Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Falcon LS3/5A

Ir em baixo 
AutorMensagem
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2784
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 11:02


Sempre tive um xodó por colunas monitoras, mas ao longo do meu percurso de vida na Alta-Fidelidade, poucos transdutores deste tipo, tive.

Prolongam-se, no tempo, as Concertino da Sonus Faber, mas estas não são propriamente umas verdadeiras monitoras. São, para mim, umas colunas pequenas.

As minhas primeiras colunas ditas audiófilas, ou de áudio especializado, ou ainda a sério, foram umas Dovedale da Wharfedale. Herdadas do meu pai, diga-se de passagem, que as detestava. Preferia sempre ligar a minha aparelhagem (como se dizia na época), às Toshiba (??) que acompanhavam a dita.

O meu pai tinha-as comprado, em 1967, na época da Wharfedale, como marca inglesa de fama e prestígio em colunas de alta-fidelidade. Nunca percebi (não me lembro) se realmente gostava, ou não, delas.

Conforme fui crescendo no meu conhecimento sobre Hi-Fi, fui testando estas colunas com várias soluções e compreendendo a questão dos bons e maus casamentos, até pelo menos meados dos anos 90, quando um feliz acidente as relegou para o caixote do lixo municipal mais perto.

Das várias soluções testadas nunca consegui ter alguma consideração pelo raio das colunas. No entanto havia uma característica que nunca deixei de lhes reconhecer: a gama média arejada, franca, mas pouco envolvente. Um agudo doce com um rol-off demasiado acentuado e irritante, a partir de certa altura, com determinados temas musicais. Baixos, um desastre!

Assim, até onde elas conseguiam fazer a gama média e as altas frequências, era algo que não me desagradava de todo.

Em princípio dos anos 90 ouvi, pela primeira vez, as BBC LS3/5, by Rogers e fiquei de queixo caído. Durante algum tempo convivi com umas, emprestadas por um grande amigo e aquele som ficou, para sempre, gravado na minha memória.

Aquelas qualidades de arejamento da gama média e a doçura dos agudos estava lá. Aliás estava lá tudo mas com muuuuiiiiiittttttoooooo mais requinte! E a musicalidade… Um espanto! Só a gama mais baixa do espectro auditivo não era (é) tão funda e prolongada como certo outro tipo de colunas, principalmente as de full range bem desenhadas.

Mais de 25 anos depois, fui encontrá-las na versão Falcon original de 15 ohm, na Audioteam. A Falcon adquiriu a licença BBC desde 2014 para as produzir e granjeou a capacidade de fazer transdutores com a mesma tecnologia aplicada pelos originais KEF B110 – médio/grave – e T27 – agudos – com uma range dos 70 Hz aos 20 KHz.

Bastou uma hora, com vinis de Billyie Holiday e de Ernest Ansermet - The Royal Ballet Gala Performances, para todas as recordações desta coluna virem à superfície da minha memória.

A clareza da gama média, a musicalidade de perfeito encontro entre esta e os agudos e o som de um violino em toda a sua extensão, é algo que me deixa em perfeito êxtase auditivo.

Os baixos, mantendo a característica de extensão limitada (limitação própria dada a dimensão da coluna), tem efectivamente 70 Hz de profundidade e qualidade. Não está somente no descritivo das especificações e o que fazem, fazem muito bem com extensão q.b. e tensão.

Como sempre defendo, não consigo emprestar os meus ouvidos surdos aos demais para perceberem o prazer de ouvinte que senti, assim como não consigo receber, emprestado, os ouvidos d’Ouro de muitos, para encontrar verdadeiras limitações a tal prazer. Mesmo assim, arrisco a desafiar, quem puder e estiver interessado, a passarem pela Audioteam e fazer uma audição sobre este Ícone da Alta-Fidelidade.
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 9075
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 15:13

Essas colunas sempre me despertaram curiosidade, sem no entanto alguma vez as ter ouvido
O mercado de 2ª mão está pela hora da morte pelo q me tenho ficado pelas intenções
Voltar ao Topo Ir em baixo
analog_sa
Membro AAP
avatar

Mensagens : 185
Data de inscrição : 04/05/2017
Localização : Cascais

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 15:33

Very nice. Are the new ones capable of dynamics? Can they play loud? Apart from the bass this was the biggest problem the originals had.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2784
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 17:07

I've never felt a lack of dynamics when I listen these loudspeakers. For instance, a drum beat is heard like it is. The passage from a melodic part to a absolute ecstasy of a classical orchestra is like it must be.

Of course is not possible to get the same scale from them we get from the full range types (the good ones), but all the annouced range is real and we get an exquisite perception of the music.
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5564
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 37
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 18:13

Visitar a AudioTeam não está fácil, por issso peço ao Gonçalo mais uma informaçãozinha:
Que amplificador (ou amplificadores) foi usado para testar essas pequenas senhoras cheias de história?



As mini-monitoras não se atravessam no meu caminho... scratch Chegará o dia em que me cruzarei com umas "pequenas" para saber do que são capazes! Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2784
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 19:26

José Miguel escreveu:
Visitar a AudioTeam não está fácil, por issso peço ao Gonçalo mais uma informaçãozinha:
Que amplificador (ou amplificadores) foi usado para testar essas pequenas senhoras cheias de história?

Fonte: Rega Planar P6, Golding Elite, Aria
Amplificação: Rega Elicit-R
Cablagem: Qed Supremus para as colunas, Signature Audio 40 RCA entre o Aria e o Amplificador.


Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5564
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 37
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 19:41

Goansipife escreveu:
José Miguel escreveu:
Visitar a AudioTeam não está fácil, por issso peço ao Gonçalo mais uma informaçãozinha:
Que amplificador (ou amplificadores) foi usado para testar essas pequenas senhoras cheias de história?

Fonte: Rega Planar P6, Golding Elite, Aria
Amplificação: Rega Elicit-R
Cablagem: Qed Supremus para as colunas, Signature Audio 40 RCA entre o Aria e o Amplificador.


Está aí um sistema (parcialmente) familiar - o P6 deverá seguir a sonoridade do P3.


Talvez por influência dos Japoneses (falo de leituras, imagens e vídeos), pensei o "casamento" com válvulas - não podia estar mais longe, tudo funcionou em "estado sólido"!


Agradeço a partilha Gonçalo, é um sistema que pode adequar-se a muitas (pequenas/apartamentos...) salas deste nosso Portugal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2784
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 20:43

José Miguel escreveu:

Está aí um sistema (parcialmente) familiar - o P6 deverá seguir a sonoridade do P3.


Talvez por influência dos Japoneses (falo de leituras, imagens e vídeos), pensei o "casamento" com válvulas - não podia estar mais longe, tudo funcionou em "estado sólido"!


Agradeço a partilha Gonçalo, é um sistema que pode adequar-se a muitas (pequenas/apartamentos...) salas deste nosso Portugal.

Não é de todo impossível ligá-las a uma amplificação a válvulas. Aliás, eram assim muitas vezes ligadas na BBC, mesmo nos carros de exteriores, para onde foram pensadas.

Umas colunas verdadeiramente monitoras, em nada têm a ver com dimensões de salas, e estas, de todo. Na realidade o objectivo é monitorizar um som para qualquer transmissão. Fazer edição. Fazer rádio, etc, etc. Colocam-se, normalmente em cima de uma consola de edição/controlo, onde ninguém se preocupa com tridimensionalidade de palco, mas sim, com a clareza da emissão e a maior fidelidade possível, a chegar ao ouvinte.

No entanto, quando usadas no âmbito do áudio caseiro, para além das características de correção tímbrica, clareza, transparência elevada ao mais alto nível e linearidade na transdução do som, podem e devem dar todas as dimensões do palco sonoro: altura, largura e profundidade.

É o que estas fazem de uma forma perfeitamente cativante. Depois, a sala da Audioteam tem cerca de 40 m2 e elas encheram a sala em pleno.

cheers


Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5564
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 37
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Seg Abr 23 2018, 21:18

Eu compreendo o uso Profissional de colunas monitoras, não conheço essas em particular, mas nesse tipo de uso conheço outras - é um tipo de uso distinto.

Com a última intervenção referia-me (apenas!) ao uso doméstico das colunas, inseridas num sistema que não está assim tão distante das pessoas - ou seja, não estamos a falar de algo "exótico" como por vezes se pode ver.


A questão do tamanho da sala foi projecção face às características das colunas - relacionando a sua "primeira" função com o uso doméstico, mas elas ainda se revelam mais polivalentes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 12:16

analog_sa escreveu:
Very nice. Are the new ones capable of dynamics? Can they play loud? Apart from the bass this was the biggest problem the originals had.

Those are surely rhetorical questions... Cool


Última edição por ricardo onga-ku em Ter Abr 24 2018, 12:22, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 12:18

José Miguel escreveu:
Visitar a AudioTeam não está fácil, por issso peço ao Gonçalo mais uma informaçãozinha:
Que amplificador (ou amplificadores) foi usado para testar essas pequenas senhoras cheias de história?



As mini-monitoras não se atravessam no meu caminho... scratch Chegará o dia em que me cruzarei com umas "pequenas" para saber do que são capazes! Wink

E do que são incapazes. Será certamente uma experiência educativa.

The truth is that from its inception the LS3/5a was always a problematic speaker.
The BBC never conceived it as a Grade I monitor—it was always and only ever Grade II, that is, suitable for monitoring programs but not for engineering them.
The reasons are several.
Its diminutive size doesn’t allow for much dynamic range and its bass response is at best mediocre and at worst nonexistent.
Despite the storied strictness of the BBC’s specs and standards, the worst-kept secret in the world is that many LS3/5a’s did not meet spec or maintain their performance over time.
(Alan Shaw of Harbeth discovered original BBC frequency-response graphs taken from many LS3/5a’s that show decisively how variable the performance of the speaker really was, especially in the presence region. This video is accessible through the Harbeth users group website.)
There were so many issues with respect to parts, materials, and construction that from one point of view the history of the design could be seen as a succession of Band-Aids applied to solutions insufficiently thought through, anticipated, or addressed in the first place.


http://www.theabsolutesound.com/articles/falcon-acoustics-bbc-ls35a/
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 12:50

José Miguel escreveu:
Eu compreendo o uso Profissional de colunas monitoras, não conheço essas em particular, mas nesse tipo de uso conheço outras - é um tipo de uso distinto.

Com a última intervenção referia-me (apenas!) ao uso doméstico das colunas, inseridas num sistema que não está assim tão distante das pessoas - ou seja, não estamos a falar de algo "exótico" como por vezes se pode ver.


A questão do tamanho da sala foi projecção face às características das colunas - relacionando a sua "primeira" função com o uso doméstico, mas elas ainda se revelam mais polivalentes.

A principal função das LS3/5a era a monitorização de voz em estúdios de dimensão reduzida numa configuração nearfield:



Ou em estúdios móveis como este:




Não sei o que terá levado ao seu tão grande sucesso entre os audiófilos... Terá sido o factor "cuteness"? scratch
Voltar ao Topo Ir em baixo
analog_sa
Membro AAP
avatar

Mensagens : 185
Data de inscrição : 04/05/2017
Localização : Cascais

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 13:52

ricardo onga-ku escreveu:


Não sei o que terá levado ao seu tão grande sucesso entre os audiófilos... Terá sido o factor "cuteness"? scratch


Nice violin tone?

I remember them as being very enjoyable with undemanding music. Of course, it is always a mistake to allow the equipment make the musical choices.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 14:38

Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2050
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60
Localização : Paço de Arcos

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 16:48

ricardo onga-ku escreveu:
José Miguel escreveu:
Eu compreendo o uso Profissional de colunas monitoras, não conheço essas em particular, mas nesse tipo de uso conheço outras - é um tipo de uso distinto.

Com a última intervenção referia-me (apenas!) ao uso doméstico das colunas, inseridas num sistema que não está assim tão distante das pessoas - ou seja, não estamos a falar de algo "exótico" como por vezes se pode ver.


A questão do tamanho da sala foi projecção face às características das colunas - relacionando a sua "primeira" função com o uso doméstico, mas elas ainda se revelam mais polivalentes.

A principal função das LS3/5a era a monitorização de voz em estúdios de dimensão reduzida numa configuração nearfield:



Ou em estúdios móveis como este:




Não sei o que terá levado ao seu tão grande sucesso entre os audiófilos... Terá sido o factor "cuteness"? scratch

Fetiche puro lol!

Não creio que esta minha intervenção se confronte com o que o Ricardo disse e talvez corrobore algumas das considerações que fez.

Eu tenho uma coisa igualmente "limitada" em casa e ouço música nelas (considero-as exóticas  Wink ).

Pioneer CS-51 / impedância 16 Ohm

Foto pessoal de uma das minhas colunas




Para se perceber o que está dentro das caixas eis fotos retiradas da net porque as minhas colunas chegaram-me às mãos tão imaculadas que nem sequer tenciono abri-las (é puro respeito pela forma como resistiram à passagem do tempo).

Interior com um impressionante chassis e um altifalante com um generoso magneto de Alnico (foto retirada da net).



Crossover (foto retirada da net)



Traseira das colunas onde se pode apreciar em corte a espessura do contraplacado e os bornes originais (foto retirada da net).



Ponha-se a questão: estão são as colunas perfeitas ?

Obviamente não são!

Então o que são?

São um produto de engenharia criado com recursos de qualidade para atingir um bom resultado à luz de um conceito específico (bookshelf).

Ora se esta abordagem for aplicada às LS3 que foram concebidas para satisfazer um conceito específico (estúdio móvel) e as apreciarmos desse modo, não vejo motivos para tanta complicação.

Para mim o universo do áudio não é um dualismo a preto e branco. O que é importante é a aventura de descobrir as peças maravilhosas que o engenho humano tem engendrado para transformar vibrações mecânicas em variações de corrente eléctrica e depois tornar a converter essas variações eléctricas em impulsos mecânicos.

Para mim todas as soluções, desde que dotadas de qualidade (mesmo não sendo de uma abrangência absoluta), são dignas da minha atenção e muitas vezes da minha admiração.

Ora as LS3 não esgotando todas as possibilidades de uma coluna (também não foram criadas para isso) são um produto de qualidade que merece ser apreciado na sua especificidade.

Errado não é o conceito das LS3 mas sim a perspectiva de quem quiser encontrar nelas aquilo que elas nunca poderão ter.

Cada coisa no seu lugar e abertura de entendimento serão particularmente úteis a quem queira ponderar o valor destas peças.

Boas audições  2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2050
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60
Localização : Paço de Arcos

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 17:19

Goansipife escreveu:

Como sempre defendo, não consigo emprestar os meus ouvidos surdos aos demais para perceberem o prazer de ouvinte que senti, assim como não consigo receber, emprestado, os ouvidos d’Ouro de muitos, para encontrar verdadeiras limitações a tal prazer.
cheers

Pois é! A conversão é um duro ofício lol! que o digam os cristãos que (primeiro) foram dizimados pelos pagãos e (depois, mais tarde) com inspirado afã dizimaram os pagãos .

Cuidado nos caminhos da floresta lol!











Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 17:47

Mário Franco escreveu:
Ponha-se a questão: estão são as colunas perfeitas ?

Obviamente não são!

Então o que são?

São um produto de engenharia criado com recursos de qualidade para atingir um bom resultado à luz de um conceito específico (bookshelf).

Ora se esta abordagem for aplicada às LS3 que foram concebidas para satisfazer um conceito específico (estúdio móvel) e as apreciarmos desse modo, não vejo motivos para tanta complicação.

Para mim o universo do áudio não é um dualismo a preto e branco. O que é importante é a aventura de descobrir as peças maravilhosas que o engenho humano tem engendrado para transformar vibrações mecânicas em variações de corrente eléctrica e depois tornar a converter essas variações eléctricas em impulsos mecânicos.

Para mim todas as soluções, desde que dotadas de qualidade (mesmo não sendo de uma abrangência absoluta), são dignas da minha atenção e muitas vezes da minha admiração.

Ora as LS3 não esgotando todas as possibilidades de uma coluna (também não foram criadas para isso) são um produto de qualidade que merece ser apreciado na sua especificidade.

Errado não é o conceito das LS3 mas sim a perspectiva de quem quiser encontrar nelas aquilo que elas nunca poderão ter.

Cada coisa no seu lugar e abertura de entendimento serão particularmente úteis a quem queira ponderar o valor destas peças.

Boas audições  2cclzes

Na minha opinião tudo depende das expectativas e do nível de exigência de cada um.

Sim, as LS3/5a são um projecto bem concebido para esta topologia específica, ainda que o midwoofer de Bextrene produza uma ressonância algo pronunciada numa frequência bastante danosa e a resposta de frequências com a inclinação "errada".
O problema a meu ver está nas limitações da topologia de mini-coluna de suporte: a extensão nas baixas frequências é muito limitada e o nível de pressão sonora ou volume máximo é igualmente curto. Existe ainda um outro problema que é o baffle-step.

Como referiu e bem o analogue_sa este tipo de coluna é restritivo no que se refere aos géneros musicais que podemos reproduzir, um género de equipamento que os anglófonos qualificam como "girl with banjo".

Existem outros modelos da BBC com muito maior potencial de desempenho: LS5/9 (semelhantes às colunas do Mr Bojangles), LS3/6 (as minhas colunas), LS5/8.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2050
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60
Localização : Paço de Arcos

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 20:32

ricardo onga-ku escreveu:
Mário Franco escreveu:
Ponha-se a questão: estão são as colunas perfeitas ?

Obviamente não são!

Então o que são?

São um produto de engenharia criado com recursos de qualidade para atingir um bom resultado à luz de um conceito específico (bookshelf).

Ora se esta abordagem for aplicada às LS3 que foram concebidas para satisfazer um conceito específico (estúdio móvel) e as apreciarmos desse modo, não vejo motivos para tanta complicação.

Para mim o universo do áudio não é um dualismo a preto e branco. O que é importante é a aventura de descobrir as peças maravilhosas que o engenho humano tem engendrado para transformar vibrações mecânicas em variações de corrente eléctrica e depois tornar a converter essas variações eléctricas em impulsos mecânicos.

Para mim todas as soluções, desde que dotadas de qualidade (mesmo não sendo de uma abrangência absoluta), são dignas da minha atenção e muitas vezes da minha admiração.

Ora as LS3 não esgotando todas as possibilidades de uma coluna (também não foram criadas para isso) são um produto de qualidade que merece ser apreciado na sua especificidade.

Errado não é o conceito das LS3 mas sim a perspectiva de quem quiser encontrar nelas aquilo que elas nunca poderão ter.

Cada coisa no seu lugar e abertura de entendimento serão particularmente úteis a quem queira ponderar o valor destas peças.

Boas audições  2cclzes

Na minha opinião tudo depende das expectativas e do nível de exigência de cada um.

Sim, as LS3/5a são um projecto bem concebido para esta topologia específica, ainda que o midwoofer de Bextrene produza uma ressonância algo pronunciada numa frequência bastante danosa e a resposta de frequências com a inclinação "errada".
O problema a meu ver está nas limitações da topologia de mini-coluna de suporte: a extensão nas baixas frequências é muito limitada e o nível de pressão sonora ou volume máximo é igualmente curto. Existe ainda um outro problema que é o baffle-step.

Como referiu e bem o analogue_sa este tipo de coluna é restritivo no que se refere aos géneros musicais que podemos reproduzir, um género de equipamento que os anglófonos qualificam como "girl with banjo".

Existem outros modelos da BBC com muito maior potencial de desempenho: LS5/9 (semelhantes às colunas do Mr Bojangles), LS3/6 (as minhas colunas), LS5/8.

Sem dúvida, tudo depende das expectativas e do nível de exigência com toda a subjectividade que isso implica.

Eu Mário, que desde tenra idade ouço e leio, jamais considerarei que as minhas expectativas ou grau de exigência se sobrepõem seja às de quem for.

Já recebi porém pessoas que vieram experimentar colunas em minha casa, com CD's que não eram minimamente adequados para explorar todas as potencialidades dessas mesmas colunas.

Supostamente essas pessoas eram informadas e exigentes. Eu tive a gentileza de não as desiludir.

Relativamente àquela apreciação que citou parece-me uma jocosidade para "épater la burgeoisie". Certos estratos da cultura inglesa crêem que um curto comentário inciso e soez tem o poder de lapidar (talvez seja um resquício da bacoca superioridade imperial) a rapariga e o banjo soam-me a simplismo generalizador e classificam mais o classificador do que o classificado.

Parabéns pelas suas ls3/6, são umas belíssimas colunas e acredito que esteja satisfeito com elas. Pessoalmente evito bass-reflex, prefiro colunas de caixa fechada mas não vou cair no erro de me perder em considerações teóricas, o importante é que o proprietário goste.

Agradeço a sua partilha, fico contente por saber que superou aquela fase em que conviveu com colunas que não o satisfaziam e agora acertou.

Mais uma vez parabéns  2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 21:07

Mário Franco escreveu:
ricardo onga-ku escreveu:
Mário Franco escreveu:
Ponha-se a questão: estão são as colunas perfeitas ?

Obviamente não são!

Então o que são?

São um produto de engenharia criado com recursos de qualidade para atingir um bom resultado à luz de um conceito específico (bookshelf).

Ora se esta abordagem for aplicada às LS3 que foram concebidas para satisfazer um conceito específico (estúdio móvel) e as apreciarmos desse modo, não vejo motivos para tanta complicação.

Para mim o universo do áudio não é um dualismo a preto e branco. O que é importante é a aventura de descobrir as peças maravilhosas que o engenho humano tem engendrado para transformar vibrações mecânicas em variações de corrente eléctrica e depois tornar a converter essas variações eléctricas em impulsos mecânicos.

Para mim todas as soluções, desde que dotadas de qualidade (mesmo não sendo de uma abrangência absoluta), são dignas da minha atenção e muitas vezes da minha admiração.

Ora as LS3 não esgotando todas as possibilidades de uma coluna (também não foram criadas para isso) são um produto de qualidade que merece ser apreciado na sua especificidade.

Errado não é o conceito das LS3 mas sim a perspectiva de quem quiser encontrar nelas aquilo que elas nunca poderão ter.

Cada coisa no seu lugar e abertura de entendimento serão particularmente úteis a quem queira ponderar o valor destas peças.

Boas audições  2cclzes

Na minha opinião tudo depende das expectativas e do nível de exigência de cada um.

Sim, as LS3/5a são um projecto bem concebido para esta topologia específica, ainda que o midwoofer de Bextrene produza uma ressonância algo pronunciada numa frequência bastante danosa e a resposta de frequências com a inclinação "errada".
O problema a meu ver está nas limitações da topologia de mini-coluna de suporte: a extensão nas baixas frequências é muito limitada e o nível de pressão sonora ou volume máximo é igualmente curto. Existe ainda um outro problema que é o baffle-step.

Como referiu e bem o analogue_sa este tipo de coluna é restritivo no que se refere aos géneros musicais que podemos reproduzir, um género de equipamento que os anglófonos qualificam como "girl with banjo".

Existem outros modelos da BBC com muito maior potencial de desempenho: LS5/9 (semelhantes às colunas do Mr Bojangles), LS3/6 (as minhas colunas), LS5/8.

Sem dúvida, tudo depende das expectativas e do nível de exigência com toda a subjectividade que isso implica.

Eu Mário, que desde tenra idade ouço e leio, jamais considerarei que as minhas expectativas ou grau de exigência se sobrepõem seja às de quem for.

Já recebi porém pessoas que vieram experimentar colunas em minha casa, com CD's que não eram minimamente adequados para explorar todas as potencialidades dessas mesmas colunas.

Supostamente essas pessoas eram informadas e exigentes. Eu tive a gentileza de não as desiludir.

Relativamente àquela apreciação que citou parece-me uma jocosidade para "épater la burgeoisie". Certos estratos da cultura inglesa crêem que um curto comentário inciso e soez tem o poder de lapidar (talvez seja um resquício da bacoca superioridade imperial) a rapariga e o banjo soam-me a simplismo generalizador e classificam mais o classificador do que o classificado.

Parabéns pelas suas ls3/6, são umas belíssimas colunas e acredito que esteja satisfeito com elas. Pessoalmente evito bass-reflex, prefiro colunas de caixa fechada mas não vou cair no erro de me perder em considerações teóricas, o importante é que o proprietário goste.

Agradeço a sua partilha, fico contente por saber que superou aquela fase em que conviveu com colunas que não o satisfaziam e agora acertou.

Mais uma vez parabéns  2cclzes

São perfeitas?
Obviamente que não!
pirat

Mas são menos "imperfeitas" do que as LS3/5a, ou talvez a palavra correcta seja menos "limitadas".
Preferia que fossem de caixa selada, que tivessem um woofer a produzir os sub-graves, que a caixa fosse mais "silenciosa".
Não será certamente o meu último par de colunas...

P.S. a rapariga e o banjo refere-se a um género musical de reduzida complexidade sónica, dinâmica limitada e uma banda de frequências que não contém baixas frequências, muito adequada para monovias e mini-colunas. Se não estou em erro é uma expressão oriunda do novo mundo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5295
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Ter Abr 24 2018, 21:26

Mário Franco escreveu:
Sem dúvida, tudo depende das expectativas e do nível de exigência com toda a subjectividade que isso implica.

Eu Mário, que desde tenra idade ouço e leio, jamais considerarei que as minhas expectativas ou grau de exigência se sobrepõem seja às de quem for.

Já recebi porém pessoas que vieram experimentar colunas em minha casa, com CD's que não eram minimamente adequados para explorar todas as potencialidades dessas mesmas colunas.

Supostamente essas pessoas eram informadas e exigentes. Eu tive a gentileza de não as desiludir.

Caro Mário,

Não se trata aqui de impôr as minhas expectativas ou grau de exigência, mas antes de discutir o desempenho dos equipamentos em termos absolutos.
Foi por alguns audiófilos me terem desiludido com opiniões honestas, bem fundamentadas com considerações técnicas, que comecei a praticar o audio de uma forma mais evoluída e intencional, e a obter mais retorno dos meus investimentos.
Aprendo com os meus erros e penso, talvez erradamente, que outros também podem beneficiar das minhas experiências. Partilho aquilo que aprendi.
Não vejo utilidade em ser politicamente correcto.

Boas escutas,
Ricardo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2050
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 60
Localização : Paço de Arcos

MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   Qui Abr 26 2018, 15:21

ricardo onga-ku escreveu:
Mário Franco escreveu:
Sem dúvida, tudo depende das expectativas e do nível de exigência com toda a subjectividade que isso implica.

Eu Mário, que desde tenra idade ouço e leio, jamais considerarei que as minhas expectativas ou grau de exigência se sobrepõem seja às de quem for.

Já recebi porém pessoas que vieram experimentar colunas em minha casa, com CD's que não eram minimamente adequados para explorar todas as potencialidades dessas mesmas colunas.

Supostamente essas pessoas eram informadas e exigentes. Eu tive a gentileza de não as desiludir.

Caro Mário,

Não se trata aqui de impôr as minhas expectativas ou grau de exigência, mas antes de discutir o desempenho dos equipamentos em termos absolutos.
Foi por alguns audiófilos me terem desiludido com opiniões honestas, bem fundamentadas com considerações técnicas, que comecei a praticar o audio de uma forma mais evoluída e intencional, e a obter mais retorno dos meus investimentos.
Aprendo com os meus erros e penso, talvez erradamente, que outros também podem beneficiar das minhas experiências. Partilho aquilo que aprendi.
Não vejo utilidade em ser politicamente correcto.

Boas escutas,
Ricardo

Caro Ricardo

Pois claro, em boa verdade andamos todos a aprender e às vezes temos grandes surpresas, essa é a melhor parte.

Boas escutas

Mário
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Falcon LS3/5A   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Falcon LS3/5A
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Gretsch White Falcon Bass
» Falcon - CD VOO LIVRE disponível! (antigo tópico Falcon, música Semeando)

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Colunas, Altifalantes e Crossovers-
Ir para: