Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe
 

 Preço dos discos de vinil

Ir em baixo 
AutorMensagem
jomavico

jomavico

Mensagens : 6
Data de inscrição : 11/03/2018
Idade : 63
Localização : Funchal

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 18:31

Olá Companheiros

Apesar de ainda ser "maçarico" (desculpem o uso do calão militar), tenho constatado que o AAP tem vindo a engrossar as suas fileiras com novos elementos de faixas etárias jovens o que é muito salutar para este "melting pot" que nos une a todos.

Aqui ou ali tenho verificado que os novos membros têm orçamentos limitados, compram ou pensam comprar equipamentos de gama muito baixa (grandes superfícies) cuja qualidade deixará muito a desejar. Felizmente, os "seniors" do AAP têm aconselhado outras soluções alternativas, nomeadamente o recurso ao mercado de usados. Quem chega ao mundo do vinil pela primeira vez, sem experiência, sem um orçamento minimamente conforme, corre o risco de enfiar alguns barretes.

Associei esta realidade aos preços quase imorais que se pagam pelos discos de vinil, mesmo sem serem edições audiófilas. Qualquer disco de vinil custa hoje à volta dos 30 Euros. Se a edição for audiófila, então vai pelo menos para os 60 e mais. Neste revivalismo do vinil deve haver muito aproveitamento das editoras e do circuito de comercialização. Como é possível compatibilizar o desejo de ouvir vinil com estes preços empolados? Confesso que é um assunto que me faz pensar e me coloca dúvidas existenciais quando tenho que tomar uma decisão de compra, isto é, não deixo de comparar o preço do vinil com o seu homólogo digital. Alguns companheiros discutem o preço e ponderam comprar prés de phono que custam pouco mais do que um disco de vinil. Que sentem quando vão comprar os discos? Onde os compram para serem acessíveis? Qual a sua qualidade? Parece-me quase um paradoxo!

Jomavico
Voltar ao Topo Ir em baixo
Cylon
Membro AAP
Cylon

Mensagens : 374
Data de inscrição : 26/12/2017

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 21:59

Ora cá está uma questão muito pertinente!

Eu ainda sou do tempo em que, enquanto um CD custava três, quatro contitos, um vinil custava à volta de dois contitos, às vezes nem isso! Tudo bem que isto também já foi lá para inícios dos anos '90. Uma vez mandei vir do Círculo de Leitores o Innuendo, dos Queen. Voltou para trás uma vez e regressou, mas o mal continuava! Para além daquele disco ser finíssimo, não estava bem, bem empenado... era mais um cone!!!

Hoje em dia passou-se ao outro extremo! Um dia destes desci na Gare do Oriente e visitei lá em baixo uma feira de livros, CD's e discos novos e usados que por lá anda, ou andava. Só para se ter uma ideia, não vi nenhum vinil abaixo de trinta euros, e estamos a falar de material presumivelmente usado! Enfim, um absurdo...

Depois temos o OLX ou Cash-Converters e afins, com preços mais em conta, mas em que podemos ter o azar de nos calhar um vinil escavado pela agulha de um BSR ou coisa pior...
Voltar ao Topo Ir em baixo
johnnys14
Membro AAP
johnnys14

Mensagens : 559
Data de inscrição : 22/02/2015
Idade : 47
Localização : Amadora

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 22:25

Boas

Realmente quem quer boa qualidade tem de se pagar caro, mas nem sempre o caro é sinónimo de boa qualidade.

Pessoalmente tenho comprado vinil usado (só originais) mas a sua maioria dos tempos mais longínquos, desde clássica a pop e jazz e por aí vai... e tenho tido sorte com os mesmos, muito baratos, tenho comprado LPs e singles a 2€ 3€ e 5€, mas novos e edições de boa qualidade só compro quando gosto mesmo muito e de repetir muitas vezes, o que não tem acontecido muito porque os gira-discos que tive vendi-os para comprar outros de melhor qualidade que possam fazer upgrades... e mesmo estes só em 2a mão, aliás posso dizer que não gastei mais de 80€ num gira discos dd, (sem cabeça) mas isso resolve-se, um leitor de cd´s e um tuner e fiquei a ganhar porque já reparei que o valor dos mesmos no mercado de usados é bem superior ao que eu paguei, mas é claro foi um achado.

Eu tento saber sempre antes de comprar o que realmente eles valem e sei que nos anos 70, 80, 90 houve muito material de muito boa qualidade que ainda hoje são peças muito boas e por vezes até melhores que muitas novas a um custo muito mais baixo.

No audio pode-se fazer casamentos entre peças o que permite que se consiga ou não tudo depende, mas por o que tenho visto na generalidade consegue-se obter um sistema de razoável qualidade a preços muito aceitáveis e muitas das vezes ficamos surpreendidos com o resultado final (positivo).


Última edição por johnnys14 em Seg Maio 14 2018, 23:41, editado 5 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
td125mkii
Membro AAP


Mensagens : 50
Data de inscrição : 20/06/2012
Idade : 75
Localização : Verdizela, Portugal

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Uma achega sobre preços de discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 22:30

Boa tarde (aqui são 14H09!!!)

Na grande aglomeração urbana de Phoenix, Arizona, EUA os vinis custam geralmente entre 18 USD e 22 USD + imposto, cerca de 4%. Se fizerem o câmbio, verificarão o quanto somos "roubados" pelo circuito de comercialização e pelo Estado...

Também no mercado dos usados, há enormes diferenças. Na Godar Electronics, cada disco de vinilo de 33 1/3 rpm, impecável e limpo custa apenas 3 USD. Michael Godar contou-me que de cada 10 vinis que adquire apenas aproveita 3. Na nossa lusa terra reina a ganância, já me pediram 5 e 7 Euros, por unidade, por discos em mau ou sofrível estado.

Se se tiver em conta que empresas como a rede de livrarias Barnes & Noble e Godad Electronics não são propriamente entidades deficitárias...

Por outro lado, é bom ter em mente que muitas das novas edições de vinis, não são analógicas mas fruto de gravações digitais. Vendem caro gato por lebre!!!

Já nos anos 80 comprei discos de música clássica de fabricante conceituado cuja "master tape" tinha sido gravada digitalmente...

Defendam-se... Protejam-se e aos vossos euritos...

Cordiais saudações.

td125mkii
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
Mário Franco

Mensagens : 2317
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 22:57

jomavico escreveu:
Que sentem quando vão comprar os discos? Onde os compram para serem acessíveis? Qual a sua qualidade? Parece-me quase um paradoxo!

Jomavico

A minha posição é pragmática (para não variar) não compro discos porque esta moda é uma alienação consumista.

Não quero magoar quem compra vinilos e respeito muito quem compra, o mal está em mim porque sempre fui do contra.

Movo-me neste meio, como muitos de nós, desde muito novo, e tive períodos com maior e menor disponibilidade económica. Agora tenho recursos para gastar em brinquedos mas tenho-o gasto em aparelhos. Na minha adolescência os recursos para esta paixão eram menores mas gravávamos os discos em cassetes e nunca deixei de saborear música (se calhar algumas dessas gravações eram melhores do que alguns discos e gira discos da geração fnac).

Além do mais a noção de que o vinilo é o deus supremo do panteão analógico deixa-me estupefacto. Analógicos são os equipamentos e também o são as fitas (e já agora onde hei-de encaixar as recepções radiofónicas que sintonizo nos meus receptores a válvulas mas que são difundidos a partir de suportes e emissores digitais).

Por favor, acima de tudo o discernimento.

... e paz na terra aos homens de boa vontade.

2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
galvaorod
Membro AAP
galvaorod

Mensagens : 500
Data de inscrição : 14/04/2017

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptySeg Maio 14 2018, 23:42

As edições de vinil são mais cuidadas agora, nos anos 80 quando eu comprava discos de musica alternativa, ficava sempre lixado com as edições portuguesas, discos finos e quase sempre com montes de ruído. Lembro-me das edições da Dacapo, eram horríveis.
Voltar ao Topo Ir em baixo
jomavico

jomavico

Mensagens : 6
Data de inscrição : 11/03/2018
Idade : 63
Localização : Funchal

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptyTer Maio 15 2018, 00:49

Mário Franco escreveu:
jomavico escreveu:
Que sentem quando vão comprar os discos? Onde os compram para serem acessíveis? Qual a sua qualidade? Parece-me quase um paradoxo!

Jomavico

A minha posição é pragmática (para não variar) não compro discos porque esta moda é uma alienação consumista.

Não quero magoar quem compra vinilos e respeito muito quem compra, o mal está em mim porque sempre fui do contra.

Movo-me neste meio, como muitos de nós, desde muito novo, e tive períodos com maior e menor disponibilidade económica. Agora tenho recursos para gastar em brinquedos mas tenho-o gasto em aparelhos. Na minha adolescência os recursos para esta paixão eram menores mas gravávamos os discos em cassetes e nunca deixei de saborear música (se calhar algumas dessas gravações eram melhores do que alguns discos e gira discos da geração fnac).


Além do mais a noção de que o vinilo é o deus supremo do panteão analógico deixa-me estupefacto. Analógicos são os equipamentos e também o são as fitas (e já agora onde hei-de encaixar as recepções radiofónicas que sintonizo nos meus receptores a válvulas mas que são difundidos a partir de suportes e emissores digitais).

Por favor, acima de tudo o discernimento.

... e paz na terra aos homens de boa vontade.

2cclzes

Olá Mário

Eu também ainda tenho alguns equipamentos analógicos que já são clássicos! Dentro deles, conta-se um leitor de cassetes Tecnics, modelo RS-B965 que era (é) uma grande máquina! Usava-o sobretudo para gravar cassetes para ouvir no carro. Contudo, o Ken Kessler da HIFI News diz que cassete não é suporte que se preze e que os grandes gravadores de bobine é que são!

Não há dúvida que estas "fitas" não são muito práticas e ergonómicas quando se quer ouvir determinado trecho musical, sobretudo quando comparadas com os suportes digitais. Mesmo os giradiscos não são práticos quando comparados com os CD. Então quando os discos são de 45 rpm (LP) que só têm 2 faixas de cada lado, é uma trabalheira. No meu caso, +- de 10 em 10 minutos, tenho que me levantar do assento, pressionar o mute, desligar o motor, tirar o clamp, levantar o braço, virar o disco, colocar o clamp, ligar o motor, fazer pontaria com o braço (unipivot), baixá-lo e colocar o volume no sítio novamente! É muito tempo a manusear o equipamento e pouco tempo a desfrutá-lo ouvindo música. Porém, penso que grande parte da mística do vinil está precisamente na participação e envolvimento do ouvinte no processo e na audição. É como comparar um carro de caixa manual com um carro de caixa automática. Para quem gosta de automóveis, um carro de caixa automática perde metade do "gozo"!

Aliás, tenho visto muitos membros do AAP que são "condutores de giradiscos"! Tiram e colocam braços, tiram e colocam células, procedem a todas as afinações inerentes. Essas tarefas fazem parte do gozo deles, porque falam delas com paixão sentida e intensa! Quase que diria que retiram mais prazer dessas tarefas que de ouvir música. Eu não me atrevo a ir por esses caminhos! Isso é para especialistas, "engenhocas", curiosos e alguns "suicidas"! Gosto de intervir apenas na "óptica do utilizador", mas admiro quem tem o engenho e a arte de saber fazer. Claro que tudo depende do "brinquedo" que temos pela frente e dos riscos que estamos dispostos a correr. Para curar uma constipação vamos à farmácia ou a um médico qualquer. Quando o problema é sério (risco de vida) vamos ao melhor especialista que estiver ao nosso alcance.

Quanto ao analógico versus digital, há bons equipamentos nos 2 lados. Quem teve a oportunidade de ir ao Audioshow, constatou que há coisas boas a tocar bem, desde os "regionais" até à "champion´s league"! Que o vinil bem gravado, tocado num sistema de alto gabarito é sublime, não há dúvida! Para alguns (muitos) deve ser difícil voltar a casa, ao aconchego do seu sistema depois de passar por aquela experiência!

Cumprimentos

Jomavico
Voltar ao Topo Ir em baixo
td125mkii
Membro AAP


Mensagens : 50
Data de inscrição : 20/06/2012
Idade : 75
Localização : Verdizela, Portugal

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptyTer Maio 15 2018, 02:44

Caro galvaorod,

Em 1976, 1977, 1978, etc. já os discos de vinilo de prensagem britânica tinham uma espessura mínima; vinham geralmente empenados. Foi mais do que uma moda: foi uma maneira de embaretecer os custos de produção e de aumentar a taxa de lucro do sector, mantendo inalterados os preços de revenda.

Além disso, quanto à composição do vinilo, "este" passou a ser de pior qualidade, como foi descrito em artigos de revistas de HiFi britânicas, há muitas décadas.

Cordiais saudações.

td125mkii
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
TD124

Mensagens : 4342
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 53
Localização : França

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptyTer Maio 15 2018, 08:20

Amigo jomavico, nesse aspecto o mundo do audio é como o mundo dos veiculos pois:

Carros hà a todos os preços ... mas o combustivel é sempre caro !!!...  affraid

Apòs esta grande verdade, deixe-me relativisar um pouco a coisa e responder às suas afirmações/perguntas!

jomavico escreveu:
(...) Que o vinil bem gravado, tocado num sistema de alto gabarito é sublime, não há dúvida! Para alguns (muitos) deve ser difícil voltar a casa, ao aconchego do seu sistema depois de passar por aquela experiência! ...

Efectivamente não hà duvida ... tanto quanto o digital bem gravado e tocado num sistema de qualidade. O que voçê sente, é o que eu senti em 1984 quando ouvi o CD pela primeira vez num audioShow ... e não descansei até ter um leitor de CD's. Depois vendi a maioria dos meus vinis por um preço ridiculo para me comprar um punhado de CD's ... que eram "também" muito caros nessa época. Hoje os vinis de musica classica custam à volta de 1 ou 2€ o disco e são na maioria bem gravados e prensados. Custam barato pois ninguém quer deles e os amadores de clàssico sendo pessoas exigentes na maioria ... escutam em digital. Os discos de rock que são mais escutados jà custam mais caro ... o Jazz anda globalmente pelo meio. Como vê nada é simples neste mundo !...

jomavico escreveu:
(...) Que sentem quando vão comprar os discos? Onde os compram para serem acessíveis? Qual a sua qualidade? Parece-me quase um paradoxo! ...

Vou-lhe dar as minhas técnicas mas digo desde jà que, se busca gravações recentes em vinil (de obras reputadas ou edição especial) ou originais antigos o preço é o preço e não tenho reçeita para que sejam mais em conta, a menos que sejam copias em mau estado de conservação !!!...

Amazon.fr: Em média um vinil na Amazon (simples) anda à volta dos 20€ no momento da saida e tal é o preço das reedições dos Pink Floyd por exemplo ...

CD&LP: Este site é globalmente mais barato do que a discogs e os discos em segunda mão são de qualidade idêntica pois controlado pelo site ...

Feiras da ladra: Aqui em frança hà feiras da ladra em quase todas as cidades então vasculhar regularmente permite de pescar algumas pérolas por 5 a 10€ ...

Lojas de antiguidades: Entrar nas lojas e perguntar se não téem na arrecadação alguns caixotes com vinis não custa nada e permite (às vezes) de encontrar tesouros por preços muito baixos à volta de 1 a 2€ ...

Vizinhos/conhecidos: Não hesito a perguntar aos vizinhos e às pessoas conhecidas se não téem no sotão ou na arrecadação alguns vinis num caixote ... e geralmente é o caso e là se arranja um ou dois (às vezes mais) pelo preço de uma garrafita de vinho ou um jantar em casa para agredeçer ...

Troca/Forums: Participar em forums de musica permite de fazer trocas pois ... as pérolas para uns são desdenhados por outros e vice-versa, então toca a trocar. Ao mesmo tempo os forums permitem de trocar impressões e saber as reedições ou edições antes da saida e a pré-compra é mais barata...

OLX/Ebay/Leboncoin...: Estes sites de venda entre particulares permitem em vasculhando regularmente obter alguns discos desejados por preços realistas ...

Bandcamp/Concertos: Estes sitios permitem de comprar directamente aos artistas por um preço globalmente inferior ao do mercado com a vantagem de os ter se desejado com dedicàcias ou autografos ...

Voilà, globalmente os meios que utiliso para obter os discos a um preço menos inflacionado cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
Mário Franco

Mensagens : 2317
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60

Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil EmptyTer Maio 15 2018, 14:37

TD124 escreveu:
Amigo jomavico, nesse aspecto o mundo do audio é como o mundo dos veiculos pois:

Carros hà a todos os preços ... mas o combustivel é sempre caro !!!...  affraid

Apòs esta grande verdade, deixe-me relativisar um pouco a coisa e responder às suas afirmações/perguntas!

jomavico escreveu:
(...) Que o vinil bem gravado, tocado num sistema de alto gabarito é sublime, não há dúvida! Para alguns (muitos) deve ser difícil voltar a casa, ao aconchego do seu sistema depois de passar por aquela experiência! ...

Efectivamente não hà duvida ... tanto quanto o digital bem gravado e tocado num sistema de qualidade. O que voçê sente, é o que eu senti em 1984 quando ouvi o CD pela primeira vez num audioShow ... e não descansei até ter um leitor de CD's. Depois vendi a maioria dos meus vinis por um preço ridiculo para me comprar um punhado de CD's ... que eram "também" muito caros nessa época. Hoje os vinis de musica classica custam à volta de 1 ou 2€ o disco e são na maioria bem gravados e prensados. Custam barato pois ninguém quer deles e os amadores de clàssico sendo pessoas exigentes na maioria ... escutam em digital. Os discos de rock que são mais escutados jà custam mais caro ... o Jazz anda globalmente pelo meio. Como vê nada é simples neste mundo !...

jomavico escreveu:
(...) Que sentem quando vão comprar os discos? Onde os compram para serem acessíveis? Qual a sua qualidade? Parece-me quase um paradoxo! ...

Vou-lhe dar as minhas técnicas mas digo desde jà que, se busca gravações recentes em vinil (de obras reputadas ou edição especial) ou originais antigos o preço é o preço e não tenho reçeita para que sejam mais em conta, a menos que sejam copias em mau estado de conservação !!!...

Amazon.fr: Em média um vinil na Amazon (simples) anda à volta dos 20€ no momento da saida e tal é o preço das reedições dos Pink Floyd por exemplo ...

CD&LP: Este site é globalmente mais barato do que a discogs e os discos em segunda mão são de qualidade idêntica pois controlado pelo site ...

Feiras da ladra: Aqui em frança hà feiras da ladra em quase todas as cidades então vasculhar regularmente permite de pescar algumas pérolas por 5 a 10€ ...

Lojas de antiguidades: Entrar nas lojas e perguntar se não téem na arrecadação alguns caixotes com vinis não custa nada e permite (às vezes) de encontrar tesouros por preços muito baixos à volta de 1 a 2€ ...

Vizinhos/conhecidos: Não hesito a perguntar aos vizinhos e às pessoas conhecidas se não téem no sotão ou na arrecadação alguns vinis num caixote ... e geralmente é o caso e là se arranja um ou dois (às vezes mais) pelo preço de uma garrafita de vinho ou um jantar em casa para agredeçer ...

Troca/Forums: Participar em forums de musica permite de fazer trocas pois ... as pérolas para uns são desdenhados por outros e vice-versa, então toca a trocar. Ao mesmo tempo os forums permitem de trocar impressões e saber as reedições ou edições antes da saida e a pré-compra é mais barata...

OLX/Ebay/Leboncoin...: Estes sites de venda entre particulares permitem em vasculhando regularmente obter alguns discos desejados por preços realistas ...

Bandcamp/Concertos: Estes sitios permitem de comprar directamente aos artistas por um preço globalmente inferior ao do mercado com a vantagem de os ter se desejado com dedicàcias ou autografos ...

Voilà, globalmente os meios que utiliso para obter os discos a um preço menos inflacionado cheers

Preço dos discos de vinil 22692 Com a qualidade a que nos tem habituado.

Bela e generosa partilha de conhecimentos.

Na parte que me toca agradeço, embora o meu feitio (mau feitio lol!) me mantenha para já com pouco apetite para o vinilo (excepção para a música clássica porque, como muito bem disse, está menos contaminada pela especulação).

2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




Preço dos discos de vinil Empty
MensagemAssunto: Re: Preço dos discos de vinil   Preço dos discos de vinil Empty

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Preço dos discos de vinil
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Discos Empenados. A Solução?
» gira discos aiwa lx 100
» gira discos velho para diy
» Epiphone EB-3 SG - Mini Review
» Cid

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Música Geral-
Ir para: