Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Freiria, uma sala dedicada ao Prazer

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2  Seguinte
AutorMensagem
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 16:10

Primeira imagem da sala de fim-de-semana, em Freiria, dedicada ao grande prazer de ouvir música reproduzida por equipamentos de áudio  


Para já estou a gostar, bem como da solução de materiais desacolhidos para a sala: paredes, tecto e chão.

Agora vou continuar a ouvir música
Orquestra
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:06

A sala está um mimo, parabéns Gonçalo!  

No seguimento de uma outra conversa e de outro tópico, eu colocaria nas paredes laterais uns quadros e tal... mas gosto das peças que compõem o conjunto, a parede de fundo é um belo enquadramento.


As Sonus Faber são um regalo para os olhos, e parecem todos pimponas acasaladas com o Rega! Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
fredy
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4110
Data de inscrição : 08/02/2011
Idade : 55
Localização : Casal do Marco - Seixal

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:10

Olá
Parabéns pelo sistema.
Foi a prenda de Anos???  
Fredie
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:28

José Miguel escreveu:
A sala está um mimo, parabéns Gonçalo!  

No seguimento de uma outra conversa e de outro tópico, eu colocaria nas paredes laterais uns quadros e tal... mas gosto das peças que compõem o conjunto, a parede de fundo é um belo enquadramento.


As Sonus Faber são um regalo para os olhos, e parecem todos pimponas acasaladas com o Rega! Smile

Obrigado José Miguel.

A sala ainda está muito despida. Só amanhã é que me chegam alguns móveis, nomeadamente o sofá para ouvir música mais confortável.

O resto..., vai com o tempo
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ferpina
Membro AAP
avatar

Mensagens : 9868
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 62
Localização : Assado - Perú

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:31

Freiria, Torres Vedras?

Parabéns pelo sítio e pela sala.

Tenho que te fazer uma visita quando for a caminho do concelho seguinte, Lourinhã! Já tens o frigorífico a funcionar e cheio delas? drunken

_________________
Cumprimentos, Fernando Pina
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:43

fredy escreveu:
Olá
Parabéns pelo sistema.
Foi a prenda de Anos???  
Fredie

Não Fredie! Não era nada mau..., mas não. Este era o sistema que tinha no escritório de casa, menos o Lenco, como sabes.

Mas acabei por decidir trazer este sistema.

Estava para trazer o Lenco (por isso o adquiri) com um receiver Sony. Depois proporcionou-se, nas obras, arranjar esta sala desta maneira e ficar com ela só para o "Mausoléu da Música". Mãezinha porreira

Assim, decidi trazer um sistema mais "à maneira", e, não sei (pelos resultados que estou percepcionando) se não virá a "artilharia pesada" lá de casa.

A maior diferença e mais recente é a Legacy, no RP3

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 19:45

Ferpina escreveu:
Freiria, Torres Vedras?

Parabéns pelo sítio e pela sala.

Tenho que te fazer uma visita quando for a caminho do concelho seguinte, Lourinhã! Já tens o frigorífico a funcionar e cheio delas? drunken

Podes vir à vontade. Passas pelo lugar de Poços e quando vires uma casa (moradiazinha) cor de salmão, bates à porta, churrascamos, ouvimos música e drunken
Voltar ao Topo Ir em baixo
João Henrique
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1459
Data de inscrição : 21/07/2010
Idade : 52
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 20:45

Cantinho agradável, parabéns.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 21:50

A progenitora já ouviu uns disquinhos das suas preferências musicais e afirma que tem um som muito superior ao que ouvia antes. Diz que o gira dela - Lenco - tem muito mais presença.

Eu penso que o resto também faz muita diferença daquilo que ouvia antes. scratch

Mas que a sala está a revelar umas coisas, lá isso está
Voltar ao Topo Ir em baixo
mango
Membro AAP
avatar

Mensagens : 629
Data de inscrição : 04/10/2010

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Abr 27 2017, 21:50

Bem catita...já eu estou confinado a um canto da sala...mas está um processo revolucionário em curso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 13:05

Agora já com mais comodidade

A ouvir um disco do Santana cheio de graves
bounce
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 13:14

E o botão do volume ainda só está a chegar às "12h"!!

Bela mesa essa de centro, a sala está a ganhar formas. Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ferpina
Membro AAP
avatar

Mensagens : 9868
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 62
Localização : Assado - Perú

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 15:54

Goansipife escreveu:
Agora já com mais comodidade

A ouvir um disco do Santana cheio de graves
bounce

Tens um projector para dar "luz" sobre os zingarelhos? Do lado direito da foto. Que lâmpada usas?

_________________
Cumprimentos, Fernando Pina
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 15:58

Sim! O projector é para dar luz aos zingarelhos, à noite.

A lâmpada é uma lâmpada audiófila, de led, comprada no Ikea

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ferpina
Membro AAP
avatar

Mensagens : 9868
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 62
Localização : Assado - Perú

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 16:03

Goansipife escreveu:
Sim! O projector é para dar luz aos zingarelhos, à noite.

A lâmpada é uma lâmpada audiófila, de led, comprada no Ikea


Boa escolha O IKEA tem muito material audiófilo... smedley

_________________
Cumprimentos, Fernando Pina
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3472
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 16:42

Ferpina escreveu:
(...) O IKEA tem muito material audiófilo...  smedley

Até prateleira em bambu para colocação de gira-bolachas, à qual designam tábua de cortar para cozinha.Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sex Abr 28 2017, 17:04

Também cá mora!!!

Mas como tinha já 2 prateleiras: uma da Base e outra mandada fazer por mim, há bué, de uma madeira muito rija, da qual já não me lembro o nome e que até funciona, para já é esta que está.

Mas tábua de "Ko-Zinha BambuAudio", a um preço com muito poucos zeros, essa também cá mora pronta a ser usada... para cortar bifes smedley
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 11:19

A propósito de uma observação do José Miguel, noutro tópico, sobre a menina Jones (Norah), lembrei-me que, dos discos da menina mais velha dos Shankar, este - Day Breaks - era aquele que poderia fazer as delícias dos audiófilos amantes do troca - troca, em matéria de reprodução analógica.

Certamente o disco recorreu à masterização analógica a partir de gravação e/ou tratamento digital. Hoje-em-dia todos, ou quase todos, têm um não sei quê de digital. Contudo, garanto-vos que este disco não toca de forma igual em nenhum dos meus 3 giras (Well Tempered, Sony, Rega), nem do gira da minha mãe (Lenco).

Aqui em Freiria, pontuam, em ambos os extremos da mesa / rack altamente audiófila, made in IKEA dvil um Rega RP3, com célula Goldring Legacy e um Lenco L78, com célula Shure M75. Ambos apoiados pelo pré-phono Aria da Rega. A diferença do som deste disco entre os dois, roça o sentido de estarmos perante discos com edições completamente diferentes.

Mas..., para os defensores das Shure M75 e Lencos (e para os outros também), experimentem ouvir este disco nesta combinação, comparem com outras combinações / sets e, depois, venham aqui dizer qual é o sentimento auditivo vivido. Basketball

Já agora e se forem amantes do estilo, oiçam o disco "In Hollywood 1971" do pai Shankar (Ravi), este, estou quase certo, todo em analógico.

Aguardo as impressões...
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 15:09

Eu também aguardo e o Gonçalo, caso se volte para isso, pode dar o pontapé de saída!!!

No seu caso a análise tem mesmo tudo para resultar, uma vez que as duas "parelhas" (Lenco ou Rega) estão ligadas ao mesmo pré de phono.

Como não posso comparar, digo apenas que no Lenco com Sure M75, ligado ao pré do Mclaren A150, a voz da menina fica um mimo e todos os arranjos aparecem de forma muito satisfatória.

Não me vou alongar, faz três semanas que estou "longe" das pecinhas analógicas.


Wink



ps.: estive a ler sobre a Goldring Legacy e a célula já me parece ser de um patamar distinto da Shure... com o Rega as diferenças face à "parelha" do Lenco devem ser evidentes - imagino maior transparência e umas frequências altas muito bem definidas, pormenores em maior relevo nas Sonus Faber... imagino!

ps2.: caro Gonçalo, fiquei bastante curioso com o Aria... percebo que gosta da Rega e parece-me gostar do tempero (ou falta dele) dos transístores; não peço uma comparação com nada de concreto (ainda que o imtegrado que tem aí, o Elicit, tenha boa fama no pré...), mas gostava de saber a sua opinião sobre a importância/escolha de transítores para a etapa de pré de phono (espero não estar a abusar, perguntas de quem quer aprender e evoluir com o tempo).







Voltar ao Topo Ir em baixo
Pedro T.
Membro AAP
avatar

Mensagens : 153
Data de inscrição : 20/12/2016
Idade : 40
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 17:28

Um espaço dedicado para a música é qualquer coisa. Boas audições!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 17:52

Começando do princípio... Laughing

O Disco:

Este - Day Breaks - é um dos discos que, segundo as minhas 4 experiências mais conhecidas e convividas, faz uma notória e admirável diferença sonora, ouvido em cada uma delas. Por isso digo que para aqueles audiófilos que adoram ficar na constante dúvida e no troca-troca, é um maná. Resumindo, de uma forma ligeira e evitando muito cansaço de leitura, mas algum, é assim:

- Sony PS-X65, com uma célula MM da Sony (XL-25A ?), ligado ao pré de phono do pré-amplificador SONY TA-E80ES: mais "punch" e mais rapidez. Som cheio, com um certo dourado nas médias frequências, mas notoriamente mais rápido nos chamados transientes.

- Well Tempered Amadeus GTA, com célula Dynavector XX-2, ligado ao pré-phono Clearaudio Balance Plus, por sua vez ligado de forma balanceada ao Rega OSIRIS: aparenta tudo no sítio: claro, transparente, detalhado, rápido qb, paleta sonora toda certa (agudos, médios e baixos... e que baixos), mas mais cru, mais pró-realista, tipo sala do CCB;

- Rega RP3, com célula Goldring Legacy, ligado ao pré-phono Rega Aria em modo MC, por sua vez ligado em single end à entrada de phono do Elicit, mas esta comutada em modo Linha: som com, aqui e acolá, muitas semelhanças ao que eu oiço no set do Well Tempered, mas, obviamente, mais escuro, o menos rápido de todos mas com a paleta harmónica, certa, dentro da suas características. Som tipo Teatro S. Luiz;

- Lenco L78, com célula Shure M75, ligado ao pré-phono Rega Aria em modo MM, com a mesma ligação single end à mesma entrada de phono do Elicit, comutada em modo de linha: Alguma perda do detalhe fino, mas com punch, rapidez a fazer bater o pézinho no chão e sempre a deixar-me muito admirado com certas habilidades, quer seja na paleta de cores harmónicas, quer seja na emoção gerada.

O Aria:

- Ora o Aria em modo MC ou MM tem óbvias diferenças, mas exactamente a mesma assinatura sónica. Já fiz a experiência de este estar a conduzir e a pré amplificar o Sony e o Well Tempered e os resultados foram neste sentido do reconhecimento da assinatura.

- Obviamente que, na minha opinião, este é um dos melhores prés de phono que o mercado oferece, principalmente na relação qualidade-preço-facilidades. O meu Clearaudio Balance Plus é melhor, mas tem menos facilidades ( só dá para um gira) e é, substancialmente mais caro. Vale realmente a diferença? Enfim... Vale! Mas, só com células também elas muito mais caras, pelo que tudo fica um pouco...
É por isso que eu gosto muito da Rega. Normalmente os seus produtos seguem esta regra, que já é uma estratégia da companhia.

- O pré-phono integrado do Rega Elicit R é muito bom para um integrado, mas são óbvias as melhorias a ligação dedicada do Aria. Tudo cresce e melhora!

Os Transístores:

Começo por dizer:

- Sou um grande admirador de válvulas e de projectos que considero sérios nesta tecnologia;
- Sou, contudo, "fisicamente debilitado" perante tecnologias de válvulas, na verdadeira acepção da palavra. Já tentei por duas vezes ter este tipo de tecnologia e não consigo. Não sei explicar...;
- Na realidade, não acredito em diferenças de qualidade entre projectos sérios usando tecnologia a transístores ou válvulas nem nas valências de um sobre o outro. Repito, quando em projectos sérios.

A Shure M75 e/ou Lenco com Shure M75:

- Sempre tive a impressão que a Shure M75 tinha um não sei quê para cativar os ouvintes e gerava emoções muito próprias. Agora com com maior convivência, da impressão passei à certeza.
- Com Lenco, bom..., o nosso amigo Kazumbi (Luís Gaio), grande admirador e fan incontornável da Lenco diz que esta é das melhores combinações célula-gira-braço origina, e eu estou muitíssimo tentado em dar-lhe toda a razão!
cheers





Voltar ao Topo Ir em baixo
Mr Bojangles
Membro AAP
avatar

Mensagens : 710
Data de inscrição : 17/02/2013
Idade : 40
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 18:34


Tudo excelente!
Só é pena esse monitor por cima
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jun 26 2017, 18:56

Bela resposta Gonçalo, já tenho com o que ocupar a mente. Wink

As minhas perguntas visavam escutar a opinião pessoal, a que nasce da sua (grande) experiência. Existem peças que só descobrimos depois de as "ouvir" pela boca de alguém e posso dizer que este Fórum tem ajudado - foi por isto que entrei.

O Aria, ou a questão sobre ele, não nasceu do nada, faz tempo que nos ocupamos (a Luciana acompanha-me neste caminho) a pensar se valerá a pena investir num pré de phono dedicado. Estamos contentes com o amplificador que temos, ele parece-nos bastante correcto e com energia que chegue para uma pequena sala como a nossa, apesar da idade ainda "anda esticadinho". Claro que a secção de phono deixa-nos a querer mais, mas as suas palavras sobre o Lenco/M75 vão ao encontro do que ouvimos lá em casa... é verdade que as colunas e amplificador são diferentes, mas é na "fineza" que nos parece faltar um nadinha... O som mais "redondo" faz bater o pé e anima, eleva o espírito em contentamento, mas depois a "Razão" lá se faz ouvir - como as mães, que chamavam quando brincávamos na rua...

Posto isto, resta dizer que não sendo "fã" do Lenco, fui eu quem o colocou na cabeça colectiva lá de casa e ele não desapontou. É uma bela peça a vários níveis, até pelas estórias que o rodeiam. Wink (é um quebra corações o Lenco!) Começo a perceber que o Lenco terá mesmo uma inclinação para o "lado negro", mas nada que nos faça muito mal.


A questão sobre os transístores... Um amplificador deve fazer-se notar o menos possível, compreendo muito bem as suas palavras, ainda que por vezes tudo o que nos apetece é sentir qualquer coisa - o Paulo (TD124) usou a imagem das compotas... e quem não gosta de uma boa compota!?!


Não quero desviar mais o seu Tópico, a sala está muito bem, as peças que tem são constituem um belo sistema.

Continue a partilhar as experiências! Wink



Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3472
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 01:21

Prezado Goansipife,

Primeiramente, felicito pela leitura proporcionada referente ao carácter opinativo das fontes analógicas que possui e subsequentes derivados.
Ao ler o texto (sem quaisquer vestígios de provocação de cansaço), a Caixa Idiota Instruída retrocedeu no tempo, recordando o primeiro gira-bolachas que privou comigo. O Rega Planar 3, em acabamento amarelo, primeiramente com a rã AT-95E e, volvida uma mão cheia de anos, uma Ortofon MC20 Supreme, que  nunca se atreveu a tocar nas Supremes, porquanto foi uma girls band que desgostei.

Dos gira-bolachas inclusos no(s) seu(s) sistema(s), além do agrado pelo Lenco, o Well Tempered Amadeus GTA, a par do Nottingham Analogue Spacedeck e do Basis 1400, são as três fontes ainda em produção mais apreciáveis por este fantasma. Quanto à Goldring Legacy, a meu ver, é uma célula de excelência que JNA comercializa, visto que encontro pontos semelhantes à antiga e saudosa Goldring Excel VX. A M75, constitui uma célula de excelência da Shure, destroçando dispendiosas MC.
No capítulo de pré-amplificador de gira-discos, se no tempo presente procurasse esse equipamento, apesar de conhecer o Balance+ da germânica Clearaudio, optaria pelo Aria. Respeitante ao integrado Elicit, em matéria de andar de phono, sempre preferi o veterano Elicit, de design semelhante a um grelhador., com comutação interna de MM/MC. Recordo, aquando a sua comercialização, ouvir com muito agrado o LP José Afonso - »Cantigas do Maio», mediante as meninas falantes Rega Ela.

Com melhores cumprimentos,
What a Face4u


Última edição por Ghost4u em Qui Jun 29 2017, 20:40, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 09:33

Ghost4u escreveu:

(...) Respeitante ao integrado Elicit, em matéria de andar de phono, sempre preferi o veterano Elicit, de design semelhante a um grelhador., com comutação interna de MM/MC. Recordo, aquando a sua comercialização, ouvir com muito agrado o LP José Afonso - »Cantigas do Maio», mediante as meninas falantes Rega Ela.

Com melhores cumprimentos,
What a Face4u[/justify]


Nem mais 1000% de acordo. Esse Elicit tinha um andar integrado de phono de se lhe tirar 2cclzes

Assisti, uma vez, numa loja ponto de encontro de grandes tertúlias ditas audiófilas, ali para o centro da Baixa Lisboeta, um cliente sair com o seu Elicit "debaixo do braço" a despedir-se do pessoal dizendo qualquer coisa como "só se eu estivesse bêbado..". A potencial bebedeira era arranjada através de um dos primeiros pré-phono dedicados da ARC e o disco mais batido na audição foi exactamente esse e o concerto em Ré Maior para violino e orquestra, com Isaac Stern (violino) e Leonard Bernstein (Orquestra filarmónica de Nova Iorque)


smedley
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 19:57

Ferpina escreveu:
Freiria, Torres Vedras?

Parabéns pelo sítio e pela sala.

... Já tens o frigorífico a funcionar e cheio delas?
drunken

Aproveito da boleia (proporcionada pelo Fernando) para dizer que do dia 12 ao dia 27 vou estar ao lado de Torres Vedras ... e que se o "seu" frigorifico estiver cheio de louras e o churrasco bem quente ... também me auto-convido a escutar esse sistema e a mater a sede e a fome ao mesmo tempo !!!... Laughing

Mais a sério ... gosto da andança deste topico e do que deixa entrever. Ao contràrio do topico "sistemas" aonde a HiFi é apresentada como uma fotografia estéril e sém vida, apenas boa a marcar o momento ... aqui muita coisa jà foi dita que valeria a pena de parar um momento, ler, re-ler, reflectir e discutir. O audio é feito para dar prazer e a HiFi para se aproximar da gravação ... mas num caso ou outro é feito para dar prazer ao seu proprietario...

Bravo pelo topico, e por estar no sitio certo e escrito como deve ser

Até breve

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 20:06

TD124 escreveu:
Ferpina escreveu:
Freiria, Torres Vedras?

Parabéns pelo sítio e pela sala.

... Já tens o frigorífico a funcionar e cheio delas?
drunken

Aproveito da boleia (proporcionada pelo Fernando) para di:o-o: zer que do dia 12 ao dia 27 vou estar ao lado de Torres Vedras ... e que se o "seu" frigorifico estiver cheio de louras e o churrasco bem quente ... também me auto-convido a escutar esse sistema e a mater a sede e a fome ao mesmo tempo !!!...  Laughing

Mais a sério ... gosto da andança deste topico e do que deixa entrever. Ao contràrio do topico "sistemas" aonde a HiFi é apresentada como uma fotografia estéril e sém vida, apenas boa a marcar o momento ... aqui muita coisa jà foi dita que valeria a pena de parar um momento, ler, re-ler, reflectir e discutir. O audio é feito para dar prazer e a HiFi para se aproximar da gravação ... mas num caso ou outro é feito para dar prazer ao seu proprietario...

Bravo pelo topico, e por estar no sitio certo e escrito como deve ser  

Até breve  

Caro Paulo é Muito Bem vindo !!!

Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 20:36

Goansipife escreveu:
... Caro Paulo é Muito Bem vindo !!!

Jà madei PM ... e obrigado pelo acolho que me toca amigo Gonçalo. Amanhã parto para Barcelona com dois amigos para um festival de Rock Progressivo ... e estarei ausente do forum durante o fim de semana, mas voltarei a este topico desde a semana que vém ... pois hà coisas interessantes a partilhar à volta dele, do menos é o que penso !!!

Quanto à escuta, logo direi daqui a quinze dias ... se o estado fisico me permitir drunken

Laughing

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 21:09

TD124 escreveu:
Goansipife escreveu:
... Caro Paulo é Muito Bem vindo !!!

Jà madei PM ... e obrigado pelo acolho que me toca amigo Gonçalo. Amanhã parto para Barcelona com dois amigos para um festival de Rock Progressivo ... e estarei ausente do forum durante o fim de semana, mas voltarei a este topico desde a semana que vém ... pois hà coisas interessantes a partilhar à volta dele, do menos é o que penso !!!

Quanto à escuta, logo direi daqui a quinze dias ... se o estado fisico me permitir drunken

Laughing


Bom Festival
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
luis lopes
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4474
Data de inscrição : 25/02/2011
Idade : 50
Localização : algueirão

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 22:28

está um cantinho muito agradavel
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Qui Jun 29 2017, 23:44

TD124 escreveu:

(...)
Amanhã parto para Barcelona com dois amigos para um festival de Rock Progressivo ... e estarei ausente do forum durante o fim de semana, mas voltarei a este topico desde a semana que vém ... pois hà coisas interessantes a partilhar à volta dele, do menos é o que penso !!!

Quanto à escuta, logo direi daqui a quinze dias ... se o estado fisico me permitir drunken

Laughing
"festivais"... Este tópico realmente promete aquecer! dvil


Vou continuar atento, a reunião nessa sala promete, aguardarei pelas actas onde não poderá faltar a descrição do andar de frigorífico, das ligações entre pratos, das fontes de Baco, da amplificação gradual da tez. Smile
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 15 2017, 21:51

Jà ouvi e passei um excelente dia e churrascada com o amigo Gonçalo e a sua "charmante" familia

Depois eu logo conto, pois agora vou à festa desta terrasita com a familia


_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 15 2017, 22:13






Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 15 2017, 23:54



Fotografia tirada de baixo para cima... A esconder o recheio da mesa! drunken
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 11:57

Ontém tive o imenso prazer de passar um bom pedaço do dia com o amigo Gonçalo e a sua adoràvel familia e de conheçer o seu "cantinho" de prazer em Freiria ... que mereçe bem este apelido!

A sua sala sém ser muito grande é suficientemente vasta para acolher as "grandes monitoras" da Sonus Faber sém que estas estejam demasiado perto das paredes laterais e traseiras e proporcionar uma escuta com um recuo de 2 métros e meio o que forma um triangulo perfeito (ou quase pois não medi... Cool )

A parede traseira recoberta de pedra, o piso em ceramica do tipo "parquet" e as paredes pouco resonantes participam a fazer um auditorio neutro, bem reactivo às impulsões e com uma aparência "cosi", elegante e moderna. O sistema apoia-se nos giras Lenco/Rega equipados respectivamente de MM e MC, assim que de um Leitor de CD's Marantz e um Dac da mesma marca para a leitura dos ficheiros. Os Phonos assim que a amplificaçéao estão por conta da Rega ... o que é uma bela escolha tanto estética que auditiva!!!


A primeira escuta à chegada foi pouco atentiva, pois ambos discutimos e começamos a nos conheçer ... mas o som ambiente pareçeu-me envolvente, espacial e de um aveludado neutro lembrando o que habitualmente se chama uma "escuta inglesa". A escuta do Rachmaninov pelo(s) Ashkenazy Previn no Lenco, confirmou o aspecto aveludado da escuta mas com uma boa extensão de banda e um bom respeito das passagens complexas (orquestra). Trata-se efectivamente de um sistema "afinado" para o prazer e que "pode e deve" procurar horas a fio de "mindfree listening"...

Como qualquer audiofilo que se respeite ... o nosso amigo Gonçalo jà começa a pensar mudar o sistema de casa para aqui e de passar a algo mais pesado e consequente. Entretanto este sistema tocou-me pela musicalidade sém "arrogância ném pretensão" e fez-me pensar ao excelente vinho tinto (desta região) que bebemos com a churrascada e que foi uma boa surpresa:

O melhor é raramente o que sublinha ... mas sobretudo o que sugere ou insinua. O seu sistema é da familia dos que sugerem e não dos que apregoam ... e com um toque de classe !!!

Então bravo ao nosso amigo de ter feito uma verdadeira caverna musical e deixo-vos uma foto do amigo Gonçalo descobrindo o meu CanAmp na sua gruta e agradeço pelo excelente momento passado na sua companhia e da sua familia !!!

cheers




_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 13:41

Embarassed

Agradeço as mui amáveis palavras do Paulo Marcelo.

Foi, sem sombra de dúvida, para mim e para todos cá em casa, um prazer e uma honra receber o Paulo

Ficou confirmado, penso, que partilhamos, em muitos aspectos, a mesma forma de ver, sentir, ouvir e nos deixarmos apaixonar, por esta arte a que se chama MÚSICA. Para ambos, esta é mais importante do que o áudio, ou os equipamentos Hi-Fi. tais equipamentos, são meramente veículos (ainda que indispensáveis) para nos servirem a MÚSICA.

Isso fica bem reflectido na forma como o Paulo Marcelo interpretou, electronicamente, a construção do seu equipamento de amplificação de auscultadores - como ele chama de CanAmp. Este AnTiTon tem as 3 qualidades que aprecio num equipamento:

- É suave / aveludado o suficiente, sem nunca ser "veludinho", ou "suavezinho";
- É transparente e detalhado, sem ser intrometido no processo musical em curso, daquela forma irritante. Mas... Mais à frente;
- É naturalmente musical e viciante. Esta é a, ou das qualidades que mais aprecio num equipamento de áudio. Faz MÚSICA Mas...

Pois é estes "Mas", não são nada de antagónico às qualidades que eu sinto do equipamento. Muito antes pelo contrário.

Estas qualidades sentidas, são aquilo que eu dou mais valor num equipamento de reprodução de música.

Para mim um grande equipamento - fonte, amplificação, colunas, headphones, whatever - é aquele que se intromete o mínimo possível no caminho do processo musical, dando todas as valências que ele tem. Se boas, são boas. Se más, não há volta a dar, saiem más.

O CanAmp AnTiTon é isso mesmo. Não se escusou a mostrar-me, do género toma lá se queres, que o meu sempre muito querido Muddy Waters, "Classical Muddy Waters, da colecção 'The Universal Masters Collection' Universal 0602498104934 CD, tinha um irritante órgão a fazer um constante acorde em Siß de 2ª oitava, que não aparentava ter nada a ver com a tonalidade do tema. Das duas uma: ou o teclista que acompanhava o Muddy estava com uma grande pedra, ou houve mexida indevida - filtros e mais filtro, ou o raio - nesta edição. Que acredito mais.

Também não pediu licença para me dizer: Eh pá esses Grado SR 60 são bons para ouvir smartphones, tablets, computadores, e outras divices do género. MÚSICA... scratch

Agora com os DT880

Foi realmente um dia Muito Bem passado

cheers


Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4230
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 16:17

As partilhas aqui feitas são um regalo, são uma agradável leitura e ainda deixam pistas para quem quer aprender umas coisas.

Falta (será que faltou!?!) o relato sobre o Rega P3, um gira-discos bem mais "moderno" que ao lado do Lenco pode dar ainda mais algumas pistas a leitores curiosos.


Sobre a parte dos auscultadores... como deste lado os auscultadores foram escolhidos para ouvir sem necessidade de amplificação, ou pelo menos para resultarem bem sem ela, ficou maior a curiosidade sobre esses "outros" que por casa, por serem dedicados a casa, se fazem maiores quando bem acompanhados.


Continuem! Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3472
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 21:04

Prezados Goansipife e TD124,

Agradeço a partilha vivida por dois ilustres desconhecidos, dando-se a conhecer mediante a escuta de registos discográficos e dos meios domésticos para esse fim. No entanto, creio que a possibilidade de tal acontecer, está alicerçada na camaradagem que se respira nesta praça.

Quanto às colunas, creio que o anfitrião é o feliz proprietário de um exemplar das Concertino. Recordo que nas diversas escutas que efectuei a essas meninas falantes, nas instalações da extinta Digisom, nas Portas de Santo Antão, sempre preteri as Concerto em comparação directa às Concertino.

Com melhores cumprimentos,
What a Face4u
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 21:49

O prometido é devido, então aqui vai a foto do nosso amigo Gonçalo descobrindo o CanAmp e nesta altura devia estar a escutar a Nina Simone ...

José Miguel escreveu:
(...) Falta (será que faltou!?!) o relato sobre o Rega P3, um gira-discos bem mais "moderno" que ao lado do Lenco pode dar ainda mais algumas pistas a leitores curiosos. ...

Amigo José Miguel, como pode ver pela foto o CanAmp foi pousado na tampa do Rega ... então por facilidade escutà-mos o lenco que estava mais disponivel e não o Rega equipado com uma Goldring_Legacy (que talvez ainda dê um salto para ouvir se o tempo e os anfitriões me permitirem (e (re)provar o tinto destas bandas bem arejado...  cheers). Então o Rega não teve oportunidade defender a sua camisola, mas pessoalmente não penso que se fique atràs do lenco (sobretudo assim artilhado...)

Ghost4u escreveu:
(...) Agradeço a partilha vivida por dois ilustres desconhecidos, dando-se a conhecer mediante a escuta de registos discográficos e dos meios domésticos para esse fim. No entanto, creio que a possibilidade de tal acontecer, está alicerçada na camaradagem que se respira nesta praça. ...

As suas palavras fazem sentido amigo "fantasma", e a prova directa, é que na realidade escutà-mos muito pouco na sala e partilhà-mos essas horas juntos mais a discutir (tanto entre nòs que com a familia do Gonçalo), o que é uma prova formal que o encontro tinha muito mais valor humano do que audiofilo...

No entanto entre pessoas apaixonadas por uma disciplina (audio) e por uma arte (Musica), é evidente que estes dois temas foram preponderantes durante as nossas trocas. No entanto durante o almoço (suculento e deveras generoso ... sobretudo para mim que sò como uma vez por dia e à noite Embarassed ), a conversa rodou à volta da sociedade e das nossas experiências de vida, aonde apreciei as intervenções da esposa do Gonçalo, assim que as trocas finas e elegantes com a sua mãe que apresenta 86 anos exemplares e cheios de fineza de espirito ...

O nosso encontro é então a prova que o aspecto humano é preponderante neste nosso forum ... mas ainda tenho vàrias coisas a dizer neste topico à volta do audio e da sua sala ... mas temos tempo !!!

cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3472
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Jul 16 2017, 23:02

TD124 escreveu:
(...) escutà-mos o lenco que estava mais disponivel e não o Rega equipado com uma Goldring_Legacy (que talvez ainda dê um salto para ouvir se o tempo e os anfitriões me permitirem (...)

Prezado TD124,

A Goldring Excel VX é uma célula que deixou saudade nesta personagem. Porém, apesar de preferir o desempenho de células de tipologia MM, a Legacy, fazendo lembrar a Excel na segunda metade da década de 90, é uma das minhas células preferidas. Aquando a escuta do Well Tempered Amadeus com um exemplar dessa célula, efectuei o seguinte comentário junto do representante lusitano que gosta de um modelo da Dynavector:
- Quando demonstrares este gira-bolachas com a Karat 17D2, não cometas o erro de terminares a demonstração com essa Goldring...

Com melhores cumprimentos,
What a Face4u
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Seg Jul 17 2017, 10:15

Acabei por não ter muito tempo para vir aqui a fórum e responder a algumas questões. Então aqui vai:

José Miguel,

Como o Paulo já disse o Rega ficou de mesa de apoio para o CanAmp anTiTon, não tivemos oportunidade de ouvir e comparar o mesmo disco nele - Rachmaninov, Askenazy (piano) e Previn (direcção LSO), DECCA - e para dizer a verdade, não me lembro se alguma vez fiz essa comparação.

No entanto, é expectável que o Rega com a Legacy e accionado em MC no pre-phono Aria, tenha nos espectros mais altos das frequências um som mais aberto e nos médios baixos e baixos, não apresente tão vincadamente aquele ronronar típico do Lenco e mais próximo de algumas salas de concerto, por esse mundo fora. Ou seja, são tipos de audições melhores e eu gosto das duas. Mas claro, o Rega tocará mais próximo dos cânones audiófilos do momento (para os quais estou me cag...do)

Caro Fantasma,

Também eu gosto, talvez, um bocadinho mais das Concerto. Tive uns pares de ambas, mas, na época noblesse comercial oblige vendias todas e acabei por fazer questão de ficar com estas concertino. Mesmo assim, retomei-as a um cliente que acabou por optar por umas SBL (tinha uma amplificação NAIM).

Contudo, as Concerto eram mais difíceis / exigentes / irritantes de conduzir que as Concertino. Só por 2 /3 ocasiões consegui fazer a combinação que, para meu gosto, achei perfeita.

Quanto à Karat, é uma célula que eu gosto muito, mas não a entendo para este set de gira-discos Rega RP3 - RB303 . Já a vejo, com melhores ouvidos, para o RP8 - RB808

Mas à volta daquele disco, que é o que importa, teremos muito que falar....

Vamos continuando....

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 29 2017, 14:02

Outra sala em Freiria. Esta mais colectiva, com bailinho e tudo.  

Festas de Freiria 2017


Quanto a prazer..., bem..., alguns estavam a tê-lo, como se pode ver pelo curto filme

Agora o som, estava melhor trabalhado que muitos festivais da moda
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 29 2017, 18:09

Goansipife escreveu:
Outra sala em Freiria. Esta mais colectiva, com bailinho e tudo.  

Festas de Freiria 2017 ...

Eu tinha visto os anuncios dessa festa na "tua terra", mas infelismente esse bailarico sò para o ano Crying or Very sad

cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Sab Jul 29 2017, 21:09

Agora unplugged



Voltar ao Topo Ir em baixo
fredy
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4110
Data de inscrição : 08/02/2011
Idade : 55
Localização : Casal do Marco - Seixal

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 10:12

Olá

Antes demais agradecer ao Gonçalo e família a excelente recepção e almoço.

Para mim a sala terá mais ou menos as dimensões exactas para um canto dedicado ao grande prazer de ouvir música reproduzida por equipamentos de áudio  ... como diz o Gonçalo.
Sistema com um som muito equilibrado entre as diferentes fontes, pessoalmente gostei mais do Lenco do que do Rega, no entanto convivia perfeitamente só com o Rega, fiquei surpreendido pelo DAC da Marantz que não conhecia, achei-o uns furos acima do meu Rega, claro que o sistema é diferente do meu... mas acho que de facto o Marantz está num patamar acima do Rega, em preço também...

Posso dizer que já tinha ouvido as Sonus Faber diversas vezes em diferentes sistemas sem gostar muito, aqui talvez pela sinergia que acho que existe neste sistema, finalmente gostei das Sonus Faber.

Siga a música... Orquestra
Fredie

O Audio é tramado... o que uns adoram outros detestam...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 11:22

Penso que o Fredie é extremamente amável nas palavras. 2cclzes

Tendo a concordar com ele na perspectiva de prazer musical, ao ouvido. O Lenco na configuração original de braço, com a Shure M75, é um som mais cativante e tipicamente de verão, tipo Beach Boys, que por acaso não existe (ainda) aqui em Poços - Freiria.

Como já tenho dito, o Rega RP3, com a Legacy e com a facilitação do Aria é tipicamente para audiófilo ver (ouvir), mais correcto timbricamente, com algum refinamento sónico, mas perdendo naquele elan de ambiência aprensentado pelo Lenco. Depois começo a sustentar a ideia que as células MC são muito boas (as que são) mas muito mais difíceis de atingir o "graal" da conjugação braço-célula-ouvido-prazer absoluto e dançante.

Não estou a dizer que, neste caso, haja realmente falta de casamento, mas é evidente o menos dançante que a M75 e a menos vontade de prolongar o tempo de audição. Para os mais céticos, com esta tecnologia de giras - rodinha / idler - faço o desafio de ouvirem música chamada de "clássica", nomeadamente uma excelente edição, relativamente recente, da oitava sinfonia de Mahler (a sinfonia dos mil), com a Orquestra Sinfónica de Chicago, direcção de Georg Solti e os 3 coros representados pelos: Coro da Ópera Estatal de Viena, Coro do Clube dos Cantores de Viena (Singverein Chorus) e o Coro [juvenil] dos Rapazes de Viena, DECA 478 8551 (gravação de 1972, remasterização de 2015).

Aqui poderão sentir um grande compromisso de envolvimento orquestra - coros, desde a primeira nota, com os três planos da secção de coro e os vários planos - naipes instrumentais - da orquestra. Quando chega ao fim, ouvimos só a música e ficamos deleitados com a obra. Não há agudo, médio, grave, só Música e nada mais.

Quanto ao dac Marantz, também fiquei muito positivamente surpreendido. Lembra o princípio da comercialização do digital, quando a Marantz começou a surpreender e a deixar a concorrência em sentido





Obrigado Fredie pela tua visita e da tua esposa, neste convívio familiar. A minha gente gostou / gosta muito de estar convosco. cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
lore
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1160
Data de inscrição : 11/07/2010
Localização : lisboa

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 12:05

"começo a sustentar a ideia que as células MC são muito boas (as que são) mas muito mais difíceis de atingir o "graal" da conjugação braço-célula-ouvido-prazer absoluto e dançante. "

Concordo , ainda ha pouco uma MC topo de gama com o Brutus , não superou a sua irmã MM com o Brutinhos num sistema bem conhecido ...embora custe mais do dobro ....
Voltar ao Topo Ir em baixo
fredy
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4110
Data de inscrição : 08/02/2011
Idade : 55
Localização : Casal do Marco - Seixal

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 12:58

Olá

Ao longo dos anos usei sempre células MM e só há relativamente pouco tempo entrei nas MC, ao entrar no mundo das MC rapidamente descobri que é difícil acertar com as MC no casamento braço+célula... ao contrário das MM que são muito mais versáteis na conjugação braço+célula... se é que é só esse o problema das MC????

Fredie
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3306
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 15:34

Goansipife escreveu:
... Aqui poderão sentir um grande compromisso de envolvimento orquestra - coros, desde a primeira nota, com os três planos da secção de coro e os vários planos - naipes instrumentais - da orquestra. Quando chega ao fim, ouvimos só a música e ficamos deleitados com a obra. Não há agudo, médio, grave, só Música e nada mais.  ...

Esta frase é muito interessante e no meu ponto de vista é mesmo um dos elementos que condiciona (parcialmente) a moda do material Vintage pelo mundo fora. Efectivamente durante a escuta os nossos sentidos vão ser estimulados tanto pelos elementos musicais (timbres, notas, melodia e etc) que pelos elementos sonoros (sopro da fita magnética, barulhos de estudio, ruidos mecânicos dos instrumentos, assinatura dos microfones e etc)...

Se eu agarrar numa faixa de 1956 como a "Bewitched, bothered, and bewildered" (Ella Fitzgerald Sings the Rodgers & Hart Songbook), e não ouvir distinctamente o "sopro" da fita magnética do Master, vou considerar que o sistema tém defeitos de anàlise e é incapaz de extrair toda a informação. Se ao contràrio o "sopro" estiver demasiado presente e mesmo proeminente em relação ao piano/voz, vou considerar que o sistema tém um defeito de linearidade e coerência...

Muito do material Vintage, reproduz os elementos sonoros com fraca precisão em relação ao material moderno equivalente, que evoluiu no sentido da definição e da transparência. Ora, esta maneira de extrair os elementos musicais e de ocultar os sonoros, cria uma escuta dita "musical" em oposição com muito material moderno que tém uma escuta mais "electronica".

Às vezes digo-me (e digo aos outros...) que muito material antigo tém defeitos "musicais", pois faz-nos esqueçer que consumimos "musica em conserva", ora que o material moderno lembra-nos que a musica que escutamos foi gravada, misturada e empacotada...

Talvez o equilibrio entre fidelidade/musicalidade seja o caminho que mereçe ser estudado afim de criar uma escuta que seja a mais honesta e universal possivel. Talvez seja neste equilibrio também que a MM brilha em relação à MC e que aprego hà muito affraid

Bem complicado tudo isto ... então mando o meu abraço ao Gonçalo por continuar a partilhar o seu cantinho, e ao Fredie pela ajuda que me deu este verão, vejo que passaram um bom momento Wink

Abraço cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 2186
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    Dom Ago 20 2017, 21:38

Este último post do Paulo Marcelo, leva-me reflectir e partilhar, aqui a experiência de muitos intérpretes da chamada música clássica (que conheço bem por dentro), quando preparam / estudam uma obra, a ser interpretada num qualquer concerto, marcado para uma determinada data.

Assim, vamos supor que Georg Solti ainda estava no nosso plano e que viria a Portugal tocar com uma Orquestra Portuguesa e com Coros Portugueses, esta obra. O que se passaria?

Bom..., Georg Solti e outros maestros com a sua craveira, raramente fazem mais de 1, 2 ensaios com uma orquestra para se apresentarem num determinado concerto. A maioria das vezes fazem só o chamado ensaio de palco / cena, uns pares de horas antes do dito.

Então os músicos (intérpretes), necessitam de estudar a sua partitura (sua parte de obra) em casa e a trazerem, mais ou menos preparada, para o maestro repetidor da orquestra (normalmente o 1º violino - concertino), a ensaiar durante a semana de trabalho que antecede a apresentação, conjuntamente com outras obras a apresentar e constantes da agenda de trabalhos.

O nosso grande Maestro Solti, chega a Portugal meia dúzia de horas antes do concerto, dirige-se para a sala do concerto e faz o tal ensaio de palco, com toda a gente, onde "ataca", durante cerca de 2 horas as partes mais relevantes, para si, daquilo que naquele dia quer realçar na sua apresentação.

Pergunta óbvia: Então se o trabalho dos dias anteriores não for do seu total agrado? Deita-se todo o trabalho fora?

Nada disso!! Não me lembro de nenhum maestro conceituado, vir com tais azeites, que deitaria todo o trabalho de estudo e preparação de uma orquestra, fora!

Solti, não seria diferente. Ele não pretende arrancar novos conceitos da orquestra, que para si será mais ou menos exporádica. O que ele pretende é arrancar aplausos fáceis e estrondosos de uma audiência incauta e ávida por presenteá-lo com tal. Quando tal não sucede, é porque a banalidade é demasiado óbvia e a "bebedeira colectiva" de audição do GRANDE, não esteve para ali virada.

Existem momentos de excepção? Claro que sim!! Não são tão frequentes quanto seriam desejados, ou pensados, mas, pode suceder que toda a preparação e disposição do maestro estejam em tal sintonia, em tal noite, que...

Mas o não deitar fora um trabalho de preparação antecedente, dá muito trabalho


Para além de outras técnicas, os músicos, individualmente, ou em colectivo ouvem várias gravações do Maestro, como esta, aqui referida, para se aperceberem de como ele faz a leitura de determinada obra. Esta sim, fortemente preparada por ele.

Importa ver/ouvir então, qual o tempo que imprime e qual a forma que ele encara o ataque às notas, em cada compasso, em cada secção, etc. Estas são as variáveis mais importantes da interpretação do Maestro de determinada obra. Depois, com estas variáveis, o conhecimento, a experiência e a teoria do todo e de cada um, chega à sonoridade desejada do maestro (os timbres, os volumes, as afinações, etc., etc.).

Ora, se fosse possível ser hoje, isto significaria que os músicos teriam ouvido esta gravação, preferencialmente em CD e se não houvesse em tal formato (que efectivamente há), e ainda, se não houvesse mais nenhuns giras disponíveis, senão o Lenco L78 com a Shure e o Rega RP3 com a Legacy, apoiados pelo pré-phono Rega Aria, então os músicos ouviriam o Rega RP3+Legacy+Aria. Certamente! Esta será, sem sombra de dúvidas, a configuração mais correcta nos vários parâmetros, chamados técnicos, acima expostos

Isto porque, os tais músicos, estariam a trabalhar e não a deleitarem-se com uma audição qualquer descontraída.

Para curtir, esquecendo que o tal senhor Maestro é o Georg Solti então o Lenco levaria a melhor, porque, calhando e como diz o Paulo, faz-nos chegar mais facilmente à tal musicalidade de uma música misturada e empacotada

cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Freiria, uma sala dedicada ao Prazer    

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Freiria, uma sala dedicada ao Prazer
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 2Ir à página : 1, 2  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Construção de sala de Estúdio
» Olá! Prazer Acabei de chegar :$
» A diferença entre uma sala nua ou tratada
» Medidas/Proporções ideais pra uma sala de estúdio
» Prazer em tomar injeção

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Áudio Geral-
Ir para: