Áudio Analógico de Portugal
Bem vindo / Welcome / Willkommen / Bienvenu

Áudio Analógico de Portugal

A paixão pelo Áudio


Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...
 
InícioPortalCalendárioPublicaçõesFAQGruposRegistrar-seConectar-se
Fórum para a preservação e divulgação do áudio analógico, e não só...

Compartilhe | 
 

 Crónica de um Sem Abrigo

Ir em baixo 
AutorMensagem
*©uℓto do Ʋıƞıℓ ®
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1377
Data de inscrição : 04/07/2010
Idade : 45
Localização : Terra da Capa Rica

MensagemAssunto: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Jul 16 2010, 12:38

Crónica de um Sem Abrigo

"Numa estada laboral em terra firme de Portugal, desloquei-me ao habitat de um ilustre Amigo Cósmico. Jovialmente, mostrou o "novo" pulmão do seu sistema, concebido pela empresa de Hermon Hosmer Scott, que vitalmente, contribuiu para o desenvolvimento da indústria de electrónica de consumo, destacando-se na alta-fidelidade.

Produzido na segunda metade da década de 60 até 1977, o A416 tem componentes de qualidade inquestionável, disponibilizando: 28 Watts por canal sobre 8 Ohms, passando a 34 W em cargas de 4 Ohms; entrada para auscultadores; uma mão cheia de entradas de linha, das quais saliento o óptimo andar de phono de tipologia MM (2,5 mV/47 KW) e duas saídas para gravação.



Na época, tendo como referência o mercado germânico, um exemplar deste integrado era dispendioso, custando 500 DEM (abreviatura do Marco, a moeda oficial na Alemanha Ocidental). Porém, o feliz proprietário desta jóia de amplificação, não necessitou de dispender uma quantia avultada... Somente, ignorou as regras de etiqueta, prontificando-se a arregaçar as mangas para resgatá-lo do lixo.

- O quê - perguntam os companheiros. - Então, o estado de conservação seria lastimoso...

Nada disso. Estéticamente, está em bom estado e a funcionar em perfeitas condições. Assim sendo, que mais se pode exigir de um Scott A416 que, a custo zero, dá música e encanta?..."

Texto by Ghost4U




Mais sobre estes aparelhos e a sua história Arrow http://www.hifi-studio.de/hifi-klassiker/scott-hifi.htm
Voltar ao Topo Ir em baixo
http://cultovinil.blogspot.com
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Jul 16 2010, 14:29

Estive muito perto de ganhar um dos famosos valvulados da marca HH Scott à uns anos atrás, tendo sido batido por pouco por um licitador mais ousado. Não conheço a qualidade desse integrado em estado sólido, mas os líquidos são muito bem afamados.

Mas um tirado do lixo, seja ele líquido ou sólido.....
Voltar ao Topo Ir em baixo
joevalve
Membro AAP
avatar

Mensagens : 154
Data de inscrição : 02/08/2010
Localização : armamar (douro)

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Ago 12 2010, 17:35

a Discoteca Santo Antonio, na Rua 31 de Janeiro no Porto, era o representante na invicta dessa marca. Para quem sempre gostou de audio e na altura veio de áfrica com uma mão atrás e outra à frente, podem crer que em algumas ocasiões pouco faltou para me virem as lágrimas aos olhos por não ter dinheiro para comprar nenhum desses equipamentos.
Mas na altura não havia estas manias que agora temos das esquisitices no audio, valia tudo e servia tudo.
A minha primeira "aparelhagem" cá por força dessas limitações económicas foi a célebre mala da SILVANO .
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Ago 12 2010, 19:09

joevalve escreveu:

Mas na altura não havia estas manias que agora temos das esquisitices no audio, valia tudo e servia tudo.
A minha primeira "aparelhagem" cá por força dessas limitações económicas foi a célebre mala da SILVANO .

E não era por isso, que éramos menos felizes, muito pelo contrário.
Voltar ao Topo Ir em baixo
MikeF
Membro AAP
avatar

Mensagens : 293
Data de inscrição : 04/07/2010

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Dom Nov 07 2010, 14:27

Quando era criança muitas noites passamos (eu e os meus pais) a ouvir música em casa duns amigos, audiófilos de então, há uns 30 anos atrás, onde o sistema era todo da Scott, com GD, leitor de k7, pré-power e colunas...
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Dom Nov 07 2010, 14:54

MikeF escreveu:
Quando era criança muitas noites passamos (eu e os meus pais) a ouvir música em casa duns amigos, audiófilos de então, há uns 30 anos atrás, onde o sistema era todo da Scott, com GD, leitor de k7, pré-power e colunas...

E? Conta coisas sobre o som desse sistema.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ghost4u
Membro AAP
avatar

Mensagens : 4465
Data de inscrição : 13/07/2010
Localização : Ilhéu Chão

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Nov 11 2010, 14:00

*©uℓto do Ʋıƞıℓ ® escreveu:
Crónica de um Sem Abrigo (...)
António José da Silva escreveu:
MikeF escreveu:
Quando era criança muitas noites passamos (eu e os meus pais) a ouvir música (...) onde o sistema era todo da Scott (...)
E? Conta coisas sobre o som desse sistema.
O sistema era tão revelador, tornando perceptível uma tímida voz a proferir a seguinte mensagem ou anúncio subliminar:
- "Olha a Cais!"
Voltar ao Topo Ir em baixo
BAILOTE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1642
Data de inscrição : 16/02/2011
Idade : 46
Localização : Albufeira

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Fev 17 2011, 12:03

Apesar de eu ter 38 anos foi na barriga da minha mãe que eu ouvi Beatles, Credence e outros bons da altura, já na altura a minha mãe não dava conta dos vizinhos que reclamavam o som alto sempre que ela estava em casa.
Não pensem vocês que enquanto nadamos em liquido ameniótico não ouvimos o que se passa cá fora...ouvimos e em boas condições, só não damos opiniões Smile)__((: isso demora mais alguns meses.
quero com isto dizer que esse som que ouvimos é geneticamente cravado nos nossos genes e a prova disso está á vista

Agora lembro-me da TELEFUNKEN em movel de madeira,colunas incorporadas,tinha uma tampa deslizante que cobria o integrado+tuner e abria-se um porta horizontal onde acomoda-va um gira discos com capacidade para 10 discos e que tinha segundo a minha mãe um som agradavel e potente para a altura...será que poderei chamar audiófila á minha mãe???

Mas vou confessar-vos uma coisa em 1ª mão e que nunca contei á minha mãe(senão matava-me) esses celebres singles dos Beatles e companhia serviam de disco voador via janela fora tinha eu os meus 4 anos (espero que compreendam )

De qualquer maneira e se acharem que eu merecço apesar da asneira poderam colocar uma eventual foto desse saudoso aparelho.

RECORDAR É VIVER
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Fev 17 2011, 15:16

BAILOTE escreveu:
...será que poderei chamar audiófila á minha mãe???

Sem duvida alguma.

_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
Vodoo
Membro AAP


Mensagens : 7002
Data de inscrição : 05/07/2010
Localização : Usuário BANIDO

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Qui Fev 17 2011, 15:22

JeJeJe !!!

Granda Bailote !!!




Voltar ao Topo Ir em baixo
MJC
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3625
Data de inscrição : 03/07/2010
Idade : 67
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Fev 18 2011, 06:12

BAILOTE escreveu:


Mas vou confessar-vos uma coisa em 1ª mão e que nunca contei á minha mãe(senão matava-me) esses celebres singles dos Beatles e companhia serviam de disco voador via janela fora tinha eu os meus 4 anos (espero que compreendam )

Nunca se sabe se alguma criança por perto fará o mesmo com os seus CDs...

Abraço,

MJC
Voltar ao Topo Ir em baixo
BAILOTE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1642
Data de inscrição : 16/02/2011
Idade : 46
Localização : Albufeira

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Fev 18 2011, 10:39

Tem razão MJC e eu que tenho um rebelde com 10 anos em casa...o melhor é passar a contar os cds de vez em quando...ah e os LPS tambem, pois ainda me restaram uns quantos BONS discos em casa
Voltar ao Topo Ir em baixo
António José da Silva
Membro AAP
avatar

Mensagens : 64911
Data de inscrição : 02/07/2010
Idade : 52
Localização : Quinta do Anjo

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Fev 18 2011, 10:46

BAILOTE escreveu:
...pois ainda me restaram uns quantos BONS discos em casa

Desde já me disponibilizo a dar acolhimento a esses restantes LP's. Serão tratados com todo o amor e carinho.



_________________
Digital Audio - Like Reassembling A Cow From Mince  


If what I'm hearing is colouration, then bring on the whole rainbow...


The essential thing is not knowledge, but character.
Joseph Le Conte
Voltar ao Topo Ir em baixo
BAILOTE
Membro AAP
avatar

Mensagens : 1642
Data de inscrição : 16/02/2011
Idade : 46
Localização : Albufeira

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Fev 18 2011, 11:07

proponho o seguinte caso realmente interessem os vinis e haja ai um desse GDs a aguardar a chegada de um novo poderei trocar uma vez que é um estilo musical que eu ouço pouco e tenho um amigo meu que substituiu o tozé brito na Universal e que tem em casa um ARMAZEM de musica de todos os estilos sendo que a maioria estão embalados, logo naõ vou gastar dinheiro em vinis e assim quem sabe eu voltaria a gostar do Vinil.

o que achas da proposta??
Voltar ao Topo Ir em baixo
MJC
Membro AAP
avatar

Mensagens : 3625
Data de inscrição : 03/07/2010
Idade : 67
Localização : Lisboa

MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   Sex Fev 18 2011, 11:32

BAILOTE escreveu:
Tem razão MJC e eu que tenho um rebelde com 10 anos em casa...o melhor é passar a contar os cds de vez em quando...ah e os LPS tambem, pois ainda me restaram uns quantos BONS discos em casa

Quando reparei que a minha neta Ana (cá em casa são três Anas, Mãe, mulher e neta) tinha um fascínio especial pelos CDs (o móvel dos CDs não tem portas, contrariamente aos dos LPs) tentei ensiná-la a tratar os compactos com o maior cuidado. Dado que era impossível ela voltar a arrumá-los por ordem alfabética (aos 2 anos acho que ainda é um puco cedo...) não me restou outra alternativa senão arrumar os meus CDs nas prateleiras de cima e pôr no lugar destes, nas prateleiras mais baixas ao alcance da bebé, os CDs ............ do Pai dela.

Mesmo assim quando ela está na sala da música estou sempre atento e com as janelas fechadas.

Um abraço,

Mário João
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Crónica de um Sem Abrigo   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Crónica de um Sem Abrigo
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Crónica de um Sem Abrigo
» 25/26.03.2011 - MOITA METAL FEST 2011 - Sociedade Filarmónica Estrela Moitense
» Eletrônica para leigos
» Eletrônica Yashi - Teodoro Sampaio
» Mecânica popular

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Áudio Analógico de Portugal :: Estado "sólido" (transístores)-
Ir para: