats sound’s uncertainty limit, makes MP3s sound worse!!!

http://arstechnica.com/science/2013/02/human-hearing-beats-sounds-uncertainty-limit-makes-mp3s-sound-worse/

Human Time-Frequency Acuity Beats the Fourier Uncertainty Principle

http://arxiv.org/pdf/1208.4611.pdf



king


Este artigo já aqui foi mencionado, e mostra bem que a capacidade auditiva vai mais além daquilo que se suponha. Pode ser mais uma razão para o desconforto do som digital.

Venenoso
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 21:32

ducar escreveu:


Venenoso


Tudo o que sirva para mandar abaixo aquele/s formato/s que tanto desgosto, é bem vindo. lol!

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 03 2013, 23:02

António José da Silva escreveu:
ducar escreveu:


Venenoso


Tudo o que sirva para mandar abaixo aquele/s formato/s que tanto desgosto, é bem vindo. lol!

Eu gosto, VIVA O CD

Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4809
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 04 2013, 09:15

António José da Silva escreveu:
ducar escreveu:


Venenoso


Tudo o que sirva para mandar abaixo aquele/s formato/s que tanto desgosto, é bem vindo. lol!

Seu fanático! flower
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 04 2013, 14:28

ricardo onga-ku escreveu:
António José da Silva escreveu:
ducar escreveu:


Venenoso


Tudo o que sirva para mandar abaixo aquele/s formato/s que tanto desgosto, é bem vindo. lol!

Seu fanático! flower


Pelo menos na brincadeira.....sou.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicroGruas
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3204
Data de inscrição : 12/11/2011
Idade : 48
Localização : Oriente

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 04 2013, 16:35

ricardo onga-ku escreveu:
António José da Silva escreveu:
ducar escreveu:


Venenoso


Tudo o que sirva para mandar abaixo aquele/s formato/s que tanto desgosto, é bem vindo. lol!

Seu fanático! flower





e vou-me ...............


feliz por estar contente


Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 04 2013, 16:39

Por acaso nem disse bem a verdade quando disse que são formatos que "desgosto". Para desgostar tinha que lhes dar alguma atenção, mas de alguns anos a esta parte, simplesmente os ignoro.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 00:53

 
Caramba, eu olhei para o primeiro parágrafo do artigo e fiquei com a impressão que os tipos estão a vender "Banha da Cobra" aka "Snake Oil" pelos EUA.

Observem só:
"The time-frequency uncertainty principle states that the product of the temporal and frequency
extents of a signal cannot be smaller than 1/(4Pi)"

Tentando traduzir este texto académico:
"O princípio da incerteza tempo-frequência afirma que o produto das extensões temporais e das frequências de um sinal não pode ser menor do que 1/(4Pi)"

Deus me valha, ou sou muito "burro" ou estes "académicos" são uns vigarista tecnocratas do pior, mas parece-me que o assunto tem a ver com "pisco-acústica".
Frequência e tempo estão diretamente dependentes; isto significa com que frequência ou "número de vezes" um sinal repete o ciclo por cada segundo.

O que eu posso tentar extrair desta introdução em "americano" é que as variações do sinal podem provocar aberrações na perceção pisco-acústica dos humanos e os "crânios" estipulam um limite mínimo de f*0,796, ou seja, pela minha perceção que pode estar errada: Num sinal de 1Khz a variação de +/- 80Hz já incomoda? Se for essa a ideia,incomoda e de que maneira pois são 17% de variação.
Isso é notório com a distorção harmónica, com o "Wow & Flutter" e o "Jitter digital" ( "Wow & Flutter" do digitais). Essas variações prejudicam o conforto e integração na peça em audição.
Se tivermos componentes harmónicos de 2ª ordem em doses letais, o som fica desfocado. Se forem componentes de 3ª ordem, o som fica tresmalhado por completo, se o motor do gira ou do deck de fita estiver "abananado" temos "Wow-Choro", se o cabrestante do deck estiver excêntrico ou a correia estiver demasiado esticada temos "Trémulo-Flutter".
Enfim venha quem quiser e escolha...pois eu continuo sem entender o que os tipos querem provar.
P.S. No texto não existe uma alusão à palavra "digital". Só nas obras de consulta (18)
  afro  study albino  
 smedley


Última edição por PALUSE em Sex Mar 14 2014, 22:44, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
afonso
Membro AAP


Mensagens : 2309
Data de inscrição : 17/06/2012

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 06:38

Sobre este tema remeto para o texto infra da minha assinatura... 
Voltar ao Topo Ir em baixo
PAINTER
Membro AAP


Mensagens : 972
Data de inscrição : 06/10/2012

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 09:39

Cada vez entendo menos as características do som digital e a sua evolução... o que sei é que o meu ouvido cada vez suporta menos esse som. Desde o primeiro dia que ouvi o som digital numa exposição fiquei sempre com a mesma sensação/efeito ao fim de 15 minutos de escuta, fico como se estivesse bêbedo e bastante incomodado auditivamente. Enquanto que sendo ao som da rádio ou do vinil, sem ser aos altos berros, nada me acontece.
Atenção, refiro-me ao som dos sistemas 3+1, 5+1,7+1 e por aí fora. E sou surdo!
É normal?
Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 11:05

PAINTER escreveu:
Cada vez entendo menos as características do som digital e a sua evolução... o que sei é que o meu ouvido cada vez suporta menos esse som. Desde o primeiro dia que ouvi o som digital numa exposição fiquei sempre com a mesma sensação/efeito ao fim de 15 minutos de escuta, fico como se estivesse bêbedo e bastante incomodado auditivamente. Enquanto que sendo ao som da rádio ou do vinil, sem ser aos altos berros, nada me acontece.
Atenção, refiro-me ao som dos sistemas 3+1, 5+1,7+1 e por aí fora. E sou surdo!
É normal?

 Orquestra 
Não me parece que seja "surdês".
Os sistemas digitais sofreram de uma publicidade muito má que era a tendência de abrilhantar o som das transferências das masters.
Apesar de todo o trabalho ser supostamente feito com material profissional, nada impede de os componentes escolhidos, o material de monitorização e o "ouvido" do técnico em funções ser de má cêpa. Depois disso há o "chefe", que pode ser tudo menos expedito na área em que faz a gestão.
Resultado: Há transferências para digital que soam bem e há outras que são "trampa". No "analógico" também acontece o mesmo, independentemente da cosmética que os aparelhos possam emprestar ao som.
Como eu não tenho fonte analógica para bater os digitais, agravado pelo meu ódio mortal às interferências e degradação do vinil, é muito difícil  eu opinar pela sua superioridade, que na minha realidade física, simplesmente não existe.
Quando puder gasto €5000,00 num gira, cabeça, phono amp e cabos e de seguida gasto €3500,00 num leitor digital moderno e depois volto a opinar, mas só deve ser na próxima encarnação.
 RIP 
O que sei é que a qualidade e características sónicas dos componentes são mais que suficientes para boicotar ambos os lados da moeda.
Para exemplo rápido, fiz um último "upgrade" ao meu estágio de phono. Um simples opamp duplo com RIAA integrado na realimentação. Simplesmente substitui os dois condensadores electroliticos de 470uF situados na linha de realimentação e que tem a função de filtro subsónico. Instalei uns Nichicon Fine Gold Muse com a mesma capacidade e o efeito foi notado de imediato com um ganho na riqueza harmónica do "médios baixos" e aumento de palpabilidade na apresentação da banda média.
Juntando um opamp melhor e filtragem da alimentação ainda um pouco mais cuidada, toda a situação evolui e o mesmo acontece no leitores digitais que sofrem bastante com os componentes escolhidos...
Para chatear, andei a rodar a velha Ortofon VMS20E MkII e acabei por voltar à "maldita" Shure M97xE.
Ok, admito que necessito de um gira bem melhor e de cabeça de leitura a acompanhar, mas nos dias que correm andam a pedir "couro e cabelo" pelas cabeças dos giras...
 smedley
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 11:53

As razões não serão fáceis de explicar, se é que tem explicação, mas em 90% dos casos (pelo menos), o LP soa-me bem melhor que a versão digital. Ainda há umas semanas tivemos essa experiência e foi com equipamento de igual qualidade. Quando passamos para LP, meu Deus...

PALUSE escreveu:
Quando puder gasto €5000,00 num gira, cabeça, phono amp e cabos e de seguida gasto €3500,00 num leitor digital moderno e depois volto a opinar, mas só deve ser na próxima encarnação.

Caro Paluse uns anos atrás, o clube audiófilo de Atenas conduziu um teste cego entre equipamento de topo (Bem mais de 5000 euros) digital (CD) e analógico (LP), e a conclusão foi unânime.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4809
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 12:40

Qual era a fonte digital nessas duas audições comparativas?

É que, como costumo frisar, o preço e a griffe (palavra que o Holbein e o meu avô utilizam para designar marca de luxo) não são indicativos de um bom desempenho.
Digital não é só 00s e 11s…há que ter em conta a qualidade do andar de saída, o grounding, a fonte de alimentação, etc., como aliás tem demostrado o PALUSE com as suas modificações/optimizações.
E, sim, até os melhores equipamentos podem ser melhorados.

Lembras-te deste vídeo (viatura de série vs. preparada para rali)?

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 12:56

O material usado não me lembro, mas foi material escolhido por ambas as "frações".

Mas Ricardo, esta constatação acontece em muitos sítios, com muito material destino. Mas como sempre, existe a opinião de uns e outros, e no fundo o que realmente interessa é ouvir musica.
Eu por mim, estou bem como estou.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4809
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 13:19

António José da Silva escreveu:
O material usado não me lembro, mas foi material escolhido por ambas as "frações".

Mas Ricardo, esta constatação acontece em muitos sítios, com muito material destino. Mas como sempre, existe a opinião de uns e outros, e no fundo o que realmente interessa é ouvir musica.
Eu por mim, estou bem como estou.

Concordo.

Mas tu é que levantaste a lebre, e quando se fala numa comparação para justificar a superioridade de um ou de outro suporte há que ter em conta os factores determinantes como a qualidade das gravações, equipamentos e sala, o género de música utilizado e a aptidão dos membros que compõe o painel de avaliação para a tarefa.
E a meu ver esta tarefa não deve ser uma degustação mas uma avaliação do desempenho de cariz observacionista (desprovida de emoção).
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 14:58

ricardo onga-ku escreveu:

Mas tu é que levantaste a lebre...


Uma leitura atenta dos posts anteriores demonstra que não fui eu, ou só eu.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 16:04

António José da Silva escreveu:
As razões não serão fáceis de explicar, se é que tem explicação, mas em 90%  dos casos (pelo menos), o LP soa-me bem melhor que a versão digital. Ainda há umas semanas tivemos essa experiência e foi com equipamento de igual qualidade. Quando passamos para LP, meu Deus...

PALUSE escreveu:
Quando puder gasto €5000,00 num gira, cabeça, phono amp e cabos e de seguida gasto €3500,00 num leitor digital moderno e depois volto a opinar, mas só deve ser na próxima encarnação.

Caro Paluse uns anos atrás, o clube audiófilo de Atenas conduziu um teste cego entre equipamento de topo (Bem mais de 5000 euros) digital (CD) e analógico (LP), e a conclusão foi unânime.

Eu já fiz essa experiência com dois amigos meus, discos iguais da mesma editora um em formato de cd outro vinil, o equipamento é aquele que já sabem e foi o vinil que ganhou a parada.

 

O album em questão foi este:
O meu é em lp e de um dos meus amigos era em cd.

http://www.theaudiotubes.com/mighty-sam-mclain-give-it-up-to-love-audioquest-first-pressing-lp.html

O disco está com um preço jeitoso

  
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 16:16

ducar escreveu:
António José da Silva escreveu:
As razões não serão fáceis de explicar, se é que tem explicação, mas em 90%  dos casos (pelo menos), o LP soa-me bem melhor que a versão digital. Ainda há umas semanas tivemos essa experiência e foi com equipamento de igual qualidade. Quando passamos para LP, meu Deus...

PALUSE escreveu:
Quando puder gasto €5000,00 num gira, cabeça, phono amp e cabos e de seguida gasto €3500,00 num leitor digital moderno e depois volto a opinar, mas só deve ser na próxima encarnação.

Caro Paluse uns anos atrás, o clube audiófilo de Atenas conduziu um teste cego entre equipamento de topo (Bem mais de 5000 euros) digital (CD) e analógico (LP), e a conclusão foi unânime.

Eu já fiz essa experiência com dois amigos meus, discos iguais da mesma editora um em formato de cd outro vinil, o equipamento é aquele que já sabem e foi o vinil que ganhou a parada.

 

O album em questão foi este:
O meu é em lp e de um dos meus amigos era em cd.

http://www.theaudiotubes.com/mighty-sam-mclain-give-it-up-to-love-audioquest-first-pressing-lp.html

O disco está com um preço jeitoso

  


Por acaso, tenho esse LP, oferta de um bom amigo.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 16:36

António José da Silva escreveu:
ducar escreveu:
António José da Silva escreveu:
As razões não serão fáceis de explicar, se é que tem explicação, mas em 90%  dos casos (pelo menos), o LP soa-me bem melhor que a versão digital. Ainda há umas semanas tivemos essa experiência e foi com equipamento de igual qualidade. Quando passamos para LP, meu Deus...

PALUSE escreveu:
Quando puder gasto €5000,00 num gira, cabeça, phono amp e cabos e de seguida gasto €3500,00 num leitor digital moderno e depois volto a opinar, mas só deve ser na próxima encarnação.

Caro Paluse uns anos atrás, o clube audiófilo de Atenas conduziu um teste cego entre equipamento de topo (Bem mais de 5000 euros) digital (CD) e analógico (LP), e a conclusão foi unânime.

Eu já fiz essa experiência com dois amigos meus, discos iguais da mesma editora um em formato de cd outro vinil, o equipamento é aquele que já sabem e foi o vinil que ganhou a parada.

 

O album em questão foi este:
O meu é em lp e de um dos meus amigos era em cd.

http://www.theaudiotubes.com/mighty-sam-mclain-give-it-up-to-love-audioquest-first-pressing-lp.html

O disco está com um preço jeitoso

  


Por acaso, tenho esse LP, oferta de um bom amigo.   

Deste senhor tenho mais um em lp e outro em formato digital

Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 22:40

Orquestra 
Sobre a questão do digital vs Lp nem há "lebre" nem "coelho". Estamos sujeitos ao que nos "enfiam" no mercado e ás nossas realidades existenciais dos sistemas que possuímos. A questão é que a qualidade do projetos e dos componentes, mandam no som de forma determinante em ambos os domínios.
Cada um ouve o que pode  e o que gosta com aquilo que tem. De resto kaputt.
Sobre o Mighty Sam McClain - Give it up to love; ouvi numa Fnac com o sistema base da Rega com uma Goldring 1006. Apesar do barulho ambiente, gostei do som  com boa extensão, médio e agudo com boa riqueza harmónica, claro que o ruído de superfície e as "cracas" lá estavam com apresentação "tímida", o que ajuda e o fim do disco a tocar com mais "dureza" relativamente ao que se ouviu até meio. A edição era uma Analogue Productions.
Acabei por arranjar emprestado a versão XRCD da mesma obra. Depois do sistema amornar por 3 horitas, o gozo de ouvir o vozeirão daquele "menino" a encher a sala, a dinâmica do registo e a belíssima interpretação dos músicos, faz daquele disco uma prenda atrasada muitos anos. O som simplesmente não incomoda, mesmo a "berrar", o palco sonoro é bem definido. Enfim, um excelente trabalho.
Estou à espera da versão SACD... um dia destes...pois já foi pedida o ano passado.
 smedley
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 23:08

PALUSE escreveu:
Orquestra 
Sobre a questão do digital vs Lp nem há "lebre" nem "coelho". Estamos sujeitos ao que nos "enfiam" no mercado e ás nossas realidades existenciais dos sistemas que possuímos. A questão é que a qualidade do projetos e dos componentes, mandam no som de forma determinante em ambos os domínios.
Cada um ouve o que pode  e o que gosta com aquilo que tem. De resto kaputt.
Sobre o Mighty Sam McClain - Give it up to love; ouvi numa Fnac com o sistema base da Rega com uma Goldring 1006. Apesar do barulho ambiente, gostei do som  com boa extensão, médio e agudo com boa riqueza harmónica, claro que o ruído de superfície e as "cracas" lá estavam com apresentação "tímida", o que ajuda e o fim do disco a tocar com mais "dureza" relativamente ao que se ouviu até meio. A edição era uma Analogue Productions.
Acabei por arranjar emprestado a versão XRCD da mesma obra. Depois do sistema amornar por 3 horitas, o gozo de ouvir o vozeirão daquele "menino" a encher a sala, a dinâmica do registo e a belíssima interpretação dos músicos, faz daquele disco uma prenda atrasada muitos anos. O som simplesmente não incomoda, mesmo a "berrar", o palco sonoro é bem definido. Enfim, um excelente trabalho.
Estou à espera da versão SACD... um dia destes...pois já foi pedida o ano passado.
 smedley

Os que eu tenho são da Audioquest o tal cd também

Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 23:32

Orquestra 
Boas, tive a sorte de emprestarem-me esta versão para ouvir...


Esta é a imagem do CD.


Inté
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 23:34

Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ducar
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4437
Data de inscrição : 11/11/2010

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 23:41

António José da Silva escreveu:
Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

Atenção aquela gravação é da JVC, a primeira vez que ouvi uma gravação da JVC foi nos anos 80 um LP do Lee Ritnour On the line.

Brutal
Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Sex Mar 14 2014, 23:50

ducar escreveu:
António José da Silva escreveu:
Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

Atenção aquela gravação é da JVC, a primeira vez que ouvi uma gravação da JVC foi nos anos 80 um LP do Lee Ritnour On the line.

Brutal  

 Orquestra 
Sim é um transfer da JVC.

Ontem estive a ouvir a última encarnação do álbum "Thick as a brick" dos "Jethro Tull", remisturada e masterizada pelo Steven Wilson. Seria de esperar outro belo trabalho, mas para a minha "engrenagem", foi "tanga". Banda média demasiado puxada e a entrar no patamar do demasiado incomodativo. O balanço tonal que o Sr. Wilson optou não "cola" com o meu sistema. Apesar de modestamente congestionada, prefiro o transfer da master original nos mesmos 24Bits a 96KHz; "morninho" e "redondinho" QB. A mistura da Sr. Wilson não pegou desta vez. Está na hora de atacar o módulos de potencia do amp!
 
 lol! 
Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 52
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Dom Mar 16 2014, 23:12

António José da Silva escreveu:
Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

 
V. Senhoria tem a "kága" de rodar um "vinyl front end" a rondar os €3.000,00.
Gira+braço+célula+estágio de RIAA + 2 IC stereo=€???  
Agora escolhe um "Digitálio" com esse preço - um IC, que depois logo se ouve.
  
Mas só depois de 50 horas de rodagem e 3 horas de aquecimento.
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 04:39

PALUSE escreveu:
António José da Silva escreveu:
Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

 
V. Senhoria tem a "kága" de rodar um "vinyl front end" a rondar os €3.000,00.
Gira+braço+célula+estágio de RIAA + 2 IC stereo=€???  
Agora escolhe um "Digitálio" com esse preço - um IC, que depois logo se ouve.
  
Mas só depois de 50 horas de rodagem e 3 horas de aquecimento.
 


Também pode ser num Lenco (100 euros) e com uma Shure 75 (50 euros). A tareia é idêntica.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4809
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Angles

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:03

António José da Silva escreveu:
PALUSE escreveu:
António José da Silva escreveu:
Eu tenho a sorte de ter o vinil, e sem ruídos de fundo. O resto, é imitação.   

  

 
V. Senhoria tem a "kága" de rodar um "vinyl front end" a rondar os €3.000,00.
Gira+braço+célula+estágio de RIAA + 2 IC stereo=€???  
Agora escolhe um "Digitálio" com esse preço - um IC, que depois logo se ouve.
  
Mas só depois de 50 horas de rodagem e 3 horas de aquecimento.
 


Também pode ser num Lenco (100 euros) e com uma Shure 75 (50 euros). A tareia é idêntica.   

Por vezes os audiófilos esquecem este pequeno gesto indispensável:

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:14

Numa grande maioria dos casos nem é necessário, visto as diferenças serem bem notórias.  smedley 

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:22

António José da Silva escreveu:
Numa grande maioria dos casos nem é necessário, visto as diferenças serem bem notórias.  smedley 


Em beneficio dos dois formatos. Rolling Eyes 
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:24

Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Numa grande maioria dos casos nem é necessário, visto as diferenças serem bem notórias.  smedley 


Em beneficio dos dois formatos. Rolling Eyes 


Claro que em beneficio do vinil, e isso sem qualquer réstia de duvida (pelo menos para mim).


_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:29

António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Numa grande maioria dos casos nem é necessário, visto as diferenças serem bem notórias.  smedley 


Em beneficio dos dois formatos. Rolling Eyes 


Claro que em beneficio do vinil, e isso sem qualquer réstia de duvida (pelo menos para mim).


Amigo António é um preveligiado porque 90% da escolha musical é jazz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:33

Pierre escreveu:


Amigo António é um preveligiado porque 90% da escolha musical é jazz.



Eu diria 50% Jazz 50% Rock (prog psyc), apesar de ouvir mais Jazz.
Mas a evidencia é com muita musica, em muitas casas diferentes e equipamentos.

Mas se calhar não ouvimos todos de igual modo, não sei.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:41

António José da Silva escreveu:
Eu diria 50% Jazz 50% Rock (prog psyc), apesar de ouvir mais Jazz.
Mas a evidencia é com muita musica, em muitas casas diferentes e equipamentos.

Mas se calhar não ouvimos todos de igual modo, não sei.


No meu cantinho fico-me pelos 30% de jazz e todo o genero de étnico, rock-pop,s restante. Como tal tenho tido dissabores em ambos os formatos como já sabes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:44

Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Eu diria 50% Jazz 50% Rock (prog psyc), apesar de ouvir mais Jazz.
Mas a evidencia é com muita musica, em muitas casas diferentes e equipamentos.

Mas se calhar não ouvimos todos de igual modo, não sei.


No meu cantinho fico-me pelos 30% de jazz e todo o genero de étnico, rock-pop,s restante. Como tal tenho tido dissabores em ambos os formatos como já sabes.


Os dissabores são com ambos os formatos (e restantes). Mas eu falo do "bom" digital e do "bom analógico, e ai não há volta a dar, pelo menos aos meus ouvidos.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:52

António José da Silva escreveu:

Os dissabores são com ambos os formatos (e restantes). Mas eu falo do "bom" digital e do "bom analógico, e ai não há volta a dar, pelo menos aos meus ouvidos.

Era essa clarividência que gostaria de ter presente por cá. Tenho uns 300 Lp,s e uns 700 cd,s e ainda não sei qual o "bom analógico" em comparativo com o "bom digital", isto nos formatos fisicos e com o mesmo album.
Ou seja, como sei se as edições de ambos são da mesma "casta"?
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 09:58

Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:

Os dissabores são com ambos os formatos (e restantes). Mas eu falo do "bom" digital e do "bom analógico, e ai não há volta a dar, pelo menos aos meus ouvidos.

Era essa clarividência que gostaria de ter presente por cá. Tenho uns 300 Lp,s e uns 700 cd,s e ainda não sei qual o "bom analógico" em comparativo com o "bom digital", isto nos formatos fisicos e com o mesmo album.
Ou seja, como sei se as edições de ambos são da mesma "casta"?


Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:02

António José da Silva escreveu:
Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

Acho isso tão estranho!... tenho cd,s que soam maravilhosamente, sem fadiga, frieza ou dos males normalmente associados. Assim como Lp,s é claro.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:09

Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

Acho isso tão estranho!... tenho cd,s que soam maravilhosamente, sem fadiga, frieza ou dos males normalmente associados. Assim como Lp,s é claro.


Talvez algum problema com o teu front end analógico.   

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:16

António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

Acho isso tão estranho!... tenho cd,s que soam maravilhosamente, sem fadiga, frieza ou dos males normalmente associados. Assim como Lp,s é claro.


Talvez algum problema com o teu front end analógico.   


É possivel. Os bons Lp,s lidos em bons giras e pré-phonos não é para todos (€).
Voltar ao Topo Ir em baixo
mannitheear
Membro AAP
avatar

Mensagens : 805
Data de inscrição : 01/08/2013

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:25

António José da Silva escreveu:
Talvez algum problema com o teu front end analógico.   

Maybe...?
I know this issue well as I had any possible analogue frontend problem the last 30 years!
Only lately I detected a loose bearing in the tonearm... Now everything is fixed and analog sounds (again) better than digital.

I still cannot explain why even microlevel information like ambient sound, microdynamics and quiet sounds like ppp played stings are more "present" with analogue than with digital (even with 96/24 files) while the plain technical data of vinyl playback is so much worse. 
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:27

Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

Acho isso tão estranho!... tenho cd,s que soam maravilhosamente, sem fadiga, frieza ou dos males normalmente associados. Assim como Lp,s é claro.


Talvez algum problema com o teu front end analógico.   


É possivel. Os bons Lp,s lidos em bons giras e pré-phonos não é para todos (€).


Tens que ouvir LP's baratos em giras como o Lenco 75 e células como a Shure 75. Tudo junto, ao preço de um leitor de CD de entrada de gama. E a ideia de que um LP tem que ser caro para ser bom vai totalmente contra a minha experiência pessoal. Tenho alguns bons e caros, e muitos bons e baratos.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:35

António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:
António José da Silva escreveu:
Ouço muita coisa de muitas castas, e a evidencia é sempre a mesma. E muito raramente ouço um digital que me seja minimamente agradável.

Acho isso tão estranho!... tenho cd,s que soam maravilhosamente, sem fadiga, frieza ou dos males normalmente associados. Assim como Lp,s é claro.


Talvez algum problema com o teu front end analógico.   


É possivel. Os bons Lp,s lidos em bons giras e pré-phonos não é para todos (€).





Tens que ouvir LP's baratos em giras como o Lenco 75 e células como a Shure 75. Tudo junto, ao preço de um leitor de CD de entrada de gama. E a ideia de que um LP tem que ser caro para ser bom vai totalmente contra a minha experiência pessoal. Tenho alguns bons e caros, e muitos bons e baratos.


Já tive por cá a Shure 75. No entanto terei sempre em comparativo dos formatos no material que tenho. As boas e más experiências em digital vs analógico debatem-se num Cd Cambridge Azur 650C vs Rotel Rp 855 / At At95, Pré Cambridge 640P.


Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:50

Talvez o nome do tópico devesse ser "Ratoeiras do digital e analógico".  smedley 

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1484
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 48
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:56

António José da Silva escreveu:
Talvez o nome do tópico devesse ser "Ratoeiras do digital e analógico".  smedley 

Mas cada vez vou dando menos importância a constatações, ambiguidades e armadilhas. Venham de lá os Lp,s e Cd,s para ouvir boa música e que se lixe!


Última edição por Pierre em Seg Mar 17 2014, 11:00, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64354
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Ratoeiras do "digital"   Seg Mar 17 2014, 10:59

Eu fui pelo caminho do formato que realmente me dá prazer. E não tenho saudades de voltar para trás.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Ratoeiras do "digital"
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 3Ir à página : 1, 2, 3  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Sistema wireless digital Line6 XDS95
» Pintura digital
» Considerações sobre Áudio Digital - Parte 2
» Ratoeiras do "digital"
» Mesas de gravação digitais

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Digital-
Ir para: