Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 DIY Single end 45

Ir em baixo 
AutorMensagem
jsmartins



Mensagens : 11
Data de inscrição : 11/04/2016

MensagemAssunto: DIY Single end 45   Ter Maio 10 2016, 23:25

Olá a todos,

Gostaria de partilhar convosco mais uma das minhas criações. Desta vez um amplificador Single end com os famosos tríodos 45 na etapa de saída. Este é um modelo de baixa potência, máximo 2W, mas com um som muito refinado, mas que deverá ser combinado preferencialmente com umas colunas de alto rendimento.
Já há alguns anos que queria fazer algo com estes tríodos que são bastante conhecidos e apreciados sobretudo no universo DIY e não só, havendo já alguns fabricantes de amplificadores a válvulas que lançaram no mercado modelos com estas válvulas, como a Yamamoto (A08S) e a Eletraprint.  
Bom! Então decidi por mãos há obra e testar estes tríodos com algumas outras válvulas DHT na etapa de driver tendo ficado rendido ao som da parelha KC3 com as 45.
A KC3 é um tríodo de aquecimento direto fabricado nos anos 30 para funcionar especificamente em rádios a válvulas como driver da válvula KDD1, que é duplo tríodo de potência preparado para funcionar na etapa de saída em classe B. Infelizmente a KC3 é um tríodo bastante raro, mas nestes últimos anos consegui juntar um lote significativo destas válvulas que me permite até produzir vários modelos (está mais um amplificador na calha com as KC3 e as 71A na saída) e ficar ainda com válvulas de reserva durante muitos anos.
Para este amplificador decidi manter algumas das minhas linhas mestras na conceção da fonte de alimentação, realçando a retificação a válvulas onde utilizo uma válvula retificadora AZ12 que neste amplificador está sobredimensionada (uma retificadora 80 aqui era suficiente), um choque de filtragem logo a seguir à válvula retificadora, a utilização de condensadores de filtragem de papel em óleo misturados desta vez com condensadores secos de polipropileno com excelentes resultados, 3 etapas de filtragem sendo a última separada por cada canal.
A alimentação DC dos filamentos das válvulas ficou novamente a cargo dos módulos reguladores da Tentlabs que me garantem total ausência de ruído.
O circuito é muito simples com apenas duas etapas de amplificação. A KC3 é carregada com um choque da Lundalh e o acoplamento efetuado através de um condensador de folha de prata da Mundorf. Como gosto de evitar os condensadores eletrolíticos no trajeto do sinal, a polarização da KC3 é feita recorrendo à polarização no filamento, vulgarmente chamado em ingês de “Filament Bias” através com uma resistência de muito baixo valor ohmico e nas 45 a polarização é fixa sendo garantida através de um módulo de bias da Tentlabs que além de garantir um arranque muito suave e gradual das válvulas, também permite um polarização sempre constante das válvulas 45 ao longo do seu tempo de vida de forma automática e tendo ainda como beneficio a possível troca das 45 pelas 46 ou 47 (desde que utilize uns adaptadores próprios para o efeito), sem ser necessário qualquer tipo de ajuste.
Os transformadores de saída foram fabricados por encomenda pela Eletraprint dos EUA, havendo a possibilidade de comutar duas impedâncias diferentes no primário para poder utilizar outras válvulas na saída com uma impedância interna mais elevada relativamente às 46 ou 47 (DHP). Posso também utilizar as 2A3, embora neste caso tenha que regular o módulo de Bias da Tentlabs para uma corrente de placa mais elevada.
Acho que já me alonguei demasiado nas explicações técnicas, por isso aqui ficam algumas fotos do processo de construção até ao produto final.
Boas audições

 



 

Voltar ao Topo Ir em baixo
PALUSE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1384
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 53
Localização : Vale da Amendoeira.

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Ter Maio 10 2016, 23:52

Orquestra
Caro Martins
Felicito-o pelo "brinquedo". Tem uma apresentação bestial e com material do melhor, pela descrição.
Permita-me ser "abelhudo", mas já ponderou a possibilidade de levar um projeto idêntico só para a amplificação de tensão do sinal e no estágio final aplicar-lhe semicondutores por efeito de campo para o controle da corrente na saída e assim obter mais potencia, deixando os componentes termo iónicos no relax.
Admito que o tratamento das linhas de alimentação para o estágio final será bem mais exigente, mas em termos sonoros poderá valer o esforço???
2cclzes
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 04:08

Magnifico.


Quais as colunas associadas ao amp?

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3694
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 09:56

jsmartins escreveu:
...
O circuito é muito simples com apenas duas etapas de amplificação. ...a polarização é fixa sendo garantida através de um módulo de bias da Tentlabs que além de garantir um arranque muito suave e gradual das válvulas, também permite um polarização sempre constante das válvulas 45 ao longo do seu tempo de vida de forma automática...
Os transformadores de saída foram fabricados por encomenda pela Eletraprint dos EUA, ...

Efectivamente o circuito simples, acaba por encher as caixas devido ao tamanho dos componentes e à utilisação dos modulos da TentLabs... bravo de novo amigo jsmartins !!!

A escolha da Electroprint no lugar dos mais badalados (Tango, Lundhall, Tamura, Hashimoto, Plitron...) é por convição ou uma questão de relação qualidade/preço, pois o ferro americano actual não é reputado como sendo dos melhores que hà...

O triodo 45 é muito gabado neste livro do Jean Hiraga, que é aqui em França uma espécie de biblia para todos os que se interessam aos SE, e com os triodos DHT em particular...


cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
jsmartins



Mensagens : 11
Data de inscrição : 11/04/2016

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 20:44

António José da Silva escreveu:
Magnifico.


Quais as colunas associadas ao amp?

Boa noite António,

Tenho três pares de colunas de rendimento elevado que normalmente utilizo com amplificadores de baixa potência, que são: as klipsch La Scala, Dynavox Impulse V e umas OB Quasar MKI projeto DIY da BD Design.
Todos estes modelos têm um rendimento superior a 98dB, mas são as Quasar que fazem o par ideal com estes amplificadores  "peso pluma".

Boas audições



Voltar ao Topo Ir em baixo
jsmartins



Mensagens : 11
Data de inscrição : 11/04/2016

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 21:01

TD124 escreveu:


....
A escolha da Electroprint no lugar dos mais badalados (Tango, Lundhall, Tamura, Hashimoto, Plitron...) é por convição ou uma questão de relação qualidade/preço, pois o ferro americano actual não é reputado como sendo dos melhores que hà...


Boa noite,

Nos meus projetos já utilizei transformadores um pouco de quase todos os fabricantes mais conceituados (Eletraprint, Magnequest, Lundalh, Tango, Bartolucci, Sowter, entre outros) mas a minha seleção pelos produtos da Eletraprint tem sobretudo a ver com a relação qualidade/preço, que mesmo sendo produtos importados de fora da Europa, com todos os encargos associados, continuam a valer a pena comparativamente a outros fabricantes. Tenho feito algumas experiências e comparações destes transformadores com outras marcas e posso afirmar que os ElatraPrint estão ao nível daquilo que melhor se faz em transformadores de audio. Existem na Net alguns testes comparativos onde entraram os transformadores Eletraprint com resultados semelhantes, senão mesmo superiores a outras marcas mais conceituadas. Além disso os transformadores são customizados e Jack Elliano dá sempre umas dicas muito úteis quando estamos a especificar um modelo de transformador para uma determinada válvula ou aplicação.
Também tem no seu catalogo modelos com bobinagem a prata mas os preços são demasiado elevados.

Boas Audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
jsmartins



Mensagens : 11
Data de inscrição : 11/04/2016

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 21:25

PALUSE escreveu:
Orquestra
Caro Martins
Felicito-o pelo "brinquedo". Tem uma apresentação bestial e com material do melhor, pela descrição.
Permita-me ser "abelhudo", mas já ponderou a possibilidade de levar um projeto idêntico só para a amplificação de tensão do sinal e no estágio final aplicar-lhe semicondutores por efeito de campo para o controle da corrente na saída e assim obter mais potencia, deixando os componentes termo iónicos no relax.
Admito que o tratamento das linhas de alimentação para o estágio final será bem mais exigente, mas em termos sonoros poderá valer o esforço???
2cclzes

Olá viva!

Não sou fundamentalista relativamente às válvulas e reconheço algumas qualidades inegáveis da amplificação de estado sólido com transístores ou FETs. Eu próprio também utilizo de vez em quando um sistema hibrido (prévio a válvulas e amplificador de potência a transístores) para amplificar as minhas Amphion Kripton2, mas o meu coração acaba sempre por pender mais para o som das válvulas quando combinadas com as colunas adequadas. Mas mesmo assim, não está excluída a construção no futuro de um projeto hibrido (válvulas na pré amplificação e Fets na potência). Primeiro tenho que por em prática mais uns projetos a válvulas que ainda estão na calha.
Boas audições
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 22:32

jsmartins escreveu:
PALUSE escreveu:
Orquestra
Caro Martins
Felicito-o pelo "brinquedo". Tem uma apresentação bestial e com material do melhor, pela descrição.
Permita-me ser "abelhudo", mas já ponderou a possibilidade de levar um projeto idêntico só para a amplificação de tensão do sinal e no estágio final aplicar-lhe semicondutores por efeito de campo para o controle da corrente na saída e assim obter mais potencia, deixando os componentes termo iónicos no relax.
Admito que o tratamento das linhas de alimentação para o estágio final será bem mais exigente, mas em termos sonoros poderá valer o esforço???
2cclzes

Olá viva!

Não sou fundamentalista relativamente às válvulas e reconheço algumas qualidades inegáveis da amplificação de estado sólido com transístores ou FETs. Eu próprio também utilizo de vez em quando um sistema hibrido (prévio a válvulas e amplificador de potência a transístores) para amplificar as minhas Amphion Kripton2, mas o meu coração acaba sempre por pender mais para o som das válvulas quando combinadas com as colunas adequadas. Mas mesmo assim, não está excluída a construção no futuro de um projeto hibrido (válvulas na pré amplificação e Fets na potência). Primeiro tenho que por em prática mais uns projetos a válvulas que ainda estão na calha.
Boas audições


Sabendo nós que tens longa experiência com equipamentos, tanto na sua construção como revenda de material dos mais variados fabricantes, e tendo já ouvido muita coisa, gostaria de saber a tua opinião técnica e subjectiva em relação á velha e apaixonante questão do tecnicamente possível (a nível de medições) em relação á parte subjectiva da escuta.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Digital Man
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1055
Data de inscrição : 09/01/2012

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qua Maio 11 2016, 23:08

Parabéns por tão fabuloso projeto!!!

Ouvem-se muitos elogios às 45, como sendo as mais mágicas entre as mágicas.
Em projetos análogos, a preferência consensual dos dyselfers parece ser: 45 > 2A3 > 300B.

Em termos de potências, algo à volta de 2W, 4W, 9W, respetivamente. Parece que a magia é inversamente proporcional aos watts...  Cool

Em termos auditivos como compara com os seus outros projetos SE?
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3694
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qui Maio 12 2016, 07:32

jsmartins escreveu:
... mas a minha seleção pelos produtos da Eletraprint tem sobretudo a ver com a relação qualidade/preço, ... Tenho feito algumas experiências e comparações destes transformadores com outras marcas e posso afirmar que os ElatraPrint estão ao nível daquilo que melhor se faz em transformadores de audio. ...

Obrigado!... tenho que me interessar um destes dias a escutar esses trannies cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3694
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qui Maio 12 2016, 07:38

Digital Man escreveu:
... Parece que a magia é inversamente proporcional aos watts...  Cool  

O Takesué dizia nos anos sessenta: A musicalidade é inversamente proportional à potência !!!...

Vivam então os Spuds, CanAmps e os amplificadores dos télémovéis ... cheers

È uma brincadeira, mas que tém a sua parte de verdade ou de logica !!!  Wink

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5237
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qui Maio 12 2016, 17:27

Daquilo que tenho lido fiquei com a impressão de que um S.E.T. pouco potente deste tipo deve ser usado com colunas de elevada sensibilidade ≥100dB (cornetas) numa configuração activa; nesses sistemas não é raro ver-se amplificação mais potente a alimentar as unidades de baixas frequências.

R
Voltar ao Topo Ir em baixo
ricardo onga-ku
Membro AAP
avatar

Mensagens : 5237
Data de inscrição : 02/01/2012
Localização : Terra d'Anglos...e Saxões

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qui Maio 12 2016, 17:28

Paulo, ainda tens fotos do sistema Onken do teu amigo?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15359
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 57
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Qui Maio 12 2016, 19:18

ricardo onga-ku escreveu:
Paulo, ainda tens fotos do sistema Onken do teu amigo?



http://www.audioanalogicodeportugal.net/t7901-clube-15

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3694
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 52
Localização : França

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Sex Maio 13 2016, 06:51

ricardo onga-ku escreveu:
Daquilo que tenho lido fiquei com a impressão de que um S.E.T. pouco potente deste tipo deve ser usado com colunas de elevada sensibilidade ≥100dB (cornetas) numa configuração activa; nesses sistemas não é raro ver-se amplificação mais potente a alimentar as unidades de baixas frequências. ...

O casal 50 Watts Kaneda no grave (transistores) e 300B nos médios/altos (SET) era um classico japonês dos anos 70, que se tornou numa norma aqui em França em 80/90 com a revista l'Audiophile... mas a associação com full-range de elevada sensibilidade em cargas corneta/labirinto/tqwt etc... também se vê, e é o que estou a fazer para um segundo sistema !

cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3493
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 58
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Sab Maio 14 2016, 21:14

Belo projecto! O problema é mesmo colunas para serem alimentadas por ele!...

Eu tenho um projecto em fase de sonho, que é o 2A3. O sacana do pai natal, anda esquecido da minha pessoa!

Parabéns!
Voltar ao Topo Ir em baixo
João da Bernarda
Membro AAP
avatar

Mensagens : 250
Data de inscrição : 13/11/2012
Idade : 44
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   Dom Maio 15 2016, 22:35



QUE BOM concorrência à altura...!!!!
Tenho cá umas colunas boas para as 45.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: DIY Single end 45   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
DIY Single end 45
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Vem aí o novo single de Michael Jackson: Behind The Mask
» One Direction first single "What Makes You Beautiful"
» Novo single de David Bowie atinge o primeiro lugar poucas horas após o seu lançamento.
» Captador noiseless fender com o Captador single normal, podem gerar problemas?
» Captadores: Single coil X Split coil

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Estado "líquido" (válvulas)-
Ir para: