Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 O regresso do Velho Senhor

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
António José da Silva
Membro AAP


Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 21:54

Pierre escreveu:
Vodoo escreveu:
Não é dos condensadores, é por causa dos 10 Metros de fio de campainha que ligam ás colunas !!!



Isso não se faz a um belhote 8000A

Nem ao coitado do fio de campainha.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vodoo
Membro AAP


Mensagens : 7002
Data de inscrição : 05/07/2010
Localização : Usuário BANIDO

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 21:57



Pois não e estou farto de malhar em ferro frio, e ainda o coitado do belhote se encontra encafoado dentro de um móvel fechadissimo e carregado de aparelhómetros por cima há anos sem respiração.
Agora digam-me se é qualquer um que aguenta ??

Voltar ao Topo Ir em baixo
nbunuel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2465
Data de inscrição : 07/07/2010

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 21:58

Vodoo escreveu:
nbunuel escreveu:
Vodoo escreveu:
nbunuel escreveu:
Ajgarcia escreveu:
Atenção, não disse que o Audiolab e outros amplificadores ingleses eram maus, aliás, só não comprei um Audiolab, por na altura o seu preço estava acima do meu orçamento. O que eu disse é que as marcas britânicas tiveram um apoio "especializado" que outras não tiveram.
De acordo... qualquer coisita jap dos 70/80 de médio preço dá uma banhada a esses audiolab, Nad, Quad, Cambridge, Rega, Linn.Eu sei por que já tive grande parte desse material!

Nem 8 nem 80, Amigo existe muita coisa boa e má de ambos os lados !!!
E os outros Europeus como por exemplo os Alemães e Italianos ??

lol!
Italianos.... é de fugir!Conseguem ainda ser piores que os Ingleses!Há marcas britânicas respeitáveis - Garrard, SME, Rogers, Tannoy ...

Então a nível de colunas os Italianos são mesmo maus, mas é nos preços !!!



É bom não confundir alta fidelidade com mobiliário para sala ok! Smile)__((:
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:03

Pierre escreveu:
Stereo escreveu:
Eh pá! Com esta bricadeira fizeram-me ligar os cabos dos sistema principal e matar saudades do Audiolab 8000A!

Será que vai dar luta?
Não sei qual é o amp principal!

O que eu fiz hoje foi desligar os cabos do meu pre e do amp (nad C350) e ligar o 8000A, para variar.
Claro que não posso dizer que se trata de uma comparação, pois não seria justo: enquanto o Audiolab é um excelente amplificador o meu pre e mesmo o nad a fazer de power representam mesmo do melhor que jamais ouvi! Mas que é um prazer ouvir o Audiolab lá isso é!
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:04

nbunuel escreveu:

É bom não confundir alta fidelidade com mobiliário para sala ok! Smile)__((:


Mas fica bonito.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1550
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 49
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:04

Vodoo escreveu:


Pois não e estou farto de malhar em ferro frio, e ainda o coitado do belhote se encontra encafoado dentro de um móvel fechadissimo e carregado de aparelhómetros por cima há anos sem respiração.
Agora digam-me se é qualquer um que aguenta ??


Deveria haver uma associação em defesa dos Audiolab! Crying or Very sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:07

Pierre escreveu:
Vodoo escreveu:


Pois não e estou farto de malhar em ferro frio, e ainda o coitado do belhote se encontra encafoado dentro de um móvel fechadissimo e carregado de aparelhómetros por cima há anos sem respiração.
Agora digam-me se é qualquer um que aguenta ??


Deveria haver uma associação em defesa dos Audiolab! Crying or Very sad

Se alguém se chegar á frente eu alinho.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:08

Pierre escreveu:

Deveria haver uma associação em defesa dos Audiolab! Crying or Very sad

Eu só sirvo para "amandar" abaixo seja o que for.

Isto é como tudo. Já ouvi alguns que me deixaram "frios" e já ouvi a tocar bem. Verdadeiramente apaixonado pela musica, nuca me deixaram. Mas isto é sempre uma questão de gostos e sinergias.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1550
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 49
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:15

António José da Silva escreveu:
Pierre escreveu:

Deveria haver uma associação em defesa dos Audiolab! Crying or Very sad

Eu só sirvo para "amandar" abaixo seja o que for.

Isto é como tudo. Já ouvi alguns que me deixaram "frios" e já ouvi a tocar bem. Verdadeiramente apaixonado pela musica, nuca me deixaram. Mas isto é sempre uma questão de gostos e sinergias.

Claro! O bicho só é imbatível no seu campeonato!
Amps na categoria da liga dos campeões não me meto. E quando os ouço tento não estar muito tempo perto deles!
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:20

Pierre escreveu:


Claro! O bicho só é imbatível no seu campeonato!
Amps na categoria da liga dos campeões não me meto. E quando os ouço tento não estar muito tempo perto deles!

Olha que isso da liga dos campeões tem muito que se lhe diga. Há muita coisa a preço de 3ª divisão (no preço) que poderia jogar à vontade e eliminar muito boa coisa da Champions.

Mas volto a referir que o que "verdadeiramente" interessa, é um gajo estar satisfeito com aquilo que alcançou e que gosta. Claro que o sonho comanda a vida e a ambição é aquilo que nos move e faz andar em frente, mas sempre sem stress.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:23

António José da Silva escreveu:
Isto é como tudo. Já ouvi alguns que me deixaram "frios" e já ouvi a tocar bem. Verdadeiramente apaixonado pela musica, nuca me deixaram. Mas isto é sempre uma questão de gostos e sinergias.

Certo, sinergias é sempre o compromisso que necessariamente os componentes pedem. Mas, apesar do eleito ser mesmo o que levou os últimos upgrads, uma coisa é certa, raramente se encontra tal neutralidade num amplificador. E atenção, aqui não é fácil avaliar a coisa, porque se em alguns se encontra maior detalhe, já não acontece tão facilmente encontrar nos mesmos o envolvimento que se acha no 8000A! Por isso é que mesmo amplificadores bem mais caros ficam a perder relativamente a este.
Voltar ao Topo Ir em baixo
nbunuel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2465
Data de inscrição : 07/07/2010

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:27

Pierre escreveu:
Vodoo escreveu:


Pois não e estou farto de malhar em ferro frio, e ainda o coitado do belhote se encontra encafoado dentro de um móvel fechadissimo e carregado de aparelhómetros por cima há anos sem respiração.
Agora digam-me se é qualquer um que aguenta ??


Deveria haver uma associação em defesa dos Audiolab! Crying or Very sad
Vejamos Pierre.. Eu convivi aparentemente bem com um Linn Intek durante 10 anos, Este amplificador era um concorrente directo do audiolab, que na altura ouvi em concorrência directa com este último.
O meu despertar para a qualidade foi quando comprei um sansui Au 517 (1978) para fazer um 2 sistema: Um dia atrevi-me a trazer este menino para o sistema principal.. nessa altura senti-me como um marido enganado!Nesse mesmo dia mandei a revistas de Hi-fi Inglesas para o lixo!Tinha sido literalmente enganado!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Ter Set 27 2011, 22:41

[quote="nbunuel"]
Pierre escreveu:
Vejamos Pierre.. Eu convivi aparentemente bem com um Linn Intek durante 10 anos, Este amplificador era um concorrente directo do audiolab, que na altura ouvi em concorrência directa com este último.
O meu despertar para a qualidade foi quando comprei um sansui Au 517 (1978) para fazer um 2 sistema: Um dia atrevi-me a trazer este menino para o sistema principal.. nessa altura senti-me como um marido enganado!Nesse mesmo dia mandei a revistas de Hi-fi Inglesas para o lixo!Tinha sido literalmente enganado!

Isto das experiências são normalmente um tanto pessoais, além de que também as comparações nem sempre são honestas.
É certo que há sempre o peso do marqueting por detrás dos produtos. Por isso também eu cada vez mais sou eu mesmo a fazer as minhas coisas. Mas há que tentar ser ausente.
Hoje, por exemplo, há uma espécie de entre-ajuda das marcas Rotel e B&W. E isto é bem visível nas revistas, nomeadamente na portuguesa. No entanto, apesar de ter um leitor que gosto - o Rotel RCD951 - não me deixo levar por essa estratégia. Aliás, quando na altura pensava comprar um amplificador, antes de encontrar o Audiolab, eu entre as ofertas no mesmo patamar de prêços pendia mais para o Nad. Felizmente na altura tive a sorte de encontrar um 8000A!
Voltar ao Topo Ir em baixo
rcarreira
Membro AAP


Mensagens : 321
Data de inscrição : 13/12/2010
Idade : 42
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 11:19


Vai aqui uma discussão engraçada, note-se que não tenho nada contra os ingleses, até porque eu proprio tenho um conjunto QUAD 33/303/FM3, um Audiolab 8000c (grande pré!), um NAD 402, umas colunas Royd e um Linn Basic. Isto dá aqui uma grande quantidade de equipamento das ilhas... E nenhum destes aparelhos é horrivel, sequer mau, todos tocam bem e até gosto do som que tenho em casa. O meu "problema" com as revistas (mais na década de 90, quando eu as comprava, desisti de ler a Audio quando entrou naquela fase de quase só testarem cinema em casa, ainda por cima mal escrito...) prende-se mais pelo unanimismo das opiniões relativamente ao equipamento clássico e ao equipamento japonês, especialmente depois de começar a ter mais contacto com ele chegar à conclusão (apenas baseada na minha opinião) de que não tem "um som agressivo e horrivel" como durante anos li apregoarem, pelo contrário, podem ser muito bons mesmo.
Nos meus tempos de faculdade tinha uns colegas que colaboravam com a secção de car audio de uma famosa revista nacional, eles recebiam umas coisas para montar nas viaturas e testar, só que os testes ao equipamento às vezes resultavam no crítico ficar com o dito e em muitos elogios. Cheguei mesmo a participar em dois ou tres desses testes apenas com a minha opinião sobre o que ouvia e como "fornecedor" de cassetes bem gravadas, lembro-me de se insistir mais na parte dos elogios, porque a marca também paga muita publicidade... Depois disto trabalhei uns tempos num projecto de um portal sobre carros e desporto automóvel e a parte dos testes eram assim uma especie de "publicidade paga", daí todas as minhas dúvidas relativamente às revistas (e imprensa em geral, mas isso é outra história).
Desde que "ando" por isto da internet que deixei de comprar revistas, aqui consegue-se muito mais informação e muito mais fiavel do que em qualquer revista, porque de um modo geral as pessoas não dependem da publicidade da marca A B ou C para sobreviver. Se gostam gostam, se não gostam não têm problemas em dizer e com um bocado de sorte ainda se apanha um forum animado como este Smile


PS Para ser inteiramente justo tenho de reconhecer que numa revista havia um leitor de CD clássico da Marantz que era sempre comparado a tudo o que era "high end moderno" e que curiosamente era quase sempre considerado melhor "apesar da idade"...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Pierre
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1550
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 49
Localização : Elvas

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 12:06

Todos nós sabemos que o factor gosto pessoal é um critério muito forte. Contudo já tive alguns amargos de boca por ser induzido em erro na avaliação de determinados aparelhos.

Numa gravação menos cuidada de um álbum que tanto conhecemos como gostamos, certo aparelho reproduz de forma "fria, rispida, agreste". Trocamos de aparelho e o mesmo álbum é reproduzido e interpretado por nós como uma sonoridade menos agressiva e mais "doce, tolerante". O pior é quando colocamos um álbum de gravação um pouco mais "obscura", low-fi vá lá, graves mais "carnudos, denso, acústicas mais secas", o aparelho que reproduzia álbum anterior de forma mais doce, não é o desejado para esta última gravação. Vindo todo autoritário o aparelho que era agreste, frio e menos tolerante a abrir e transparecer este último álbum, "denso, acustico".

O som válvulas destingue-se por ser "doce, volumétrico e refinado", no entanto para determinadas gravações e géneros (para além da escolha bem cuidada do resto do sistema) não será o mais apetecível e pretendido. O ideal seria termos um amplificador e colunas para cada tipo de gravação, registo, álbum. Como é incomportável escolhemos o que pensamos ser o mais equilibrado.

Só por estas razões é que tanto dou retórica ao Audiolab 8000A, por ter uma relação preço qualidade imbatível. Nem vale a pena estarmos a falar mais neste integrado, pois continua-se a falar dele e sem propostas alternativas ao fim destes anos todos, dentro dos seus valores é claro!

A amplificação não evoluio assim tanto nos últimos 20 anos, levando os fabricantes a fazerem manobras de marketing e modelos de custo médio para todos os gostos. Os leitores de Cd, estes sim houve de facto evolução assinalável mas ainda salvaguarda-se maquinões de outros tempos.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 12:50

rcarreira escreveu:

Vai aqui uma discussão engraçada, note-se que não tenho nada contra os ingleses, até porque eu proprio tenho um conjunto QUAD 33/303/FM3, um Audiolab 8000c (grande pré!), um NAD 402, umas colunas Royd e um Linn Basic. Isto dá aqui uma grande quantidade de equipamento das ilhas... E nenhum destes aparelhos é horrivel, sequer mau, todos tocam bem e até gosto do som que tenho em casa. O meu "problema" com as revistas (mais na década de 90, quando eu as comprava, desisti de ler a Audio quando entrou naquela fase de quase só testarem cinema em casa, ainda por cima mal escrito...) prende-se mais pelo unanimismo das opiniões relativamente ao equipamento clássico e ao equipamento japonês, especialmente depois de começar a ter mais contacto com ele chegar à conclusão (apenas baseada na minha opinião) de que não tem "um som agressivo e horrivel" como durante anos li apregoarem, pelo contrário, podem ser muito bons mesmo.
Nos meus tempos de faculdade tinha uns colegas que colaboravam com a secção de car audio de uma famosa revista nacional, eles recebiam umas coisas para montar nas viaturas e testar, só que os testes ao equipamento às vezes resultavam no crítico ficar com o dito e em muitos elogios. Cheguei mesmo a participar em dois ou tres desses testes apenas com a minha opinião sobre o que ouvia e como "fornecedor" de cassetes bem gravadas, lembro-me de se insistir mais na parte dos elogios, porque a marca também paga muita publicidade... Depois disto trabalhei uns tempos num projecto de um portal sobre carros e desporto automóvel e a parte dos testes eram assim uma especie de "publicidade paga", daí todas as minhas dúvidas relativamente às revistas (e imprensa em geral, mas isso é outra história).
Desde que "ando" por isto da internet que deixei de comprar revistas, aqui consegue-se muito mais informação e muito mais fiavel do que em qualquer revista, porque de um modo geral as pessoas não dependem da publicidade da marca A B ou C para sobreviver. Se gostam gostam, se não gostam não têm problemas em dizer e com um bocado de sorte ainda se apanha um forum animado como este Smile


PS Para ser inteiramente justo tenho de reconhecer que numa revista havia um leitor de CD clássico da Marantz que era sempre comparado a tudo o que era "high end moderno" e que curiosamente era quase sempre considerado melhor "apesar da idade"...


Nesse aspeto (os fóruns) dou-te razão. Apesar de nem tudo ser uva e também haver muita parra, pelo menos há o direito à resposta e ao debate onde todos podemos conversar sobre um determinado assunto, e desde que seja com respeito e com boa disposição, isto até dá para um gajo relaxar uma beca, como se dizia antigamente.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 22:16

É verdade, sim, não podemos esquecer os interesses económicos e é para isso que existem as revistas e não para informar. Contudo, pessoalmente tenho por hábito separar o trigo do joio e se a minha exigência é tal... vejo-me cada vez mais a ser eu a escolher ou mesmo a fazer, pois não me deixo influenciar por nenhum tipo de comentário, nem dos fóruns. Mas é nestes que realmente se encontram a maioria das respostas...
O produto, para mim, é uma coisa, e aquilo que o envolve é outra. Por exemplo, o GD do Rui Borges (o Uno) para mim foi o melhor que já ouvi em qualquer lado e a qualquer prêço - naturalmente não comparo com o meu pois é feito por mim... Aqui podemos ver uma coisa: quando o Uno foi apresentado por cá tinha um prêço de pouco mais de 2000€, agora que foi para fora e então obrigado a seguir determinadas burocracias, isto levou-o a encarecer, passando para cerca do dobro do prêço. Ainda assim, não posso dizer que seja caro, pelo menos comparando com todas as ofertas do mercado.

Até parece que estou a vender o RB, quando na verdade gostaria de comprar! Mas, comprar pelo excelente GD que é e não por sentir que o meu possa ficar atrás (mas isso é já outra música).
Por falar nisso... acabei de refazer o tapete para o GD. Depois conto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ferpina
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10164
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 63
Localização : Assado - Perú

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 22:22

Stereo escreveu:
... Por falar nisso... acabei de refazer o tapete para o GD. Depois conto.

Podes já ir escrevendo, que foi depois de veres e apalpares o meu (tapete) Cool

_________________
Cumprimentos, Fernando Pina
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vodoo
Membro AAP


Mensagens : 7002
Data de inscrição : 05/07/2010
Localização : Usuário BANIDO

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 22:29

Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 57
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Set 28 2011, 23:03

Ferpina escreveu:
Stereo escreveu:
... Por falar nisso... acabei de refazer o tapete para o GD. Depois conto.

Podes já ir escrevendo, que foi depois de veres e apalpares o meu (tapete) Cool

Foi, mas antes como já tinha comentado, fazer com dois discos, só para já fiz apenas com um. Depois de experimentar logo resolvo se acrescento mais um.
Voltar ao Topo Ir em baixo
joevalve
Membro AAP
avatar

Mensagens : 154
Data de inscrição : 02/08/2010
Localização : armamar (douro)

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Jan 30 2013, 19:41

Ainda sobre equipamentos ingleses famosos, se estiverem com atenção por exemplo os Pioneer A-400 atingem nos leilões licitações bem interessantes.

O Pioneer A-447 que é um amplificador rigorosamente igual ao A-400 nesses mesmos leilões atinge normalmente menos de 50% do valor daquele. Ainda agora em Portugal foi vendido um por 100 euros.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64841
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   Qua Jan 30 2013, 19:44

joevalve escreveu:
Ainda sobre equipamentos ingleses famosos, se estiverem com atenção por exemplo os Pioneer A-400 atingem nos leilões licitações bem interessantes.

O Pioneer A-447 que é um amplificador rigorosamente igual ao A-400 nesses mesmos leilões atinge normalmente menos de 50% do valor daquele. Ainda agora em Portugal foi vendido um por 100 euros.


Que isso dizer que o A-447 é um bom palpite.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O regresso do Velho Senhor   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O regresso do Velho Senhor
Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2
 Tópicos similares
-
» O regresso do Velho Senhor
» gira discos velho para diy
» Regresso ao Futuro
» O regresso do Zé Socas...
» SOCORRO! Só hj que eu vi foto do irmão mais velho

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Estado "sólido" (transístores)-
Ir para: