Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 A César o que é de César(sistema de CNeves)

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Ulrich
Membro AAP


Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 13:18

CNeves escreveu:
Um aparelho que ninguém reparou, talvez devido a estar escondido, é este: Stellavox.

 photo 2013-02-14021715_zps5ca0d570.jpg


Lindo...eu tenho uma paixão pelo Design Nagra, e sendo esse superior...imagino Orquestra
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 22:43

Amigo Microseiki

Tem toda a razão: não vê o chamado Hi.Hend nem nas cabeças nem nos cabos.

Nas cabeças a explicação é fácil: como gosto de cabeças moving magnet e agulhas esféricas, o meu Hi-Hend no mercado reduz-se substancialmente.

Nas moving coil, na minha humilde opinião, o topo do Hi-Hend termina na EMT TSD. Qualquer cabeça de custo superior não produz som mais agradável que a TSD.

Um amigo de um amigo meu que na altura vivia na América, amigo do amigo esse que era um quadro superior da Shure, disse-me: não há qualquer justificação para uma cabeça custar mais de 100 dólares. Como isto foi nos anos oitenta, púnhamos o valor atual nos 1000 dólares. E de facto a tecnologia das cabeças é dos anos trinta; a quantidade dos matérias por muito exóticos que sejam, é ínfima; de modo que o preço elevado numa cabeça é puro snobismo ou banha da cobra.

De modo que como vê tenho as agulhas Hi-End de acordo com o meu gosto.

Nos cabos a questão é ainda mais pertinente.

Não consigo de todo perceber como é que os ultra especialistas das revistas desprezam tanto os pré-amplificadores com equalização, graves e agudos, e depois escrevem páginas inteiras a falar de cabos, e a atribui-lhes todas a espécie de adjetivos: um cabo não faz mais de que uma equalização.

Na minha modesta opinião a principal qualidade de um cabo é ser linear: e felizmente para todos nós, há imensos cabos lineares de baixo custo: não é necessário gastar-se fortunas para os obter.

Aqui tem a minha explicação, para a falha no hi-end, nos preços, que muito bem detectou, nas cabeças e nos cabos; mas garanto-lhe que tenho um elevado Hi-End na qualidade sonora dos mesmos, de acordo com o meu gosto claro.


Boas audiçoes
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 23:05

Amigo TD124

Tem toda a razão, aminha coleção é de material profissional, as razões são três:

Primeira: qualidade audiófila: o material profissional de qualidade têm um som que nenhum equipamento domestico consegue reproduzir: ainda hoje os leitores de CD’s EMT 981 e 982, dos anos oitenta, rivalizam com os equipamentos domésticos do mais alto Hi-End atual.

Segunda: fiabilidade: enquanto num equipamento domestico dá-se um sopro e ele avaria; os equipamentos profissionais resistem a todos os abusos

Terceira: estética: os equipamentos domésticos, cheios de dourados, estrelinhas e apitos ,não me dizem nada; enquanto a estética dos equipamentos profissionais poem-me todos os pelos do rabo aos saltos.

Boas audições

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 23:08

CNeves escreveu:
enquanto a estética dos equipamentos profissionais poem-me todos os pelos do rabo aos saltos.

Boas audições






Isso é que é paixão. lol!


A verdade é que existem coisas boas de ambos os lados da barricada. Mas raramente alguém não tem um fraquinho por coisas profissionais, especialmente as vintage.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
nbunuel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2445
Data de inscrição : 07/07/2010

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 23:38

Tenho aqui um possível aliado na minha demanda pelo conceito de "alta fidelidade"! parabéns caro Neves... As minha única reticência tem a ver com as ditas agulhas "esfericas" que é certo e sabido que não conseguem extrair toda a informação constante numa espiras de um disco de vinil, já que não conseguem chegar aos "fundilhos" ! a minha experiência vai nesse sentido.. reconheço que são otimas para aqueles discos mais antigos, sujos, e com espiras mais largas....!e....!
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Qui Fev 14 2013, 23:57

Amigo Nbunuel

Está cheio de razão: as agulhas elipticas leem mais informação: e eu em certos discos não prescindo de as utilizar.

Mas no geral prefiro as agulhas esférica, Repare, a maioria dos discos que temos não são de qualidade por aí além: e aí a agulha esférica reina. Mesmo os discos topo de gama, não têm assim tanta variedade de instrumentos a tocar simultaneamente, nem tanta simultaneidade de tonalidades que justifiquem a agulha eleptica.

Por outro lado a agulha esférica produz sempre um som mais cheio, mais gordo, em suma, um som mais agradável: isto na minha opinião claro.

Mas compreendo e aceito que a maioria não seja da minha opinião: cada um gosta daquilo que gosta.

Boas audições


Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:03

Uma pequena correcção, esquecime de escrever "a maioria".

Boas audições

Amigo Nbunuel

Está cheio de razão: as agulhas esféricas leem mais informação: e eu em certos discos não prescindo de as utilizar. Mas no geral prefiro as agulhas esférica, Repare, a maioria dos discos que temos não são de qualidade por aí além: e aí a agulha esférica reina. Mesmo os discos topo de gama, a maioria não têm assim tanta variedade de instrumentos a tocar simultaneamente, nem tanta simultaneidade de tonalidades que justifiquem a agulha eleptica.

Por outro lado a agulha esférica produz sempre um som mais cheio, mais gordo, em suma, um som mais agradável: isto na minha opinião claro.

Mas compreendo e aceito que a maioria não seja da minha opinião: cada um gosta daquilo que gosta.

Boas audições


Voltar ao Topo Ir em baixo
jonniesousa
Membro AAP
avatar

Mensagens : 436
Data de inscrição : 09/09/2012
Localização : Oeiras

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:08

luis lopes escreveu:

ainda existe sitio para sentar....?

isso precisa aí de uma criança a andar de triciclo.... humanizar a sala.... lolol
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:14

Não tenha pena: tenho cá uma neta que tem tanta energia que parece que anda de avião; e não é só de vez em quando, é o dia inteiro.

Boas audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:15

A esta hora ainda está a andar de avião.

Boas audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:27

CNeves escreveu:
A esta hora ainda está a andar de avião.

Boas audições

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3137
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 00:40

CNeves escreveu:
Amigo TD124

Tem toda a razão, aminha coleção é de material profissional, as razões são três:

Primeira: qualidade audiófila: o material profissional de qualidade têm um som que nenhum equipamento domestico consegue reproduzir: ainda hoje os leitores de CD’s EMT 981 e 982, dos anos oitenta, rivalizam com os equipamentos domésticos do mais alto Hi-End atual.

Segunda: fiabilidade: enquanto num equipamento domestico dá-se um sopro e ele avaria; os equipamentos profissionais resistem a todos os abusos

Terceira: estética: os equipamentos domésticos, cheios de dourados, estrelinhas e apitos ,não me dizem nada; enquanto a estética dos equipamentos profissionais poem-me todos os pelos do rabo aos saltos.

Boas audições


Caro CNeves, obrigado pela resposta clara e concisa,

mas deixe-me lhe contar uma historia. Em 2001 tive uma entrevista de trabalho com o Jean Coquel que era o chefe da pesquisa da Nagra Kudelski SA, aonde ele me apresentou a empresa com um ênfase tal, que lhe fiz a mesma pergunta que a si. Ele respondeu mais ou menos as mesmas coisas resumindo, e olhou-me com um ar de grande (auto)satisfação. Eu que não tinha gostado da resposta, nem do ar dele (era douze anos mais novo), disse-lhe : olhe a diferença entre o material professional e o material domestico, é a mesma que entre um tractor e um carro. Os tractores são fiaveis, arrancam sempre e alguns até os podem achar bonitos, mas para ir de Paris a Geneve prefiro um carro, é mais economico, elegante e confortàvel... Ele riu e disse-me: E por isso que eu gostaria que voçê açeitasse de trabalhar connosco, pois nos sabemos fazer tractores, mas carros não... Para resumir, açeito a fiabilidade em geral, e mesmo a (kolossal) estética, mas as qualidades audiofilas fora alguns raros casos Question Faça como o Jean Coquel, ria-se!!! Very Happy ...

Abraço, bem vindo ao AAP, e os meus desejos que aproveite por longos anos a companhia desses seus bonitos aparelhos.

Até+

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 06:05

TD124 escreveu:
CNeves escreveu:
Amigo TD124

Tem toda a razão, aminha coleção é de material profissional, as razões são três:

Primeira: qualidade audiófila: o material profissional de qualidade têm um som que nenhum equipamento domestico consegue reproduzir: ainda hoje os leitores de CD’s EMT 981 e 982, dos anos oitenta, rivalizam com os equipamentos domésticos do mais alto Hi-End atual.

Segunda: fiabilidade: enquanto num equipamento domestico dá-se um sopro e ele avaria; os equipamentos profissionais resistem a todos os abusos

Terceira: estética: os equipamentos domésticos, cheios de dourados, estrelinhas e apitos ,não me dizem nada; enquanto a estética dos equipamentos profissionais poem-me todos os pelos do rabo aos saltos.

Boas audições


Caro CNeves, obrigado pela resposta clara e concisa,

mas deixe-me lhe contar uma historia. Em 2001 tive uma entrevista de trabalho com o Jean Coquel que era o chefe da pesquisa da Nagra Kudelski SA, aonde ele me apresentou a empresa com um ênfase tal, que lhe fiz a mesma pergunta que a si. Ele respondeu mais ou menos as mesmas coisas resumindo, e olhou-me com um ar de grande (auto)satisfação. Eu que não tinha gostado da resposta, nem do ar dele (era douze anos mais novo), disse-lhe : olhe a diferença entre o material professional e o material domestico, é a mesma que entre um tractor e um carro. Os tractores são fiaveis, arrancam sempre e alguns até os podem achar bonitos, mas para ir de Paris a Geneve prefiro um carro, é mais economico, elegante e confortàvel... Ele riu e disse-me: E por isso que eu gostaria que voçê açeitasse de trabalhar connosco, pois nos sabemos fazer tractores, mas carros não... Para resumir, açeito a fiabilidade em geral, e mesmo a (kolossal) estética, mas as qualidades audiofilas fora alguns raros casos Question Faça como o Jean Coquel, ria-se!!! Very Happy ...

Abraço, bem vindo ao AAP, e os meus desejos que aproveite por longos anos a companhia desses seus bonitos aparelhos.

Até+



E? Desenhastes alguns automóveis para os gajos?

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 07:58

Amigo TD124

Não concordo consigo.

Parece que temos a mesma opinião sobre a estética e a fiabilidade, e discordamos sobre a qualidade sonora dos equipamentos profissionais. Já é um bom ponto de partida para um mais amplo acordo.

Realmente a maioria do equipamento profissional áudio é um trator e não tem pretensões a sair daí. Agora o equipamento profissional de áudio, a que por comodidade chamarei Hi-End, atinge performances que muito dificilmente os equipamentos domésticos conseguem atingir: são tratores que atingem os 300kph, fazem as curvas mais apertadas a 200kph, e para além disso proporcionam aos seus ocupantes o conforto de um Mercedes classe S: em consequência, fazem uma viagem de Paris a Geneve em metade do tempo do que o Ferrari mais topo de gama, e proporcionam o dobro do conforto.

Vou-lhe referir alguns exemplos.

É hoje unanimemente reconhecido que os melhores amplificadores e colunas jamais feitos, são os de cinema da Western Electric: ou seja, cerca de cem anos depois, ainda nenhum equipamento domestico, apesar de algum custar obscenidades, conseguiu superar aquilo.

Na gravação analógica, fizeram-se equipamentos domésticos maravilhosos: a Revox, a Pioneer, a Sony, a Teac fizeram-nos; muitos passaram para o âmbito profissional; existem discos famosos gravados com tais equipamentos; o mais conhecido é as Basement Tapes do Bob Dylan; mas nenhum atingiu o patamar dos Studer, dos Nagra e dos Stellavox; máquinas profissionais por excelência.

Hoje fazem-se gira-discos do melhor: os RB, os Clearaudio, O VPI, os Sota, os Brinkmann, produzem um som cristalino incomparável. Mas não há nenhum dos proprietários de um desses equipamentos que não gostasse de ter ao lado um EMT; nem nenhum seria capaz de dizer que o gira-discos novo é melhor que aquele velhinho com quarenta anos.


De modo que se permite a seguinte suposição, digo que o Jean Coquel lhe deu aquela resposta porque tinha um grande desejo que o amigo fosse para lá trabalhar; isto porque os Nagra são o melhor exemplo do equipamento profissional a atingir os 300 kph e a curvar a 200kph.

Nota: peço-lhe que me perdoe as afirmações mais assertivas que fiz: considere-as tão só uma forma Felliniana de expressão, e uma maneira de dizer a importância que dou au assunto. Acredite, sou de opinião que no áudio as comparações são difíceis e não desejáveis.

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 08:23

CNeves escreveu:
... sou de opinião que no áudio as comparações são difíceis e não desejáveis.



Mas quando tratado com respeito e inteligência (como é o caso), dão aso a conversas bastante proveitosas e onde todos podemos aprender algo.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
nbunuel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2445
Data de inscrição : 07/07/2010

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 11:07

Concordo com a prosa do nosso Neves...
Tanto mais que: desde que grande parte das empresas japonesas desistiram do audio, só nos resta andar sentadinhos nestes exemplares!
O resto é só marketing!
Quanto ao material profissional... continua a dar cartas!
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3137
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 17:00

nbunuel escreveu:
Concordo com a prosa do nosso Neves...
Tanto mais que: desde que grande parte das empresas japonesas desistiram do audio, só nos resta andar sentadinhos nestes exemplares!
O resto é só marketing!
Quanto ao material profissional... continua a dar cartas!

Efectivamente nbunuel, quando não se tém dinheiro para isto...


é melhor acreditar que um velho carro alemão da RDA é a solução... Wink

PS: Perdão pelo off-topic CNeves, mas é sempre assim com o nbunuel, é uma velha historia... não ligue! Embarassed

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4303
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 49
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 17:03


Querem ver que já transformaram isto no Auto Hoje !?
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3137
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 22:52

CNeves escreveu:
Amigo TD124

Não concordo consigo.
...

Nota: peço-lhe que me perdoe as afirmações mais assertivas que fiz: considere-as tão só uma forma Felliniana de expressão, e uma maneira de dizer a importância que dou au assunto. Acredite, sou de opinião que no áudio as comparações são difíceis e não desejáveis.


Caro CNeves,

é inutil de dizer que não podemos estar de acordo (em praticamente nada neste assunto), mas aprecio e respeito as suas convicções, coisa necessaria e obrigatoria quando se é coleccionador. Não vou argumentar então o meu ponto de vista, pois ele é visivel nas vàrias intervenções que faço por aqui, e é possivel que as nossas lâminas (intelectuais) venham a se cruzar noutro topico. Ao contrario do AJS, não creio que o combate de ideias eduque a plateia, pois no melhor dos casos so a diverte. Na realidade muitas coisas nos separam para que a convergência possa existir no que diz respeito a este assunto. Em contrapartida adoro a sua maneira "Felliniana" de se exprimir e talvez isto seja em si, jà algo em comum (o Fellini evidentemente). Em relação à sua ultima frase, penso ao contrario (mais uma vez), que as comparações são necessarias e obrigatorias, para criar uma hierarquia, a partir do momento em que existe um protocolo, e regras determinando as condições da comparação... Coisa que se pratica frequentemente nas esferas sérias do audio.

Até+

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicroGruas
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 12/11/2011
Idade : 48
Localização : Oriente

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:05

CNeves escreveu:
Amigo Microseiki

Tem toda a razão: não vê o chamado Hi.Hend nem nas cabeças nem nos cabos.

Nas cabeças a explicação é fácil: como gosto de cabeças moving magnet e agulhas esféricas, o meu Hi-Hend no mercado reduz-se substancialmente.

Nas moving coil, na minha humilde opinião, o topo do Hi-Hend termina na EMT TSD. Qualquer cabeça de custo superior não produz som mais agradável que a TSD.

Um amigo de um amigo meu que na altura vivia na América, amigo do amigo esse que era um quadro superior da Shure, disse-me: não há qualquer justificação para uma cabeça custar mais de 100 dólares. Como isto foi nos anos oitenta, púnhamos o valor atual nos 1000 dólares. E de facto a tecnologia das cabeças é dos anos trinta; a quantidade dos matérias por muito exóticos que sejam, é ínfima; de modo que o preço elevado numa cabeça é puro snobismo ou banha da cobra.

De modo que como vê tenho as agulhas Hi-End de acordo com o meu gosto.

Nos cabos a questão é ainda mais pertinente.

Não consigo de todo perceber como é que os ultra especialistas das revistas desprezam tanto os pré-amplificadores com equalização, graves e agudos, e depois escrevem páginas inteiras a falar de cabos, e a atribui-lhes todas a espécie de adjetivos: um cabo não faz mais de que uma equalização.

Na minha modesta opinião a principal qualidade de um cabo é ser linear: e felizmente para todos nós, há imensos cabos lineares de baixo custo: não é necessário gastar-se fortunas para os obter.

Aqui tem a minha explicação, para a falha no hi-end, nos preços, que muito bem detectou, nas cabeças e nos cabos; mas garanto-lhe que tenho um elevado Hi-End na qualidade sonora dos mesmos, de acordo com o meu gosto claro.


Boas audiçoes

Caro Cneves

Concordo plenamente!

tenho alguns resquicios de cabus Ai Ende (restos da fase das compras baseadas em opinioes de sumidades entendidas que pura e simples deixei de ler!!!)

Tenho a TSD15, mas a minha referencia continua a DL103 sem R´s e outras designações mais sofisticadas (denon DL103 ABS, Turbo ou biturbo...... lol! )

Tenho ouvido celulas interessantes novas (Zyx por exemplo. Destas gosto e sinto-me confortavel) mas volto sempre as mesmas. Talvez o conforto do conhecido!!!!

Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:11

Caro amigo TD124

Não concordo nada que tenhamos opiniões assim tão diferentes.

De facto ambos gostamos de boa música; gostamos também dessa boa música reproduzida com qualidade; só divergimos no tipo de aparelhos para a reproduzir: eu gosto dos aparelhos profissionais e vintage: o amigo dos atuais e domésticos.

Essa divergência é o menos importante no assunto; e temos ambos razão nas nossas convicções.

Boas audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:24

Amigo Microseiki


Está cheio de razão: um dos primeiros cuidados no áudio é não ouvir os ”especialistas” das revistas.

E também tem razão sobre a DL103: é uma cabeça excecional: eu tenho duas, uma normal e outra SA; mas pode ter a certeza que as próximas Denon DL103 que comprar, são as normais de Lineu.

Boas audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3137
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:28

CNeves escreveu:
Caro amigo TD124

Não concordo nada que tenhamos opiniões assim tão diferentes.

De facto ambos gostamos de boa música; gostamos também dessa boa música reproduzida com qualidade; só divergimos no tipo de aparelhos para a reproduzir: eu gosto dos aparelhos profissionais e vintage: o amigo dos atuais e domésticos.

Essa divergência é o menos importante no assunto; e temos ambos razão nas nossas convicções.

Boas audições

Hum!!! Não sei se gosto muito dos actuais... so gosto dos meus... Estou a brincar !!!

Passe uma boa noite CNeves, obrigado pela resposta e bravo pelo espirito...

Até+

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:39


[/quote]

Hum!!! Não sei se gosto muito dos actuais... so gosto dos meus...

Até+[/quote]


E faz muito bem.

Boas audições

Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sex Fev 15 2013, 23:51

O dia de hoje vai ficar gravado na minha memória !!
Só me senti assim, reduzido à minha pequenez, de pernas a abanicar e a babar-me como um são bernardo, quando um dia ,na puberdade da vida, fomos em grupo ao café da "Francesinha" no Alto do Vale Embarassed
O César disse que nos estendia a passadeira vermelha, e de facto eu e o Ferpina fomos recebidos como se recebe alguem importante. Senti-me importante hoje !!
O almoço que a simpática esposa nos preparou estava uma prefeita maravilha, e a pinga também esteve à altura drunken .

Depois desta fantastica introdução, passámos para a secção de fumo com dois belos charutos !!
E com o belo almoço no bucho e os fumos a enevoarem-nos os sentidos, o impacto para o que o que nos esperava foi amortecido e adocicado, como se de uma musical sobremesa se tratasse.
Aquela sala mais parecia uma montra de brinquedos para adultos Laughing
Contei 4 EMTs(mas sei que havia mais), 3 RtR(Teac, Pioneer,Stellavox para além dos Studer arrecadados), 2 Lencos, 1 SP10, 1 PS-X9,1 301(e sei de um 401), 1 TD135, 1 TD124, o tal "apanha-bolas", uma playstation Smile, muuiiitos braços variados e uma miriade de outros bons e belos aparelhos...
Deixei de contar as celulas, gavetas e caixas cheias como se de bomboms se tratasse...
E aquelas colunas... Shocked
E agora pasmem : a conduzi-las com uma garra supreendente estava um...Grundig V7000 !!! Isso mesmo, um pequeno e simples(?) Grundig integrado a olhar sobranceiro para outros monolitos soberbos que estavam em poisio depositados no chão calados, desligados, e tristonhamente arredados do palco sonoro.
O som era um portento, uma dinamica e poder impressionantes, e o grave(meu Deus) aquele grave !!
Aquele grave ataca-nos o externo e revolve-nos as tripas...!
Aquilo não é um sistema de som, é um roller-coaster de sensações...

Vai daqui um abraço para o exímio anfitrião e para a simpática esposa.
Um bem haja para o CNeves !

PS: amanhã meto as fotos incriminatórias... Laughing


_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:05

Milton escreveu:
O dia de hoje vai ficar gravado na minha memória !!
Só me senti assim, reduzido à minha pequenez, de pernas a abanicar e a babar-me como um são bernardo, quando um dia ,na puberdade da vida, fomos em grupo ao café da "Francesinha" no Alto do Vale Embarassed
O César disse que nos estendia a passadeira vermelha, e de facto eu e o Ferpina fomos recebidos como se recebe alguem importante. Senti-me importante hoje !!
O almoço que a simpática esposa nos preparou estava uma prefeita maravilha, e a pinga também esteve à altura drunken .

Depois desta fantastica introdução, passámos para a secção de fumo com dois belos charutos !!
E com o belo almoço no bucho e os fumos a enevoarem-nos os sentidos, o impacto para o que o que nos esperava foi amortecido e adocicado, como se de uma musical sobremesa se tratasse.
Aquela sala mais parecia uma montra de brinquedos para adultos Laughing
Contei 4 EMTs(mas sei que havia mais), 3 RtR(Teac, Pioneer,Stellavox para além dos Studer arrecadados), 2 Lencos, 1 SP10, 1 PS-X9,1 301(e sei de um 401), 1 TD135, 1 TD124, o tal "apanha-bolas", uma playstation Smile, muuiiitos braços variados e uma miriade de outros bons e belos aparelhos...
Deixei de contar as celulas, gavetas e caixas cheias como se de bomboms se tratasse...
E aquelas colunas... Shocked
E agora pasmem : a conduzi-las com uma garra supreendente estava um...Grundig V7000 !!! Isso mesmo, um pequeno e simples(?) Grundig integrado a olhar sobranceiro para outros monolitos soberbos que estavam em poisio depositados no chão calados, desligados, e tristonhamente arredados do palco sonoro.
O som era um portento, uma dinamica e poder impressionantes, e o grave(meu Deus) aquele grave !!
Aquele grave ataca-nos o externo e revolve-nos as tripas...!
Aquilo não é um sistema de som, é um roller-coaster de sensações...

Vai daqui um abraço para o exímio anfitrião e para a simpática esposa.
Um bem haja para o CNeves !

PS: amanhã meto as fotos incriminatórias... Laughing





Vou apontar passo a passo e exijo (no mínimo) tratamento igual ou superior.


Já vi que foi um grande dia, e já reparei que a malta afinal fica rendida a um grave "grande" e belo quando o encontra. Finalmente pareço não estar só. O grave é de longe o mais fascinante (quando bom).

Quanto aos brinquedos todos, nem vou falar por que vou mesmo querer é ver, sentir, cheirar.....absorver.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ulrich
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4947
Data de inscrição : 06/10/2011
Idade : 39
Localização : Aveiro

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:05


Adorei a tua descrição...conseguiste transmitir a emoção de poder ver/ouvir estes fantásticos exemplares do áudio
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:09

Ulrich escreveu:

Adorei a tua descrição...conseguiste transmitir a emoção de poder ver/ouvir estes fantásticos exemplares do áudio


Eu também quero bater palmas, mas a inveja é mais forte.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:10

Ulrich escreveu:

Adorei a tua descrição...conseguiste transmitir a emoção de poder ver/ouvir estes fantásticos exemplares do áudio
Não, nem por sombras...
O que fiz foi tentar descrever o indescritivel...

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
bluedoor
Membro AAP


Mensagens : 169
Data de inscrição : 04/02/2013
Idade : 44

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:42

tópico interessantíssimo
Já aprendi mais umas coisitas hoje.

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 00:44

bluedoor escreveu:
tópico interessantíssimo
Já aprendi mais umas coisitas hoje.



Aprendemos todos com todos e um pouco todos os dias.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
CNeves
Membro AAP


Mensagens : 1099
Data de inscrição : 13/11/2012

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 13:30

Caros amigos

A descrição do Milton é rigorosíssima; mas os adjetivos excessivos: creio que são tão só devidos à amizade.

De facto a tarde foi tão agradável, o clima de camaradagem tão pleno, que chegamos todos ao fim a considerarmo-nos amigos.

Foi uma tarde em que abrimos a nossa alma audiófila; onde contamos as nossas memórias e expectativas; expusemos dúvidas; recebemos conselhos; de tudo um pouco.

Não sei se se passa o mesmo com os restantes bloguistas, mas comigo a maioria dos meus amigos não são audiófilos; e os que gostam de música já se renderam ao Ipod e ao MP3. A esses digo sempre que os vejo com uma coisa daquelas enfiada nos cornos: “não passas de um velho a querer ser adolescente: fazes pior figura do que pores um boné de basebol na cabeça, ou teres uma amante de vinte anos".

Assim com esses amigos só temos dois temas de conversa: dizer mal do governo e do país; e gajas.
Infelizmente o país está tão mal, e tão deprimido que dizer mal já não tem graça; e quanto ás gajas, à medida que a idade avança, o tema tem vindo a ser reprimido: agora só se fala de gajas de mamas grandes.

De modo que compreendem a lufada de ar fresco que foi ter em minha casa, duas pessoas generosas e interessadas a falarem do meu tema preferido.

Agradeço-lhes muito.

E claro o Fernando e o João puseram a minha expectativa a um nível elevadíssimo; e sou eu que agora digo: nas futuras visitas dos bloguistas que me queiram dar o prazer de me visitar, espero ter um clima tão bom, e tão agradável, ao que eles me proporcionaram,

Bem hajam.

Boas audições

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 13:33

CNeves escreveu:
nas futuras visitas dos bloguistas que me queiram dar o prazer de me visitar, espero ter um clima tão bom, e tão agradável, ao que eles me proporcionaram,







Conhecendo eu perfeitamente "esses" dois, mais desagradável não será de certeza.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis lopes
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4366
Data de inscrição : 25/02/2011
Idade : 50
Localização : algueirão

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 13:34

parece que o ceu existe e é bem perto de nós Cool
só faltam as fotos para comprovar....
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4303
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 49
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 13:43

António José da Silva escreveu:
CNeves escreveu:
nas futuras visitas dos bloguistas que me queiram dar o prazer de me visitar, espero ter um clima tão bom, e tão agradável, ao que eles me proporcionaram,

Conhecendo eu perfeitamente "esses" dois, mais desagradável não será de certeza.
É curioso que o Ferpina ainda não conseguiu dizer nada... deve estar em estado de choque!

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 13:47

Mister W escreveu:

É curioso que o Ferpina ainda não conseguiu dizer nada... deve estar em estado de choque!



Na volta, bebeu um Whisky de qualidade, e como não está habituado, caiu-lhe mal. O organismo está a rejeitar o liquido. lol!

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Duarte Rosa
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2013
Data de inscrição : 27/12/2011
Idade : 41
Localização : Abrantes

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 15:06

António José da Silva escreveu:
Mister W escreveu:

É curioso que o Ferpina ainda não conseguiu dizer nada... deve estar em estado de choque!



Na volta, bebeu um Whisky de qualidade, e como não está habituado, caiu-lhe mal. O organismo está a rejeitar o liquido. lol!

lol!

Milton, e as fotos?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 15:08

Aqui vão as fotos que documentam um dos mais bem passados dias da minha vida.

Aqui vemos o CNeves no seu "sweet spot" com o portatil à frente onde conversa conosco.

















E a prova em como os supertweeters estavam a trabalhar bem :

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Duarte Rosa
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2013
Data de inscrição : 27/12/2011
Idade : 41
Localização : Abrantes

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 15:15







Estou sem palavras!!!!!!!!!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 15:15

Eu não conseguiria viver no tormento constante de ter de escolher não só o disco, mas também onde o por a tocar.


Isso é o verdadeiro candy store , e nós as eternas crianças.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15106
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 15:53

Peço desculpa aos foristas e principalmente ao César pela fraca qualidade das fotos.
Se eu tivesse umas das muitas Leicas, Hasselblad, Nikon,Minolta etc,etc que ele lá tinha expostas, as fotos seriam "um pouco" melhores... Laughing
Fiquei com a certeza de que o analogico está presente naquela casa nas suas variadas vertentes , e a fotografia analogica tambem tem um lugar de destaque.

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis carrilho
Membro AAP
avatar

Mensagens : 704
Data de inscrição : 19/01/2013
Idade : 43
Localização : Pinhal de Frades-Seixal

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:13

Eu exijo á Administração que tome medidas severas contra o forista milton,as fotos por ele colocadas são pura pornografia audiofila num Forum aberto ao publico,no minimo deveria ter colocado um post com antecedencia a dizer que as proximas fotos poderiam ferir a susceptibilidade a pessoas mais sensiveis.
Não péço que seja banido,mas exijo no minimo uma forte admoestação verbal,pra que não tenha a ousadia de voltar a repetir a graçóla.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:16

luis carrilho escreveu:
Eu exijo á Administração que tome medidas severas contra o forista milton,as fotos por ele colocadas são pura pornografia audiofila num Forum aberto ao publico,no minimo deveria ter colocado um post com antecedencia a dizer que as proximas fotos poderiam ferir a susceptibilidade a pessoas mais sensiveis.
Não péço que seja banido,mas exijo no minimo uma forte admoestação verbal,pra que não tenha a ousadia de voltar a repetir a graçóla.


Ter tido a ousadia de visitar o Neves sem mim, é outra razão de grande repudio. Estou chocado (de inveja). A nossa sorte é a fraca qualidade das fotos.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis carrilho
Membro AAP
avatar

Mensagens : 704
Data de inscrição : 19/01/2013
Idade : 43
Localização : Pinhal de Frades-Seixal

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:23

António José da Silva escreveu:
A nossa sorte é a fraca qualidade das fotos.
És cá um venenoso pá... smedley
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:24

luis carrilho escreveu:
António José da Silva escreveu:
A nossa sorte é a fraca qualidade das fotos.
És cá um venenoso pá... smedley


Reconhecestes algum dos aparelhos?




_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis carrilho
Membro AAP
avatar

Mensagens : 704
Data de inscrição : 19/01/2013
Idade : 43
Localização : Pinhal de Frades-Seixal

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:27

António José da Silva escreveu:
luis carrilho escreveu:
António José da Silva escreveu:
A nossa sorte é a fraca qualidade das fotos.
És cá um venenoso pá... smedley


Reconhecestes algum dos aparelhos?



Nada...nadinha,ou melhor,pareceu-me ver ali um Thorens algures,mas estão tão desfocadas que é dificil dizer.
Na 1ª foto parece ser uma pessoa sentada,parece...não tenho a certeza,está muito desfocado. lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicroGruas
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 12/11/2011
Idade : 48
Localização : Oriente

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:55

Epá!!!

tenho que trocar de lentes para tentar focar as fotos!!!!


MAs dá para deslumbrar a

Gosto dos braços Vintage! Muito

Quais são?

O Grundig V7000 como Amplificação?????????
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicroGruas
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 12/11/2011
Idade : 48
Localização : Oriente

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:57

estava ali um Grundig SV2000????

Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 16:58

microseiki escreveu:


O Grundig V7000 como Amplificação?????????


Deve de ser da serie V mas não parece ser o 7000.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63761
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 17:00

Uma boa maneira de ter som razoável sem gastar uma fortuna.

http://www.ebay.de/itm/Grundig-SV-2000-ST-6000-SCF-6200-/190796390826?pt=DE_Elektronik_Computer_TV_Video_Elektronik_Verst%C3%A4rker&hash=item2c6c59e1aa

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
MicroGruas
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 12/11/2011
Idade : 48
Localização : Oriente

MensagemAssunto: Re: A César o que é de César(sistema de CNeves)   Sab Fev 16 2013, 17:05

apenas a fazer minhas as palavras do Amigo Milton!
mas antes desse esta a foto de um outro Grundig integrado que ja vi um ao vivo
e a construção e de morrer para um integrado .
Botoes maciços de aluminio etc.

semelhante em estectica ao audio lab 8000 mas com uma construcção exemplar!!!


Última edição por microseiki em Sab Fev 16 2013, 17:31, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A César o que é de César(sistema de CNeves)
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Pedal Booster
» Problemas com Trasmissor Wireless Line6 G30
» Edumamare
» Sistema wireless digital Line6 XDS95
» Marcas de P.A.

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Apresentação :: O meu sistema-
Ir para: