Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 MIMO Amarante 2016

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
zaratustra
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4763
Data de inscrição : 09/07/2010
Localização : Frossos, Albergaria-a-Velha

MensagemAssunto: MIMO Amarante 2016   Qui Maio 12 2016, 20:09


O MIMO estende os seus tentáculos até Portugal.

Depois de 13 anos em atividade por diversas cidades brasileiras, MIMO salta o Atlântico e acampa em Amarante.
Metheny/Ron Carter, Tom Zé, Custódio Castelo e Vieux Farka Touré são os primeiros nomes confirmados para 15, 16 e 17 de julho de 2016.

Para além disso, convém não passar ao lado da beleza circundante e d'Amadeu de Souza-Cardoso (digo eu).

http://mimo.art.br/

http://blitz.sapo.pt/principal/update/2016-05-11-Festival-Mimo-traz-Pat-Metheny-Tom-Ze-e-Vieux-Farka-Toure-a-Amarante.-E-e-a-borla

https://www.publico.pt/culturaipsilon/noticia/mimo-festival-em-amarante-com-pat-metheny-tom-ze-ou-farka-toure-1731539

http://www.cm-amarante.pt/

http://www.amadeosouza-cardoso.pt/

Vou ver se será possível... bounce


Voltar ao Topo Ir em baixo
http://zaratustrices.blogspot.com/
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3461
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Qui Maio 12 2016, 22:08

Oriundo do outro lado do Atlântico, Tom Zé (nome de administrador deste espaço) é um compositor que aprendi a apreciar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64352
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sex Maio 13 2016, 00:23

Ghost4u escreveu:
(nome de administrador deste espaço)


Em versão UK. lol!

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4218
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 15:20

Está na hora de recuperar este tópico e lembrar a todos o que vai acontecer...

O João - Zaratustra - fez o trabalho maior, abrir estas portas, agora só resta contar os dias até que chegue esse mágico fim-de-semana: de 15 a 17 de Julho.

Os concertos, e não só, serão gratuitos - grátis mesmo - e em palco estarão grandes autores.

Falar bem de Amarante é fácil, pois a cidade está muito bem e a zona junto ao Rio está bem documentada por essa "internet" fora.

O Cartaz actualizado está aqui: http://mimofestival.com/portugal/

Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64352
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 51
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 16:49

Os nomes são espantosos e de borla então... affraid

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Jorge Ferreira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3392
Data de inscrição : 05/11/2011
Idade : 49
Localização : Palmela

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 16:51

Além dos nomes já referidos acima também Egberto Gismonti.

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://farmvinyl.blogspot.pt
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4218
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 36
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 17:01

O Cartaz é incrível e vale por si só, mas se somarmos a isso a localização...
Pesquisem um pouquinho e vejam como se pode dormir e comer bem, barato, ouvir/ver concertos grátis!


Desta vez posso dizer que temos sorte, acontece perto de casa e podemos ir passear!




ps.: fica uma dica para seis (!?!?) amigos se juntarem e rumarem a Norte...

https://www.airbnb.pt/rooms/11752514?s=5yg2rITw
Voltar ao Topo Ir em baixo
zaratustra
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4763
Data de inscrição : 09/07/2010
Localização : Frossos, Albergaria-a-Velha

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 21:20


Finalmente o cartaz do evento!

Gismonti não contava entre os nomes iniciais.

Vou ter de decidir onde ficar...

Obrigado, José Miguel.

Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://zaratustrices.blogspot.com/
zaratustra
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4763
Data de inscrição : 09/07/2010
Localização : Frossos, Albergaria-a-Velha

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sab Jul 02 2016, 23:28

José Miguel escreveu:
O Cartaz é incrível e vale por si só, mas se somarmos a isso a localização...
Pesquisem um pouquinho e vejam como se pode dormir e comer bem, barato, ouvir/ver concertos grátis!


Desta vez posso dizer que temos sorte, acontece perto de casa e podemos ir passear!




ps.: fica uma dica para seis (!?!?) amigos se juntarem e rumarem a Norte...

https://www.airbnb.pt/rooms/11752514?s=5yg2rITw

No way...
A casinha já está ocupada para as noites do MIMO...

Sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://zaratustrices.blogspot.com/
zaratustra
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4763
Data de inscrição : 09/07/2010
Localização : Frossos, Albergaria-a-Velha

MensagemAssunto: MIMO 2016 Amarante (15, 16, 17 julho)   Qua Jul 20 2016, 15:03

Boa tarde.

Desta vez deu-me para isto. Aguentem, s.f.f.


Quatro dias muito bem passados em Amarante, em duo com a minha irmã, dormindo sob um manto de folha de carvalho com vista para o Tâmega e Senhora da Graça.

Terceiro festival para o escriba. Depois da Festa do Avante 1981 e Vilar de Mouros 1982… mais de uma trintena depois, o MIMO 2016!

Resumindo o evento:



http://mimofestival.com/portugal/

Amarante
Cidade granítica com bonito centro histórico, entalada no verdejante vale do Tâmega, com doçaria conventual de se lhe tirar o chapéu.

Amarantinos
Nunca tal lhes tinha passado pela cabeça... durante três dias os comerciantes não tiveram mãos a medir... os mais incautos não conseguiram perceber a dimensão do festival (na primeira noite esgotou a cerveja no bar do parque; ainda antes dos primeiros acordes de Gismonti já não havia nada para comer no bar do largo S. Gonçalo...; grande confusão para sair do parque de campismo, segunda à hora de almoço, tal a afluência festivaleira).
Apesar da invasão, foram sempre prestáveis e disponíveis para a informação (portugueses, pois então!).

Meteorologia
#%$"@&!!!
Não foi fácil circular pela cidade com a temperatura oscilando entre os cerca de 34º (quinta) e os cerca de 38º (domingo)... das 11h às 22h. Pois é. O granito de Amarante fazia o favor de prolongar a agonia até depois das 22h, qual gigante aquecedor sem interruptor! A paz e o casaquinho faziam a sua aparição lá p'rás 23/24h.

Fauna
Dos 0,5 aos 88. Portugal parece mesmo atravessar uma época de inversão na tendência demográfica!
Pessoas de todos os grupos etários em todos os eventos que presenciei. Portugueses em larga maioria (terá sido a primeira vez que os amarantinos se viram em larga minoria na sua própria terra!). Espanhóis, franceses e, principalmente, brasileiros bem representados.

Eventos
Falando apenas do que partilhei (pouco, infelizmente, em relação ao que devia/podia ter sido)... mas a inércia provocada pela pressão térmica deixou muita gente a derreter (como um bocadinho de manteiga em lume brando)...

À margem do MIMO 2016, o Museu Municipal Amadeo de Souza-Cardoso (corrigindo a gafe da primeira mensagem...) http://www.amadeosouza-cardoso.pt/ está permanentemente à nossa espera... por um eurito. Bem merece, apesar de lá faltarem 17 obras do senhor homónimo... noblesse oblige... http://www.grandpalais.fr/fr/evenement/amadeo-de-souza-cardoso
Na maior parte da área encontramos autores amarantinos e que lindos que eles são... António Carneiro... Manuel Monterrosso... Eduardo Teixeira Pinto (que agradável surpresa... http://www.eduardoteixeirapinto.com/ )... Para além disso, assinalável coleção de arte contemporânea pela mão de muitos e renomados autores. E sim, um par de famosos e viajados diabinhos lá estão, à espreita…
http://www.amadeosouza-cardoso.pt/pt/historia/o-diabo-e-a-diaba

O Parque Florestal de Amarante, obra dos Serviços Florestais iniciada na segunda metade do séc. XIX, mereceu, igualmente, a atenção deste escriba, ainda que amador de gema nestas andanças da Biologia.
http://www.icnf.pt/portal/florestas/gf/ps/cenasef/q-e

Não, não vamos falar das tasquinhas, bares e pastelarias de Amarante...!

O omnipresente Tâmega, lindo de morrer, não conseguia amenizar o desconforto térmico diário... exceto à noitinha.

- 15/07
Breve passagem pelo Centro Cultural de Amarante. Edifício recompostinho a partir das instalações prisionais da cidade. Perdi algumas atividades bem interessantes (workshop, oficina, master classe) com figuras que deviam ter tido a minha atenção...



Já que falamos em perdidos…



Às 18h, no parque ribeirinho, iniciavam-se as hostilidades musicais com Samba Sem Fronteiras... praticamente vazio.



Entretanto, o largo S. Gonçalo começava a encher. Muito tempo depois da hora marcada (20:30h) eis que o senhor Gismonti sobe a um palco ornamentado com um piano. O homem suou as estopinhas para conseguir partilhar aquele pequeno concerto. Confessou, publicamente, o desespero em que se encontrava por causa das vertigens... ainda que num palco com pouco mais de meio metro de altura. Suava por todos os poros. Sei que não era apenas o efeito do fulguroso granito de Amarante. Apesar do forte problema (para ele), todos nós gostámos de apreciar bonitas e conhecidas composições em piano... do mestre da guitarra (uma das bocas mais ouvidas naquela praça: cadê o violão?).
Recuso, solenemente, falar do meu pequeno encontro com o artista depois do concerto……





http://www.ejazz.com.br/detalhes-artistas.asp?cd=99

Os comedores eram mais do que as mães. A tosta mista esgotou no largo. Houve que tratar da barriguinha... lá mais à frente.
Ao chegar ao parque ribeirinho já a menina Selma Uamusse fazia as malas. Todas as opiniões dos que a (ou)viram eram positivas.



Já depois da meia-noite chega o menino Tom Zé (artista homenageado pelo MIMO)... prontinho para soprar as velinhas do seu muito próximo aniversário... 80 aninhos!!
Falhei. Fui para o concerto praticamente sem saber quem era este menino Zé!
Não minimamente documentado... espalhei-me... não percebi integralmente o seu espetáculo. Razão tinha o menino Ghost4u, ao dizer o que disse na segunda mensagem deste tópico… bem como o menino José Miguel, por telefone!
Homem de palco... à FZ (bem medidas as distâncias, evidentemente); discurso à esquerda.net a noite toda (foi o concerto mais extenso do MIMO!), a tal ponto que, várias vezes me virei para a plataforma VIP e pensei... ele está falando prá vocês, seus £$%&"!!!
Não houve música que ele não cortasse para mais uma palavrinha e... here we go again... quinze minutos a apelar à venda dos seus disco e... acabou sendo levado em braços pelos elementos da banda (por duas vezes) esperneando e gritando "Amaraaaaaaaanteeeeee!"
O espetáculo foi baseado nos seus dois últimos trabalhos – Tropicália Lixo Tóxico e Vira Lata na Via Láctea. Creio que apresentou um novo tema, dedicado a Amarante, no decurso do concerto. Contudo, não consegui, ainda, encontrar tal referência na net…

http://www.tomze.com.br/

https://www.discogs.com/Tom-Z%C3%A9-Vira-Lata-na-Via-L%C3%A1ctea/release/7131267

Entrevistado por Carlos Vaz Marques na TSF (Pessoal... e Transmissível)
http://www.tsf.pt/programa/pessoal-e-transmissivel/emissao/tom-ze-892216.html

- 16/07
Não consegui sair do parque de campismo. Tiveram de me arrastar até ao centro histórico. O calor era insuportável…!

Depois de encontros diversos (irmão e amigos), ainda contemplei a parte final do concerto de João Fênix. Indumentária, sobretudo voz, a fazerem lembrar Ney Matogrosso. Contratenor brasileiro por mim desconhecido (mais um) que já vai nos vinte anos de carreira e dois pares (ou mais) de álbuns publicados. Deixou a sua marca pelo timbre de voz e personalidade andrógina descomplexada.

http://www.joaofenix.com.br/

Depois, mais um concerto para mim.
Vieux Farka Touré apresentou-se em versão mini… um trio. Baixo muito bom, bateria assim-assim. O pai, Ali (de boa memória - contracenou com Ry Cooder), subiu ao palco por breves momentos, auxiliado por duas pessoas. Como “filho de peixe sabe nadar”, o menino Vieux não deixou de encantar. Aprendeu guitarra elétrica com Jimi Hendrix, no que toca à arte de incendiar cordame de guitarra e público…! Boa apresentação, som entre o forte e o muito forte, algo diferente do que ouvimos, por exemplo, em The Secret (2011). A plateia delirou! Eu gostei muito.







http://www.vieuxfarkatoure.com/

Hamilton de Holanda e O Baile do Almeidinha encerrou a noite.
Formação extensa, contrariando a formação do Mali, encheu o palco sob a égide do bandolim, não deixando que diversos problemas com microfones se fizessem sentir em demasia. Para além disso, cruzaram o Atlântico, criando momentos de partilha com Silvia Perez Cruz (que bela surpresa de nuestros hermanos!), Miguel Araújo e Mário Lúcio Lima (Cavo Verde).
Fomos para “casa” a assobiar “Venham Mais Cinco”… que bonito momento…!

http://musica.uol.com.br/noticias/redacao/2016/07/17/hamilton-de-holanda-transforma-plateia-do-mimo-em-uma-grande-pista-de-danca.htm

http://www.hamiltondeholanda.com/pt/infos/HAMILTON_DE_HOLANDA_&_O_BAILE_DO_ALMEIDINHA



http://www.hamiltondeholanda.com/pt

- 17/07
Não foi fácil mas tive de contrariar a languidez, própria de um pedacinho de manteiga em lume brando, para poder assistir ao primeiro concerto da tarde (tórrida!).

Na igreja de S. Gonçalo, ensaiava a Orquestra do Norte… esperando a chegada das autoridades (compositor/maestro e pianista). Após o abrir de portas para o público, passando pelo funil, a nave da igreja transbordou em cinco minutos.
Foram momentos tremendos. António Victorino d’Almeida, dirigindo três composições suas – Variações e Fuga, Ondas do Mar de Vigo e 2º Concerto para Piano e Orquestra “Amarante” (em estreia mundial), com Delfim Carvalho ao piano. Se há género musical que perde bastante quando apenas ouvida é, sem dúvida, a música contemporânea. Foi tremendamente positivo ter assistido a este concerto. Apenas um reparo. Do local em que me encontrava, o piano deixava de se ouvir quando desafiado pela orquestra.





http://www.orquestradonorte.com/

http://www.editions-ava.com/pt/store/composer/13/

https://pt-pt.facebook.com/people/Delfim-Carvalho/100010529107596

Muito contentes, enquanto recompúnhamos a barriguinha, choveu poesia de um terceiro andar no largo S. Gonçalo! Pedacinhos coloridos de Teixeira de Pascoais, Mário de Sá-Carneiro, Mário Cesariny e António Maria Lisboa lançados pela janela aguardando público interessado. Desapareceram em dois tempos.







Era hora de correr para o cinema. Lá nos esperava outra grande manifestação positiva deste MIMO.



Fabricando Tom Zé (2006), documentário biográfico de Décio Matos Júnior, veio trazer luz a quem não acompanhara vida e obra do compositor/músico brasileiro. Vilipendiando casa, bastidores, concertos e momentos de lazer, Décio percorre a biografia de Tom Zé partindo dos seus últimos espetáculos na Europa. Sempre acompanhado e orientado por sua esposa, Neusa (um caso para estudo!), o menino “feio, pobre, baiano, filho da pu%&a” (pelas palavras do próprio), é uma autêntica pilha, sempre carregada, que não deixa crédito em mão alheia! A ver, sem qualquer dúvida.



http://www.revistacinetica.com.br/tomze.htm

No parque ribeirinho, dois concertos intimistas nos esperavam.

O ocaso manifestou-se com Mário Laginha e Pedro Burmester no palco (início às 20h). “Sala” a meio. O duo interpretou uma série de “contemporaneidades” que preparou para esta época. Não podia faltar Bernardo Sassetti, tanto nas composições interpretadas como nas palavras que Laginha dirigiu ao público. Foi bonito, embora merecesse ser escutado numa sala fechada, mais dada ao intimismo.



http://www.mariolaginha.org/

http://www.casadamusica.com/pt/artistas-e-obras/musicos/b/burmester-pedro/?lang=pt#tab=0

Alteração de última hora… a menina Aline Paes (provavelmente atrasadita) não podia atrapalhar o horário do concerto de suas excelências Pat/Ron… passando para ela a responsabilidade de encerrar o MIMO 2016 em Amarante.

Pat Metheny e Ron Carter, do alto das suas cátedras, ofereceram um excelente momento de virtuosismo nas cordas. Concerto intimista, o segundo da noite, passando em revista uma série de temas conhecidos do guitarrista. É fantástico como estes senhores conseguem desconstruir e reconstruir temas assobiáveis de tão conhecidos que são. Uma vez mais, uma sala fechada seria mais apropriada para este duo. O público delirou. Eu achei uma delícia. Ainda fui a tempo para assistir a um concerto de Pat Metheny!



http://www.patmetheny.com/

http://roncarter.net/JazzMaster/

Algo de incrível aconteceu no final do concerto de suas dignidades. Duas carrinhas atravessaram a plateia até ao acesso ao palco e regressaram pouco depois, provavelmente para tirarem o duo “dali”… Por momentos foi o fim do mundo, afastando pessoas e cadeiras do trajeto… le bordel…!

Aline Paes, menina brasileira por mim desconhecida (seria preciso “refrisar” isso?) encerrou a noite e o MIMO 2016 em Amarante.
A princípio parecia ser mais um momento de samba/tropicália contemporâneo. Não foi. Ainda bem, digo eu. Lentamente, o concerto afastou-se daquele estereótipo brasileiro e entrou por caminhos bem elaborados. Guitarrista, percussionista e, até certo ponto, baixista, traria eu para casa sem qualquer dúvida. Músicos muito bons acompanharam Aline em duo e trio por algum tempo. Momentos brilhantes! A menina, visivelmente alegre, demonstrou possuir uma voz alta e segura. Acabou por fazer as honras à casa (leia-se MIMO).

http://www.alinepaes.com.br/

Uma das dirigentes do MIMO, subindo ao palco para as despedidas, anunciou, “preto no branco”, a presença do MIMO 2017 em Amarante (21, 22, 23 de julho). Voilà!

https://pt-pt.facebook.com/movimentomimo/

Texto ligeiramente alterado, perante uma ajudinha do José Miguel. Obrigado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://zaratustrices.blogspot.com/
Fernando Mota
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1833
Data de inscrição : 31/12/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Qua Jul 20 2016, 22:23

Obrigado amigo Zaratustra pela óptima partilha e com alguma inveja da minha parte por não estar presente num grande evento como foi esse.
Um abraço
2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10383
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 59
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Qui Jul 21 2016, 01:44

zaratustra escreveu:
Boa tarde.

Desta vez deu-me para isto. Aguentem, s.f.f.


E, deu-te muito bem!!!
Por mim, aguentei com prazer, muito bom!!!

Obrigado pela partilha!
Abraço para ambos!!!!
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4327
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 50
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: MIMO Amarante 2016   Sex Jul 22 2016, 23:38


Bela descrição. Esse festival deve ter sido um mimo! Neutral

Ver o Metheny ao vivo é um momento único. É de facto um virtuoso (como o Ron Carter) que tive o prazer de ver há uns anos (embora num outro registo). Só estranhei essa das carrinhas atravessaram o recinto para ir buscar os artistas...

Obrigado pela patilha.
2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
MIMO Amarante 2016
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» MIMO Amarante 2016
» TV TOSHIBA 2016 LEM9 FONTE BAIXA LED PISCANDO
» Audio Show 2016
» Euro 2016
» Festival Europeu do Triode (ETF) 2016

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Eventos * Reportagens * Recortes de Imprensa-
Ir para: