Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Engana-me que eu gosto...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Jorge Ferreira
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3392
Data de inscrição : 05/11/2011
Idade : 48
Localização : Palmela

MensagemAssunto: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 13:53


A minha opinião vale o que vale...
Mas se for a mesma que a do Joe Harley, se calhar já será um pouco mais levada a sério não ?

Mas antes de saberem que opinião é essa, vejamos primeiro uma breve descrição do Joe Harley :

É hà muitos anos Vice Presidente da Audioquest (companhia de cabos high-end).

Ao abrigo da Audioquest, Joe Harley criou a editora audiófila Audioquest Music no final dos anos 80,
o objectivo da etiqueta era criar as melhores gravações audiófilas.

Eles usavam electrónica a válvulas custom made e evitavam ao máximo a redução de ruído, compressão, equalização ou limitadores de som.

Gravavam directamente para Master Tape Analógica (2 pistas 30 IPS) e o engenheiro de som era quase sempre o Bernie Grundman.

Os LP's de vinyl que a Audioquest Music produziu nos anos 80 e 90 eram fabulosos, também pela música mas principalmente pela qualidade de som Fantástica que tinham.

O som era tão realista...muito transparente, com muita dinâmica, com bons graves e agudos e práticamente nenhum tipo de compressão.

O Joe Harley foi o produtor de todas estas gravações maravilhosas de Blues e Jazz de entre outros Mighty Sam McClain, Robert Lucas, Kei Akagi, Terry Evans, Doug MacLeod.

Depois da Audioquest Music ter deixado de fazer gravações novas, Joe Harley continuou a produzir muitos discos para a Enja, ECM, Telarc e Groove Note.

Nos últimos anos Joe Harley tem trabalhado muito com Ron Rambach (conhecido amante e colecionador de Blue Note's),
fazendo as fabulosas reedições de Blue Note's da Music Matters (primeiro em duplos a 45rpm e depois na série de 1 LP a 33rpm).

Agora que o Joe Harley já está introduzido...voltemos finalmente ao inicio deste post e saber qual a opinião que ele tem acerca do vinyl comparado com o SACD :

"...How do my recordings compare SACD to vinyl? SACD sounds great but vinyl rules.

Now, you ask a very interesting question. Which is more like the master tape? I've had many opportunities to compare analog, DSD, lacquers, and LPs of the same material....all in the same mastering suite. (Usually Bernie Grundmans.)

Here's what I think: SACD and the original lacquer sounds most like the master tape. Vinyl sounds better. Confusing, eh? If you play a master tape, and then play the LP of the same material, you will hear that the LP has more bloom and sense of "air." Some of this is actually a distortion. But it is a distortion we love! I include myself; I LOVE the sound of LPs.....by far my favorite playback medium in my own home rig.

SACD, the original lacquer, and the master tape all sound much "tighter" than the final LP. If you ever want to hear how LPs veer away from reality, listen to a cutting lacquer compared to the LP stamped from it. You will be shocked.

But when I'm home and want to get lost in the music, I pull out the LP. It's a beautiful, seductive lie. But a lie that I love.

There it is. The dirty little secret."


Ora ai está!!!

É a opinião que eu também tenho, o LP de vinyl é uma mentira sedutora e linda, em parte devido à distorção, mas é uma mentira que eu Amo.

Por isso engana-me que eu gosto...

Voltar ao Topo Ir em baixo
http://farmvinyl.blogspot.pt
birodisco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 313
Data de inscrição : 29/08/2010
Localização : Setubal

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 14:18

mais um...
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3969
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 35
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 14:23

O número de tópicos sobre o som e a "qualidade" do som tem-se multiplicado e a cada um que leio fico cada vez mais certo que é possível conservar a Razão e, ao mesmo tempo, seguir a Paixão!!!

Muito bom, mais uma vez foi um gosto ler.

Voltar ao Topo Ir em baixo
Fernando Mota
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1741
Data de inscrição : 31/12/2012
Idade : 42
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 15:01

Em poucas palavras está tudo dito.

_________________
Junta-te aos bons, serás como eles. Junta-te aos maus serás pior que eles

"Food is music to the body, music is food to the heart  (Gregory David Roberts)"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Luis Filipe Goios
Membro AAP
avatar

Mensagens : 10343
Data de inscrição : 27/10/2010
Idade : 58
Localização : Lanhelas - Minho

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 15:02


Obrigado Jorge!!!
Bonita partilha...
Abç
cheers
Voltar ao Topo Ir em baixo
Milton
Membro AAP
avatar

Mensagens : 15108
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 55
Localização : Scalabicastro, naquele Jardim á beira, mal plantado

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 16:16

José Miguel escreveu:


Muito bom, mais uma vez foi um gosto ler.


Concordo !!

2cclzes

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 16:34

Jorge Ferreira escreveu:
... I pull out the LP. It's a beautiful, seductive lie. But a lie that I love.
...

Eu tenho o CD dos Durutti Column Amigos em Portugal, que saiu hà uns dez anos atràs em edição limitada. No CD està escrito que devido aos problemas com o editor português, era impossivel de aceder às fitas originais, então o CD foi feito a partir do vinilo n°001... para resumir então o CD é a copia do vinilo tocado por um gira/braço e célula desconhecidos...

Quando ouço o CD, entendo perfeitamente o equilibrio tonal da escuta vinilo clàssica... ora que estou a ouvir uma copia digital, então basta copiar os vinilos num ficheiro para obter também a beautiful, seductive lie !!!

O Joe Harley como tu Jorge e todas as pessoas téem direito de preferir o que quizerem (principio do gosto...), mas quando um professional como o Joe Harley, defende (a titulo pessoal mas publicamente) que a copia é melhor ou mais musical que o original... é uma falta de deontologia e uma maneira indirecta de assumir que não sabem muito bem o que estão a fazer. Não vejo ném evolução, ném progresso nessas frases, ora que são essas pessoas que criam o futuro da gravação musical !

Abraço cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3969
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 35
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 16:57

Eu não conheço o profissional em causa, mas como disse em cima, creio que é possível não esquecer a Razão e dar uma voltinha com a paixão.

Aceitar as limitações do vinil, próprias dos materiais e método de reprodução, é um princípio que vejo como racional e o princípio para que se tente evoluir... mesmo dentro do vinil.

O texto esclarece que haverá melhor, mas...


... mas neste momebto estou em dez minutos de pausa no trabalho, aproveito o Sol e sei que sem protecção na pele devia estar na sombra... Ainda assim fico uns minutos e vou tentar evoluir.


Não creio que a Música esteja condenada a um qualquer formato ou método de gravação/armazenamento/reprodução, depois cada um sente o que sente...

Razão e Paixão, somos feitos de ambas!
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 17:08

José Miguel escreveu:
... Aceitar as limitações do vinil, próprias dos materiais e método de reprodução, é um princípio que vejo como racional e o princípio para que se tente evoluir... mesmo dentro do vinil. ...

Todos açeitamos as limitações do vinilo e tentamos evoluir nesse mundo, e eu também gosto muito de vinilos e compro em média 4 ou 5 por mês. Não é uma razão para que me case com a noiva,... mas uma noite de tempos a tempos não faz mal !...

Eu tinha dito no fim do topico À descoberta dos gira-discos:

E aqui estamos então hoje, partilhados entre modernidade, tradição e passado como sempre. Não creio que tecnologicamente o vinilo possa, ou deva evoluir mais. Um longo ciclo de mais de sessenta anos està a se esgotar, e perpétuà-lo seria reciclar ou copiar, o que me pareçe ser uma atitude antinomica face à evolução e mesmo humanamente redutora. O vinilo teve uma longa e rica vida, aonde atingiu apogeus de inteligência sensivel e marcou os espiritos e corações. Un novo ciclo tém (deve !!!...) de se abrir, afim de deixar estes velhos guerreiros encontrar enfim o repouso que mereçem. A leitura mecânica està ultrapassada nos seus limites, e alguns dos aparelhos citados atràs, são mais precisos do que o burim gravador, que cria a matriz do que lemos. Quando a màquina ultrapassa o nivel técnico do suporte que lê, jà estamos a andar para tràs e a fazer do audio no lugar de alta fidelidade. O que não me impedirà, como é certamente o vosso caso, de me lembrar com nostalgia essa longiqua tarde, aonde em Almada comprei o primeiro Marillion e o Led Zeppelin II. Foram os meus primeiros discos que tive… e o começo de uma longa paixão !...

Continuo a pensar o que disse ! cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3969
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 35
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 17:24

Eu entendo as suas palavras e até as subscrevo - se me ler com cuidado vai encontrar mais racionalidade do que por vezes parece haver, mas tenho este estilo de escrita...

Eu, pessoalmente, não vejo razão para temer o avanço da técnica no que diz respeito à captação/gravação/reprodução, por isso como o Paulo vou continuar a comprar vinil e a usufruir de um Gosto que tenho.

Disse em outro/tópico que me preocupa mais a Aprendizagem/Conhecimento do que conversas sobre formatos. Creio que o texto que iniciou este tópico ensina algo, desde logo porque ensina a distinguir Razão de Paixão.


Pelo menos eu li assim!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mário Franco
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1564
Data de inscrição : 27/03/2013
Idade : 58
Localização : Paço de Arcos

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 19:26

Jorge Ferreira escreveu:

But when I'm home and want to get lost in the music, I pull out the LP. It's a beautiful, seductive lie. But a lie that I love.

There it is. The dirty little secret."



Por isso engana-me que eu gosto...


Quando a mentira é boa também prefiro

E se concomitantemente for um pequeno segredo manhoso
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 21:27

José Miguel escreveu:
... Disse em outro/tópico que me preocupa mais a Aprendizagem/Conhecimento do que conversas sobre formatos. ...

Amigo José, eu compreendi muito cedo que a paixão e o trabalho não fazem um bom casal, então desde que me tornei professional busquei uma outra paixão (diagonal de fuga), afim de fugir a uma relação obcessiva do tipo trabalho/paixão e poder desanuviar num mundo diferente...

Como gostava de vinho, decidi de me interessar a sério então. Fiz pequenos estàgios de prova e pouco a pouco, começei a ir visitar quintas, falar com os produtores, conheçer as cepas, os terrenos, a viticultura assim que os diferentes métodos de elaboração. A paixão evoluiu ao ponto que quando viajo em sitios de produção tento sempre ir fazer uma(s) visita(s), e depois de amanhã jà tenho marcadas visitas em quintas da Ribera del Duero e Rueda, para ir discutir, visitar os dominios, passear nos vinhedos e degustar esses vinhos com especialidades locais...

Tenho amigos que gostam muito de vinho, mas estão se barimbando para os detalhes e às vezes são mesmo incapazes de sentir qual é a cepa que estão a beber... e é perfeitamente o direito deles. Eu ao contrario gosto de compreender o que faço e o que sinto... e também é o meu direito!

Então um formato em audio, é como a cepa ou um terreno argilo/calcàrio para um vinho ou seja, algo que não é necessario compreender para gostar... mas é obrigatorio de compreender se quer conheçer. Então a sua noção de Aprendizagem/Conhecimento sem se interessar às particularidades do dominio em questão pareçe-me antinomica e um pouco incompreensivel. Compreendo que prefira um hedonismo sensitivo mais do que um intelectual... mas nesse caso não hà que falar de Aprendizagem/Conhecimento... mas sobretudo de Gosto/Sensações...

...................   .................................................. cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
José Miguel
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3969
Data de inscrição : 16/08/2015
Idade : 35
Localização : A Norte, ainda a Norte...

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 22:27

José Miguel escreveu:
Eu entendo as suas palavras e até as subscrevo - se me ler com cuidado vai encontrar mais racionalidade do que por vezes parece haver, mas tenho este estilo de escrita...

Eu, pessoalmente, não vejo razão para temer o avanço da técnica no que diz respeito à captação/gravação/reprodução, por isso como o Paulo vou continuar a comprar vinil e a usufruir de um Gosto que tenho.

Disse em outro/tópico que me preocupa mais a Aprendizagem/Conhecimento do que conversas sobre formatos. Creio que o texto que iniciou este tópico ensina algo, desde logo porque ensina a distinguir Razão de Paixão.


Pelo menos eu li assim!

TD124 escreveu:
José Miguel escreveu:
... Disse em outro/tópico que me preocupa mais a Aprendizagem/Conhecimento do que conversas sobre formatos. ...

Amigo José, eu compreendi muito cedo que a paixão e o trabalho não fazem um bom casal, então desde que me tornei professional busquei uma outra paixão (diagonal de fuga), afim de fugir a uma relação obcessiva do tipo trabalho/paixão e poder desanuviar num mundo diferente...

Como gostava de vinho, decidi de me interessar a sério então. Fiz pequenos estàgios de prova e pouco a pouco, começei a ir visitar quintas, falar com os produtores, conheçer as cepas, os terrenos, a viticultura assim que os diferentes métodos de elaboração. A paixão evoluiu ao ponto que quando viajo em sitios de produção tento sempre ir fazer uma(s) visita(s), e depois de amanhã jà tenho marcadas visitas em quintas da Ribera del Duero e Rueda, para ir discutir, visitar os dominios, passear nos vinhedos e degustar esses vinhos com especialidades locais...

Tenho amigos que gostam muito de vinho, mas estão se barimbando para os detalhes e às vezes são mesmo incapazes de sentir qual é a cepa que estão a beber... e é perfeitamente o direito deles. Eu ao contrario gosto de compreender o que faço e o que sinto... e também é o meu direito!

Então um formato em audio, é como a cepa ou um terreno argilo/calcàrio para um vinho ou seja, algo que não é necessario compreender para gostar... mas é obrigatorio de compreender se quer conheçer. Então a sua noção de Aprendizagem/Conhecimento sem se interessar às particularidades do dominio em questão pareçe-me antinomica e um pouco incompreensivel. Compreendo que prefira um hedonismo sensitivo mais do que um intelectual... mas nesse caso não hà que falar de Aprendizagem/Conhecimento... mas sobretudo de Gosto/Sensações...

...................   .................................................. cheers

Eu já disse que gosto da analogia com vinho e com as provas de vinho, mas se me permite creio que o Paulo não entendeu o que eu disse, ou eu não me fiz entender - estava a trabalhar e escrevi pouco.

Repare que nos parágrafos imediatamente antes desse que escolheu para citar eu disse que entendia a sua posição e disse mais, disse que não temia pelo avanço da técnica.
Disse ainda que tal como o Paulo iria continuar a comprar vinil por Gosto.

Eu separei a Razão da Paixão e não o fiz por mero acaso... Quando digo que prefiro ler estes textos pela perspectiva do Conhecimento e Aprendizagem eu não estava a brincar, repito que tenho aprendido muito.
Aprender que há formatos muito interessantes para Escutar Música significa que deixe de Gostar de Vinil? - - Não!

Eu procuro aprender para poder fazer o meu caminho (creio que já lhe disse isto algumas vezes) e não procuro seguir as pisadas de outros, mas procuro Aprender com os Outros.

Eu já aprendi algo sobre os vários formatos, já ouvi pelos vários formatos, sei dizer qual é o mais preciso e sei dizer qual é o que mais gosto.

O debate sobre os formatos resvala na maior parte das vezes para a conversa: o meu é melhor do que o teu. Ora, eu não me interessa esse tipo de conversa, ainda que ache graça!

O texto que deu início a este tópico abre a porta a múltiplas questões e abre a uma que considero muito importante: na escolha de um formato para se ouvir música não pesa apenas a questão do rigor/precisão/evolução, há um lado menos racional que nos faz escolher.

Admitir esta parte menos racional como factor de escolha é algo positivo e que nos pode fazer pensar, querer Aprender e até Conhecer. O Evoluir logo se verá... Porque querer ficar mesmo sabendo que há melhor eu não condeno e muito menos apelido de IRRACIONAL.


Quanto ao eu ser Hedonista... Já disse que gosto dos vínculos que crio com algumas pessoas e coisas, mas estou longe de ser Hedonista!
A quem me apelide de Romântico... mas aceito a forma como o Paulo o coloca, realmente eu tenho no Prazer de Viver algo de importante e desejo-o para TODOS!


Gostava de continuar a escrever sobre tudo isto, mesmo sobre a questão dos vinhos. Porque eu já tive a possibilidade de provar Vinho do Porto de várias décadas, com métodos de produção diferentes e uvas/castas diferentes.
Se me perguntar pelo meu favorito eu não sei dizer, mas o Dalva de 1963 ainda está bem presente na minha memória e não foi produzido seguindo as melhores e mais avançadas técnicas.
Por outro lado, o Dows Vintage de 2011, muito desejado, é um regalo a todos os níveis, incrível, mas não me marcou da mesma forma...


Claro que experimento, leio, ouço, provo, ... sabe o que lhe disse não faz muito tempo: Falarei do que sei, nada mais.

Não mudei de posição, faço as minhas escolhas tendo em conta o que vou sabendo e se aprender e mudar, pode ter a certeza que me esforçarei para que seja por esta via.

Não é assim que deve ser?
Para mim é.

A cada um o seu caminho, se for um caminho iluminado pelo Conhecimento melhor.




Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Abr 24 2016, 22:44

Apesar de ser reconfortante, não seria necessário o post do Jorge (que agradeço). As evidências da superioridade do analógico e do vinil, são mais do que perceptíveis, O resto são (quanto a mim) balelas mal contadas.

Dito isto, o digital ás vezes até nem é mau. dvil

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Mister W
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4318
Data de inscrição : 07/03/2012
Idade : 50
Localização : Margem Sul... Margem Norte...

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Ter Abr 26 2016, 19:32

Seja por motivos físicos ou metafísicos, racionais ou nem por isso, eu também prefiro o vinil, mas...

O texto do amigo Ferreira é sem dúvida muito interessante e desafiador (parabéns!). Da mesma forma, o senhor Harley é merecedor do maior respeito (mesmo sem o conhecer). Contudo, será a sua opinião isenta de interesses comerciais? pois ao que sei a Audioquest (ou associadas) também fabrica (ou fabricou) outros artigos ligados à prática do vinil (braços, mats, etc.) para além dos mencionados LPs e cabos.

É recorrente ouvir os "audiófilos mais experimentados" criticarem veemente as reviews da imprensa especializada, apontando a falta de isenção, os interesses e o favorecimento de certos produtos. Pois bem, não será este um caso idêntico aos demais? Mesmo sem ter quaisquer certezas, fica a questão...
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qua Abr 27 2016, 16:19

Joe Harley escreveu:
(...) SACD, the original lacquer, and the master tape all sound much "tighter" than the final LP. If you ever want to hear how LPs veer away from reality, listen to a cutting lacquer compared to the LP stamped from it. You will be shocked. ...

António José da Silva escreveu:
... As evidências da superioridade do analógico e do vinil, são mais do que perceptíveis  ...

Não sei se percebeste a frase em inglês... mas posso te traduzir !!!

Quanto "às evidências da superioridade do analógico e do vinil...", é necessario que um dia escute o teu sistema, pois deves ter um conjunto de leitura como nunca ouvi na minha vida e capaz de eliminar todas as deficiências (multiplas) da leitura mecânica !!!...   deve ser um espetáculo     ... ou então é por causa dos discos bem lavadinhos  lol!

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qua Abr 27 2016, 16:22

TD124 escreveu:
  ... ou então é por causa dos discos bem lavadinhos  lol!


Pois, quem nunca lavou...

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qua Abr 27 2016, 16:37

Mister W escreveu:
(...) apontando a falta de isenção, os interesses e o favorecimento de certos produtos. Pois bem, não será este um caso idêntico aos demais? Mesmo sem ter quaisquer certezas, fica a questão...

Pessoalmente, creio que o homém prefere verdadeiramente a escuta do vinilo, o que em si não é um crime ném grave. Mas quando se é um actor no dominio da gravação, penso que a exigência e a evolução devem ser objectivos claros... o que não é o caso dele!

Se o Manfred Eicher pensasse como ele, todos os discos da ECM estariam prensados em vinil (pessoalmaente até gostaria ter os Ketil Bjørnstad em LP...), mas não seria um passo para a frente...

Penso que a musica deve ser gravada, arquivada e editada consoante as exigências artisticas dos musicos, mas nas melhores condições técnicas possiveis. Depois é aos melomanos de se adaptarem à coisa, e se não estão contentes com o resultado hà vàlvulas, filtros e outros aparelhos para condimentar ao gosto pessoal o resultado...

cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qua Abr 27 2016, 16:43

António José da Silva escreveu:
TD124 escreveu:
  ... ou então é por causa dos discos bem lavadinhos  lol!

Pois, quem nunca lavou...

È verdade que nunca lavei um disco... mas também é verdade que nunca ninguém se queixou da escuta em casa por causa disso ! Pergunta ao Manfred !!! lol!

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
mannitheear
Membro AAP
avatar

Mensagens : 779
Data de inscrição : 01/08/2013

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qui Abr 28 2016, 09:23

TD124 escreveu:

È verdade que nunca lavei um disco... mas também é verdade que nunca ninguém se queixou da escuta em casa por causa disso ! Pergunta ao Manfred !!! lol!

No sane person would complain the sound in TD124's house in fear to risk the fine dinner and the excellent wines!



Honestly:, I have a record cleaning machine but meanwhile I use it only with very dirty (2nd hand) recordings. A well balanced turntable seem to suppress the noise and seperates it from the music so that it doesn't bother anymore.

Reagrding cleaning machines: in the past I tried many methods, techniques and cleaning fluids. I use a Moth vacuum cleaner and have experience with Keith Monks and VPI cleaned records. And I never ever could reproduce the fabulous results often reported in the forums. IMHO, a good part of the often reported sound improvement and even the dimension of noise reduction may be mythical and not real. To clean a really dirty record is of course possible but quite time consuming and not done in 3 minutes. To clean a clean record isn't necessary.

Cheers
Manfred
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qui Abr 28 2016, 10:00

mannitheear escreveu:
TD124 escreveu:

È verdade que nunca lavei um disco... mas também é verdade que nunca ninguém se queixou da escuta em casa por causa disso ! Pergunta ao Manfred !!! lol!

No sane person would complain the sound in TD124's house in fear to risk the fine dinner and the excellent wines!


Voilà !!!... There it is. The dirty little secret.

With a good meal and choosen wines... every system works in a magical way !!!

Cheers and a kiss from Spain Man, Olé !!! Bull

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qui Abr 28 2016, 12:07

[quote="mannitheear"]
TD124 escreveu:

A well balanced turntable seem to suppress the noise and seperates it from the music so that it doesn't bother anymore.


That is indeed a fact. It is astonishing that records on my Rui Borges hardly produce any noise at all. I cannot explain how it ist possible, bur that is how it is.

But the cleaning of all records is still the way to go for me, and for more than one reason.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1957
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Qui Abr 28 2016, 15:07

TD124 escreveu:
Joe Harley escreveu:
(...) SACD, the original lacquer, and the master tape all sound much "tighter" than the final LP. If you ever want to hear how LPs veer away from reality, listen to a cutting lacquer compared to the LP stamped from it. You will be shocked. ...



Não sei se percebeste a frase em inglês... mas posso te traduzir !!!

Quanto "às evidências da superioridade do analógico e do vinil...", é necessario que um dia escute o teu sistema, pois deves ter um conjunto de leitura como nunca ouvi na minha vida e capaz de eliminar todas as deficiências (multiplas) da leitura mecânica !!!...   deve ser um espetáculo     ... ou então é por causa dos discos bem lavadinhos  lol!

TD124 escreveu:
Mister W escreveu:
(...) apontando a falta de isenção, os interesses e o favorecimento de certos produtos. Pois bem, não será este um caso idêntico aos demais? Mesmo sem ter quaisquer certezas, fica a questão...

Pessoalmente, creio que o homém prefere verdadeiramente a escuta do vinilo, o que em si não é um crime ném grave. Mas quando se é um actor no dominio da gravação, penso que a exigência e a evolução devem ser objectivos claros... o que não é o caso dele!

Se o Manfred Eicher pensasse como ele, todos os discos da ECM estariam prensados em vinil (pessoalmaente até gostaria ter os Ketil Bjørnstad em LP...), mas não seria um passo para a frente...

Penso que a musica deve ser gravada, arquivada e editada consoante as exigências artisticas dos musicos, mas nas melhores condições técnicas possiveis. Depois é aos melomanos de se adaptarem à coisa, e se não estão contentes com o resultado hà vàlvulas, filtros e outros aparelhos para condimentar ao gosto pessoal o resultado...

cheers

1000% de acordo!!!

Por acaso - ou talvez não - nunca tive grande pachorra para a discussão do que é melhor. Em nada! Nem em termos de sistemas áudio, nem em termos de suportes.

Vinil e digital tem as suas grandezas e as suas fraquezas de qualidade, certamente... Pese embora, cada vez mais, como consumidor, pergunte sempre se este ou aquele álbum, não existe em vinil. Portanto a minha preferência está definida! Laughing

Se não há e quero muito ouvir esse trabalho, então vem mesmo em digital. Só não adquiro ao iTunes, mas já adquiri, poucos, em formatos de alta definição, no HD Tracks.

Para mim, tudo depende dos objetivos de como, porquê e para quê, pretendemos ouvir a nossa música. Orquestra

Mas já tive alguns azares. Já ouvi grandes álbuns em vinil - bem gravados e bem editados - em sistemas, dos quais preferiria ter ouvido em CD. O contrário, já não é tão verdade. Parece-me que o CD disfarça melhor (quando bem gravado e bem editado) que o vinil. Será só impressão minha?
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Sab Abr 30 2016, 17:29

Goansipife escreveu:
... Parece-me que o CD disfarça melhor (quando bem gravado e bem editado) que o vinil. Será só impressão minha?  

Não sei !... o que penso é que o CD democratizou a reprodução musical (como fonte), e que existém menos diferenças entre um leitor de entrada e um de topo em relação à escuta vinilo com um gira* de entrada ou com um de topo. Um leitor CD ofereçe sempre um minimo açeitàvel, ora que um sistema vinilo não é exactamente o caso, e às vezes dà vontade de fugir, ou de rir ...

*Por gira entendo o conjunto de leitura gira/braço/célula/phono é claro...

cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1957
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Sab Abr 30 2016, 20:43

TD124 escreveu:


Não sei !... o que penso é que o CD democratizou a reprodução musical (como fonte), e que existém menos diferenças entre um leitor de entrada e um de topo em relação à escuta vinilo com um gira* de entrada ou com um de topo. Um leitor CD ofereçe sempre um minimo açeitàvel, ora que um sistema vinilo não é exactamente o caso, e às vezes dà vontade de fugir, ou de rir ...

*Por gira entendo o conjunto de leitura gira/braço/célula/phono é claro...

cheers
Mais uma vez totalmente de acordo, amigo Paulo

Até me tinha esquecido desse facto. Na realidade o CD veio democratizar totalmente a reprodução, mas também a gravação, a produção, a edição e, porque não dizer o preço final. Não só o CD como todo o formato digital. Passou-se mais ou menos a mesma coisa com a fotografia digital.

Pese embora haja por aí algumas 'aldrabices' na construção de equipamentos, quer leitores de CD, quer gira-discos, e eu, no caso concreto de leitores de CD, já tenha ouvido diferenças sensíveis entre alguns leitores de alta gama, comparados com leitores de gamas mais baixas (bem construídos, também), o certo é que, igualmente na minha experiência, a diferença entre uma gravação num gira de baixa gama e um de topo, é maioritariamente das vezes, mais significativa do que entre leitores de CD.

Abraço cheers
Gonçalo


Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Maio 01 2016, 17:51

Pois é, apesar da enorme concordância, eu discordo. Há muito gira bom e barato com células boas e baratas a dar cem a zero a muito sistema digital.

A idade e a habituação à digitalite é que já vos formatou as orelhitas todas. smedley


Mas cada um an sua...

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
TD124
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3178
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 51
Localização : França

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Maio 01 2016, 18:36

António José da Silva escreveu:
... apesar da enorme concordância, eu discordo. Há muito gira bom e barato com células boas e baratas a dar cem a zero a muito sistema digital.  ...

... Mas cada um a sua ...

Tens razão, pois tu gostas de (um) som ora que eu gosto de musica... então efectivamente cada um de nòs està na sua cheers

_________________
Il semble que la perfection soit atteinte, non quand il n'y a plus rien à ajouter mais quand il n'y a plus rien à retrancher... Antoine de Saint-Exupéry
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Maio 01 2016, 19:03

TD124 escreveu:
António José da Silva escreveu:
... apesar da enorme concordância, eu discordo. Há muito gira bom e barato com células boas e baratas a dar cem a zero a muito sistema digital.  ...

... Mas cada um a sua ...

Tens razão, pois tu gostas de (um) som ora que eu gosto de musica... então efectivamente cada um de nòs està na sua cheers

Isso é a tu proposição.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1957
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Dom Maio 01 2016, 23:52

António José da Silva escreveu:
Pois é, apesar da enorme concordância, eu discordo. Há muito gira bom e barato com células boas e baratas a dar cem a zero a muito sistema digital.

A idade e a habituação à digitalite é que já vos formatou as orelhitas todas. smedley


Mas cada um an sua...

Jamais Salomé

Ou és um sortudo, que só encontra giras baratos e bons, em mãos de pessoas generosas que os vendem ao desbarato, ou então estás muito desatento
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 63912
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 50
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Seg Maio 02 2016, 10:35

Goansipife escreveu:


Ou és um sortudo, que só encontra giras baratos e bons, em mãos de pessoas generosas que os vendem ao desbarato, ou então estás muito desatento



Penso que tens tido muito azar. smedley

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Stereo
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3486
Data de inscrição : 07/07/2010
Idade : 56
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Seg Maio 02 2016, 11:05

Depois do que o td124 disse, não tenho nada a acrescentar.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Goansipife
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1957
Data de inscrição : 04/12/2011
Idade : 58
Localização : S. Domingos de Rana

MensagemAssunto: Re: Engana-me que eu gosto...   Seg Maio 02 2016, 11:35

António José da Silva escreveu:
Goansipife escreveu:


Ou és um sortudo, que só encontra giras baratos e bons, em mãos de pessoas generosas que os vendem ao desbarato, ou então estás muito desatento



Penso que tens tido muito azar. smedley

Tás a tornar-te um...



smedley

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Engana-me que eu gosto...
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Skank - Ainda Gosto Dela (no BAIXO com Tablatura) bass cover tab
» Catalunha: Parlamento proíbe touradas a partir de 2012
» Afinador no headstock !
» Cordas de Acústico - Quais e onde comprar?
» Quem é esse baixista?

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Phono Geral-
Ir para: