Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Desafio vinilico para o mês de março

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
AutorMensagem
Alexandre Vieira
Membro AAP


Mensagens : 3199
Data de inscrição : 11/01/2013

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Dom Mar 11 2018, 13:40


Dia 11 - Cominha para os olhos, boa música para os ouvidos.

Beach House - Devotuion

2008, Carpark Records)

Do momento em que tem início Wedding Bell, passando pela sequência de músicas formada por Gila, Turtle Island e D.A.R.L.I.N.G., cada fragmento do segundo registro de inéditas do Beach House se transforma em um verdadeiro objeto de destaque. Enquanto a voz forte de Victoria Legrand delicadamente se transforma em um curioso instrumento, arranjos enevoados de teclados e guitarras consumidas pela psicodelia acabam arrastando o ouvinte para dentro de um território essencialmente sombrio, melancólico. Curioso perceber que mesmo dentro dessa atmosfera intimista, não são poucos os momentos em que a dupla cria pequenas brechas instrumentais e poéticas, fazendo do álbum uma obra tão hermético quanto acessível. Arranjos levemente ensolarados, por vezes acolhedores, porém, explorados de forma arrastada, detalhando uma densa massa de sons que ocupa todas as lacunas do disco. A mesma base instrumental testada pela dupla durante o lançamento do primeiro álbum de estúdio, porém, explorada de forma ainda mais complexa, detalhista.

http://miojoindie.com.br/author/admin/



Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Dom Mar 11 2018, 18:22


Aqui vão duas fatias...




... podem sempre colocar qualquer "ingrediente"...
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Dom Mar 11 2018, 22:12

Mesmo antes do jantar, a sobremesa!


Sabe bem e até já se usa colocar gelado como acompanhamento do prato principal... Sabe bem!
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 10:21

Mais uma vez atrasado, mas como diz o velho ditado “antes tarde do q nunca”
Dia 11- comida na capa
Este dispensa apresentações

Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 13:56

Não é propriamente uma balada, mas é muitas vezes considerada como tal, até pelo "enganoso" título

"Balada de Outono", do Grande ZECA



Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 15:20

não é uma balada, é uma mão cheia de baladas, pelo trompete de Chet Baker

Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3488
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 16:12

Visto que me criei um pouco de tempo hoje, vamos là então a jogar a isto. Ainda não vi o que os outros puzeram e vou com atraso de uma duzia de dias, então vai ir aos pares que assim vai mais ràpido:

( Dia 1 e 2 ) Para começar o dia (ou para o dia inteiro e todos os dias...) o Arthur Russell é uma companhia fantàstica e deveras desconhecida ... quanto ao disco favorito da adolescência jà não me lembro, mas este fazia parte dos que escutei muito, muito, muito ...

( Dia 3 e 4 ) Não sei se é a minha capa favorita, mas sempre gostei deste desenho neste Oneohtrix Point Never ... quanto ao disco translúcido, este Anastasis dos DCD não é preto de certeza...

( Dia 5 e 6 ) O tal da ilha deserta muda com o tempo, idade e aprendizagem mas jà faz uns anitos que este é um dos candidatos, assim que uma boa escolha para uma ilha ... quanto à ultima compra penso ter sido este Sylvain Chauveau ...

( Dia 7 e 8 ) Sempre disse que este concerto no Palacio da Alhambra (Granada) deveria ser reembolsado pela segurança social ... o outro não é o meu disco mais valioso é certo, mas como vi que se vende a partir de 200€! na Discogs e que paguei hà uns anos 13€ na FNAC, penso que deveria ter comprado todos os que là estavam ...

( Dia 9 e 10 ) Assim de repente não me veio à ideia uma canção melhor do que a original num album, mas pensei ao Trinity (Revisited) aonde "todas" as canções são superiores ao Trinity original, então tà bom assim ... e às vezes, efectivamente canto no carro o "Natural Disaster" dos Anathema ...

( Dia 11 e 12 ) Não conheço bolo mais extasiante e excitante que este Let it bleed ... quanto à balada, não crei ter uma preferida mas o Brothers in arms é uma melodia e uma balada que sempre me agradou ...

Voilà ... jà estou a dia e com as contas pagas !!! cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 16:17

Hoje é o dia da Balada... pensei de imediato em colocar uma canção que me diz muito, mas depois lembrei-me que já tinha visto a entrevista do autor e que para este dia e para este espaço uma outra cairia que nem uma luva.

Por tudo isto ou por tudo isto...



https://www.tsf.pt/multimedia/video/tsf/interior/entrevista-jorge-palma-video-4176131.html
Minuto 11:58, o Bairro do Amor... vale a pena ver tudo, ouvir tudo, mas a explicação sobre a Canção O Bairro do Amor começa aí. Uma "balada" sobre a Amizade...

Fica a minha escolha para hoje, para colocar aqui.
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 16:29

Como disse desde o início o q interessa é participar, se puder ser todos os dias melhor, mas se não pode ser, apanhar o comboio co ele já em andamento não faz mal nenhum e de certeza q há-de haver disse em que é impossível participar por isso saltar uns dias tb não faz mal nenhum
O q interessa mesmo é cada um divertir-se com as escolhas q faz
Por isso seja muito bem vindo TD124
Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 19:06

Balada preferida

Existem tantas, deixo esta

Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 20:35

...este é um dia com bastantes opções...vou deixar esta:

Deep Purple: Soldier of Fortune


Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Seg Mar 12 2018, 23:24

.. depois de tantas e tão boas por aqui, aqui vai uma que "bateu" na "jeunesse"... minha, claro!
.... angie!

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3488
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 10:20


(Dia 13)... o termo dueto fez-me hesitar sém saber se o pedido era uma obra escrita para um duo de artistas, um grupo feito de duas vozes, uma reunião entre dois artistas diferentes, se devia ser vocal, musical ou os dois, mas acabei por ver no dicionàrio que dueto engloba isto tudo mais ou menos ... então apòs uma curta reflexão fiz esta escolha. Pensei ao duo mistico/étnico dos Dead Can dance, aos irmãos Gallagher, White Stripes, Boards of Canada, Autechre, duos clàssicos e na opera ... sem contar com as colaborações no Jazz aonde os duetos são legião. Acabei por escolher a colaboração que me pareçe ser uma das maiores e mais influentes na historia do Jazz e talvez da musica moderna. Mesmo se não gosto das afirmações pomposas, assertivas e definitivas como a que venho de fazer, é incontestàvel que estamos em face de dois dos musicos mais influentes do Jazz (com o Miles). È certo que neste ano bendito de 1957 o encontro entre os dois homens é falseado pelo facto que o "Trane" ainda não é o Coltrane de "Love Supreme" ... ora que o "Sphére" jà é o imenso Monk. Desde a abertura com o sumptuoso "Ruby my Dear" é evidente que à modernidade do Monk o Coltrane opõe um clacissismo reservado e pudico mas que vai se desatacar pouco a pouco, sém todavia atingir a impertinência ou o desafio de aluno a mestre ... mas verdade seja dita, nesta época o Coltrane era incapàvel. No entanto, à medida que esta aula avança é evidente a faisca Bop do homém que vai fazer mais tarde "Giant Steps. Também é evidente a capacidade do Monk a insinuar o modal nas passagens legato, o que transforma a modernidade aparente numa supra-modernidade, sobretudo pela utilisação surpreendente (inteligente) dos intervalos e das dissonâncias "Monkianas". No fim subsiste o sentimento de uma musica evidente, uma mistura de Bop e tradição com um aroma de Cool West Coast. Todavia e apesar do perfilo "easy-listening" desta obra o auditor encontra-se escuta apòs escuta e ano apòs ano face a uma componente opaca deste diàlogo, como se os arcanos desta discussão ultrapassem as capacidades humanas. Ao sair desta obra o Monk està ainda mais alto no firmamento ora que o seu jovem aluno tornou-se no John Coltrane que o mundo vai conheçer. Isto é verdadeiramente o encontro entre o Pai, o Filho e o Espirito Santo que apareçe sob a forma de musica. Um disco que impõe a implacàvel evidência de uma verdadeira obra-prima pois, inesgotàvel, inoxidavel, impenetràvel e eterno...

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 48
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 11:22

12 - Balada preferida


The Sound - Silence air





A melhor balada de sempre. E quando jovem era a minha "armadilha" namoradeira. Ninguém ficava indiferente! E até ficavam com a sensação que o jovem aqui tinha sentimentos profundos:lol!:
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 11:30

Dia 13-tocar um disco com um dueto

Hoje apeteceu-me este, mas como diz o TD124 podiam ser imensos sobretudo no jazz
São dois dos gigantes do jazz e mesmo não sendo um disco q tenha provocado revoluções no jazz  não deixa de ser uma maravilha
Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 48
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 11:36

13-Tocar com um dueto

Cale & Reed

Vou decalcar o que já escrevi num outro tópico:

Um concerto imperdível, um álbum obrigatório!



Songs for Drella is a 1990 album by Lou Reed and John Cale, both formerly of the Velvet Underground; it is a song cycle about Andy Warhol,[1] their mentor, who had died following routine surgery in 1987. Drella was a nickname for Warhol coined by Warhol superstar Ondine, a contraction of Dracula and Cinderella, used by Warhol's crowd but never liked by Warhol himself. The song cycle focuses on Warhol's interpersonal relations and experiences, with songs falling roughly into three categories: Warhol's first-person perspective (which makes up the vast majority of the album), third-person narratives chronicling events and affairs, and first-person commentaries on Warhol by Reed and Cale themselves. The songs on the album are, to some extent, in chronological order.





Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 15:30

Dueto:

Três Grandes, MUITO GRANDES, mesmo!

Para mim são! Quase que poderia ser o dia do trio, mas este diálogo Piano - Voz, é um assombro e o espectáculo decorrente do disco, realizado no CCB, foi de uma cumplicidade extrema

Todo o disco (infelizmente só em CD   ) é um constante dueto, uma conversa fantástica

Carlos do Carmo & Bernardo Sassetti, com poema e música de Zeca Afonso



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4116
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 16:19

Goansipife escreveu:
(...) este diálogo Piano - Voz, é um assombro (...)
Todo o disco (infelizmente só em CD) é um constante dueto, uma conversa fantástica
Carlos do Carmo & Bernardo Sassetti (...)

Prezado Goansipife,

Permita a emenda à informação concedida, porquanto, esse álbum de Carmos com o saudoso Bernardo, felizmente também existe a edição em vinílo (https://www.fnac.pt/Carlos-do-Carmo-Carlos-do-Carmo-et-Bernardo-Sassetti-2LP-CD-Album/a1007771). Todo o álbum é encantável, mas a interpretação de «O Sol» é superlativa.

Com melhores cumprimentos,
What a Face
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 16:21

Ghost4u escreveu:


Prezado Goansipife,

Permita a emenda à informação concedida, porquanto, esse álbum de Carmos com o saudoso Bernardo, felizmente também existe a edição em vinílo (https://www.fnac.pt/Carlos-do-Carmo-Carlos-do-Carmo-et-Bernardo-Sassetti-2LP-CD-Album/a1007771). Todo o álbum é encantável, mas a interpretação de «O Sol» é superlativa.

Com melhores cumprimentos,
What a Face



"O Sol", está reservado para o dia 28
Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 20:30

...como já foi referido a oferta é muita...opto por este:

John Lee Hooker e Santana: The Healer



Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 20:34

Dia de duetos... Gosto de alguns que por cá andam, mas o que se segue é partucularmente agradável e revela o Contra-baixo de uma forma que aprecio muito.


Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4116
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 21:07

Goansipife escreveu:
"O Sol", está reservado para o dia 28.

Compreendo. Entretanto, não necessita de pedir desculpa, porquanto não cometeu nenhuma ilegalidade.
Por último, lamento ter deparado com este bom tópico ao sétimo dia do mês...
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 21:24

Ghost4u escreveu:

(...)
Por último, lamento ter deparado com este bom tópico ao sétimo dia do mês...

Não bata mais com a cabeça... Ou melhor, não passe a parede com a cabeça caro Fantasma!
Participe, vem sempre a tempo. Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4116
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 22:43

José Miguel escreveu:
Não bata mais com a cabeça... Ou melhor, não passe a parede com a cabeça caro Fantasma!
Participe, vem sempre a tempo. Wink

Consultarei a Fátima Campos Ferreira para ponderar nos prós e contras, pois por a locomotiva deste tópico estar bem oleada e com suficiente lenha, posso não conseguir ultrapassar todas as paredes.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Ter Mar 13 2018, 23:00

Tocar um disco com um dueto


Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 00:57

Duetos.., aqui um "disquinho" cheio deles... e bons!
aqui vai um



melhor dois, já que são "duetos"... Wink



Até logo...
cheers

Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 48
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 09:41

14-Melhor trio?


Alan Vega / Alex Chilton / Ben Vaughn
Cubist Blues



Cubist Blues was the unholy union of future roots music wailer Alan Vega with a pair of terminal rock & roll outsiders in Ben Vaughn and Alex Chilton. Since almost everybody else in the indie and pop worlds were still wandering around in shock after the death of Kurt Cobain, almost no one took notice of this terrifyingly great record made in two consecutive dusk-to-dawn improvisational sessions at Dessau Studios on the Lower East Side of New York in December of 1994. Like the best of jazz when the cats in the '50s would just show up to see what would happen (more often than not, it did: check the Norman Granz Jam Session albums and the Prestige All-Stars). What does it sound like? Crazy voodoo ghost music. It sounds like Eddie Cochrane, Gene Vincent, and Johnny Burnette fighting for a place at Elvis' table someplace between heaven and hell that isn't earth. Vega's a poet of the other side of rock & roll. In the grain of his voice is the cry, weep, and wail of the blues as it met speed, cars, rocket ships, and the inside of Papa Legba's drum. Forget for one moment he was in Suicide, if you can, and listen to these freaky, screwed-down guitars, ramshackle pianos bearing their low keys like a dog's teeth, basses that rumble instead of pop. It's messed up -- check tracks like "Fly Away," where Jim Morrison meets Jeffrey Lee Pierce in the rebel squall of the south wind; the steam-shovel rockabilly of "Fat City" that is as streetwise as any hip-hop crew's boast shop, or creates a roaring sound Dion would have loved to have heard in his head in the Bronx in the '50s. It is poetry, man. There's the noir-ish blues of "Sister" that stumbles, falls, and breaks its leg before it ever starts, and the post-nightmare retake on "Dream Baby," where nothing is as it seems in the mirror. The live disc howls even more primitively, with the crew trying to force the audience through the eye of the space needle with them. Brilliant, disturbing, obsessive, and addictive; Cubist Blues is an album that time forgot, but was never more in time.

Para ouvir sem parar....



Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3488
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 10:46


(Dia 14) O primeiro maior trio que me veio à ideia foi o One Million Dollar Trio formado pelo Arthur Rubinstein, Gregor Piatigorsky e o Jascha Heifetz e depois evidentemente uma série de nomes no Jazz como o Bill Evans, Oscar Peterson, Keith Jarrett, Haden, EST, Ahmad Jamal, Ellington, Michael Wollny ... mas jà tinha posto um album de Jazz ontém, então busquei na Clàssica e Electronica e de repente tive uma revelação. E que tal sair este, que poderia jà ter aparecido para os dias 1, 2, 3, 5 e 10 !!!... e que ném sequer tinha pensado nele até hoje. O disco da foto é um dos três ou quatro que subsistem da minha adolescência e que viajaram comigo, o que para mim jà diz tudo. Comprado em 85 em Berlim ... foi um choque imenso e botou fora durante um certo tempo os Clash, Van Morrison, U2, Joy Division, Genesis, Van der Graaf que eram os meus pratos preferidos da época. Resistiu mesmo à chegada do Queen is Dead e sò agora me lembro dele ... a memoria tém coisas destas. Desde a abertura com o curto riff de trompeta solene apareçe uma avalanche de ritmica épica e monumental que anuncia o "big-sound" desta obra. Durante 42mn este disco escorre elegantemente torrentes de energia libidinosa que conduzem à catarse. Voluptuoso, excitante e supremamente elegante esta obra varre os preconçeitos associados à musica dos anos 80. Catàrtico e explosivo este "This is the Sea" é o remédio contra o tempo que passa e um testemunho raro da ideia de juventude eterna ...

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 10:57

Trio

Não consegui ouvir, até hoje, melhor que esta interpretação, nem ao vivo, nem gravado.



Sviatoslav Richter, David Oistrakh & Mstislav Rostropovich

Beethoven: Triplo Concerto

Orquestra Filarmónica de Berlim, Herbert von Karajan

EMI Classics

Richter, odiou esta gravação e o autoritarismo e egocentrismo de Karajan (como lhe era habitual). Numa entrevista logo a seguir a esta gravação disse o seguinte (diz o roto ao nu...):

[É uma gravação horrível e eu a renego completamente… Linhas de batalha foram montadas com Karajan e Rostropovich de um lado e Oistrakh e eu de outro… De repente Karajan decidiu que tudo estava bem e que a gravação estava pronta. Eu pedi uma tomada extra. “Não, não”, ele respondeu, “não temos tempo, ainda temos que tirar as fotos”. Para ele, isso era mais importante do que a gravação. E que fotografia nauseante, com ele posando artisticamente e o resto de nós rindo como idiotas.]

Não estou, de todo, de acordo com Richter (apesar de ser um dos intérpretes do piano que mais admiro) e comigo está, praticamente, toda a comunidade de melómanos e mesmo músicos.

Mas Richter, era assim mesmo e conhecido por ter um feitiozinho Não deveria falar do outro Laughing

Em Janeiro / Fevereiro de 95, o seu agente programou 2 concertos em Portugal: um no Porto e e outro em Lisboa. Ao ter conhecimento / consciência das datas, exigiu que lhe marcassem outro concerto em Évora, porque tinha cá estado em 76 de visita e tinha gostado muito de Évora.

Quando da actuação no Porto, e após esta, trouxeram-no de carro e passaram por Alcobaça. Ao visitar o Mosteiro, voltou-se para o Agente e para Tito Celestino da Costa (o empresário musical português que o trouxe) e disse "às tantas horas (??), quero um piano e um candeeiro aqui". Foi uma roda viva de contactos para satisfazer este capricho. Ele tinha ameaçado anular os restantes concertos se não tocasse nesse dia no Mosteiro, inclusive para anunciar o concerto, após obtidas as devidas autorizações. Resultado: Mosteiro de Alcobaça à pinha e quem conseguiu assistir a todos os concertos diz que foi o melhor. Eu só consegui assistir a dois: este e do CCB e corroboro que sim. Este foi melhor do que o do CCB.

Enfim.. episódios
Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 19:21

Hoje vou optar por este:



Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 19:36

Dia 14 -o melhor trio
São muitos os discos de trios q existem cá por casa, no entanto a escolha recaiu sobre este fabuloso disco dos geniais irmãos Moxham e da não menos genial A Statton
Um disco a todos os títulos seminal e um dos melhores dos 80 IMHO
Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qua Mar 14 2018, 23:22

O melhor trio

Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 00:08

Melhor faixa para iniciar um disco

Assim de repente lembrei-me desta.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 01:23

Mesmo atrasado... cá vai "um" trio, poderia ser "o" trio... e poderiam ser "outros"..., socorro"! (h)elp!!!



aqui, com cheirinho a performance "incendiária"....

cheers



Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 09:54

15 - Faixa para iniciar um disco

Não resisti, e este tema do dia fez-me lembrar lembrar logo duas faixas de discos diferentes. Por isso tenho de por as duas

Jorge Palma: "Página em Branco"

É isso mesmo, ter uma página em branco e uma guitarra na mão (ou outro qualquer instrumento) e não sair a canção.

No final, saiu uma das mais belas canções do Jorge



Frédéric Chopin: "Nocturno nº 1 em Si Bemol maior", Maria João Pires.

Que melhor faixa poderia existir a abrir um disco, senão esta tripla: O romantismo de Chopin, a melancolia apaixonada do nocturno nº 1 e o virtuosismo e maestria das maiores intérpretes de piano, vivas, que lançou, pela primeira vez em todo o mundo, um tema de música "clássica" para os tops de venda de discos, durante semanas a fio, relegando para posições secundárias os habituais e tradicionais pops e pop-rocks.



Et voilá
Voltar ao Topo Ir em baixo
mannitheear
Membro AAP
avatar

Mensagens : 824
Data de inscrição : 01/08/2013

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 12:28

Luis Filipe Goios escreveu:
Mesmo atrasado... cá vai "um" trio, poderia ser "o" trio... e poderiam ser "outros"..., socorro"! (h)elp!!!



aqui, com cheirinho a performance "incendiária"....

cheers


Dear Luis Filipe Goios,

I second this suggestion absolutely.
The ELP's good times were only a few years but what they did in their best moments is unbelievable. Complex, powerful and borderless and beautiful music.
Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 19:46

Hoje vamos nesta:

Pink Floyd: "Shine On You Crazy Diamond (Parts I–V)"

Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Qui Mar 15 2018, 22:01

mannitheear escreveu:

Dear Luis Filipe Goios,

I second this suggestion absolutely.
The ELP's good times were only a few years but what they did in their best moments is unbelievable. Complex, powerful and borderless and beautiful music.

Thanks!!! dear "mannitheear", I share the same opinion:cheers:

Agora, e, atendendo ao "desafio" de hoje, mais que faixa para iniciar um disco, acho que o começo deste "mirror images",
serviria sempre..., ainda por cima, vindo de um "Vital"...,e, vitalidade não falta,


mesmo não sabendo se o autor do tópico aceita como válida a sugestão... Wink
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3488
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 07:30

Djlitss escreveu:
O melhor trio



_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 10:54

Depois de uns dias só a acompanhar, não sabia o que responder... Hoje volto, a tarefa é simples.

Que álbum tem sido mais castigado?

Desde Dezembro último, depois de uns sete/oito meses sem poder castigar discos de vinil, o que tem sido mais utilizado é:

Antony and the Johnsons - Cut the World (Live with the Danish National Chamber Orchestra...)

É um álbum que recorrentemente escuto sozinho e este poderia ser a resposta para quase todos os dias do desafio, mas convém variar.

A todos os níveis um enorme álbum, apenas superado pelo concerto mesmo.
Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 10:56

Desta vez é um 2 em 1

Dia14- melhor faixa para iniciar um disco
Para mim não há discussão possível
Garota de Ipanema é sem sombra de dúvida a mais fantástica faixa para começar um disco
Dia 15 - disco q vai ao castigo com frequência
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2428
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 59
Localização : Freiria - Torres Vedras

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 11:50

Dia 16 - Disco que vai ao castigo com frequência Atenção Sr. Aníbal

Também tenho direito a ter um disco de teste

Então é este... Um dos....






Voltar ao Topo Ir em baixo
anibalpmm
Membro AAP
avatar

Mensagens : 8519
Data de inscrição : 05/03/2012
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 13:13

Goansipife escreveu:
Dia 16 - Disco que vai ao castigo com frequência Atenção Sr. Aníbal

Também tenho direito a ter um disco de teste  

Então é este... Um dos....  







Parece-me uma excelente ideia para um próximo desafio ou quem sabe para um tópico
Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 19:20

...o mais desgraçado penso ser este:

Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10461
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sex Mar 16 2018, 20:11

Ao castigo? Só um???? Só pode ser um??'
Batam-me...







uiiiii... esqueci-me de alguns, alvo de castigo persistente.. Wink Cool
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 00:10

TD124 escreveu:
Djlitss escreveu:
O melhor trio



Sublime, na minha opinião dos melhores trios de jazz e já se conhecem tão bem.
Obrigado
Abraço
Voltar ao Topo Ir em baixo
Djlitss
Membro AAP
avatar

Mensagens : 776
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 51
Localização : Chaves

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 01:14

Disco que vai ao castigo com frequência

Os dois discos que estão fora da prateleira e mais  "porrada"  têm levado nos últimos meses são:









Disco ideal para tocar ao domingo

Um disco para relaxar da noite de sábado, pode ser este:




Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3488
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 09:25


(Dia 15) O "Tilt" do Scott Walker é reputado como sendo um disco dificil, e dito assim é mesmo um eufemismo, pois a obra é verdadeiramente estranha, impenetràvel e por momentos "quase" grotesca. No entanto a faixa que abre o album (Farmer in the City) em homenagem ao Pier Paolo Pasolini é verdadeiramente majestuosa e pode provocar emoções irrepressivéis. Apesar da voz voluntàriamente cavernosa, lugubre e distorcida a melodia e os arranjos minimalistas acabam por se insinuar visceralmente no auditor, provocando uma irrepressivel sensação de elevação ou de desespero. Esta ambiguidade serà o fio condutor de todo este disco...

(Dia 16) Eu tenho o grande defeito de me cansar ràpidamente das coisas (mesmo boas), então evito de escutar regularmente o mesmo disco pois depois vai ser posto de lado durante anos ... mas este roda regularmente desde que o comprei. A associação do piano (de concerto) tocado potentemente e dos lençois de electronica levam a obra até aos limites estilisticos do contemporaneo. O "estranho" clima denso, desassogado e visceral da obra acentua a sua singularidade e originalidade ... ora que foi criada por uma miuda que ném tinha 20 anos. Um disco que é um antibiotico contra o mal-estar e que faz bem quando tudo vai mal...

(Dia 17) O disco do domingo seria para mim aquele que necessita tempo e disponibilidade ou que me procura uma viajem interior. "Entrar no labirinto" deste Dead Can Dance é tudo isto ao mesmo tempo e mesmo muito mais. A atmosfera obscura, mistica, étnica ... reclama uma atenção permanente afim de não perder o fio que une os contrastes. O duo Gerrard/Perry estão no auge da sua arte e este poderia ser o pinàculo harmonico e inventivo do grupo. Uma obra complexa e labirintica da qual o auditor não sai ileso ... mas que em contrapartida conduz a paisagens desconhecidas e hipnoticas. Um disco que exige paciência, determinação e um "verdadeiro" sistema afim de percepcionar todas as suas subtilidades, e insisto neste ultimo ponto...

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4893
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 11:19

O Domingo, dia que nunca apreciei, é agora o meu primeiro dia da semana e o que me faz olhar para mais números... Por isso, o álbum ideal para este dia, nesta fase, é um que me transporte para uma fonte de energia...

Pink Flag é um daqueles álbuns para escutar com atenção, mas ao mesmo tempo relaxa e permite que a mente vá e volte... Dê uma voltinha.

O Punk tem neste álbum um dos seus mais significativos episódios e bater o pé é o mínimo...

Voltar ao Topo Ir em baixo
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 372
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 11:53

....para um belo domingo e pensar no dia seguinte:

  The Boomtown Rats -"I Don't Like Mondays"



Voltar ao Topo Ir em baixo
Alexandre Vieira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3199
Data de inscrição : 11/01/2013
Idade : 48
Localização : Outra Banda

MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    Sab Mar 17 2018, 11:54

José Miguel escreveu:
O Domingo, dia que nunca apreciei, é agora o meu primeiro dia da semana e o que me faz olhar para mais números... Por isso, o álbum ideal para este dia, nesta fase, é um que me transporte para uma fonte de energia...

Pink Flag é um daqueles álbuns para escutar com atenção, mas ao mesmo tempo relaxa e permite que a mente vá e volte... Dê uma voltinha.

O Punk tem neste álbum um dos seus mais significativos episódios e bater o pé é o mínimo...



Hoje é domingo???

Perdi o sábado sem o saber...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Desafio vinilico para o mês de março    

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Desafio vinilico para o mês de março
Voltar ao Topo 
Página 4 de 7Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6, 7  Seguinte
 Tópicos similares
-
» O que todos devem saber antes de abrir a boca para falar mal de Michael Jackson!!!
» Bilhete: Michael manda um bilhete para os melhores fãs do mundo no Seminário Dia dos Namorados
» ESPECIAL I - Hoje é um dia muito Especial, então venho trazer um Presente para vocês Gostem e Curtam também...
» [YT] Razões para acreditar. Os bons são maioria (Comercial Coca- Cola)
» Dia 25 todos os fãs unidos para relembrar MJ: Ouviremos Man in The Mirror e Heal The World! Saiba mais detalhes!

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Música Geral-
Ir para: